Jump to content


Photo

Dúvida sobre o sono


This topic has been archived. This means that you cannot reply to this topic.
11 replies to this topic

#1 indeed

indeed
  • Usuários
  • 114 posts

Posted 21 de March de 2013 - 02:48

Olá pessoal, bom dia,

Como é combatido o sono??? Que técnica vocês usam?? eu vim de uma programação voando 2 madrugadas, sendo que na última, se encerrou por volta das 08:00(LT) com apresentação as 05:00(Lt) no dia seguinte. O que vale mais? dormir logo que chegar do madrugadão ou segurar ate mais tarde possível?

Abraços

#2 Rlabreu

Rlabreu
  • Usuários
  • 538 posts

Posted 21 de March de 2013 - 10:59

Acredito que fisiologicamente, e melhor voce segurar o maximo que conseguir, tentar fazer tudo que tem para fazer durante o dia e dormir o mais proximo do período noturno possivel.
Se voce dormir direto, vai terminar acordando no meio da noite/madrugada e as 05:00 não vai estar com a "bateria" completamente carregada.
Indo dormir umas 15/16 hs, voce consegue um bom tempo de sono noturno e acorda descansado para ir voar direto.

#3 -Marcelo-

-Marcelo-
  • Usuários
  • 2,123 posts

Posted 21 de March de 2013 - 11:10

Eu nao consigo segurar o sono, fiquei um zumbi o dia inteiro sempre que tentei fazer isso.
Eu durmo assim que chego em casa ou no hotel.
Na verdade, ja fiz varias experiencias, dormir pouco (acordo com despertor, e claro) e tambem ja deixei pra acordar naturalmente.
O que aconteceu e que o sono de noite nao tinha relacao nenhuma a quantidade de horas que eu havia dormido, ou seja, algumas vezes tendo dormido pouco, eu nao tinha sono de noite, e algumas vezes tendo dormido muito, eu ainda tinha muito sono de noite.
Chego a conclusao que meu ciclo circadiano ja esta zuado ha muito tempo!!! Hehehehe
Entao, como disse, eu durmo quando da sono agora. Se tenho coisa pra fazer durante o dia, eu coloco despertador.

Nao respondi a sua pergunta, mas pelo menos vc sabe que nao esta sozinho nessa!!! Hehehehe

Abracao

Marcelo Leone

Eu nao consigo segurar o sono, fiquei um zumbi o dia inteiro sempre que tentei fazer isso.
Eu durmo assim que chego em casa ou no hotel.
Na verdade, ja fiz varias experiencias, dormir pouco (acordo com despertor, e claro) e tambem ja deixei pra acordar naturalmente.
O que aconteceu e que o sono de noite nao tinha relacao nenhuma a quantidade de horas que eu havia dormido, ou seja, algumas vezes tendo dormido pouco, eu nao tinha sono de noite, e algumas vezes tendo dormido muito, eu ainda tinha muito sono de noite.
Chego a conclusao que meu ciclo circadiano ja esta zuado ha muito tempo!!! Hehehehe
Entao, como disse, eu durmo quando da sono agora. Se tenho coisa pra fazer durante o dia, eu coloco despertador.

Nao respondi a sua pergunta, mas pelo menos vc sabe que nao esta sozinho nessa!!! Hehehehe

Abracao

Marcelo Leone

#4 AlphaSix

AlphaSix
  • Usuários
  • 639 posts

Posted 27 de May de 2013 - 16:21

Primeiro eu como, depois eu durmo. :)
Nem se eu quisesse conseguiria segurar o sono, porque nunca consigo dormir antes de um voo noturno/de madrugada. Outro dia cheguei em Xangai e dormi 14h seguidas de tão exausta. O voo da volta era noturno e claro que não consegui dormir antes, chegando em casa só o bagaço.
Portanto, se alguém souber de uma fórmula mágica para dormir bem antes de um voo, pago bem. :thumbsup:

#5 jambock

jambock
  • Membro Honorário
  • 24,113 posts

Posted 19 de February de 2014 - 12:39

Meus prezados:

Formula para evitar o sono eu não sei.

Mas vejam três acidentes que ocorreram, envolvendo o sono dos tripulantes:

http://tvuol.tv/bwc9mw 



#6 H4AT

H4AT
  • Usuários
  • 731 posts

Posted 19 de February de 2014 - 22:18

E quando você segura o sono, passa o dia como um zumbi e na hora de dormir o sono desaparece? Hahaha.

Já aconteceu algumas vezes, depois disso nunca mais segurei o sono.

#7 jambock

jambock
  • Membro Honorário
  • 24,113 posts

Posted 25 de February de 2014 - 13:13

Prezado indeed:

http://forum.contato...querito-da-ups/



#8 jambock

jambock
  • Membro Honorário
  • 24,113 posts

Posted 26 de February de 2014 - 21:32

Meus prezados:

Eis um documentário do History Channel sobre fadiga de pilotos:



#9 Flyerx

Flyerx
  • Usuários
  • 814 posts

Posted 27 de February de 2014 - 05:33

Seguro um pouco, mas quando vem o sono eu durmo. Vai que fico segurando ate de noite e acontece algo que me impede de dormir ate perto da apresentação?
Melhor dormir, descansar bem. Na hora da apresentação pode se que eu esteja acordado há algum tempo entretanto, dormi.

Apresentação daqui a pouco (6am) e dormi das 18 as 2:30. Ja acordei há algum tempo mas descansado.
Nessa noite havia mosquito demais no quarto o que nao me permitiu dormir das 2:30 em diante. Se eu tivesse segurado o sono ate umas 22, estaria Ferrado de sono agora :)

#10 Kovac

Kovac
  • Usuários
  • 87 posts

Posted 25 de March de 2014 - 16:57

-


Edited by Kovac, 25 de March de 2014 - 17:01 .


#11 jambock

jambock
  • Membro Honorário
  • 24,113 posts

Posted 21 de December de 2014 - 16:00

Meus prezados:

Fadiga: Um Assassino Silencioso e Furtivo. Devemos Voar Sob a Sua Influência?
“COMO VOCÊ SE SENTE?”  Muitas vezes, os seus tripulantes ou passageiros fazem-lhe esta pergunta. Mas, o que eles realmente querem saber é, “você ingeriu alguma bebida alcoólica nos últimos dias? Dormiu oito horas por dia? Posso colocar a minha vida nas suas mãos?”
Nunca pensei que um dia eu ouviria que uma pessoa havia quebrado o sacrado mandamento da aviação ‘oito horas entre a garrafa e a manete’, mas depois de voar por dez anos com inúmeros estudantes e tripulantes, finalmente este dia chegou.

Trata-se de uma história curta, de verdade.
Dois pilotos estavam em um bar tomando uma cerveja durante o almoço quando um celular tocou. Um piloto do setor privado havia recebido uma ligação de um cliente que queria fazer uma viagem curta. Em poucos minutos, ele pagou a sua conta, preparou a sua aeronave e voou a missão sem nenhuma pausa. Eu sei o que você está provavelmente pensando: Eu nunca faria isso, este piloto é um idiota. Mas, deixe eu lhe fazer algumas perguntas. Você já voou cansado alguma vez? Você já passou por uma noite de vigília e foi trabalhar no dia seguinte?
Segundo Dawson e Reid (1997), a privação do sono tem o mesmo efeito nocivo que a ingestão de bebida alcoólica. Você consegue compreender essa afirmação? Vamos deixar isto ainda mais claro: Dormir cinco horas por dia durante sete dias é equivalente à ingestão de cerca de sete bebidas alcoólicas! Então, por que, quando nos avaliamos antes do voo, medimos apenas a quantidade e o tempo de consumo de álcool, se o sono desempenha um papel tão importante quanto?
Como podemos ter um dia produtivo cheio de atividades físicas e mentais, alimentarmo-nos, fecharmos nossos olhos por algumas horas e depois fazer tudo de novo no dia seguinte?

O corpo humano é um organismo delicado e é, portanto, primordial que tomemos ações contínuas para melhorarmos a eficiência do seu desempenho e diminuirmos a sua fadiga, os quais facilitam a saúde e a segurança. Se não dormimos o suficiente, não temos disposição para o período de voo.
Há também uma enorme quantidade de pressão não declarada envolvida em voar. Quando estamos sob a influência — de álcool ou fadiga — nosso julgamento pode comprometer-se. A tendência natural é ocultar o estado de fadiga e aceitar o voo porque nós não gostamos de mostrar sinais de fraqueza.

Nossas decisões são, muitas vezes, influenciadas pelo orgulho. Você teria a clarividência e a coragem de adiar o seu voo, mesmo que isto significasse arriscar a sua imagem profissional?
Tic-Tac, Seu Relógio Biológico
Alguma vez você já sentiu que a sua memória não estava funcionando direito? Alguma vez você já deixou algo cair, abaixou-se para apanhá-lo e, imediatamente depois, deixou cair de novo? E quanto a colocar as coisas no lugar errado? Estes são apenas alguns dos sinais e sintomas do que é estar sob a influência de fadiga, e eles podem ser o resultado direto da perturbação dos ritmos circadianos.
Nosso relógio biológico está, geralmente, programado para seguir um período de 24 horas, influenciado pelos horários habituais de sono, refeições, trabalho e lazer. O relógio biológico dita a nossa temperatura central e é ajustado para realizar certos objetivos biológicos. A temperatura corporal fica mais elevada por volta das 17:00 horas.

Este aumento de temperatura está associado com a alta atividade do sistema nervoso simpático, a alta taxa metabólica, maior agilidade e melhor desempenho relacionado à vigilância. As habilidades motoras e a memória de trabalho encontram-se melhores ao meio-dia, enquanto a carga de memória de curto prazo diminui ao longo do dia.

Por volta das 4:00 da manhã, nossa temperatura cai a fim de diminuir o ritmo metabólico e isso ajuda na aquisição dos níveis mais profundos do sono (isto será discutido em maiores detalhes posteriormente).
De acordo com Wise, Hopkin e Garland (2010), testes de isolamento mostram que as pessoas que vivem em câmaras, sem qualquer referência de sinais externos, como fontes de luz natural, ainda mantêm um horário de sono diurno.

Tal como esperado, os sujeitos receberam café da manhã, almoço e jantar nos horários habituais!
Durma o Suficiente… ou Diga que Está Cansado
Ao longo da noite, nossos corpos passam por vários estágios de sono. Alguns estágios ajudam os nossos estados físico e mental recuperarem-se, enquanto outros estágios são utilizados para categorizar as nossas experiências diárias nas memórias. Para que a nossa memória e os nossos tempos de reação cognitiva/física possam funcionar completamente, devemos passar três vezes por todas as fases de sono, toda noite.
Só porque você está deitado na cama, não significa que você está tendo o descanso adequado. Para falar a verdade, ontem acordei às 03:00 da manhã e comecei a contemplar o que eu deveria escrever neste exato artigo.

E, no fim, não voltei a dormir. A sorte é que eu não tinha que voar hoje. Mas, e se eu tivesse voado?
Este artigo não aborda as idéias de pressão organizacional, punição e recompensa, mas deve-se notar que a pressão existe. Um dos meus supervisores comentou uma vez que o meu potencial de ganho seria superior a US $100.000 em um turno de 12 horas! Como você responderia a isso? Às vezes, você pode temer que a sua imagem profissional fique em jogo caso você não responda favoravelmente quando o dever chamar, mas o que você faria se fosse o contrário?

Você colocaria os seus entes queridos na traseira de uma aeronave com um piloto que dormiu apenas uma ou duas horas?
Como você se sente sobre a política de segurança da sua empresa em relação à fadiga? A Administração Federal de Aviação (FAA) dos Estados Unidos estipula que a tripulação deve ter períodos de descanso, mas o que fazemos durante esse tempo cabe completamente a nós.

Somos todos humanos, e vários fatores afetam as nossas vidas. Alguns de nós têm bebês recém-nascidos que precisam de nós no meio da noite. Às vezes, uma discórdia conjugal resulta em uma noite desconfortável, mal dormida no sofá.

Independentemente do tipo de perturbação, o fato é que a privação do sono pode ter consequências perigosas.
A sua organização possui alguma política disponível que garanta-lhe um dia de folga pago, caso você perca uma quantidade crítica de sono durante o seu período de descanso? Se não, você teria coragem de encerrar a operação? 

Eu sei o que você está provavelmente pensando (porque eu pensei isto também). Isso nunca aconteceria; custaria muito.

Mas, quanto custa uma colisão em dólares – ou em vidas? Pense nisso. Eu acredito que há uma solução plausível para atenuar esta pressão, mas isso terá que esperar por um outro momento.
Desafio-lhe a fazer a coisa certa, mesmo que isto custe o seu trabalho. A verdadeira produtividade vem da integridade e não por empurrar o pedal para o metal — ou a manete da aeronave para a parede. Aprenda a atenuar os estressores que levam à privação do sono e à distração e, quando possuir justificativa, diga que está cansado!
Morrendo de Sono
Eu estava dirigindo pelo país outro dia e notei algo muito interessante e singular sobre o corpo humano. Enquanto eu dirigia, sentia os meus olhos um pouco secos, mas eu queria continuar no volante. Depois de parar para abastecer o carro, outro motorista tomou o meu lugar e eu dormi imediatamente.

Por que a mudança drástica? Enquanto o nível de concentração do cérebro está em alta demanda, tendemos a nos sentir mais alertas, mas isso não significa que estamos operando com todo o nosso potencial.  Este conceito pode ser comparado à desidratação.

Já ouviu dizer que se você esperar para beber água só quando estiver com sede você vai esperar demais? Não baseie-se nos sintomas tangíveis de fadiga como o seu único dispositivo de medição. Quando ligamos a ignição da aeronave, a fadiga é mascarada pela adrenalina e concentração, mas a velocidade de processamento, a memória e o tempo de resposta relacionado à vigilância ficam todos reduzidos… muitas vezes a níveis perigosos.
Monitore e Meça
Precisamos de uma referência para sabermos se estamos realmente com deficiência de sono. Existem tecnologias para controlar a qualidade e a quantidade de sono que temos todas as noites, e nós devemos usá-las. Monitore o seu sono com um dos muitos dispositivos disponíveis.
Eu, pessoalmente, uso um aplicativo de $1,99 no meu iPhone. Ele monitora o tempo na cama e cada estágio do sono, desconsidera a inércia do sono e fornece a qualidade de sono resultante. Alguns aplicativos têm até um gravador ativado para barulho e um detector de movimento que informa-lhe se você está roncando ou se você tem ficado inquieto durante a noite.
Dormir bem salva vidas. Acompanhe o seu sono, faça registros e quando você precisar – diga que está cansado! Se você não estiver descansado, trate a situação como você faz com o álcool; responsabilize a sua falta de sono e passe o tempo “recuperando a sobriedade”, independentemente da sua própria avaliação pessoal.
Demora 15 minutos
Você já foi acordado por um despertador ou um telefonema e sentiu-se mais grogue do que o habitual? “A inércia do sono” ocorre quando você acorda durante uma das fases de sono mais profundas. Você precisa de cerca de 15 minutos para que o seu tempo de reação volte ao normal.
Existem vários estágios de sono. Alguns estágios são usados para a categorização da memória, enquanto outros estágios são usados para a recuperação física. Para que tenhamos um descanso completo e verdadeiro, temos que passar três vezes por todas as fases de sono, toda noite. Isto requer aproximadamente oito horas.
Atenue os estressores
Quando eu comecei acompanhar o meu sono, comecei naturalmente a atenuar os estressores que levam-me às noites de vigília. Abra a sua mente e tome algumas medidas para garantir que os seguintes estressores não induzem-lhe à privação do sono.
Colchão ruim
O desligamento capilar ocorre quando o peso corporal produz áreas quentes fazendo com que você se mexa e se agite.
Mitigação: Compre um colchão novo. Vá a uma loja, converse com um especialista do sono e tome uma decisão informada, com base nas suas necessidades individuais de sono.
Falta de exercício
A falta de exercício tem um efeito adverso sobre a nossa saúde geral muito maior do que a maioria das pessoas percebe. A prática de exercícios equilibra os hormônios, reduz gordura (que contribui para a apneia do sono), aumenta os níveis de energia e assim por diante… os benefícios são infinitos.
Mitigação: Exercite-se! Encontre tempo. Se você não consegue frequentar uma academia ou encontrar uma atividade prazerosa, pesquise na internet e compre um dos muitos programas disponíveis para treinamento físico. Você consegue dar um jeitinho e encaixar uns 20 minutos por dia.
Mente inquieta
Um diálogo mental frenético sobre finanças, listas de afazeres, aspirações, colegas de trabalho e negócios pode causar noites de vigília.
Mitigação: Muitos admiráveis e invejáveis colegas de trabalho deram-me o mesmo conselho — mantenha lápis e papel na sua mesa de cabeceira. Quando pensamentos lancinantes surgem, anote-os sem levantar-se ou ascender as luzes. Aliviará a sua mente saber que você não precisará quebrar a cabeça pela manhã.
Outras pessoas
Um voo de sucesso depende de várias pessoas – não apenas do piloto. Nossas famílias são uma grande parte desse sucesso, mas elas provavelmente não percebem o papel que desempenham. Despedem-se de nós com um “Eu te amo” e um “Tenha um bom voo”, mas um piloto profissional precisa, na verdade, mais do que uma mensagem positiva. As tensões da vida familiar – quando valem a pena – podem influenciar significativamente a nossa capacidade de descansar.
Mitigação: Temos que ter “a conversa” com a nossa família, nossos amigos e com as outras pessoas com quem lidamos diariamente. Eles precisam entender que um esforço de equipe é necessário para facilitar a segurança em todos os níveis. Agora, senhor, por favor, perceba e compreenda — você ainda terá que enfrentar aquela lista de afazeres para manter uma parceria harmoniosa. Mas, se você estiver tendo dificuldades com esse bate-papo em particular, pegue este artigo e culpe-me! (Mulher feliz = vida feliz, certo?)
Fatores ambientais
Medidas normais de fadiga podem ser aumentadas por certos fatores ambientais. Luz, ruído, ergonomia do cockpit, vibrações e cargas de trabalho podem ter efeitos devastadores na nossa condição física e mental.
Mitigação: Tente suavizar o seu ambiente de trabalho com uma iluminação natural, utilize uma combinação de proteção auditiva com redução significativa de ruído passivo e ativo e estimule a sua consciência situacional com um planejamento diligente do voo. Certifique-se de que a sua aeronave esteja dentro das limitações de peso e balanceamento e permita-se tempo suficiente de descanso entre os voos mais cansativos.
Apneia do sono
A FAA está no processo de impor um teste de apneia do sono para os pilotos com um índice de massa corporal (IMC) maior que 40. A apneia do sono é basicamente o rompimento da conclusão de um ciclo de sono devido à privação de oxigênio. As pessoas com maiores IMCs tendem a ser mais propensas a condições como a da apneia do sono. Muitos podem vir a resistir a esta política, mas ela tem um grande potencial para salvar vidas. Infelizmente, a burocracia da FAA dificulta uma cultura de segurança verdadeiramente proativa e preditiva (demorou dez anos para que eles nos permitessem usar óculos de visão noturna nos voos), mas é, pelo menos, um passo na direção certa.
Você é insubstituível
Pode ser difícil para nós, seres mortais, executar inúmeras recomendações de segurança porque, na verdade, não conseguimos nos visualizar (ou não nos visualizamos) caindo de um helicóptero. Ainda assim, quase nenhuma razão nova para acidentes surgiu na última década. Isso me diz que, basicamente, não cumprimos nossa diligência. Na verdade, não conseguimos cumprir nossa diligência porque existem mais páginas escritas sobre segurança do que tempo de vida para lê-las. No entanto, devemos tomar medidas extras para aprofundarmos o nosso conhecimento nas áreas de nossas vidas que temos controle.
Eu vou lhe contar o porquê deste tópico mexer comigo. Eu perdi amigos queridos e insubstituíveis em acidentes diretamente ligados à fadiga. Dois desses acidentes ocorreram perto de mim, enquanto voávamos em proteção contra gelo. Num momento estávamos conversando no rádio e no outo… silêncio. Quando você vê em primeira mão o horror e os destroços de um acidente fatal, especialmente quando a vítima é alguém que você considera um camarada, sócio e amigo, ele tende a ficar na sua mente. Para mim, essas experiências inspiraram uma paixão que rapidamente espiralaram-se em uma obsessão por segurança. Eu sinceramente espero que este artigo seja a única inspiração que você tenha para fazer do sono e da segurança as suas prioridades profissionais.
Durma bem e bom voo.
Fonte: Maria Carolina Andrada para site Piloto Policial  21 dez 2014



#12 E195-SDU

E195-SDU
  • Usuários
  • 6,723 posts

Posted 07 de January de 2015 - 03:43

Olá pessoal, bom dia,

Como é combatido o sono??? Que técnica vocês usam?? eu vim de uma programação voando 2 madrugadas, sendo que na última, se encerrou por volta das 08:00(LT) com apresentação as 05:00(Lt) no dia seguinte. O que vale mais? dormir logo que chegar do madrugadão ou segurar ate mais tarde possível?

Abraços


Nunca segure o sono. Você precisa se adaptar à rotina noturna.
Sono se combate com horas de sono. Você precisa adaptar seu ritmo e isso é extremamente difícil por conta de escalas sem lógica para seu corpo/saúde. Chegou no hotel e tem sono e fome? Coma algo extremamente leve e procure dormir. Se sua programação exige que você esteja acordado noites e madrugadas, você vai ter que mudar seu ciclo de sono. Parece fácil, mas é difícil e não faz bem à saúde. (Novidade)...
Após acordar, alimentos leves novamente e procure fazer um exercício fisico leve. Se o hotel tiver piscina ou praia, entre na água e se mova.
Use as ferramentas de avaliação de risco, para assegurar que sua condição não venha representar um perigo para o voo.
Eu ainda aconselho você encher o saco do Safety, caso sua escala esteja abusiva. Se a empresa tiver uma polícia de Gerenciamento de fadiga decente, sua escala deverá ser alterada.