Jump to content
Sign in to follow this  
Jaguar01

A-4M da Marinha do Brasil

Recommended Posts

IMG_8107-cópia.jpg

 

Ontem radioamadores de Confins-MG, ouviram um caça AF-1 Falcão (A-4KU Skyhawk II) da Marinha do Brasil fazendo procedimentos sobre a área de Confins, o que fez muitos pensarem tratar-se do protótipo do AF-1 modernizado pela Embraer.

 

Mas via Facebook, o encarregado do Programa de modernização dos aviões da MB disse que o voo do protótipo modernizado ainda não aconteceu.

 

Ou seja, ainda não ocorreu o voo tão esperado pelos que torcem pelo programa. Todavia, segundo informações disponíveis na LAAD 2013, o voo deve ocorrer ainda neste mês de maio.

 

Fonte: Poder Naval

Edited by Jaguares
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esse prazo para maio é otimista, já estamos no fim do mês... A primeira aeronave modernizada será empregada para fins de avaliar e certificar os novos equipamentos instalados e deverá voltar aos hangares para ser, então, revitalizada.

Edited by F-BHSP

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguém sabe se já voou o primeiro A-4M?

Estava previsto para final de maio passado, mas não tivemos conhecimento se foi realmente realizado.

Prezado passarodeferro:

Não, nenhum A-4M voou ainda.

Dê uma olhada nos tópicos a seguir. Creio serem interessantes:

http://forum.contato...__fromsearch__1

http://forum.contato...__fromsearch__1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Voou hoje (e pousou aparentemente sem grandes problemas) o protótipo. Trata-se do exemplar 1011.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Voou hoje (e pousou aparentemente sem grandes problemas) o protótipo. Trata-se do exemplar 1011.

 

 

Voa o primeiro A-4M modernizado para Marinha Brasileira

 

 

 

AF-1-N-1011-580x302.jpg

A aeronave AF-1 “N-1011″ está sendo usada como protótipo para o programa de modernização dos A-4 da Marinha Brasileira.

 

Na quarta-feira, dia 17 de julho, voou pela primeira o protótipo do modernizado A-4M que será usado pela Marinha Brasileira. A aeronave s/n 1011 realizou um voo dentro da normalidade desde Gavião-Peixoto, interior de São Paulo, onde está a unidade da Embraer responsável pelo trabalho de modernização.

 

A aeronave será usada como plataforma para certificação dos equipamentos e futuras modificações que serão implantadas.

 

No total, a Embraer vai modernizar 12 jatos A-4 (nove aeronaves monoplaces AF-1 e três biplaces AF-1A), num contrato de 2009 avaliado em US$ 106 milhões, o qual prevê que os jatos possam continuar voando até 2025.

 

Dentre as modificações estão um modernizado cockpit, com novos aviônicos e displays multifuncionais. O radar será substituído pelo IAI ELTA EL/M-2032 fabricado em Israel.

 

Os jatos modernizados também receberão novos sistemas de comunicação para permitir datalink seguro com outras aeronaves militares no Brasil. Dentre os armamentos os A-1M poderão ser equipados com mísseis ar-ar BVR e armas ar-superfície, ampliando a capacidade operacional da Marinha Brasileira.

 

Fonte: Pássaro de Ferro – Adaptação do texto: Cavok

Share this post


Link to post
Share on other sites

Marinha realiza primeiro teste em voo da aeronave AF-1B Skyhawk

 

AF-1B-600x312.jpg

 

 

Ocorreu em 17 de julho de 2013, nas instalações da EMBRAER, em Gavião Peixoto (SP), o início de uma série de testes em voo visando à prontificação das aeronaves modernizadas Skyhawk AF-1B/1C.

 

O Programa de Modernização das Aeronaves é um dos muitos projetos realizados pela Marinha do Brasil (MB) com intuito de manter seus meios integrados aos últimos avanços tecnológicos.

 

Este Programa, resultado da parceria entre MB e EMBRAER, vem sendo conduzido desde abril de 2009 e contribuirá para o desenvolvimento da Indústria Nacional de Defesa. A entrega das primeiras aeronaves modernizadas está prevista para ocorrer em março de 2014 e o recebimento dos novos meios agregará significativo incremento na capacidade operativa da Marinha do Brasil.

 

Fonte:http://www.defesaaereanaval.com.br/?p=24811

Share this post


Link to post
Share on other sites

Meus prezados
Conhecendo o A-4 KU Skyhawk II
http://www.aereo.jor.br/?s=A-4+Skyhawk+II
Este artigo mostra as características ténicas que levaram a Marinha do Brasil a optar pelo jato A-4 Skyhawk no seu retorno às operações de aeronaves de asa fixa.

Edited by jambock
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
13.jpg

Comandante da Marinha, Alte Esq Moura Neto (em pé ao centro) acompanhado de civis e militares

No dia 13 de agosto, o Comandante da Marinha, Almirante-de-Esquadra Julio Soares de Moura Neto, acompanhou o primeiro voo experimental da aeronave “AF-1B” modernizada. O evento foi realizado nas instalações da Embraer Defesa & Segurança, localizada na cidade de Gavião Peixoto, no interior de São Paulo.

A cerimônia, que foi presidida pelo Presidente da EMBRAER, Sr.Luiz Carlos Aguiar, contou com a presença do Comandante-em-Chefe da Esquadra, Vice-Almirante Sérgio Roberto Fernandes dos Santos; do Comandante do 8º Distrito Naval, Vice-Almirante Liseo Zampronio; do Chefe do Gabinete do Comandante da Marinha, Vice-Almirante Celso Luiz Nazareth; do Comandante da Força Aeronaval, Contra-Almirante Carlos Alberto Matias; do Diretor de Aeronáutica da Marinha, Contra-Almirante Carlos Frederico Carneiro Primo; do Coordenador do Programa de Reaparelhamento da Marinha, Contra-Almirante Petronio Augusto Siqueira de Aguiar; entre outras autoridades.

A aeronave “AF-1B” é classificada como de interceptação e ataque e foi desenvolvida para operação a partir de Navio-Aeródromo. Com o processo de modernização executado pela Embraer, as aeronaves receberão novos sistemas de navegação e de geração de energia, armamentos, computadores e sensores. Tais equipamentos, aliados à verificação estrutural realizada, possibilitarão ao “AF-1B” operar até o ano de 2025.

IMG_1851-580x313.jpg

FONTE: MB


Read more: http://www.naval.com.br/blog#ixzz2dCRKTgKR

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Prezado transvasp:

Mais uma vez, você enriquecendo sobremaneira este subforum. Interessante, os P-16 foram desativados por não serem considerados aptos a um upgrade, apesar de os argentinos o terem feito com os seus e mostrarem à Marinha Brasileira o belo trabalho realizado. Agora, o Brasil paga uma elevada quantia para aquisição e modernização para aeronaves que só servirão como transporte e reabastecedoras. Para isso, smj, só a mudança dos motores para turbo-hélice já seria suficiente.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Prezado transvasp:

Mais uma vez, você enriquecendo sobremaneira este subforum. Interessante, os P-16 foram desativados por não serem considerados aptos a um upgrade, apesar de os argentinos o terem feito com os seus e mostrarem à Marinha Brasileira o belo trabalho realizado. Agora, o Brasil paga uma elevada quantia para aquisição e modernização para aeronaves que só servirão como transporte e reabastecedoras. Para isso, smj, só a mudança dos motores para turbo-hélice já seria suficiente.

 

Enquanto isso nosso porta aviões ......

 

Algumas fotos

 

p16h.jpg

 

p-16-gae.jpg

 

1267400518.jpg

 

PAMA-SP09-UP-16A-foto2.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Prezado transvasp:

Magníficas as fotos postadas. Detalhe para a primeira, que mostra o único Grumman "Tracker" FAB P-16, cuja história vemos a seguir:

Em fins da década de 1987, apesar do alto estado de proficiência das equipagens embarcadas da FAB, seu principal vetor o Grumman Tracker começava a mostrar sinais de cansaço, repousando como principal ponto focal seu grupo motriz, que era composto por dois motores a pistão Wright R-1820-82AW, pois já haviam sido retirados de produção e a obtenção de sobressalentes se tornava um desafio cada dia maior, neste contexto surgiria a idéia de repotencialização das células , dotando-as com motores turboélices, sendo este um processo já testado e aprovado em outros operadores civis e militares.

Desta maneira foram conduzidos estudos pelo CTA e pela FAB, definindo a viabilidade do projeto, um dos pontos interessantes deste estudo era a busca por uma maior padronização de componentes nos vetores da força, optando então pela adoção de motores Pratt-Whitney PT-6A67CF de 1550 HP com hélices compostas de 5 pás Hartzell, sendo este motor compatível com os motores empregados pela frota de aeronaves Bandeirante e Bandeirante Patrulha. A aplicação prática deste projeto demandou a abertura de uma licitação em 1988, tendo como empresa vencedora a canadense IMP Group de Halifax, com um custo total de de USD 40.000.000,00, prevendo a conversão de 12 células.

O projeto final foi desenvolvido por este fornecedor , envolvendo a reconstrução completa das naceles e berços dos motores, mantendo-se o plano e o eixo das hélices, modernização do sistema elétrico, hidraulico e pneumático, instalação de sistema de ar condicionado. Estas mudanças influenciaram no centro de gravidade da aeronave sendo necessário a inclusão de um lastro de 500 kg de chumbo no nariz.

Como protótipo do projeto foi escolhido o P-16E "FAB 7036", sendo enviado para o Canadá em 6 de fevereiro de 1989, tendo efetuado o primeiro voo de teste em 14 de jungo de 1990 nas instalações do fabricante em Halifax, passando posteriormente nos EUA por um período de avaliação e testes operacionais junto a Naval Air Engineering Station Lakehurst em New Jersey, após este processo seguiu para a Base Aéra de Santa Cruz em 24 de dezembro de 1990.

Já no Brasil novos ensaios foram conduzidos , obtendo entre percalços naturais ( aeronaves modernizadas com mais de 20 anos de uso ), resultados satisfatórios, possibilitando assim o Ministério da Aeronáutica a iniciar uma segunda fase do projeto que consistia na atualização de toda a aviônica , tendo como vencedor a empresa francesa Thomson CSF. Já em 1991 foram conduzidos novos ensaios em operações embarcadas no Porta Aviões Minas Gerais com resultados plenos e motivadores.

Infelizmente dificuldades de ordem técnica e gerenciamento de processos de responsabilidade do fabricante assolaram o projeto P-16H, combinando ainda dificuldades orçamentárias do Ministério da Aeronáutica na presente época, fatores críticos que viriam a encerrar assim prematuramente em 1996 esta alternativa extremamente viável de se modernizar um excelente vetor embarcado.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Piloto da Marinha do Brasil realiza voo com aeronave protótipo modernizada

 

11.jpg

No dia 3 de setembro, foi realizado mais um voo do protótipo modernizado AF-1B “Skyhawk”, nas instalações da Embraer Defesa e Segurança, na cidade de Gavião Peixoto (SP).

A aeronave que está inserida no Programa de Modernização, já realizou diversos voos, mas esta foi a primeira vez em que um piloto de asa fixa da Marinha do Brasil, Capitão-de-Corveta (FN) Paulo Mário, realizou o voo com o protótipo modernizado.

Fonte: http://www.defesaaereanaval.com.br/?p=28221

Edited by transvasp
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

VF-1-15-anos-580x435.jpg

Esta é a pintura comemorativa dos Quinze anos do Esquadrão VF-1 “Falcões do Mar”. Uma homenagem de minha criação cuja imagem foi cedida à União e ao povo brasileiro aos cuidados da Marinha do Brasil.

Agradecimentos especiais ao Comandante do Esquadrão VF-1, Fernando Vilela, que conseguiu as permissões necessárias a tal homenagem e cuidou de todos os trâmites burocráticos, também ao “Plane Captain” do VF-1 Ivo Marques, que deu início a esta grande empreitada anos atrás e à Embraer, que patrocinou e executou o serviço de pintura, além de todas as pessoas desconhecidas por trás desta homenagem!

Parabéns ao Esquadrão VF-1 por seus quinze anos de criação e toda a tradição construída até aqui graças ao esforço das pessoas que mesmo hoje em tempos de paz, enfrentam grandes desafios nesta luta diária pela segurança de nossa pátria! Que o Esquadrão Falcão seja o berço da grande aviação de caça naval que nosso enorme país precisa e merece!

Rodney Adorno
28/09/2013


Via Site Poder Aéreo: Pintura comemorativa de 15 anos do Esquadrão VF-1 | Poder Aéreo - Informação e Discussão sobre Aviação Militar e Civil

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Meus prezados:

Dois vídeos sobre o Skyhawk AF-1M

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=A3LiUj0tR2A

http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=BNxvVZH2j7w#t=0

Não sei porque os jornalistas se referem ao Skyhawk modernizado brasileiro como “AF-1B” quando vê-se na deriva desta aeronave os dizeres “AF-1M”

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...