Jump to content


Photo

Minimo FIR


  • You cannot start a new topic
  • Please log in to reply
11 replies to this topic

#1 leonani

leonani
  • Usuários
  • 54 posts
  • Cidade/UF/País:são paulo
  • Data de Nascimento:24/09/1984

Posted 15 de December de 2015 - 10:24

Bom dia !

Uma informação, onde eu encontro o minimo da FIR no Brasil, grato amigos pelas informações.

#2 rodsvin

rodsvin
  • Usuários
  • 523 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Br
  • Data de Nascimento:01/01/1800

Posted 15 de December de 2015 - 11:29

Se vc voa rbac 121 tem publicado no MGO da empresa baseado em ia. 100.12 rbac 121 e AIP Brasil.

;)

#3 rodsvin

rodsvin
  • Usuários
  • 523 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Br
  • Data de Nascimento:01/01/1800

Posted 15 de December de 2015 - 11:30

ENR 1.3-1 BRASIL 25 JUN 15
ENR 1.3 REGRAS DE VÔO POR INSTRUMENTOS
1 NÍVEIS MÍNIMOS DE VÔOS IFR
1.1 Em AWY os níveis MNM estão especificados nas ENRC.
1.2 O cálculo do nível MNM para FLT IFR fora de AWY obedece aos seguintes critérios:
a) procura-se a altitude do ponto mais elevado dentro de uma faixa de 30 Km (16 NM) para cada lado do eixo da rota;
b) soma-se a maior correção “QNE” da rota; e
c) somam-se 300m (1000FT) - gabarito. Se o valor encontrado não corresponder a um FL, arredonda-se para o FL IFR imediatamente acima.
Nota 1: Sobre regiões montanhosas o gabarito é de 600m (2000FT).
Nota 2: A correção referida em b), anterior, é obtida da publicação intitulada CORREÇÃO “QNE”.
1.3 Em virtude da insuficiência de dados altimétricos disponíveis, a última edição de cartas WAC BRASIL editada em convênio com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística não deverá ser utilizada para determinação de nível MNM para FLT IFR fora de Rota ATS. Somente os dados planimétricos poderão ser utilizados para aquele fim. Em conseqüência, os FLT IFR fora das rotas ATS publicadas nas FIR Brasília e Curitiba não deverão ser realizados em níveis inferiores ao FL110. Na FIR Recife, o nível mínimo de voo IFR fora de AWY será FL120. Nas demais FIR o nível MNM será o FL080, exceto na região localizada entre a fronteira com a Venezuela (FIR MAIQUETIA) e os pontos de COORD N0100/W06640, 0000/W06600, 0000/W06400, N0200/W06125 e N0425/W06125, onde o nível MNM será o FL 130. Tal exigência será dispensada se o piloto declarar, no item 18 do PLN, já ter voado VMC, mantendo referência visual com o solo, no nível e rota propostos, obedecido o prescrito em ENR 1.2 Regras de Vôo Visual.
  • Delta Wing likes this

#4 3Setão

3Setão
  • Usuários
  • 1,384 posts
  • Gender:Male
  • Location:Between N1 and N2...
  • Cidade/UF/País:Brasil
  • Data de Nascimento:01/01/1986

Posted 15 de December de 2015 - 12:26

Bom dia !

Uma informação, onde eu encontro o minimo da FIR no Brasil, grato amigos pelas informações.

 

No AIP Brasil, na seção ENR.

 

Recomendo baixar o arquivo no AIS WEB, dar um Ctrl+F e pesquisar.... fica bem mais fácil.

 

Abraço!!



#5 leonani

leonani
  • Usuários
  • 54 posts
  • Cidade/UF/País:são paulo
  • Data de Nascimento:24/09/1984

Posted 15 de December de 2015 - 12:53

Obrigado a todos...

#6 leobradias

leobradias
  • Usuários
  • 358 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Manaus
  • Data de Nascimento:02/02/1992

Posted 15 de December de 2015 - 20:06

Bom dia !

Uma informação, onde eu encontro o minimo da FIR no Brasil, grato amigos pelas informações.


Olá leonani,

Vou te responder como controlador, e do que eu entendi da sua pergunta.

O minimo da FIR no Brasil depende. A principio o minimo é o solo ou água, agora se vc tiver falando do nível mínimo de voo na fir segue algumas situações:
Vôo visual - 500 ft em locais despovoados e 1000 ft acima do maior obstáculo em locais povoados.
Agora se o voo for instrumento o nível mínimo consta no AIP Brasil (como dito anteriormente pelos colegas) e tem diferenças entre as FIR's nacionais. Na FIR-AZ O minimo de segurança é o FL080 e na Fir-Bs é o FL110. Mas você pode voar instrumento abaixo destes níveis desde que declare no plano que já tenha voado rota e nível anteriormente em condições vmc.
Se sua pergunta se refere às aerovias inferiores a maioria tem como minimo o fl150 (padronização), com raras exceções, detalhes nas cartas erc.
Espero que tenha esclarecido, se ainda não conseguiu sua resposta peço que dê mais detalhes.
Bons voos!
  • Override likes this

#7 Tos123

Tos123
  • Usuários
  • 75 posts
  • Cidade/UF/País:rio de janeiro
  • Data de Nascimento:29/11/1993

Posted 12 de January de 2016 - 02:45

Nivel minimo da FIR, bom ponto!
Não sabia que constava no AIP.
Partindo do princípio do grid mora, agora fica minha dúvida, é mesmo necessário consultar o nivel minimo da FIR para IFR fora de aerovia?
Como sabemos, o grid mora é aquele grande "quadrado" que nos informa a minimum off route altitude (mora)
Com essa informaçao ja sabemos o nivel minimo para voar fora de aerovia.

#8 Islander

Islander
  • Membro Honorário
  • 3,776 posts
  • Cidade/UF/País:São Paulo - SP - Brasil
  • Data de Nascimento:10/10/1973

Posted 12 de January de 2016 - 14:07

Nivel minimo da FIR, bom ponto!
Não sabia que constava no AIP.
Partindo do princípio do grid mora, agora fica minha dúvida, é mesmo necessário consultar o nivel minimo da FIR para IFR fora de aerovia?
Como sabemos, o grid mora é aquele grande "quadrado" que nos informa a minimum off route altitude (mora)
Com essa informaçao ja sabemos o nivel minimo para voar fora de aerovia.

Bom, essa questão de poder voar IFR abaixo do minimo da FIR traz vários adendos.

 

A princípio pode sim voar abaixo do mínimo da FIR, basta declarar já ter voado aquela rota VFR em nível inferior. Porém, para reduzir o numero de aeronaves sendo controladas, já a um bom tempo os ACCs não aceitam controlar nenhum tráfego abaixo do FL110. Logo não vão aceitar um plano IFR abaixo disso. Resumindo, ou voa acima do 110 e ai vai estar dentro da FIR, ou vai ter que voar VFR sem controle...



#9 leobradias

leobradias
  • Usuários
  • 358 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Manaus
  • Data de Nascimento:02/02/1992

Posted 12 de January de 2016 - 21:06

Porém, para reduzir o numero de aeronaves sendo controladas, já a um bom tempo os ACCs não aceitam controlar nenhum tráfego abaixo do FL110. Logo não vão aceitar um plano IFR abaixo disso. Resumindo, ou voa acima do 110 e ai vai estar dentro da FIR, ou vai ter que voar VFR sem controle...


Prezado Islander,
Permita-me corrigi-lo em alguns detalhes:
Quando vc diz que os ACCs não aceitam controlar nenhum trafego abaixo do 110 vc está correto, e eu complemento com abaixo do 150 em rota não haverá controle.

Agora é permitido sim voar abaixo do 150 sob regras IFR, o detalhe é que não será controlado, e estará livre leve e solto no golf. (Atento a regra de ja ter voado anteriormente em vmc rota e nível, caso o voo seja abaixo do "minimo da fir"). Nao se pode esquecer que nenhum voo ifr pode ser iniciado sem o conhecimento, e não autorizaçao, do ACC em espaço aéreo "G".

Bons voos.

#10 Shock Wave

Shock Wave
  • Desligados
  • 567 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Brasil
  • Data de Nascimento:29/01/1978

Posted 12 de January de 2016 - 21:23

Bom dia !

Uma informação, onde eu encontro o minimo da FIR no Brasil, grato amigos pelas informações.

 

 

....


Edited by Shock Wave, 12 de January de 2016 - 21:26 .


#11 elisouza

elisouza
  • Usuários
  • 66 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Manaus/AM/Brasil
  • Data de Nascimento:01/01/1979

Posted 10 de February de 2016 - 00:17

Esse detalhe de poder voar IFR abaixo do FL mínimo da FIR, lançando no plano "já voado VMC", pode gerar uma situação potencialmente arriscada. Tem um artigo interessante aqui que traz uma análise desse assunto.



#12 leobradias

leobradias
  • Usuários
  • 358 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Manaus
  • Data de Nascimento:02/02/1992

Posted 11 de February de 2016 - 22:04

Esse detalhe de poder voar IFR abaixo do FL mínimo da FIR, lançando no plano "já voado VMC", pode gerar uma situação potencialmente arriscada. Tem um artigo interessante aqui que traz uma análise desse assunto.


Artigo bem esclarecedor. Professor Calazans é fera.
Acredito que a culpa dos nossos regulamentos conterem "erros" e omissoes é que por vezes são apenas traduções dos doc da icao, sem adaptações a nossa realidade. Realmente existem diversas interpretações dos controladores, até mesmo dentro do mesmo órgão. Falta padronização e qualidade.