Jump to content


Photo

Primeiro F-35B italiano chega à NAS Pax River


  • You cannot start a new topic
  • Please log in to reply
1 reply to this topic

#1 jambock

jambock
  • Membro Honorário
  • 24,113 posts
  • Gender:Male
  • Location:Porto Alegre/RS/Brasil
  • Interests:aeronáutica, militar em geral, informática, fotografia
  • Cidade/UF/País:Porto Alegre/RS/Brasil
  • Data de Nascimento:13/10/1941

Posted 05 de February de 2018 - 10:36

Meus prezados
Primeiro F-35B italiano chega à NAS Pax River

F-35B-italiano.jpg
F-35B italiano

 

O primeiro F-35B montado fora dos EUA pousou na NAS Patuxent River no dia 31 de janeiro depois de completar um voo transatlântico desde a Base Aérea Cameri, no norte da Itália.
O voo segue a aceitação pelo Ministério da Defesa da Itália da aeronave no dia 25 de janeiro na linha de montagem final de F-35 de Cameri. Há duas linhas de montagem final estrangeiras do F-35, a outra está localizado em Nagoya, Japão.
Cameri é a única linha de montagem final da variante B fora dos EUA e entregou nove F-35As e um F-35B.
A aeronave é destinada à Marinha Italiana e vai passar por certificação de efeitos eletromagnéticos ambientais nos próximos três meses na Integrated Battlespace Simulation and Test Facility da NAS Rio Patuxent.
Fonte: site Poder Aéreo 4 fev 2018



#2 jambock

jambock
  • Membro Honorário
  • 24,113 posts
  • Gender:Male
  • Location:Porto Alegre/RS/Brasil
  • Interests:aeronáutica, militar em geral, informática, fotografia
  • Cidade/UF/País:Porto Alegre/RS/Brasil
  • Data de Nascimento:13/10/1941

Posted 09 de July de 2018 - 11:16

Meus prezados
Itália diz que não vai comprar mais caças F-35 e pode cortar pedido existente

A Itália não comprará mais caças F-35 da Lockheed Martin e está considerando se deve cumprir a encomenda com a qual já está comprometida, disse a ministra da Defesa, Elisabetta Trenta, na sexta-feira (6/7).

Trenta vem do movimento anti-establishment 5 Estrelas, que sempre criticou a encomenda italiana da OTAN para 90 dos aviões, dizendo que o dinheiro poderia ser mais bem gasto para aumentar o bem-estar e ajudar a lenta economia.
“Não vamos comprar mais F-35”, disse Trenta em entrevista à televisão com a emissora privada La 7. “Estamos avaliando o que fazer em relação aos contratos já em vigor”.
Ela explicou várias razões para ser cautelosa, dizendo que “fortes penalidades financeiras” podem significar que “desmantelar a encomenda pode nos custar mais do que mantê-la”.
Ela também citou benefícios em termos de tecnologia e pesquisa na Itália ligados aos aviões, bem como empregos que seriam perdidos.
O F-35 é fabricado pela Lockheed Martin, com companhias como Northrop Grumman, Pratt & Whitney e BAE Systems também envolvidas.
No entanto, Trenta disse que viu mérito em estender as compras, a fim de liberar recursos para investimentos em projetos de defesa europeus.
Algumas autoridades do 5 Estrelas disseram no ano passado que a Itália deveria cancelar a encomenda dos caças, mas Trenta deixou claro que tinha reservas sobre isso.
“Ninguém está escondendo o fato de que sempre fomos críticos … em vista dos contratos existentes assinados pelo governo anterior, estamos realizando uma avaliação cuidadosa que considera exclusivamente o interesse nacional”, disse ela.
O Movimento 5 Estrelas formou um governo de coalizão populista no mês passado com o partido de extrema direita Liga.
Fonte: Reuters via site Poder Aéreo 9 JUL 2018