Jump to content

flightFernando

Usuários
  • Content Count

    423
  • Joined

  • Last visited

About flightFernando

  • Birthday 04/10/1963

Previous Fields

  • Cidade/UF/País
    base SAO
  • Data de Nascimento
    10/04/1918

Profile Information

  • Gender
    Male
  1. Rapaz, a Nordeste fazia bate volta de Bandeco P1! Infelizmente nunca estive lá.
  2. Cascão é pé de boi, esses de pax tem 4:30-4:45 de autonomía, isso com recleareance. Boa surpresa ver ETOPS nele.
  3. Já aconteceram casos de dar stall/estol, tanto em decolagem como pouso, ou mesmo nivelado e não necessariamente dar shut down/desligar, nos Airbus o FADEC atua automático. Se há uma interrupção do fluxo de ar, é chamado engine Surge, o apaga motor e dá aquele som de batida forta na porta.
  4. Disparava as EGT-temperatura de exaustão, que em geral é por onde se sabe a saúde do motor. Houveram casos em que relight simplesmente não funciou.
  5. Éra um problema que acontecia nos CFM em algúns 19/20, HPC-compressor de alta, disparava EGT-temperatura de exaustão. Acredito que você sabe a diferença entre Stall e flame out.
  6. Avianca colombiana tá envolvida com corrupção e suborno, saiu uma nota no Wall Street. Agora quem vai ser o Pai da criança? Mais um rôlo do Papi Efromovich vindo à tona.
  7. SOP ainda díz que é pra puxar o cb do CVR, bixo pegando ninguém lembra disso kkk
  8. Depende da altitude, sempre. Você pode ter motores apagados na subida (vide o triste caso do Co piloto da Latam em SBMT ano passado) ou a 30.000ft. Na TAM lembro à muito atráz do 20, teve um flame out saindo de Natal, esqueceram de ligar umas das bombas de combustível (se eu estiver errado, corrijam)
  9. Outra questão: Dual Eng flame out, abaixo de 5000ft(minha hipótese), fazer ECAM Actions(risos), preparar eventualmente a trip e os pax.. A321 não é DC 3 nem Caravelle, os melhores eventuais planadores de todos os tempos.
  10. Resumindo (se dar para ser resumido) Pernas mais "curtas" de 4, 5 frequências em geral são tão ou mais desgastantes que 1 ou 2 etapas, tanto para Pilotos e Comissários, vem desde a hora da apresentação e se houve um razoável descanço, briefing, eventuais vôos extra-a serviço,até a preparação da cabine, ítens inoperantes-manutenção, ATC, alterações em Plano de Vôo, trócas eventuais de aeronave num mesmo dia, metereologia, e todo o processo da decolagem, monitoramento do vôo e atenção no pouso. Há uma variante, que os "terráquios", quem brincamos chamar os quem não voam/voaram e não compreende em parte a dinâmica: Pressurização, a exposição a baixa humidade, a altitude de cabine (em média 8000ft), aos vapores de combustível e ao próprio estresse que é lidar com pessoas; as relações interpessoais (você não convive com os mesmos colegas de trabalho mais que 2 ou 4 dias), chego a até compreender que os que sofrem mais são os comissários (chegam a lidar com mais de 500 pax num dia!) inclusive pelo esforço físico e desgaste mental. O passageiro, a lazer ou negócios, em geral não compreende porque não está no dia a dia, compreendo sua dúvida e espero ter esclarecido.
  11. Mais outra do dia: Flávio, Cmt e dir Operações pediu demissão hoje da OceanAir, pode dar por encerrada qualquer "Volta dos mortos vivos" segundo os que ficaram. Quero ver o Gérman na Lava Jato, esse espero estar com passagem já sendo pronta só de ida para CWB(desfalque proposital nos estaleiros EISA/Petrobrás).
  12. Que as novas gerações não façam as merd*s que fazíamos no passado, eu vim do garimpo nem sei ainda como eu tou vivo. O bom da tecnologia é aprender a não levar tôco (aprendam e extraiam o melhor); se cuida use EPI e seja Padrão!, eu ja passei da validade. Abs amigo! Tudo de bom, seja felíz!
  13. Outro sistema, outras pessoas...passado ficou no passado. Você deve ter sabido de questões impublicáveis acerca daquele "Safety" da finada. Deixa quieto. Abs.
  14. Direto do túnel do tempo: decolagem "gatinho" para os não íntimos é enganar o FMS e ter uma velocidade maior no modo Econ. É "Foquinha" de leve kkk Abs!
  15. Disse tudo! Acompanhando seu raciocínio(as mesmas respostas que Eu teria) Sobre as hipóteses levantadas pelos teóricos de SOP; um exemplo na VIDA REAL mesmo tendo bulk(19/20), no 20 a partir de 500kg de diferença no carregamento (por qualquer motivo ou ítem ACR), é refeita loadsheet, na teoria. Quantas vezes não decolamos com over? Na finada, direto tínhamos isso em AJU, IOS...vou me recusar e mandar repesar o vôo? Kkk Na vida real são 1001 fatores; escala, descanço, caboco não tomou melanina.. ítem inop's, e o piór: FADIGA (Rússia é pródiga no assunto, lá é pâno preto). É muito fácil para os outros (os de fóra) julgar, só quem vive 6 pousos "nas costa" e monofolga sabe o que é. Abs e sucesso Longreach!
×
×
  • Create New...