Jump to content


Photo

[1:200, 1:400 e 1:500] Perspectivas para modelos brasileiros

1:200 1:400

This topic has been archived. This means that you cannot reply to this topic.
34 replies to this topic

#1 A345_Leadership

A345_Leadership
  • Moderador
  • 18,048 posts

Posted 23 de October de 2015 - 22:29

Turma,

 

Este ano e o anterior estão sendo muito bons para os colecionadores brasileiros. Houveram vários lançamentos, nem sempre agradando todos, mas no geral atendendo os pedidos, que participam através de vários fóruns sobre o tema e também por e-mail aos fabricantes. 

 

Azul: ATR 72 (2), E-195 (2), A330 (4)

Gol: B737-800 (2)

Varig: B737-200 (2), B737-700 (1) B747-300 (1)

Tam: B767-300 (2) e A350 (1)

Vasp: B737-300 (1)

Transbrasil: (1)

Cruzeiro: (2)

 

Uma média de quase um modelo por mês. Isso no universo do 1:400. 1:200 é mais espaçado.

 

Mas com o Dólar subindo 54% em um ano, essa onda de lançamentos brasileiros vai minguar. E também os principais lançamentos já foram fabricados, faltando bem pouco em termos de novidades. A partir disso pergunto: quais os possíveis modelos que lançarão?

 

Acredito que a Avianca Brasil será a próxima. com os A320 em new colors.



#2 Pilot SBBH

Pilot SBBH
  • Usuários
  • 882 posts

Posted 24 de October de 2015 - 01:05

Honestamente eu acho que não veremos mais lançamentos brasileiros para os próximos meses. Se depender do fôlego de compras dos colecionadores brasileiros devido à alta do dólar, as fabricantes realmente ficarão desencorajadas para fazer novas tentativas no mercado. Basta olhar para os estoques dos recem lancados diecats com temas das nossas empresas. Os A330 da Azul se amontoam nas lojas. Alguns já foram pra sale no primeiro mês de lançamento. Outros bons lançamentos ainda parecem ter relativa quantidade em estoque como os breguinhas da Cruzeiro. E olha que a Cruzeiro já provou ser um dos best sellers do mercado brasileiro. Os 737-300 recem lancados da VASP e Transbrasil, também aparecem disponíveis para compras em praticamente todas as lojas. Os únicos dois modelos que realmente aparentam ter vendido bem, foram os breguinhas da VARIG lancados pela AC. Mas eu acho que devem ter tido algum impulso de compras de colecionadores estrangeiros nesse caso, pois é sabido que os gringos gostam muito da VARIG. Mas enfim, Nos resta apenas torcer para que as fabricantes não sejam desencorajadas a lançar novidades pro nosso mercado, e que principalmente sejam astutas em saber lançar aquilo que o mercado deseja comprar. Tivemos esse ano a infeliz coincidência de vários lançamentos repetidos o que na minha opinião é uma perda de tempo e de dinheiro.
Tivemos esse mês uma boa surpresa com dois lançamentos nacionais em 1:400 e um em 1:200. Foi surpreendente pra mim. Sinal que existe ainda uma esperança mesmo com nosso mercado fraquíssimo... É isso aí! Vamos manter nossa torcida pra que essa alta do dólar não seja um freio para as nossas coleções.

Edited by Pilot SBBH, 24 de October de 2015 - 01:06 .


#3 alferreira

alferreira
  • Usuários
  • 639 posts

Posted 24 de October de 2015 - 10:33

Infelizmente, a alta do dólar deve ter freado muito (muito mesmo) as compras de modelos por nós brasileiros, o que deverá se refletir na produção dos fabricantes, se já não se refletiu, em termos de cias nacionais.

 

Talvez, para nós, uma saída seria modelos em plástico, mais baratos: a Hogan e a Herpa tem excelente qualidade em seus modelos e alguns não existem em diecast (independente da companhia aérea representada). Um exemplo é o E195 da Azul. Em 1:200 foi lançado pela JC Wings em duas cores (uma delas sendo o Outubro Rosa). No "peixeiro" eles estão por volta de US$ 68,. Comprei o PR-AYU (Senna) da Herpa, em plástico mas lindo, por cerca de U$ 40, em um site alemão.

 

Atualmente, compro um modelo só, de 2 em 2 meses...

Imagina um TAM A350 1:200 da Phoenix? Mais de US$ 100. E o 747-400 da Inflight? Quase US$ 200. Até daria para economizar uns 6 meses, mas ai tem outros interesses na frente e a patroa jamais entenderia esta matemática (6 x US$ 30, dá quase 1 x US$ 200).

 

Não sei se os fabricantes já estão a par de nossa situação econômica e o quanto isto reflete na produção deles (será que somente brasileiros compram modelos de aéreas nacionais?). Esse TAM A350 parece ser uma boa aposta da Phoenix/Eagle.

Não sei quanto à 1:400, mas na minha "praia", 1:200 ainda há muito, muito mesmo a ser lançado... Só para ter uma ideia não há um Real, Panair, Cruzeiro lançado; um único Vasp (YS-11). Já Varig e Transbrasil tem quase tudo (acho que Varig falta alguma coisa no esquema Landor e 757, 737-300).

 

Talvez (sonhando um pouco) o câmbio possa voltar a ser favorável ou, quem sabe, poderemos encomendar modelos customizados(mais pintados do que novos moldes, que já tem de tudo por ai, a exceção de Brasilia e Dart Herald), encomendando direto do fabricante...



#4 Darkwing Duck

Darkwing Duck
  • Usuários
  • 1,738 posts

Posted 25 de October de 2015 - 09:21

No momento atual, eu acredito que os fabricantes devem deixar um pouco de lado modelos 1/200 de companhias brasileiras, vai ser muito díficil achar alguém que possa disponibilizar 700, 800 reais mais frete para comprar um modelo destes.

 

No momento eu estou parado, não estou comprando nenhum modelo nem 1/400 nem 1/200, minhas ultimas aquisições tem sido de modelos que o pessoal aqui do fórum passou para frente.

 

Os modelos de plásticos como o amigo mencionou acima, já estava olhando com bons olhos alguns, mas ainda vejo poucos modelos brasileiros em plástico. Na verdade eu queria ter o dom de comprar os modelos e fazer minhas própias pinturas, mas no meu caso não nasci para tal heheehehe

 

 

Abraços



#5 Pilot SBBH

Pilot SBBH
  • Usuários
  • 882 posts

Posted 25 de October de 2015 - 11:08

Além disso tudo que foi comentado, o mais angustiante é saber que queimaram cartucho com modelos repetidos como esse A330 Tudo Azul. Duas fabricantes ainda nem sequer os disponibilizaram para o mercado e na minha percepção, a chegada deles sera uma tragedia para lojistas e pras próprias fabricantes. Se o colecionador não anda animado a comprar nem mesmo os modelos inéditos, que dirá essas repetições. E de quebra ainda perdemos a chance de vermos essas fabricantes lançando algo inédito no lugar desses modelos repetidos, tal como um 767-200 VARIG Old pela JC, e os tão aguardados Airbus da Avianca no caso da Phoenix. Mas infelizmente resolveram escolher a pior opção. Não dá pra reclamar do fôlego de compra dos colecionadores nesse caso.

Edited by Pilot SBBH, 25 de October de 2015 - 11:09 .


#6 A345_Leadership

A345_Leadership
  • Moderador
  • 18,048 posts

Posted 25 de October de 2015 - 11:13

No momento eu estou parado, não estou comprando nenhum modelo nem 1/400 nem 1/200, minhas ultimas aquisições tem sido de modelos que o pessoal aqui do fórum passou para frente.

Darkwing, tem boas ofertas no Mercado Livre de modelos brasileiros - principalmente Tam e Varig. Vale a pena olhar lá



#7 PT-KTR

PT-KTR
  • Usuários
  • 8,931 posts

Posted 29 de October de 2015 - 08:45

A repetição de modelos é chata mesmo, tipo um lança Azul, ai a outra lança Azul também... realmente o ano foi bom, independente da variação de cores, temos 737-300 das principais operadoras, tivemos 737-200 de todas (ainda que faltem esquemas, como o last vasp e o landor varig).

 

Creio que o próximo a pintar será o lindinho 737-800 da GOL nas cores novas... ainda lamento a ausência do E195 PR-AXV e um ATR72 nas cores TRIP (mesmo que tivesse o nome da Azul). E claro, uma grande sacada que os fabricantes poderiam ter (não sei se é viavel, é só uma viagem minha)... quando sair LATAM... podia sair LATAM padrão e aí o cara que colasse sua bandeirinha e prefixo nacional, seria um lançamento para vários países numa tacada só.



#8 Leonardo de Paula

Leonardo de Paula
  • Usuários
  • 2,275 posts

Posted 29 de October de 2015 - 16:27

 

Creio que o próximo a pintar será o lindinho 737-800 da GOL nas cores novas... 

 

Já saiu! Lançado este mês pela Phoenix, PR-GXZ.



#9 PT-KTR

PT-KTR
  • Usuários
  • 8,931 posts

Posted 29 de October de 2015 - 16:42

 

Já saiu! Lançado este mês pela Phoenix, PR-GXZ.

Vi depois do post, mas não o encontrei a venda ainda, so pre-venda...



#10 F-4 Phantom

F-4 Phantom
  • Usuários
  • 734 posts

Posted 29 de October de 2015 - 17:19

Nunca ninguém cogitou em lançar 737-500 da Rio Sul, Fokker 100 Tam, 727 Vaspex ou Varig Log?



#11 alferreira

alferreira
  • Usuários
  • 639 posts

Posted 29 de October de 2015 - 18:40

Nunca ninguém cogitou em lançar 737-500 da Rio Sul, Fokker 100 Tam, 727 Vaspex ou Varig Log?

F-4: em 1:200 posso te dizer que tem bastante brasileiros:

- TAM, com 777-300, a330 e breve A350;

- VARIG: CV-440, L-1049, C-46, DC-3, Electra, 707 (300 e 400), 727, 737 (200 e 700), 747 (300 e 400), 767 (200 e 300), MD-11 e DC-10

 (acho que não esqueci nenhum);

- Azul: ATR-72, E195 (breve A330);

- Transbrasil: 767-200 e 727.

 

Tem Avianca F-100 mas colombiana. Realmente, se já tem 737-500, 737-300, A300. F100, F-50, A319, A320, A321, a318, DC-4, DC-6, várias opções. A pergunta é: venderia bem no exterior, para fazer valer o investimento (investimento só da pintura e licensa, se for o caso, pois os moldes já devem estar pagos faz tempo).



#12 A345_Leadership

A345_Leadership
  • Moderador
  • 18,048 posts

Posted 29 de October de 2015 - 18:53

Vi depois do post, mas não o encontrei a venda ainda, so pre-venda...

É por que não tem para entrega imediata. Ainda está nos fabricantes para saberem o quanto para lançarem.

 

Que eu lembro, somente a Aeroclassics lança e já manda o modelo. 

 

Nunca ninguém cogitou em lançar 737-500 da Rio Sul, Fokker 100 Tam, 727 Vaspex ou Varig Log?

Seria ótimo estes modelos. Meu sonho é que lancem o VOI nas cores da Copa de 2002.

 

Estes modelos são muito restritos, venderia mais no Brasil. Quem lá fora sabe a importância do F100 para a Tam, a Rio Sul ou a Vaspex. Até mesmo a Varig, para muitos sinônimo de vendas garantidas, tem alguns modelos encalhados.

 

Não sei como, do nada, a Gemini lançou o Beta e Skymaster para 1:400. 

 

Se a Aeroclassics não fugisse do seu propósito inicial, diria que estes modelos, em uma produção de até 200 unidades (como faziam antes), teria êxito no nosso mercado.

 

Há o Fokker 100 da Tam em 1:400, feito pela Volare aqui no Brasil. Desconheço alguém que tenha este modelo. Esta fabricante inclusive tem uns modelos interessantes, como os DC-3, Catalina e Connie da Panair do Brasil.

 

Apesar disso queria ver um B727 cargueiro (VP ou RG) e o MD-11F da VarigLog.



#13 Darkwing Duck

Darkwing Duck
  • Usuários
  • 1,738 posts

Posted 30 de October de 2015 - 17:44

Minha sincera opnião, que os fabricantes deveriam dar uma segurada nos lançamentos brasileiros, principalmente naqueles que são mais voltados só ao mercado brasileiro como seria o Fokker 100 da TAM e o 737-500 da RSL.

 

Devido a alta do dolár os preços estão muito proibitivos (pelo menos no meu caso) os lançamentos 1:200 que temos visto, chegam a passar de R$800! Estão mais caros que a prestação do meu carro!

 

Sem dúvida ainda temos muito a ser lançado, várias pinturas diferentes ainda estão pendentes de um bom modelo, alguns que saíram 1:400 ficariam muito bem em um modelo 1:200 como é o caso dos 733 da TBA e VSP, Em um momento melhor se saírem estes em 1:200 vou ser o primeiro a comprar.

 

Concluindo acho que o momento é de lançamento de alguns 1:400 brasileiros (que já não estão baratos), só para o nosso mercado não ser esquecido, deixando os 1:200 para um momento que nossa economia esteja em uma situação melhor.

 

 

 

Abraços



#14 A345_Leadership

A345_Leadership
  • Moderador
  • 18,048 posts

Posted 30 de October de 2015 - 18:44

Pois é, com o Dólar neste patamar, uma miniatura de 737-800 da Gol pode custar mais do que um vôo da G3 na mesma aeronave :lol:

 

Penso que também chegamos no limite de modelos a serem lançados dos aviões de atualmente. O B737-800 NC da Gol e o A350 da Tam reforçam isso. A Azul tem um carnaval de pinturas que não sei se os fabricantes pretendem fazê-los. 

 

Ainda tem a Avianca, que poderia ser os A319 e A320. Tam com os A321 Sharklets.

 

De qualquer forma, talvez ano que vem tenhamos bastante lançamento, devido ao rebrading da Tam e LAN como LATAM. E se seguir a ordem das primeiras pinturas, o primeiro modelo 1:400 será o A321.



#15 PT-KTR

PT-KTR
  • Usuários
  • 8,931 posts

Posted 02 de November de 2015 - 12:16

Honestamente em termos gerais históricos, ainda sonho com DC8 da Panair (já que o da Volare Brasil eu já perdi esperança), 727 da VASP nas cores "Super 200" e A300 da VP no delivery colors... óbvio que vem aviões secundários, mas aí entramos no papo de mercado restrito como 737-200 da VASP as ultimas cores, com www.vasp.com.br e tudo, 737-500 da RIO-SUL nas 3 listras seria fantástico e F100 da TAM nas cores de 1990, ou seja delivery... isso tudo seria formidável, mas aí entra a questão: teria vendagem boa? Não sabemos qual o minimo interessante para o fabricante lançar, será que são 100? 200?

 

Ainda me interessaria alguns lançamentos "continentais" como por exemplo ATR72 da BQB (pela beleza, afinal durou pouco), MD80 ou DC9 nas cores da Crossair Dinar, 767-300 da SW, 727-100 CP-861 nas ultimas cores do LAB, mas provavelmente nunca veremos tais aviões sem ser em custom...



#16 Jonathan_Bauru

Jonathan_Bauru
  • Usuários
  • 289 posts

Posted 02 de November de 2015 - 18:09

Lançar em 1:500 alguns modelos seria interessante devido a alta do dólar, a inflight 500 tem uns modelinhos mais em conta, na média custa entre 16-20 dólares, comprei semana passada um DC-10 da VARIG IF500 por R$70 reais(com taxa de conversão incluída) no Aliexpress e estou pra comprar um 737-200 da United por R$36 ou Concorde em 1/400, mas vou esperar chegar o DC-10 antes. Eles tem o molde de uns modelos bem legais e clássicos, como Caravalle, 737-200, 747-200, 707, 727-100 e outros... Lançar uns da VARIG, Cruzeiro, VASP, TransBrasil nessa escala seria muito show. Mas também não sei se a inflight 500 ainda fabrica miniaturas.



#17 alferreira

alferreira
  • Usuários
  • 639 posts

Posted 03 de November de 2015 - 20:41

Lançar em 1:500 alguns modelos seria interessante devido a alta do dólar, a inflight 500 tem uns modelinhos mais em conta, na média custa entre 16-20 dólares, comprei semana passada um DC-10 da VARIG IF500 por R$70 reais(com taxa de conversão incluída) no Aliexpress e estou pra comprar um 737-200 da United por R$36 ou Concorde em 1/400, mas vou esperar chegar o DC-10 antes. Eles tem o molde de uns modelos bem legais e clássicos, como Caravalle, 737-200, 747-200, 707, 727-100 e outros... Lançar uns da VARIG, Cruzeiro, VASP, TransBrasil nessa escala seria muito show. Mas também não sei se a inflight 500 ainda fabrica miniaturas.

Jonathan: a Herpa lança mais modelos em 1:500 do que em 1:200 ou 1:400 (acho que até mais do que os dois juntos). Não sei os preços, mas de tudo quanto é modelo, aeronave... Eles lançam de 2 em 2 meses. Veja o link do último catálogo: http://www.herpa.de/...016_-_01-02.pdf



#18 Leonardo PoA

Leonardo PoA
  • Usuários
  • 1,516 posts

Posted 04 de November de 2015 - 15:39

Esse ano foi otimo para o mercado brasileiro, muitos modelos em todas as escalas, a unica coisa que os fabricantes pecaram foram colocar tantos "Azuis" iguais um mes apos o outro, devem ter ficado com estoque, assim como alguns modelos que se achava que venderiam estão nas prateleiras. Fator principal: Dilma, digo, Dolar alto... não tem como você pagar 35,00 dolares numa maquete com o dolar a 4,00 reais mais o risco da garfada do fisco, tem que pensar muito bem no modelo que tu vai gastar esse valor.

 

Eu acredito que com esses modelos na prateleira os fabricantes vão repensar nos lançamentos. 

 

Eu ainda aguardo um 737-500 da Rio Sul... :D :D :D 



#19 LAPDC8

LAPDC8
  • Usuários
  • 2,073 posts

Posted 04 de November de 2015 - 18:10

Gustaría de ver un Bae146 de Taba y Air Brasil es escala 1/400.



#20 A345_Leadership

A345_Leadership
  • Moderador
  • 18,048 posts

Posted 04 de November de 2015 - 19:28

Lançar em 1:500 alguns modelos seria interessante devido a alta do dólar, a inflight 500 tem uns modelinhos mais em conta, na média custa entre 16-20 dólares, comprei semana passada um DC-10 da VARIG IF500 por R$70 reais(com taxa de conversão incluída) no Aliexpress e estou pra comprar um 737-200 da United por R$36 ou Concorde em 1/400, mas vou esperar chegar o DC-10 antes. Eles tem o molde de uns modelos bem legais e clássicos, como Caravalle, 737-200, 747-200, 707, 727-100 e outros... Lançar uns da VARIG, Cruzeiro, VASP, TransBrasil nessa escala seria muito show. Mas também não sei se a inflight 500 ainda fabrica miniaturas.

Jonathan, não acho que os colecionadores "diminuirão a escala" para poder ter um modelo. Quem coleciona 1:200 vai ficar no 1:200, mas reduzirá o ritmo de compras.

 

Na 1:500 alguns detalhes ficam mais difíceis de fazer, já acho milagre fazerem em 1:400 :lol: