Jump to content

Nando_VIX

Usuários
  • Content Count

    18
  • Joined

  • Last visited

About Nando_VIX

Previous Fields

  • Cidade/UF/País
    Vitória, ES
  • Data de Nascimento
    07/08/1988

Profile Information

  • Location
    Praia do Cando

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Imagino que haja algum impacto na demanda por passagens aéreas de pessoas que trabalham/tem estadia curta e não podem chegar um dia ou dois depois no retorno para o trabalho... Inclusive, imagino que boa parte dos idosos aposentados de classe média-alta que costumavam viajar com frequencia mas que ainda evitam aglomerações. Devem ter retornado as viagens em parte com a queda nos obitos atribuida a cobertura vacinal...
  2. Interessante os números. Olhando pelo lado da AR, assumindo que o pib nominal feche 2021 em torno de USS450 bi, sem nenhum novo tombo, o que é recorrente na história argentina, um eventual subsidio de 450 milhões de dolares significa algo próximo a 1 milésimo do PIB (ou 0,1%). Parece pouco mas não é, mesmo que eles fossem um país desenvolvido, trata-se da alocação de recursos públicos... Para lá de ideologias, a conta que os peronistas-kirchneristas e oposição tem que fazer constantemente, é: quantos dolares a operação deficitária da AR ajuda a trazer por meio de suas operações internacion
  3. Acontece que em 1980(base de comparação usada acima), a distância em PIB/capita da Argentina com o resto dos países da AL e Brasil era grande ainda, tirando a Venezuela se não me engano que tinha o maior PIB/capita. Enfim, Porcentagem é uma variável, valor absoluto é outra...
  4. Parece que em 2021 o crescimento interno seria "rebote" de 10%. Grande problema da Argentina desde 2001 foi a perda de credibilidade de parte da própria população que é poupadora e há décadas prefere fazer isto em dólares. Estima-se que os argentinos tenham o equivalente a quantia maior que o próprio PIB do país em dólares depositados no exterior ou em cofres-" em baixo do colchão". E essa cultura bi monetária deles ajuda a "retroalimentar" a disparada do dólar por lá em momentos de escassez da divisa ou de excesso de pesos que culturalmente demandam dólares. Enquanto aqui no Brasi
  5. A pessoa física só sofre se for CLT ou funcionário público, com o imposto retido na fonte, e tabela que não é reajustada desde 2015. Se bem que os salários também não têm, em média, acompanhado muito a inflação de lá pra cá...
  6. Tudo que o GIG não precisava, perder os bancos de pouca mas existentes, de conectividade Gol...reflexo do dolar alto e barril do petróleo também alto, Itapemirim no GIG, Azul e Latam voando Oiapoque ao Chuí do SDU, etc...Vai adotar mesma estratégia que Azul e Latam no Rio.
  7. Moscow-Buenos Aires deve ser uma senhora distancia! Penso que muito mais fácil ter demanda de russos querendo as praias brasileiras que querendo ir a Buenos Aires, época que os próprios portenhos tentam fugir do calor para as praias de Mar del Plata, Uruguai, Santa Catarina, Rio, Bahia, etc. Mas deve haver alguma demanda turística talvez...
  8. Li em algum lugar que a Petrobras teria investido 80 bi para descobrir o Pré sal. Aí vem a lava-jato, sem tirar totalmente seu mérito inicial( com cooperação internacional com os EUA nas delações premiadas) e descobre 5 ou 6 bi de corrupção na empresa e usa-se o suposto moralismo de acabar com corrupção e despreza-se totalmente o investimento e esforço realizado pela estatal até então, que foi quem assumiu o risco, ao fazer as perfurações para prospecção e descoberta de novos campos, quando ninguém mais tomou o risco. Despreza-se também o seu papel estratégico como empresa energética e se vend
  9. Pois é, a pesar de eu ser um defensor do GIG, prefiro uma Azul fazendo Cuiaba, POA, CWB, FLN, CNF, BSB, VIX , GYN, SSA, REC do SDU, adicionando mais non-stops ao RIO, do que entubando esses passageiros via GRU, VCP e CNF(caso houvesse uma restrição a 500 km conforme propõe a prefeitura). Mas penso que deveria ser respeitado um teto de movimentação no SDU até o GIG voltar a ter mais movimento ao invés de deixar que o mesmo seja ampliado a 15 milhões por ano conforme o edital...9 milhões já faz um estrago danado ao GIG, a propósito, desde 2008 quando dona Azul disse que queria montar seu hub n
  10. Concordo com o argumento de reformas, principalmente a tributária no nosso caso, que toca muitos interesses e é onde mais se pode fazer justiça social, gerar simplificação, realocação de recursos. Por isso nunca acontece, ou fica travada no congresso ou senado lobista desde sempre...mas, fazendo uma outra análise histórica... os alemães foram além dessa receita de reformas "estruturantes" para ultrapassar a Inglaterra na segunda revolução industrial, os EUA terra da liberdade, era liberdade para empreender pra quem tinha as terras e armas pra se defender, lei do mais forte a la farwest até cer
  11. De que adianta desburocratizar apenas, tornar o Brasil o estado mais eficiente do mundo se não há aumento de renda real da população, se em dólares, (os custos do setor são em dolar boa parte) o PIB/capita não volta ao nível de 2014? Isso por si só não atrai empresas. Tornar o estado mais eficiente só resolve parte do problema, pois sobraria uma parte maior do orçamento para o estado voltar fazer investimentos em setores estratégicos ou mesmo nos que carecem de mais recursos. Velha história, o Pib precisa voltar a crescer gerando empregos de qualidade , não apenas bilionários, seja por investi
  12. Saudade de quando existia Odebrecht( com a parte boa dela acumulada ao longo de décadas). Agora a "inflação" deve ser feita pela players estrangeiras ou nacionais que eventualmente tiverem entrado no seu market-share de domínio.
  13. Que maravilhoso se isto se tornar realidade, "antes tarde do que nunca"! Precisou de uma crise pandêmica para começarem a se mexer....E a concessionária certamente pressionando. Se nada for feito certamente a Changi sai fora cedo ou tarde.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade