Jump to content

Leirbag

Membro Honorário
  • Content Count

    6,310
  • Joined

  • Last visited

Everything posted by Leirbag

  1. A recuperação judicial foi pedida somente para as filiais do Chile, Colombia, Equador e Peru. As filiais do Brasil, Argentina e Paraguai não entraram no pedido.
  2. Você usou o verbo "buscou" na sua pergunta original, o que deu a entender que tripulantes da Latam Brasil teriam ido ao Qatar trazer as aeronaves. Eu afirmei que os voos foram operados pela Qatar Airways, portanto tripulados por pilotos da própria empresa (que são de inúmeras nacionalidades).
  3. Quando a empresa fala que o voo está cancelado em definitivo não quer dizer que nunca mais vai voltar, mas sim que a operação está cancelada e não há data prevista para retorno (nesse caso nunca sequer chegou a operar).
  4. A Latam tem uma operação regular em PPT já. Se não me engano 1x na semana fazem SCL-IPC-PPT. Provavelmente devem haver chilenos e outros sulamericanos lá aguardando pra retornar aos seus países. Por que saiu de SYD não sei, mas logisticamente deve ser o que tenha fazia mais sentido para a empresa.
  5. Por qual motivo o governo faria qualquer coisa em relação à Oceanair? O mercado estava em pleno crescimento, dolar em patamares normais, não havia um vírus que repentinamente destruiu a demanda por voos... A Oceanair faliu por incompetência própria. Era uma empresa privada. Não fazia qualquer sentido o governo intervir de nenhuma forma. O mercado absorveu rapidamente a ausência dela. Por mais que menos concorrência seja pior para os consumidores, pior ainda seria usar dinheiro dos nossos impostos pra salvar uma empresa privada. Acho muito improvável que o Governo Brasileiro faça qualquer injeção de capital em qualquer cia aérea que seja na atual crise. O que devemos ver é um pacote de isenções/benefícios que permita às empresas se reerguerem. E antes que falem que o PG não está fazendo nada, foram anunciadas diversas medidas pelo Governo Federal para auxiliar a economia nacional, resultando em quase 700 bilhões de reais.
  6. Bens e produtos ainda continuam precisando ser transportados, mas não há mais tanta oferta de belly hold dos aviões de pax, então sobra pros cargueiros fazerem o serviço. As tarifas de transporte de carga aérea aumentaram bastante nas últimas semanas. Claro que a demanda em geral diminui, mas a oferta de belly hold despencou por causa da massiva suspensão de voos de pax no mundo todo, então basicamente transporte de carga tá sobrando somente pros aviões puramente cargueiros.
  7. Isso acontece há muuuuitos anos, tanto em GRU, como no GIG. Não é novidade pra ninguém que trabalha no aeroporto.
  8. A Air Italy era uma aposta imaginando que a Alitalia iria quebrar e eles iriam assumir o posto de grande cia aérea italiana. Só que com os sucessivos aportes do governo na Alitalia mantendo a empresa voando moribunda acaba não fazendo sentido manter a Air Italy viva.
  9. Entrem no Aviation Herald, digitem "Pegasus" e vejam o "excelente" histórico de incidentes/acidentes em pousos. Sei nem como essa empresa tá voando ainda...
  10. A Wizz Air também tem este tipo de tarifa. Está se tornando cada vez mais comum nas cias low cost.
  11. O GIG virou quase um monópolio da GOL para voos non-stop. Exceto rotas para os grandes hubs como GRU/BSB/CNF/VCP/REC a concorrência é quase nula.
  12. O avião pode pousar perfeitamente no maximum takeoff weight sem qualquer dano estrutural se estiver em uma situação de emergência que requeira o retorno imediato. Isso é previsto e certificado. Somente será necessária uma inspeção posterior a ser feita pela manutenção da empresa, mas é algo que não demora muito. O caso do Delta, ao que tudo indica, foi engine surge/stall. Pelo que deu pra escutar no áudio a tripulação conseguiu fazer o alerta sumir (provavelmente operando o motor em potência reduzida ou idle) e não precisou realizar um engine shutdown. O checklist de engine surge em momento algum indica "plan to land at the nearest suitable airport". É evidente que nessa situação não dá pra prosseguir o voo, mas não me pareceu haver a necessidade de um retorno imediato. Tem que ver o que levou a tripulação a efetuar o alijamento de combustível daquela forma, inclusive sem qualquer coordenação com o ATC.
  13. Acho que não, até porque as operações domésticas da Latam ficam no T2.
  14. Quepe é uma das coisas mais inúteis da aviação. Só serve pra ficar "desfilando" no aeroporto mesmo e fazer uma imagem pra empresa. Pros pilotos é um pé no saco e um trambolho a mais pra carregar/esquecer/perder. Sobre o uniforme da GOL, gostei. Achei bem elegante e sóbrio. Pena que teve esse problema de logística e metade dos tripulantes ainda não tão com o novo modelo e vai ser comum pegar com parte usando o novo e parte usando o velho.
  15. Essa mudança na estratégia da Latam está muito mais ligada ao Paulo Miranda que qualquer outra coisa. Paulo Miranda era o VP de Produtos da GOL e "virou a casaca" em 2019 e foi pra Latam. Ele que tá a frente de todas as mudanças no serviço de bordo que a Latam tá fazendo, nessa nova Premium Economy e etc
  16. Se o Contato Radar fosse gringo ia ter gente criticando a Southwest também por ser monofrota.
  17. https://youtu.be/mIA90evz8gs Aqui o vídeo com as comunicações ATC do Delta. Tiveram estol de compressor e aparentemente não precisaram efetuar um engine shutdown, somente mantendo o motor em potência em reduzida. Também afirmaram que não precisariam efetuar alijamento de combustível.
  18. Que a Flybe consiga se recuperar. Ela desempenha um papel importante no mercado regional britânico/europeu.
  19. Não dá pra julgar porque ainda não se sabe exatamente o que ocorreu, mas definitivamente não é previsto alijar combustível da forma como foi feito.
  20. Na GOL houve somente um curso online com as diferenças entre o NG e o MAX.
  21. Choveu torrencialmente por 5h seguidas em DXB nesse dia, o que é completamente anormal para a região.
  22. Acho que as empresas do golfo não vão mudar nada enquanto oficialmente não houver nenhum conflito ou NOTAM proibindo o sobrevoo nesses espaços aéreos.
  23. Quase todos os canadenses são iranianos com dupla nacionalidade. Boa parte estudantes que estavam voltando para Toronto após o recesso de fim de ano.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade