Jump to content

deiv

Usuários
  • Content Count

    259
  • Joined

  • Last visited

About deiv

Previous Fields

  • Cidade/UF/País
    SBAQ / SBMO
  • Data de Nascimento
    09/10/1945

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    SBMO

Recent Profile Visitors

560 profile views
  1. O pequeno detalhe é que manter aeronave no chão não é nada barato. Talvez emitir passagem à preço próximo do custo e emissão em milhas numa pontuação interessante nesse momento de retorno da economia compense mais que deixar a frota na terra.
  2. De graça ainda sai caro viu.. SGA é um belo case de como politicagem rasteira pode atrapalhar o fluxo de uma cidade turística.
  3. Essa rota RAO x CGH seria perfeita antes da pandemia, principalmente nesses horários que colocaram : serve como uma luva para o pax corporativo
  4. Difícil viu. Natal não tem metrô, só trem e não há viabilidade de colocar linha férrea para ligar SGA à capital.
  5. 757 e 767 são baita aviões que foram deixados de lado. Tinham muito potencial de melhoras.
  6. Grande parte disso é culpa do Estado.
  7. Precisão cirúrgica em sua análise. Ainda acrescento que a Boeing não é digna de dó, até porque ela mesma que se colocou nessa situação. Colocar lucro a frente da segurança é um erro fatal para qualquer companhia, principalmente na aviação que segurança é tudo. A Boeing só não vai quebrar por ser a menina dos olhos do Tio Sam.
  8. TACV era o tipo de aérea que não tem caixa pra ficar parada.
  9. O pesadelo é maior para os operadores do que para a própria Boeing. Muitas aéreas fizeram seu planejamento estratégico da próxima década baseando se nele como espinha dorsal.
  10. Exame quer vender a narrativa que a Azul vai mal, o que sabemos que não é verdade. Olha esse título pra lá de sensacionalista e mentiroso.
  11. Temos um problema gigante. O desemprego vai ser latente. Muitas empresas estão fazendo seus funcionários entrarem de férias. Aquela viagem de férias do nordeste fica cada vez mais longe para a classe média, que vai ser fortemente afetada.
  12. A gambiarra é justamente o Max precisar do MCAS para ser pilotado. Colocaram um motor de um Mustang 2020 num Corcel I. Pra resolver as instabilidades colocaram o MCAS.E pra terminar de lascar economizaram na gambiarra . Um crime em toda a linha. E a Boeing sabia que isso poderia dar m****, mas preferiu apostar alto. Não existia né. Agora existe.
  13. A curto prazo seria o retorno da produção dos NG. A culpa não é minha que a Boeing focou nos widebodie e esqueceu do seu principal produto que é um narrowbodie de até 220 lugares. O que não dá é a empresa gastar num produto além do que gastaria num projeto que saiu do ZERO e ele continuar apresentando problemas e prejuízos aos clientes. Se a Boeing tivesse paralisado o programa MAX quando ocorreu a segunda queda teria economizado bilhões de dólares e já estaria adiantado um ano.
  14. Passou da hora da Boeing suspender o projeto. Está gastando rios de dinheiro enxugando gelo.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade