Jump to content

JA381A

Padrinho 1º grau
  • Posts

    5,272
  • Joined

  • Last visited

Everything posted by JA381A

  1. Não fazia idéia dessa salada toda aí não, parece até filho de ****, um pouquinho e cada pai kkkkkkkkk
  2. Lembrando também que num passado não tão recente JAL e ANA dominavam, hoje apesar do domínio ainda se manter, se tem no mínimo umas 6 empresas menores operando mais que uma ou duas dezenas de A320 e 737, e a Fuji que ainda opera uma qtde considerável de E175
  3. Não é bem assim né? A Boeing tá tentando aliviar a barra dela junto ao atraso do seu próprio produto, lendo a chamada, parece que vão cercar os 380 pra não deixarem operar, ficou bem tititi a matéria... Pra variar.
  4. Não que esteja sobrando, mas não considero 1,5k num serviço mais exclusivo e numa acft executiva como o Pilatus caro, se considerarmos que são apenas 8 pax e o custo deve ser bem maior que um Caravan, não deve ter quase nenhuma margem, nos EUA tem a Boutique Air que voa regularmente com o PC12 e o B350. Tomara que dê certo e que venham mais opções desse tipo pelo Brasil.
  5. Será que a 20/30 anos atrás se houvessem as tecnologias de hoje, será que teríamos a RG e a VP voando non-stop GRU-NRT/KIX?
  6. Bem relativo, meu vizinho possuí uma empresa de venda de aparelhos e acessórios de academia, fisioterapia e pilates, vende muitas macas, e aparelhos que ocupam bem mais que a cubagem calculada, segundo ele muitas encomendas seguem para o norte e o centro oeste.
  7. Padrão de conforto no max, onde kkkkkk? O E2 com 144 Pax fica com 29' de pitch, os Max 8 tem 30' e os da azul tem 31' e ambas 34' nas classes + Conforto e Espaço Azul. Vantagem dos Embraer continua sendo não ter a poltrona do meio.
  8. Quem disse que não paga imposto?
  9. Sinceramente acho muito distinto os públicos, atrairia mais turistas? Talvez, mas quem vai a Foz, geralmente vai ao turismo ecológico (Cataratas, parque das aves), e de compras indo ao Paraguai e Argentina, não vejo muitas pessoas encaixando um museu de aviação em seus roteiros, pode ser algo complementar, mas brasileiro não tem costume de visitar museus, não consigo vislumbrar infelizmente alguém pegando um avião em SP ou RJ, e indo pra Foz pra ver avião, só entusiasta mesmo. Esse museu se não ficar no Campo de Marte na minha opinião poderia estar em no máximo a 50km da capital, se estivesse por exemplo no Catarina na Castelo Branco ou anexo ao Hopi Hari/Outlet Premium na Bandeirantes, teria um público muito maior com certeza, fora de SP, vejo com bons olhos anexo ao Beto Carreiro em SC.
  10. E até pouco tempo atrás jurava que a Airlink era alguma subsidiária da SAA creio que devido a semelhança das liverys.
  11. Engraçado como coincidentemente sempre dominam 3 maiores em cada região, nos EUA a US3, na Europa AF, BA e LH, no Oriente Médio EK, QR e EY e no Brasil AD, G3 e JJ.
  12. Será que não existe uma solução juntamente com a PW para um motor mais leve e manter o que tem hoje no 175 atual lançando um "E1.5"
  13. Como funcionariam os motores Híbridos em aeronaves? Baterias e motores elétricos ainda são extremamente pesados, e durante o voo não vejo como por exemplo nos carros a regeneração da carga, poderiam por exemplo motores elétricos impulsionando a aeronave e um motor a combustão funcionando como gerador talvez?
  14. Dá muita, snme em números nominais o max -10 teria o range máximo de 3300nm enquanto o LR 4000nm e o XLR 4700nm este quase 50% a mais, seguramente os A321 atendem toda a Europa, boa parte da Africa Oriental e belisca alguns destinos no sudeste asiático.
  15. Um pouco de off: Sem contar os Ferrys, Uns anos atrás tive uma experiência fantástica em um Ferry entre Kobe e Shinmoji (próximo a Fukuoka), a quantidade de caminhões era impressionante, deve ter levado umas 10x mais tempo que um Shinkansen, mas altamente recomendável a quem passar pelo Japão. ps: como não é algo dignamente turístico, recomenda-se o básico de japonês, já que os restaurantes, vending machines e placas não tem tradução pro inglês.
  16. Esse episódio já se arrasta por 6 meses, não era o caso de um bom senso da Airbus em trasladar essas aeronaves de volta a França e analisar o que aconteceu e refazer a pintura? Agora fica todo esse tempo groundeado, gastando muita grana e ainda com o risco de perder mais, isso sem contar por mais que a Qatar seja a Qatar, não deixa de ser um ótimo cliente. Posso estar enganado, mas erros e problemas acontecem, na minha empresa sempre que um cliente seja ele grande ou pequeno, tem um problema tento resolver o mais rapidamente e satisfatoriamente para ele, mesmo que me custe a mais, importante não é o orgulho e sim as oportunidades que uma boa solução geram para futuros negócios.
  17. Deve ter rolado um belíssimo desconto pra dar o troco nos Franceses, porém não dá pra cravar que a Allegiant vai fica com uma frota toda Boeing, até por quê se confirmar as opções os 100 737 não substituem os 117 Airbus atualmente na frota, num futuro quem sabe, porém por um bom tempo será mais uma a ter a frota miscigenada.
  18. O maior problema para uma empresa aérea operar em SJK não é demanda, é uma empresa chamada Passaro Marron, quantas vezes lá no posto Ipiranga margens da Dutra próximo ao Jd. Aquarius peguei um ônibus que deixava na porta de GRU por 20 e poucos reais em 1:15/30 de viagem (Claro sem considerar os perrengues da Dutra).
  19. Lembrando que pelo interior de SP, MS e MT a Rumo e a MRS tem investido pesado na remodelação de linhas para escoamento de carga, sei que não é ideal, mas já é um início que poderiam surgir sinergias para o retorno do transporte de passageiros em um futuro.
  20. Acho que aí ia depender muito da onde esse trem iria partir, SP por exemplo: se por exemplo saísse de Marte como pretendiam no projeto original, o pessoal da Berrini/JK, Paulista e adjacências (não sei a %, mas chuto ser mais de 40/50% do tráfego na ponte) iria continuar preferindo CGH.
  21. Lembrando que a mesma no período pré-pandêmico chegou a operar alguns regionais como RAO e JTC a partir de GRU também, ela consegue focar o O&D de São Paulo em GRU, focando as conexões em outras localidades via VCP.
  22. Posso estar falando besteira, mas uma das minhas teorias é: Por ter seu HUB em SFO, Vale do Silício e start-ups de tecnologia, ela está querendo bancar a imagem de empresa cool, tecnológica e moderna.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade