Jump to content

ZUD

Usuários
  • Content Count

    929
  • Joined

  • Last visited

About ZUD

  • Birthday 12/10/1979

Previous Fields

  • Cidade/UF/País
    São Paulo - SP
  • Data de Nascimento
    10/12/1979

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    SAO
  1. não é bem assim, linear... reduz capacidade e a demanda se mantem. com a redução de assentos provavelmente vc expurga alguns passageiros que demandam tarifas relativamente menores.
  2. Abear vê indicadores brasileiros como referência mundial 11/12/2019 18:17 | Marcel Buono A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear) publicou o documento Panorama 2018 da aviação nacional com indicadores como pontualidade, manuseio de bagagens e idade média da frota sendo tratados como referência para o mundo. A publicação reúne um conjunto de dados, informações e análises sobre o desempenho da aviação comercial no País. De acordo com o levantamento, cerca de 85% dos voos das companhias aéreas associadas à Abear partiram e chegaram nos horários previstos ao longo do último ano, considerando o rigoroso critério de 15 minutos de tolerância sugerido pelo Departamento de Transporte dos Estados Unidos. Os dados são da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Tal desempenho foi superior ao registrado pelas empresas aéreas norte-americanas no último ano, uma vez que ficaram com 82% no quesito. Do total de voos atrasados em 2018 no Brasil, apenas 24,1% foram considerados de responsabilidade das companhias, enquanto os demais 75,9% foram ocasionados por outros motivos. Outro indicador de destaque foi o relacionado a falhas no manuseio de bagagens, que registrou taxa de 2,45 a cada mil volumes despachados. Segundo a Société Internationale de Télécommunications Aéronautiques (SITA), a média mundial no quesito é de 5,69, enquanto a média europeia é cerca de três vezes superior à brasileira. O Panorama da Abear também colocou o Brasil como referência quanto à idade de sua frota, que foi de sete anos em 2018. No mundo, a média é de 10,3 anos. Este é o último documento da associação que ainda considera os números da Azul e da Avianca Brasil. Para ler o relatório completo, clique aqui. https://www.panrotas.com.br/aviacao/empresas/2019/12/abear-ve-indicadores-brasileiros-como-referencia-mundial_169857.html
  3. Ridículo. É óbvio que vai cair, afinal são 16 voos por dia vazios para vender a menos de um mês da operação. Há datas em que a Azul é 3x mais cara que G3/LA... Só quero ver o discurso qdo sair o relatório de tarifas da ANAC e a Azul for a mais cara...
  4. Azul tenta barrar entrada de Passaredo e MAP no aeroporto de Congonhas https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2019/08/12/azul-tenta-barrar-entrada-de-passaredo-e-map-no-aeroporto-de-congonhas.htm
  5. não lembro a fonte, acho que 300 milhões
  6. Do AISWEB-SPSP REGULAMENTOS PARA TRÁFEGO LOCAL LIMITAÇÕES: a) As ACFT sujeitas aos horários de transporte aéreo (HOTRAN) cumprirão, nos pousos e decolagens, o sequenciamento de tráfego estabelecido pelo órgão ATS; b) Nos horários compreendidos BTN 1000/1200 UTC e 2100/0000 UTC somente poderão operar as ACFT que possam manter velocidade de aproximação final MNM de 120KT IAS; c) Somente poderão operar ACFT que possam utilizar as duas RWY para decolagem e pouso. Exceto ACFT de voo domésticos regulares de passageiros; d) A operação de ACFT de asas fixas só será permitida com dois pilotos, exceto as ACFT de CAT TPP, desde que operada por piloto de linha aérea (PLA); e) Os voos domésticos não-regulares de PAX (charter) somente serão AUTH aos SAT SUN e HOL ou fora dos horários de grande MOV a critério da autoridade aeronáutica.
  7. Turboprops operam em LHR... mas aqui, na tupilândia, não pode.
  8. POSICIONAMENTO ABEAR A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) reafirma as informações divulgadas à imprensa na semana passada, segundo as quais há uma tendência de queda dos preços das passagens aéreas após a criação de tarifas mais baratas para passageiros que não despacham bagagem. Segundo os dados relativos a bilhetes vendidos entre meados de julho e setembro pelas associadas da ABEAR, a redução varia de empresa para empresa (7% a 30%), mas representa uma diminuição de valores real e consistente. A ABEAR ressalta que o seu papel é o de produzir informação com qualidade e transparência. Nesse sentido, seguirá fornecendo dados para o Congresso e para o conjunto da sociedade, como vem fazendo desde a sua fundação, em 2012. http://abear.com.br/imprensa/notas-e-releases/mostrar/posicionamento-abear
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade