Jump to content


Photo

Speech em inglês: cortesia ou requerimento?

speech

This topic has been archived. This means that you cannot reply to this topic.
3 replies to this topic

#1 DanielVS

DanielVS
  • Usuários
  • 2,021 posts

Posted 07 de September de 2016 - 16:44

Caros,

 

Sempre que viajei, tanto no Brasil quanto no exterior, os speechs relativos à segurança feitos pelos comissários foram feitos no idioma local e em inglês. Assim, imaginei que os anúncios em inglês fossem requerimento da IATA/ICAO.

 

Porém, voei 4 trechos com a Azul em agosto e, pela primeira vez, reparei que em nenhum desses voos ninguém fez speech em inglês, nem comissários nem pilotos, o que me fez pensar que os speechs são na verdade uma cortesia, e não um requerimento.

 

Alguém sabe tirar minha dúvida?

 

Abs


Edited by DanielVS, 07 de September de 2016 - 16:45 .


#2 B737-8HX

B737-8HX
  • Usuários
  • 745 posts

Posted 07 de September de 2016 - 18:09

Adotei como regra fazer speechs em inglês somente em voos internacionais. Às vezes não dá tempo de fazer speechs dada a correria do voo, não é por má vontade.

Quanto aos comissários, alguns speechs são feitos em inglês. Os demais, como os de instruções de segurança e afins, são feitos através de gravações em PT/EN.

Agora com o novo sistema dos comissários (ELO) aqui na empresa, fica mais fácil saber se há algum estrangeiro a bordo, aí conseguimos personalizar o atendimento na medida do possível.

Creio que a regra varie de empresa para empresa.

#3 MLN-SJP

MLN-SJP
  • Moderador
  • 4,145 posts

Posted 07 de September de 2016 - 20:22

em alguns voos nao e cortesia.. É assassinato a lingua inglesa.....

 

Brincadeiras a parte, eu so vejo a Azul não fazendo de rotina (mas não voo Gol faz mais de ano). No exterior, quando a empresa não e americana eu vejo na lingua nativa e em inglês (as vezes em mais). As instruções de segurança nos USA tbm estão em espanhol na AA (pelo menos).



#4 FabioGIG

FabioGIG
  • Usuários
  • 1,129 posts

Posted 09 de September de 2016 - 22:14

Concordo, no Brasil vejo muito assassinato a língua inglesa! 😁😁😁