Jump to content

PT-KTR

Usuários
  • Posts

    11,354
  • Joined

  • Last visited

Everything posted by PT-KTR

  1. Bom, pautado na tua declaração de GARAGEM DE ONIBUS, temos hoje, algumas empresas com ramificações rodovárias: GOL, PASSACONTA, TOTAL, SIDERAL. Sobrou quem? LATÃO e Azul, ok tem Modern e aí a coisa despenca. A questão é, desde que a tão idolatrada AVIANCA quebrou, inundando o mercado de profissionais, deixando um rastro de calote, já tínhamos um cenário não muito interessante para os profissionais, agora com outra "Avianca" entregue ao mercado que é o numero de demitidos da LATAM, por um bom tempo e nem uma Itapemirim vai resolver, a frase "Se você não quer, tem 1.000 lá fora querendo" vai vigorar e a partir desse conforto de quem define salário, pagar o mínimo vai surtir efeito. Outro ponto, sabemos, que se amanhã uma NELLA oferecer salario minimo para as Alices de instagram serem comissárias, vão formar o quadro facilmente e se liberar a GO PRO no vidro RH do cockpit, terá copilotos de sobra tambem. Sua tese tem fundamento, mas estamos em uma época, onde as vezes, dentro do plano de negócio, o turnover valerá a pena para o cara das finanças, incluindo ai o custo recorrente de treinamentos, recisões, etc.
  2. Então, a Azul puxou pra baixo, como a TAM um dia puxou, como a GOL puxou. Ok, mas existia alguém pagando bem, agora o Geronimo quer ir para perto da turma baixa, a diferença é que não é uma entrante como AD, JJ, G3 eram na época que o fizeram.
  3. Migles, o teu idolatrado CEO, Gerônimo Cadeado, MBA em Jabuticabas deu o start para o downsize de salários e assim será por muitos anos! Se não fosse o tão criticado SNA, a coisa estaria muito pior. Chegaremos ao dia em que a Azul terá o melhor salário e o restante seguirá o preconizado na CCT, isso se, até onde me consta, uma empresa não criar um ACT com valores abaixo do sindicato. Mas sinceramente, depois da Passaredo, mais vale ganhar pouco e receber em dia, do que ganhar "muito" e não ver a grana.
  4. @Leandrinho aí, você que gosta de siglas especiais, versões SHARP, SFP 2.0, agora tem os tripulantes versão especial também!!!!
  5. Pagando em dia, será muito bom para centenas que estão na rua! Agora o negócio é pagar em dia! Tem empresa aí que oferece ótimos salários, acima até da Azul, mas não paga em dia! E tratar com respeito, sem classificar como jabuticaba também está valendo! Sem os 30cm adicionais de wide. @B737-8HX só leigo ou amador para querer business plan divulgado, ninguém expõe nada claramente, faz parte do jogo, mas tem os Paulinhos e Alices que gostam de sonhar, julgar.
  6. @MRN tem um amigo seu que vai colar no povo do wide agora! Quanto ao seu talento na disseminação da informação, é o excesso de PITÚ no sangue
  7. @B737-8HX Acredito que a ITA merece sim o voto de confiança, mas também acredito que rolou uma tentativa de vai que cola com o lance da entrevista. Aguardemos as próximas, mas realmente não dá pra comparar o Senna com o MauMau da Nella! Sigo não acreditando nela!
  8. Alunxs de escolinha ou comissarixs novinhos, deslumbrados.
  9. Eu achei ele liso em algumas respostas e as Alices indo ao delírio! Pra mim o lance da cobrança ia rolar, mas como pegou mal, então tá com o jurídico. AKA vai que cola!
  10. É aquela onda... se cria estrutura de canal, precisa de receita. É só ver o final dos videos, são 2 editores de video, produção executiva, gente pra cuidar de loja e por aí vai... Quanto ao MAX, bem, realmente não ficou legal, mas é BoeingLover declarado. Mas isso tudo começou pois um user questionou a ANAC voar em algo que não foi retrofitado. Tomara que o avião retorne logo a condição de voo, cairia muito bem na guerra G3 vs AD, o MAX e sua economia destacada.
  11. Pliskin, a intenção foi ser superficial mesmo, não conheço o avião, não acompanho os pormenores, so quis por no Leandrinho o conceito de que plugando um cabo se atualiza um software, ATUALIZAR, ou seja do cartao flash pra aeronave, agora o software em si e sua atualização é outra história. A345, escrever se tornou raridade, as pessoas não querem ler, as pessoas querem ver/ouvir, inclusive isso fez o Lito migrar do blog para o youtube, só que produzir algo bom para o youtube, custa grana e aí o youtuber busca receita e alcance e para isso tem que atingir um público distante daquilo que muitos são aqui. Se voce observar o primeiro video dele, o centésimo e o ultimo, mudou o penteado, acrescentou tatuagem, cria até thumbnail estilo Felipe Neto, ou seja, virou business, mantem um foco de transmitir informação com conteudo, porem a forma de transmitir, tomou outra proa. Likes = money!
  12. Considerando FBW etc, um software é que diz como o hardware se comporta, mas não conheço essa anv, sei que nos E-Jets seria um grosso modo plausivel.
  13. Deve ter algo do tipo, ando por fora, mas a resposta foi baseada em cima dele declarar a cuestão do software.
  14. Então, te contar um negócio, existe um "cabo USB" que voce conecta a aeronave e uma maquininha que usa cartão FLASH (não é SD), daí é só fazer o upload do software e pasmem está atualizado ao final e te garanto que é mais eficiente que o Windows 10. Lembre-se SOFTWARE voce muda quando quiser, em minutos, HARDWARE é outro papo mais feroz.
  15. Vi sua resposta vlw... mas então meu caro Pitú... quando é um caso raro como esse ok, mas tem gente que troca por 500 conto (já vi, o cidadão saiu da GOL por +500 na TAM depois foi por mais 500 na OceanAir e por fim voltou por mais uns trocados e PLR na GOL.. isso no universo mecanico e tambem vi um cara sair de uma regional apos 1 dia ser liberado para voar sem instrutor em rota e ir para uma empresa grande, e o preju dessa regional ter feito ground, simulador fora do país e afins? quem absorve? @Jet Age então, aí é que falta clareza e profundidade e o assunto extrapolaria a aviação ou as empresas, entramos na cultura do Brasileiro mesmo.
  16. Ainda bem que a louca da Flyways pelo visto desistiu.
  17. Exato e ainda tem um agravante, quem garante que não é jogo de cartas marcadas? Vamos fazer uma conta de padaria? 950 reais né? Querem 300 comissários, se chamarem 600 para a seleção geraria uma renda de 285 mil reais. Belo negócio. Particularmente sou contra cobrar por processo seletivo, no entanto o contrato amarrando indenização caso caia fora da empresa para outra em prazo inferior a 24 meses eu acho justo, uma coisa é treinar um agente de aeroporto, outra coisa é treinar um piloto em simulador, mecânico em fábrica ou in house porem com vários OJT, isso é uma brincadeira que facilmente passa de 10k USD (mecanico) e chega facim facim em 50-60-70k USD para pilotos.
  18. Acho justíssimo o TRAINING BOND! Afinal tem gente que implora na porta da empresa pelo emprego, e aí saí na primeira semana após ser liberado em rota ou na volta do treinamento de manutenção. Foi dentro desse cenário que o Canhedo criou o inesquecível COPILOTO JR, COMISSARIO JR. Mas deveria ser permitido sim ter a proteção do lado da empresa. MRN, quando a TRIP mandou dezenas de técnicos para a Embraer na época do 175, gente que os caras da Azul nem olhavam pra cara, foram convidados para fazer parte da Azul na semana seguinte ao retorno da turma da Embraer, no entanto, ninguem foi. Mas seria sacanagem o cara sair na época e ir para a Azul, pois antes não era desejado. Quando o operador tem um equipamento comum ao mercado, se torna um risco e esse tipo de postura de "levar vantagem" do Brasileiro é que gera coisas bizarras como a remuneração baixa, afinal como o @Jet Age frisou, não tem almoço grátis, de alguma forma o cara está pagando, eu preferiria estar amarrado a um contrato. Os caras da ASTA fizeram uma graninha interessante nessa operação. Se voce der um google vai achar rsrs, que por ironia do destino é a empresa do CEO da ITA AIRLINES.
  19. Se surgisse uma "Flyways II", eu acredito que a Azul pelo perfil agressivo dela, especialmente quando as pessoas envolvidas na competidora despertam mais sentimentos em seus altos gestores, ela colocasse uns ATR em PLU em cima das rotas da entrante só para quebrar e aí depois sai novamente do aero. A conjectura mostrada pelo Naia, é o repeteco do que foi a Total um dia. A questão é, em 2021, é sustentável uma operadora de 47 assentos em voos circulares pelo interior produzindo unicamente O&D?
  20. Sim, falei de maneira ironica, o aero vai até 4C, mas a propria GOL nao pode operar CGH-PLU, tinha que ter a escala em um lugar abaixo de 500k paxs anuais. Eu acho que deveriam quebrar certas rédeas desse decreto político ridiculo e como a infraestrutura não é condizente, barrar em um tipo de avião de até X assentos, tipo 80 assentos.
  21. Exato, o piso salario base + compensação organica deve ser no minimo 9400.
  22. Pois é, tem que votar em gente bem formada e preparada, daqui a pouco Tiririca se mete numa lei dessa! Ou como aconteceu na Bahia, o sujeito vota contra seu próprio projeto e ainda classifica como absurdo (gentileza procurar Augustão de Ilhéus, do PT claro).
  23. Políticos se metendo em aviação PQP! @PT-WRT bastava multiplicar o km atual pela "velocidade" do avião, as aspas são para se chegar a um consenso e teríamos o valor hora da JJ.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade