Jump to content


Photo

TOP 10 revenue routes in the world

OAG LHR JFK EWR SIN SYD MEL DXB DOH HKG

  • You cannot start a new topic
  • Please log in to reply
8 replies to this topic

#1 A345_Leadership

A345_Leadership
  • Moderador
  • 17,899 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Skunk Works
  • Data de Nascimento:14/05/1986

Posted 03 de July de 2018 - 12:00

Billion Dollar Route
03 Jul 2018 | By John Grant
 

Distance, time and capacity are only a few ways in which the airline industry measures its Top 10, but there are other more telling measurements available. For instance, the Top 10 in terms of revenue produced; that’s an interesting list which doesn’t get shared very often.

Combining our flights schedules and traffic data we’ve created a list of the Top 10 and it reveals some interesting data as you can see below.

 

Top10RevenueRoutes.jpg?t=1530629527169&w


Globally one route breaks the billion-dollar threshold, the British Airways LHR – JFK service and that’s about 6% of BA’s total revenue in 2017. On an hourly basis, that equates to US$24,639 which amazingly is not quite the highest hourly earner. That accolade goes to the Emirates LHR – DXB service that ranks third in the Top 10.

Incredibly, five of the top ten revenue earners are either to or from London Heathrow which may explain the ongoing debate about the third runway with the increased competition damaging those lucrative earners.

And in the same vein perhaps the OneWorld Alliance needs to find a sub-brand for its Heathrow services since three of the world’s top ten revenue generators share Heathrow in common.

All of the Top 10 routes are also high-cost operations, combining generally wide-bodied services with high frequency, in the case of MEL – SYD with Qantas operating around 65 flights a day on just that one route. Typically, these routes also include a high proportion of business traffic, later booking and higher yielding in nature. Whilst the cost of operating may be high, at least the revenues are likely to be even higher!

This is only one-way to look at the data and highlights the value of combining data sets but it shines an alternative light on lucrative routes operating currently.

 

https://www.oag.com/...&_hsmi=64201665

 


  • Darlan, Bagrim and fel486 like this

#2 LipeGIG

LipeGIG

    Staff Contato Radar

  • Administrador
  • 22,132 posts
  • Gender:Male
  • Location:Nova York
  • Cidade/UF/País:Rio de Janeiro
  • Data de Nascimento:30/06/1972

Posted 03 de July de 2018 - 23:08

Interessante, mas longe de ser um retrato do que é rentável de fato.

Vejo por exemplo a rota da American LAX-JFK, United com SFO-EWR e da Air Canada entre Toronto e Vancouver como mais interessante, especialmente quando operadas com Narrowbodies

 

AC voa

4 voos com Wide (77L, 2 789 e 77W)  e 9 com narrow (A321, A320) em uma rota de 4h

 

AA voa tudo de A321 hoje em dia.- 12 voos diarios

 

UA voa de narrow mas tem 2 voos de Wide (777) também - 15 voos diarios

 

 

Quando eu imagino o custo... sem duvida a AA tem uma bela vantagem sobre Emirates voando com A380 (que custa certamente 3x mais que o A321)

EK voa 6x A380 DXB-LHR por dia.

 

De toda forma, conforme citei, interessante a visão!



#3 Dinämica da Operação

Dinämica da Operação
  • Usuários
  • 1,161 posts
  • Gender:Male
  • Location:Sampa/Rio
  • Interests:Navios.
  • Cidade/UF/País:RIO/SAMPA
  • Data de Nascimento:30/05/1980

Posted 04 de July de 2018 - 08:37

Impressionante a receita premium (receita por hora) no trecho MEL-SYD, comparável à LHR-JFK. Nunca imaginaria.



#4 TheJoker

TheJoker
  • Usuários
  • 4,785 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Rio de Janeiro
  • Data de Nascimento:06/01/1986

Posted 04 de July de 2018 - 10:55

Impressionante a receita premium (receita por hora) no trecho MEL-SYD, comparável à LHR-JFK. Nunca imaginaria.

 

Isso é faturamento total.

 

35.264 horas / 365 dias = 96.6 horas/dia / 2.5 horas (tempo médio de ida+volta MEL-SYD) = 38 voos ida e volta por dia, a maioria com 738 (178 assentos) e tem alguns A332/333.

 

38 x 2 x 178 = 13.528 assentos/dia mínimo ou 4.937.720 assentos/ano

 

Faturamento 854.692.402 / 4.937.720 = 173 dólares por assento, somente ida.

 

 

pra julho R$526 ou 135USD na Y e R$2.530 na C (650 USD)

 

https://www.google.c...F;sd:1;t:f;tt:o

 

 

O JFK-LHR é que não é essa cocada toda.

 

7 voos com 744 (275 a  337 assentos) e 1 com 772 (216 assentos)

 

usando uma média de 2.300 assentos dia, 839.500 assentos ano,

 

Faturamento 1.037.724.867 / 839.500 = 1.236 USD ida e volta em média

 

AA disse que ganhou em média 10.31 cents ASM nas rotas do Atlântico em 2017.

 

3.451 miles x 2 x 0,1031 = 712 USD tá bom de mais na BA.


Edited by TheJoker, 04 de July de 2018 - 10:57 .


#5 PaxPoa

PaxPoa
  • Usuários
  • 979 posts
  • Gender:Male
  • Location:Porto Alegre
  • Cidade/UF/País:Porto Alegre Brasil
  • Data de Nascimento:01/08/1963

Posted 04 de July de 2018 - 11:22

Vendo por aeroporto:

 

5 LHR

2 JFK

2 SYD

os demais 1x



#6 LipeGIG

LipeGIG

    Staff Contato Radar

  • Administrador
  • 22,132 posts
  • Gender:Male
  • Location:Nova York
  • Cidade/UF/País:Rio de Janeiro
  • Data de Nascimento:30/06/1972

Posted 04 de July de 2018 - 12:45

 

Isso é faturamento total.

 

35.264 horas / 365 dias = 96.6 horas/dia / 2.5 horas (tempo médio de ida+volta MEL-SYD) = 38 voos ida e volta por dia, a maioria com 738 (178 assentos) e tem alguns A332/333.

 

38 x 2 x 178 = 13.528 assentos/dia mínimo ou 4.937.720 assentos/ano

 

Faturamento 854.692.402 / 4.937.720 = 173 dólares por assento, somente ida.

 

 

pra julho R$526 ou 135USD na Y e R$2.530 na C (650 USD)

 

https://www.google.c...F;sd:1;t:f;tt:o

 

 

O JFK-LHR é que não é essa cocada toda.

 

7 voos com 744 (275 a  337 assentos) e 1 com 772 (216 assentos)

 

usando uma média de 2.300 assentos dia, 839.500 assentos ano,

 

Faturamento 1.037.724.867 / 839.500 = 1.236 USD ida e volta em média

 

AA disse que ganhou em média 10.31 cents ASM nas rotas do Atlântico em 2017.

 

3.451 miles x 2 x 0,1031 = 712 USD tá bom de mais na BA.

 

E olha que se imaginarmos que no total reportado está a receita de carga,  a média deve ser ainda menor.



#7 TheJoker

TheJoker
  • Usuários
  • 4,785 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Rio de Janeiro
  • Data de Nascimento:06/01/1986

Posted 04 de July de 2018 - 12:52

 

E olha que se imaginarmos que no total reportado está a receita de carga,  a média deve ser ainda menor.

 

Pode ser, geralmente as empresas separam o que é Passenger Revenue de Cargo e Ancillary, aí falam que é Total.

 

Mas sinceramente, acho que esses números são estimativas considerando oferta anual de assentos na rota, tarifas médias, etc. Duvido que essas empresas iriam abrir quanto faturam em determinada rota.


Edited by TheJoker, 04 de July de 2018 - 12:53 .


#8 jambock

jambock
  • Membro Honorário
  • 24,113 posts
  • Gender:Male
  • Location:Porto Alegre/RS/Brasil
  • Interests:aeronáutica, militar em geral, informática, fotografia
  • Cidade/UF/País:Porto Alegre/RS/Brasil
  • Data de Nascimento:13/10/1941

Posted 12 de July de 2018 - 12:27

Meus prezados
Em quais rotas as companhias aéreas mais faturam? Veja ranking
O voo que liga Nova York a Londres da British Airways é a rota que mais fatura no mundo

O voo que liga Nova York a Londres da British Airways é a rota que mais fatura no mundo: US$ 1 bilhão entre abril de 2017 e março deste ano, segundo um estudo feito pela consultoria inglesa OAG. Essa rota é responsável por 6% do faturamento total da companhia aérea.
Em segundo lugar, a rota que mais gera dinheiro é entre Melbourne e Sidnei com a Qatar Airways, US$ 854,69 milhões. Além disso, metade das rotas do top 10 tem como origem ou destino o aeroporto de Heathrow, em Londres.
“Todas as dez rotas são operações de alto custo, que combinam aviões de grande porte com alta frequência. Normalmente, essas rotas também incluem uma alta taxa de passageiros de negócios, reservas de última hora e maior rentabilidade. Embora o custo de operação possa ser alto, as receitas provavelmente são ainda maiores”, diz o relatório da OAG.
Para chegar aos maiores faturamentos, a consultoria usou informações de escala de voo de cada companhia e dados de tráfego de passageiros em cada rota. A empresa divulgou apenas as 10 rotas que mais faturam, o Brasil não está entre elas.
Veja o ranking:
Trecho (origem- destino) Companhia Aérea Faturamento (de abril de 2017 a março de 2018)
1. Nova York – Londres    British Airways                 US$ 1,04 bilhão
2. Melbourne- Sidnei         Qatar Airways                  US$ 854,69 milhões
3. Londres - Dubai            Emirates Airlines               US$ 819,4 milhões
4. Londres - Singapura    Singapore Airlines              US$ 709,73 milhões
5. Los Angeles - Nova York   American Airlines          US$ 698 milhões
6. São Francisco - Nova York  United Airlines            US$ 687,67 milhões
7. Hong Kong - Londres     Cathay Pacific Airways       US$ 631,85 milhões
8. Londres - Doha                Qatar Airways                 US$ 552,66 milhões
9. Vancouver - Toronto          Air Canada                       US$ 552,26 milhões
10. Sidnei - Singapura        Singapore Airlines               US$ 543,72 milhões
Fonte: Especiais InfoMoney 11 JUL 2018


  • Bagrim likes this

#9 A340-600

A340-600
  • Usuários
  • 1,958 posts
  • Gender:Male
  • Cidade/UF/País:Sydney, NSW, Australia
  • Data de Nascimento:11/11/1988

Posted 12 de July de 2018 - 14:50

Nem matéria de ctrl+c/ctrl+v e google translate os jornalistas acertam! :anta: 
 

 é entre Melbourne e Sidnei com a Qatar Airways


  • A345_Leadership and thgsr08 like this





Also tagged with one or more of these keywords: OAG, LHR, JFK, EWR, SIN, SYD, MEL, DXB, DOH, HKG