Jump to content


Photo

Royal Jordanian está de olho no mercado brasileiro


  • This topic is locked This topic is locked
No replies to this topic

#1 Tabbex

Tabbex
  • Usuários
  • 3,746 posts
  • Gender:Male
  • Location:CWB - SBCT
  • Cidade/UF/País:São José dos Pinhais - PR
  • Data de Nascimento:13/11/1982

Posted 12 de February de 2008 - 10:05

11/02/2008 14:15:00

Royal Jordanian está de olho no mercado brasileiro

MAR MORTO (JORDÂNIA) – Ciente do grande número de árabes e descendentes no Brasil, sobretudo do Líbano e da Síria, e da grande demanda do segmento religioso para a região do Oriente Médio, especificamente Israel, Autoridade Palestina e Jordânia, a Royal Jordanian Airlines estuda a possibilidade, no futuro, de ter uma operação própria no Brasil – em São Paulo (GRU).
"No momento, a primeira opção é o code-sahre com a Iberia, que faz parte da nossa mesma aliança aérea, a Oneworld, via Madri, mas, se o mercado crescer, podemos, sim, no futuro, ter uma linha direta", disse, ao Site PANROTAS, o CEO da companhia aérea, Samer Majali, na Jordan Travel Mart. O evento é realizado até amanhã no Centro de Convenções King Hussein Bin Talal.

Em relação à frota, Majali afirmou que a Royal Jordanian está em um processo de renovação e ampliação. A empresa, que utiliza aeronaves Fokker, Embraer e Airbus, investe agora também em Boeing. "Vamos trazer dois 787 Dreamliner para nossas rotas de longo alcance", afirmou o executivo. Os aviões vêm por meio de um contrato de leasing com a CIT Aerospace International. O primeiro chega em setembro de 2012, e o segundo em janeiro de 2013. A empresa vai comprar também aviões Airbus (da família A-320) e o Embraer 195. "No total, investimos US$ 1,5 bilhão na modernização da frota."
Majali elogiou a qualidade das aeronaves da fabricante brasileira. "Os aviões da Embraer são os melhores jatos regionais do mundo", afirmou ele, dizendo que esses jatos serão utilizados em rotas nacionais e internacionais no Oriente Médio.



Claudio Schapochnik
fonte> http://www.panrotas..../...&pesquisa=1