Jump to content


Photo

Uma década depois, grupo TAP volta a dar lucro

TAP TP Portugal

  • You cannot start a new topic
  • Please log in to reply
8 replies to this topic

#1 A345_Leadership

A345_Leadership
  • Moderador
  • 18,263 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Skunk Works
  • Data de Nascimento:14/05/1986

Posted 16 de April de 2018 - 08:07

 
16 DE ABRIL DE 2018, ÀS 08:08
 
A TAP SGPS apresentou lucros de 21,2 milhões de euros no ano passado. Só o negócio da aviação triplicou os resultados, ultrapassando os 100 milhões.
 
Fernando Pinto já tinha deixado a pista, ainda antes de abandonar o cargo de presidente executivo da TAP. O relatório e contas do grupo relativo ao ano passado vem agora confirmar que o grupo TAP SGPS, a casa mãe que engloba a companhia aérea, voltou a apresentar lucros, depois de uma década de prejuízos. O negócio da manutenção e engenharia continua a dar prejuízo, mas a aviação foi suficiente para compensar.
 
O relatório é revelado, esta segunda-feira, pelo Jornal de Negócios (acesso pago), que dá conta de que a TAP SGPS alcançou lucros pela primeira vez desde 2007, reportando um resultado líquido de 21,2 milhões de euros no ano passado, contra os prejuízos de 27,7 milhões em 2016.
 
A contribuir para este resultado esteve o negócio da aviação. A TAP S.A., que controla companhia aérea, obteve um lucro de 100,4 milhões de euros no ano passado, o triplo dos lucros 33,5 milhões que tinham sido registados em 2016. Já a TAP Manutenção e Engenharia Brasil continua a pesar sobre as contas e registou prejuízos de 50,1 milhões, um agravamento face às perdas de 31,9 milhões de 2016.
 
Esta “significativa melhoria” dos resultados fica a dever-se ao “forte comportamento do mercado observado no início de 2017, que permaneceu praticamente o mesmo ao longo do ano, sustentado por uma retoma generalizada das condições económicas”, aponta a TAP no relatório.
 
Em sentido contrário, o aumento dos preços do petróleo fez aumentar os custos com os combustíveis de 433,8 milhões em 2016 para 580,2 milhões em 2017.
 
Ainda assim, o resultado operacional do grupo atingiu os 106,8 milhões de euros em 2017, mais 93,8 milhões do que os 13 milhões registados no ano anterior. Já as receitas operacionais subiram mais de 600 milhões, para um total de 2.977 milhões de euros.
 
Também a dívida melhorou, diminuindo de 642 milhões para 582,4 milhões no ano passado. Isto depois de, em junho de 2017, ter sido assinado, com vários bancos, um acordo de adaptação e monitorização do passivo financeiro do grupo TAP, que envolveu uma reestruturação da dívida.


#2 boulosandre

boulosandre
  • Usuários
  • 7,441 posts
  • Gender:Male
  • Location:Sao Paulo - Lisbon
  • Interests:Travels, sports, culture, workout, airports, finance.
  • Cidade/UF/País:Sao Paulo- SP - Brasil
  • Data de Nascimento:08/10/1974

Posted 16 de April de 2018 - 08:35

Não entendo anos e anos de prejuízos com a TAP ME Brasil e ela não toma nenhuma ação, muda a estratégia para atrair mais clientes, tenta vender para alguém ou fecha de uma vez. Não sei dizer se com os novos CEMANs da AA e Latam em GRU, os da TAP em POA e GIG sofrerão ainda mais, mas não é possível que não haja uma maneira de rentabilizar aquilo, ainda mais agora que ambos estão em aeroportos entregues a iniciativa privada.

#3 TheJoker

TheJoker
  • Usuários
  • 5,316 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Rio de Janeiro
  • Data de Nascimento:06/01/1986

Posted 16 de April de 2018 - 09:27

Quem sabe depois do IPO da TP, vai haver uma maior transparência sobre a operação/prejuízos da ME Brasil.



#4 TheJoker

TheJoker
  • Usuários
  • 5,316 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Rio de Janeiro
  • Data de Nascimento:06/01/1986

Posted 24 de April de 2018 - 12:11

Relatório anual da TAP SGPS (holding):  http://www.tapairpor...ado-2017_PT.pdf

 

A primeira vista, o problema da TAP ME do Brasil é excesso de funcionários/baixa produtividade.

 

Faturamento em Portugal  (euros) 144.2 milhões / 1.840 funcionários

                            Brasil                    76.1               / 2.090

 

 

Continuam a não informar dados de operação (ASK/RPK/yield/RASK/CASK, etc).

 

A única comparação que dá pra fazer:

 

TAP S/A  (transp. aéreo)  

Faturamento 2.697.616  (euros)

Lucro Líquido    92.164

Margem                  3,4%

 

Azul S/A

Margem                 6,8%



#5 PR-AIU

PR-AIU
  • Usuários
  • 638 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Porto Alegre
  • Data de Nascimento:00/00/0000

Posted 24 de April de 2018 - 12:21

Aqui no Brasil já dispensaram bastantes funcionários pelo que sei

#6 TheJoker

TheJoker
  • Usuários
  • 5,316 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Rio de Janeiro
  • Data de Nascimento:06/01/1986

Posted 24 de April de 2018 - 12:38

Aqui no Brasil já dispensaram bastantes funcionários pelo que sei

 

média funcionários        2016      2017

Brasil                             1.870     2.090

Portugal                         1.906    1.840                



#7 A345_Leadership

A345_Leadership
  • Moderador
  • 18,263 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Skunk Works
  • Data de Nascimento:14/05/1986

Posted 24 de April de 2018 - 13:02

Só uma pequena curiosidade em relação à TAP/ME Brasil: quando a VEM e Varig Log eram empresas da Varig S.A, esta última cedia funcionários para elas que, em tese, reembolsariam os salários à dona. Varig Log honrava direitinho, mas a VEM não. Uma Varig criando buraco em outra Varig...



#8 GLK

GLK
  • Moderador
  • 5,422 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Brasil
  • Data de Nascimento:29/09/1959

Posted 24 de April de 2018 - 18:11

Tive uma info hoje que a TAP POA vai encerrar as operações. Parece também que as relações entre TAP ME e a Azul não vão bem.

#9 diasfly

diasfly
  • Usuários
  • 395 posts
  • Cidade/UF/País:BH/MG/BR
  • Data de Nascimento:26/07/1994

Posted 24 de April de 2018 - 19:13

Acho que a intenção da Azul é ficar independente na manutenção dos 330, e provavelmente a TAP ME não se beneficiaria muito disso...







Also tagged with one or more of these keywords: TAP, TP, Portugal