Jump to content

Hoepers

Usuários
  • Content Count

    1,736
  • Joined

  • Last visited

About Hoepers

Previous Fields

  • Cidade/UF/País
    🇺🇸
  • Data de Nascimento
    10/11/1990

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    Boston
  1. Não aposte nisso. Com a queda da Avianca, as demais cias estão com alta ocupação, não duvide se as 3 cias ja terem recuperado o dinheiro investido na Avianca.
  2. Mais de 15 anos aqui no Fórum e ultimamente sonho em um dia entrar em um assunto e ter a qualidade de posts que você encontra no Airliners.Net Aqui temos 70% de usuários provocando o outro, defendendo uma empresa, e o resto são usuários que realmente agregam conteúdo.
  3. Prevendo um píer a la MOP Infraero.
  4. Aqui a United é a mais chata no que tange a fiscalização das bagagens nos voos internos. Se você pegar voo com 757 ou 737-900 eles fazem vista grossa ou quando o voo já está atrasado. Mas já vi muita briga no aeroporto por conta disso, eles ficam o tempo todo chamando no portão para os passagens com mala se apresentarem. Quem não vem e só aparece na fila, pode ser convidado a ter que aguardar e pagar a mala que normalmente é mais cara ainda no ato do embarque.
  5. Que foi registrado na FAA é fato, na pagina anterior encontra-se o link do próprio site da FAA falando sobre o tema.
  6. Ao menos pela ANAC não pode haver discriminação do passageiro se foi emitido com pontos ou pago. Na verdade pontos pode ser considerado como um dinheiro certo?! O que existe é a prioridade como preferenciais, passageiros good e etc... mas havendo lugar, a empresa aérea precisa reacomodar sim. Por sinal, as empresas aéreas que irão reacomodar não tem acesso à informação da classe tarifária que foi emitido. A Avianca fornecendo o FIN, embarca.
  7. Não é bem por ae. Quantos de nós aqui somos amantes da aviação. Quantos de nós pequenos íamos correndo no final de semana para aeroporto ver avião?! Muitos trabalham na aviação estão porque são apaixonados por aquilo que fazem. Muitos não estão por apenas dinheiro. Obviamente é muito importante a questão do salário e etc, mas o que quero dizer é que é possível compreender um tripulante que está tentando em outras cias e ainda não foi chamado, preferir voar sem receber do que ficar em casa sem fazer nada.
  8. A Varig contratava, não me recordo dos moldes desse tipo de contratação. na época da integração da Gol e Varig fiz um voo para Santiago e a CMS galley era chilena.
  9. O Brasil tem espaço para uma quarta empresa aérea sim. Está a Avianca para mostrar isso, sempre teve ocupação alta, infelizmente foi mal administrada, mas tinha demanda. E a demanda da Avianca não fazia a ocupação das demais abaixarem, demonstrando que há espaço sim para 4 empresa. O cenário atual com 3 reforçou isso, a tarifa média subiu muito, voos estão cheios, e muita gente desistindo de voar de avião por conta dos preços. Esse negócio que muitos defendem aqui que preferem 3 cias consolidadas do que 4 ou mais mal das pernas, não entendem que o cenário com essas 3 cias somente, fa
  10. A Gol fazia inicialmente GIG-GRU-LIM eu cheguei a tripular esse voo como comissário em 2007/2008. Começava internacional desde GIG. O voo que você se refere era FLN-POA-EZE-SCL (oriundo RG), então saiu FLN e entrou o LIM, ficando POA-EZE-SCL-LIM. Senão me engano foi na mesma época que houve as alterações na malha da GOL retirando todos os voos internacionais com trechos domésticos.
  11. Sou mais a pintura do 787 da United, porém em toda a malha.
  12. A matéria até que foi bem explicada, e de fácil entendimento. Entretanto um pouco tendenciosa.
  13. Na verdade ontem aqui nos EUA diversos jornais noticiaram quanto a uma intensa pressão ao Governo por parte dos democratas e alguns repúblicanos, no que tange a atitude da FAA perante ao acidente, o que mais se foi comentado foi a decisão da China e Europa quanto ao ground das aeronaves. Como os colegas falaram. Boeing e FAA deveriam ter se posicionado anteriormente por precaução, por isso houve uma atuação por parte do governo. Em resumo, para mim, é mais política sendo feita.
  14. A Gol divulgou uma nota à imprensa em resposta ao acidente: ...Segundo a companhia, embora ambas as empresas aéreas tenham o mesmo modelo de aeronave, sua operação é distinta da Ethiopian Airlines, o que não permite comparações. A segurança está em primeiro lugar para a Gol, declarou a empresa. ... O que será que a Gol quiz dizer que a operação dela é distinta?
  15. Sou leigo no tema. Mas realmente fiquei curioso para entender a diferença no projeto do trem do 737Max para o 777-300. Ao que entendi funciona da mesma maneira para a rotação. Ou não!?
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade