Jump to content


Photo

A chegada do One-Eleven na Vasp


This topic has been archived. This means that you cannot reply to this topic.
8 replies to this topic

#1 A345_Leadership

A345_Leadership
  • Moderador
  • 18,427 posts

Posted 08 de February de 2011 - 12:02

A Vasp, das grandes da época, foi a última a trazer os jatos-puros para o Brasil. O primeiro contato ocorreu por volta de 1960/1961 quando a empresa se interessou pelo Caravelle (inclusive com uma fotomontagem), porém não foi para frente.

Em 1966 a empresa deu entrada no DAC para comprar 5 Douglas DC 9, porém com a demora na análise e a troca de comando na empresa, fizeram trocar o pedido para 5 B737-200. Porém como o jato estaria disponível apenas em 1969 e a Vasp perdia terreno para a Varig e Cruzeiro com seus jatos ou turbohélices maiores, a empresa tinha pressa em ter jato na frota.

Para isso, solicitou ao DAC o arrendamento, em caráter provisório até chegar os B737, de 2 BAC 1-11-400. Chegando no final de 1967 e introduzido na empresa no ano seguinte.


Guia Quatro Rodas - janeiro de 1968

#2 capelini

capelini
  • Usuários
  • 1,428 posts

Posted 08 de February de 2011 - 16:55

Na época os One eram show smile.gif

Lembro de me admirar com a razão de subida (to falando assim de metido que sou, leigooooo, leigoooo) do bicho, se comparado com os (também lindos) Electra, que deixavam a pista suavemente, num ângulo leve...
Já os One pegavam um ângulo f...uderoso na final, pareciam que subiam na perpendicular, um poder fenomenal...saudades hehehe...e a gente via do terraço de Congonhas, na maior smile.gif

#3 Thiago

Thiago
  • Usuários
  • 5,885 posts

Posted 09 de February de 2011 - 01:24

O primeiro nome de jato que aprendi a falar (incentivado pelo meu pai) foi o "uaneleven"...
Tagarelava uaneleven pra baixo e pra cima.
Sóóó muito tempo depois que fui ligar "o nome à pessoa".... 1-11
Queria saber como era o desempenho dessa máquina....hehe..

Abraços.

#4 EDUARDO - MCZ

EDUARDO - MCZ
  • Usuários
  • 244 posts

Posted 11 de February de 2011 - 10:37

Salve Galera

Como sou PLASTIMODELISTA e sempre tenho, que dar uma "olhadinha" em fotos pra consultar e ajudar nas montagens dos modelos, um colega de hobby, fez este achado. Neste LINK, somente fotos do 1-11. SHOW, hein!
Estou no momento montando, justamente um da VASP!
Abaixo duas fotos, de celebres naves, que fazem parte de um tempo glorioso da aviação comercial Brasileira.
Espero que vc`s gostem!!



Ah, o link do site!
http://www.bac1-11jet.co.uk/images/

Abraços

EDUARDO

#5 Flagship

Flagship
  • Usuários
  • 2,454 posts

Posted 12 de February de 2011 - 20:21

Realmente, uma incrível máquina. O One-eleven ficou na VASP até a chegada dos breguinhas?


Grande abraços.

#6 A345_Leadership

A345_Leadership
  • Moderador
  • 18,427 posts

Posted 13 de February de 2011 - 01:37

QUOTE(Lucas M. Ulhôa @ Feb 12 2011, 09:21 PM) <{POST_SNAPBACK}>
Realmente, uma incrível máquina. O One-eleven ficou na VASP até a chegada dos breguinhas?


Grande abraços.


Lucas, os One-Elevens ficaram entre 1967 e 1974 na VP.

Como disse no último parágrafo do primeiro post, os aviões vieram em regime de provisório. A condição era que assim chegasse os B737-200 fossem imediatamente reexportados. Porém houve um impasse que cuja uma das soluções era transferir estes aviões para Sadia e reconhecer que iria perder dinheiro. Parece que ficaram este tempo parados ou realizando treinamento de tripulação, não sei bem dizer o que acontecera.

#7 Convair 880-22(F)

Convair 880-22(F)
  • Usuários
  • 178 posts

Posted 11 de September de 2011 - 03:57


QUOTE(Lucas M. Ulhôa @ Feb 12 2011, 09:21 PM)
Realmente, uma incrível máquina. O One-eleven ficou na VASP até a chegada dos breguinhas?

Grande abraços.

Lucas, os One-Elevens ficaram entre 1967 e 1974 na VP.

Como disse no último parágrafo do primeiro post, os aviões vieram em regime de provisório. A condição era que assim chegasse os B737-200 fossem imediatamente reexportados. Porém houve um impasse que cuja uma das soluções era transferir estes aviões para Sadia e reconhecer que iria perder dinheiro. Parece que ficaram este tempo parados ou realizando treinamento de tripulação, não sei bem dizer o que acontecera.


Prezado A345,

Na verdade a intenção inicial da VASP, ao trazer os One-Elevens, fora a de concorrer em igualdade de condições, principalmente com a Cruzeiro do Sul que já operava os Caravelles (os seus próprios e mais os "herdados" da Panair) já que os Viscount já estavam no fim de sua vida útil , principalmente os 700, e estes, é óbvio, não conseguiam fazer frente aos jatos franceses, principalmente em termos de velocidade. Anteriormente a VASP havia tentado adquirir os seus Caravelles, mas o negócio não se concretizou, como você bem o mencionou acima, pricipalmente por questões políticas (governo federal X governo paulista). Na realidade os 1-11 viriam para ficar, tanto é que a VASP fez opção para mais 3 -422EQ, opção esta que ela acabou não exercendo pois acabou se concentrando na operação do mais moderno e confortável 737-200 que ela havia, finalmente, conseguido autorização para encomendar, em contrapartida a autorização dada pelo governo federal para que a VARIG e a Cruzeiro adquirissem os 727-100. O SRT e o SRU continuaram a operar normalmente na VASP por mais 5 anos após a chegada dos primeiros "Breguinhas" :) em rotas de menor densidade. Fotos abaixo do SRT e SRU quando da entrega em 1967 e do SRT em 1974 quando da devolução, já com a pintura atualizada, para a época, da VASP.

Posted Image

Posted Image

Quanto a transferência dos 2 -400 para a Sadia, isso nunca chegou a ser oficialmente tratado pois o Cmte. Omar nunca quis o modelo menor, preferindo o -500 que era o que mais se adequava as suas pretensões para concorrer com as demais cias. aéreas. Houve sim uma tentativa de colocá-los na FAB, que já operava os dois presidenciais (2110 e 2111) mas não houve maior interesse da Força Aérea no possível negócio.

Sds

Convair 880-22(F)

#8 A345_Leadership

A345_Leadership
  • Moderador
  • 18,427 posts

Posted 11 de September de 2011 - 22:53

Obrigado Convair 880, não sabia que a VP tinha opções para mais 1-11 e sanou minha dúvida sobre as operações deles depois da chegada dos B737.

Saudações!

#9 Convair 880-22(F)

Convair 880-22(F)
  • Usuários
  • 178 posts

Posted 12 de September de 2011 - 18:02

Aliás meu amigo A345, a VASP acabou atirando no que viu e acertou no que não viu ao optar pelo (quase) primogênito da família 737. Os "Bregas" se mostraram absolutamente mais adequados para as operações (custos menores) do que o irmao mais velho, o 727-100 e até hoje a família 737 faz sucesso no mundo todo.

( :secret: cá entre nós, este repaginadíssimo MAX (esticar a perna do trem ou não esticar, para acomodar os motores, eis a questão!) já está um pouco exagerado. Tá na hora de fazer uma nova família, com certeza! :joinha:

Abç

Convair 880-22(F)

P.S. Ai vai uma foto do ex PP-SRT que está vivo até hoje (std) em Topeka.

Posted Image