Jump to content


Photo

Névoa seca (HZ): existe uma definição?


  • You cannot start a new topic
  • Please log in to reply
10 replies to this topic

#1 DanielVS

DanielVS
  • Usuários
  • 2,016 posts
  • Gender:Male
  • Location:São Paulo
  • Cidade/UF/País:São Paulo/SP
  • Data de Nascimento:23/02/1980

Posted 26 de October de 2012 - 22:37

Caros,

Há muitos anos, quando fiz o curso teórico de PP, aprendi que a diferença entre névoa seca e úmida era que a seca tinha uma cor mais "amarelada" e era mais comum durante a tarde, ao passo que a úmida era mais comum nas manhãs e noites e tinha um tom branco. A nomenclatura acabou ficando na minha cabeça, e passei a pensar que névoa seca estivesse relacionada a ar seco.

Aí encontrei na internet as seguintes definições:

Wikipedia: "Assim como a neblina, a névoa seca (também conhecida por bruma seca ou nevoeiro fotoquímico - ou ainda haze, em inglês) é formada quando há a condensação de vapor d'água, porém em associação com a poeira, fumaça e outros poluentes, o que dá um aspecto acinzentado ao ar."

br.weather.com: "Suspensão de partículas de poeira fina e/ou fumaça no ar".


Aí começaram as dúvidas:

A Wikipedia diz que a névoa seca é formada "quando há condensação de vapor d'água".
Mas então como explicar METARs de névoa seca quando a umidade relativa do ar está baixa, como abaixo?
OIII 230730Z 27018KT 5000 HZ SKC 31/M03 Q1015 A2998 NOSIG

Já cheguei a achar que névoa seca só acontecesse quando o ar estivesse seco, mas isso também não é verdade:
VECC 262350Z 02005KT 1800 HZ NSC 22/20 Q1011 BECMG 1500 BR

Finalmente, se névoa seca é definida pela "cor" ou "aspecto" visual, como explicar METARs indicando névoa seca durante a noite, quando não dá para dizer se a névoa é amarelada ou esbranquiçada?
KNGU 260559Z 07005KT 6SM HZ OVC006 20/18 A3013 RMK AO2
SBGL 200400Z 25012KT 5000 HZ FEW030 SCT100 27/18 Q1009=


Se não é pela umidade do ar, nem pela cor e nem pelo aspecto da névoa, como é que o meteorologista define HZ e o diferencia de BR?

Edited by DanielVS, 26 de October de 2012 - 22:39 .

  • N1992X likes this

#2 3Setão

3Setão
  • Usuários
  • 1,371 posts
  • Gender:Male
  • Location:Between N1 and N2...
  • Cidade/UF/País:Brasil
  • Data de Nascimento:01/01/1986

Posted 26 de October de 2012 - 23:21

Eu vou continuar procurando, mas em um livro sobre "Meteorologia e Climatologia" eu encontrei as seguintes definições:

Névoa Seca ou Bruma Seca: Suspensão, na atmosfera, de partículas microscópicas de natureza não hídrica, suficientemente numerosas para conferir ao ar um aspecto opalescente.

Névoa Úmida ou Bruma Úmida: Suspensão de gotículas de água na camada atmosférica justaposta à superfície da Terra reduzindo a visibilidade horizontal a não menos que 1Km. É também referida como neblina. (Não confundir com nevoeiro, que são coisas diferentes.)

Não devemos levar como 100% lógicas e perfeitas as informações do METAR, pois muitas vezes elas podem até passar o que está acontecendo, mas com uma análise técnica mais profunda, divergências podem aparecer. O METAR nem sempre é 100% perfeito em sua "lógica técnica", quero dizer que às vezes um BR pode ser um HZ e vice-versa.

Quando achar mais coisa, eu posto.

Abraços!!
  • DanielVS, N1992X and BruceLee like this

#3 3Setão

3Setão
  • Usuários
  • 1,371 posts
  • Gender:Male
  • Location:Between N1 and N2...
  • Cidade/UF/País:Brasil
  • Data de Nascimento:01/01/1986

Posted 26 de October de 2012 - 23:34

Sempre confie em definições de fontes com credibilidade.

Talvez você ache alguma coisa no site da OMM. A biblioteca deles é enorme e tem muita coisa disponível digitalmente. Tem realmente MUITA COISA e dá um trabalho danado procurar, mas vale a pena!! Algumas coisas são grátis e outras tem que comprar....

Em um material da OMM você pode confiar e ter a garantia de achar as reais definições das coisas. A OMM está para a Meteorologia assim como a ICAO está para a Aviação.

Abraços!!

Edited by 3Setão, 26 de October de 2012 - 23:35 .

  • DanielVS and N1992X like this

#4 N1992X

N1992X
  • Usuários
  • 283 posts
  • Gender:Male
  • Location:Around the World
  • Cidade/UF/País:Around the World
  • Data de Nascimento:01/01/1914

Posted 27 de October de 2012 - 00:52

Como o 3Setão citou acima, não é recomendado pesquisar em fontes como Wikipedia e similares, embora tenha uma nobre função, não é confiável, tanto que não é aceito como referência para trabalho/pesquisa ciêntifico(a).

Bom, pelo o que eu analisei em alguns livros, na névoa seca (HAZE), sempre haverá partículas de característica sólida (Poeira, Fumaça, etc) suspensas na atmósfera.

Já a Névoa Úmida (MIST) é bastante similar ao FOG, sendo o mesmo com visibilidade de 1000 a 5000m .
Posted Image
Fonte: OXFORD AVIATION - JAA ATPL METEOROLOGY

OIII 230730Z 27018KT 5000 HZ SKC 31/M03 Q1015 A2998 NOSIG

Faz sentido esse produto, pois a umidade relativa do ar está muito menor que 80%.

VECC 262350Z 02005KT 1800 HZ NSC 22/20 Q1011 BECMG 1500 BR

Enquanto este, a umidade relativa está quase saturada e de fato,é reportada a névoa úmida, porém, provavelmente deveria haver particulas sólidas na atmósfera.


As vezes o METAR é confeccionado por estações meteorológicas automáticas (A02), que podem resultar em produtos errôneos. E em alguns aeroportos brasileiros o METAR não é confeccionado por meteorologistas (não que o mesmo não esteja sujeito ao erro), mas a qualidade de alguns técnicos é de deixar a desejar.

Edited by N1992X, 27 de October de 2012 - 00:53 .

  • E195-SDU likes this

#5 Bruno Duarte

Bruno Duarte
  • Usuários
  • 70 posts
  • Gender:Male
  • Location:GIG (Centro Meteorológico)
  • Interests:Aviação, meteorologia, tênis.
  • Cidade/UF/País:Rio de Janeiro, Brasil
  • Data de Nascimento:03/04/1985

Posted 27 de October de 2012 - 10:51

Bem, aqui no Brasil a diferença é muito simples: se a umidade relativa estiver abaixo de 80%, o observador meteorológico (que não é meteorologista) classifica como névoa seca, independente da visibilidade observada e do aspecto. Acima de 80%, a restrição é classificada como névoa úmida (para visibilidades igual ou acima de 1000m) ou nevoeiro (para visibilidade abaixo de 1000m). Lembro que só há necessidade de especificar o fenômeno restritor no METAR quando a visibilidade é igual ou inferior a 5000m, o que não significa que o fenômeno deixa de existir quando a visibilidade é superior a 5000m.

Abraço,
Bruno.
  • RaphaelBRS, Lvcivs, EagleFlight86 and 1 other like this

#6 DanielVS

DanielVS
  • Usuários
  • 2,016 posts
  • Gender:Male
  • Location:São Paulo
  • Cidade/UF/País:São Paulo/SP
  • Data de Nascimento:23/02/1980

Posted 28 de October de 2012 - 00:20

Posted Image
Fonte: OXFORD AVIATION - JAA ATPL METEOROLOGY

OIII 230730Z 27018KT 5000 HZ SKC 31/M03 Q1015 A2998 NOSIG

Faz sentido esse produto, pois a umidade relativa do ar está muito menor que 80%.

De acordo com a definição que vc pegou da Oxford Aviation, HZ não tem relação com umidade relativa do ar.

VECC 262350Z 02005KT 1800 HZ NSC 22/20 Q1011 BECMG 1500 BR

Enquanto este, a umidade relativa está quase saturada e de fato,é reportada a névoa úmida, porém, provavelmente deveria haver particulas sólidas na atmósfera.

Negativo, foi reportada névoa seca com tendência (BCMG) para névoa úmida.

Bem, aqui no Brasil a diferença é muito simples: se a umidade relativa estiver abaixo de 80%, o observador meteorológico (que não é meteorologista) classifica como névoa seca, independente da visibilidade observada e do aspecto. Acima de 80%, a restrição é classificada como névoa úmida (para visibilidades igual ou acima de 1000m) ou nevoeiro (para visibilidade abaixo de 1000m). Lembro que só há necessidade de especificar o fenômeno restritor no METAR quando a visibilidade é igual ou inferior a 5000m, o que não significa que o fenômeno deixa de existir quando a visibilidade é superior a 5000m.

Em resumo, se aqui no Brasil a definição de HZ é visibilidade baixa com umidade < 80%, então mandamos para o espaço a definição de HZ (presença de material particulado na atmosfera).

#7 Bruno Duarte

Bruno Duarte
  • Usuários
  • 70 posts
  • Gender:Male
  • Location:GIG (Centro Meteorológico)
  • Interests:Aviação, meteorologia, tênis.
  • Cidade/UF/País:Rio de Janeiro, Brasil
  • Data de Nascimento:03/04/1985

Posted 28 de October de 2012 - 03:16



Em resumo, se aqui no Brasil a definição de HZ é visibilidade baixa com umidade &lt; 80%, então mandamos para o espaço a definição de HZ (presença de material particulado na atmosfera).


Na prática é mais ou menos isso que acontece...se você pesquisar nas publicações do DECEA a definição é correta, considera litometeoros e não menciona limiares de umidade relativa, além de falar do aspecto visual. Mas me parece que a FAB inseriu essa cultura do 80% e ensina desta forma aos observadores. Talvez tenha sido a maneira por eles encontrada para avaliar a presença de partículas sólidas, mas isso já é especulação minha, posso até pesquisar a respeito.

Corrigindo meu post anterior, equivoquei-me ao afirmar que a classificação de névoa seca seja feita independente do aspecto da restrição. Mas a barreira do 80% existe mesmo...no exemplo que mostraram acima com as temperaturas indicando 22/20, aqui isso certamente não seria HZ, e sim BR.

Abraço,
Bruno.
  • DanielVS likes this

#8 carlossp

carlossp
  • Usuários
  • 145 posts
  • Cidade/UF/País:Campinas/SP/Brasil
  • Data de Nascimento:04/11/1967

Posted 28 de October de 2012 - 15:31

De acordo com a definição que vc pegou da Oxford Aviation, HZ não tem relação com umidade relativa do ar.


Negativo, foi reportada névoa seca com tendência (BCMG) para névoa úmida.


Em resumo, se aqui no Brasil a definição de HZ é visibilidade baixa com umidade < 80%, então mandamos para o espaço a definição de HZ (presença de material particulado na atmosfera).



Tanto névoa seca com névoa úmida logicamente tem haver com a umidade do ar.
Como o Bruno escreveu acima, quando a umidade relativa estiver abaixo de 80%, isso significa que vc vai ter maior concentração de particulados sólidos (litometeoro) e que num fundo claro será difundida a cor vermelha.
Já no caso de névoa úmida, as partículas têm maior concentração de umidade, com 80% inclusive ou mais de umidade relativa vc terá uma concentração maior de particulados com umidade alta e que difunde num fundo claro a cor azul-cinza.
No METAR névoa seca só é reportada a partir de 5000 metros ou menos e névoa úmida, a partir de 5000 a 1000 metros.

#9 Bruno Duarte

Bruno Duarte
  • Usuários
  • 70 posts
  • Gender:Male
  • Location:GIG (Centro Meteorológico)
  • Interests:Aviação, meteorologia, tênis.
  • Cidade/UF/País:Rio de Janeiro, Brasil
  • Data de Nascimento:03/04/1985

Posted 28 de October de 2012 - 17:22

Esclarecendo um pouco mais, partículas sólidas praticamente sempre estão presentes na atmosfera, elas são necessárias para qualquer formação de gotículas de nuvem. Umidades relativas mais baixas não são suficientes para que o vapor d'água se condense sobre estas partículas, gerando a névoia seca (ou "dry haze"), caso haja abundância delas. Como são muito pequenas (da ordem de 0,1 micrômetro), elas espalham apenas uma parte da luz, absorvendo boa parte e gerando as colorações já mencionadas. Umidades relativas mais altas (porém ainda abaixo de 1000%) permitem que o vapor d'água se condense nas partículas mais higroscópicas, gerando a "wet haze", que seria a nossa névoa úmida. O conjunto material sólido + água líquida produz uma partícula de tamanho maior, capaz de espalhar quase toda a luz, o que dá o aspecto mais esbranquiçado.

Portanto, existe sim relação com a umidade relativa, mas nenhuma definição que eu tenha visto determina um limiar, ele pode ficar em torno de 75 a 80%. Este último, foi adotado pela FAB como método objetivo de diferenciar névoa úmida e névoa seca.

Abraço,
Bruno.
  • RaphaelBRS, E195-SDU, Lvcivs and 2 others like this

#10 E195-SDU

E195-SDU
  • Usuários
  • 6,723 posts
  • Gender:Male
  • Location:Brasil
  • Interests:Adquirir informacoes.<br />Conversar com profissionais.
  • Cidade/UF/País:Brasil
  • Data de Nascimento:23/02/1981

Posted 11 de November de 2012 - 23:12

Que belo debate, senhores. Aprendi algumas coisas aqui hoje.
Parabéns!

Abrs

#11 Bruno Duarte

Bruno Duarte
  • Usuários
  • 70 posts
  • Gender:Male
  • Location:GIG (Centro Meteorológico)
  • Interests:Aviação, meteorologia, tênis.
  • Cidade/UF/País:Rio de Janeiro, Brasil
  • Data de Nascimento:03/04/1985

Posted 12 de November de 2012 - 16:25

Não descobri como editar o post, então apenas corrigindo meu anterior: claro que não é 1000%, e sim 100%.

Abraço,
Bruno.