Jump to content

JetBlue orders larger Airbuses as it defers Embraers


DexterGIG

Recommended Posts

JetBlue Airways is to order another 35 Airbus jets but defer delivery of 24 Embraer 190s under a fleet restructuring plan which shifts the balance of the fleet towards larger aircraft types.


The restructuring will also involve converting 18 of its A320 and A320neo orders to larger A321 and A321neo twinjets.


"We believe these fleet changes will provide increased ability to match capacity and demand throughout our network and reduce costs, leading to improved shareholder returns over the long term," says JetBlue chief Dave Barger.


JetBlue has 30 A321s and 11 A320s on order. It is converting eight of the A320s to A321s, and placing orders for 15 more A321s, bringing its total to 53 of the larger type.


It is also amending its order for 40 A320neos, converting 10 of them to A321neos and ordering another 20 A321neos on top.


JetBlue has 25 Embraer 190s on order but 24 of them, scheduled for delivery from 2014, will be deferred to 2020-22. The airline says this will "optimise" its fleet of the type to about 60 in the near term.


"While the [Embraer 190] is critical to our continued success in Boston and San Juan, we are now at the point where our network growth calls for larger gauge aircraft," adds Barger.


Deliveries of the additional A321neo aircraft will begin in 2018. The 15 additional A321s will be introduced by 2017.


"With significant savings from increased fuel efficiency and better utilisation of our airport slot portfolio in key markets, we believe these A321 aircraft will improve our company's profitability," says Barger.


JetBlue chief financial officer Mark Powers says the change will reduce capital commitments over the next three years, a move "consistent with our free cash flow and return on invested capital goals".




fonte: http://www.flightglobal.com/news/articles/jetblue-orders-larger-airbuses-as-it-defers-embraers-392275/


Não quero ser pessimista, mas a coisa está começando a apertar para a EMBRAER. O Backlog de entregas já não está muito grande. O E2 não pode atrasar!


Link to comment
Share on other sites

Puxa justo o primeiro e maior cliente da Embraer estar dando esse tiro no pé da Embraer sera péssimo para as vendas....tomara que possamos ver a TAM Regional operando novos Embraer

Link to comment
Share on other sites

No mínimo vai converter esses 24 pedidos para E2....

Caminho natural. Faz bem e se bobear outras com carteira larga vão fazer o mesmo.

Será que eles podem atualizar para a E195 da nova geração?

Link to comment
Share on other sites

O problema maior é chegar a um ponto em que a EMBRAER nao vai ter mais E-Jets para entregar. O 175 raked veio em boa hora, mas a empresa ainda precisa vender mais alguns (ou ter opcoes de venda confirmada) para garantir que vai ter backlog ate a entrada do E2 em servico. Eu estou me baseando no último relatório que a EMBRAER soltou ao mercado sobre entregas no 3T de 2013 no mes passado.

Link to comment
Share on other sites

Minha opinião: a JetBlue não é a primeira vez que faz isso, e parece que caminha para uma frota 100% Airbus.

 

Não vale a pena operar EJET's e um avião maior como o B737 ou o A320. Para esse caso vale mais a pena operar o A319 ou o 737-700 do que partir para um outro modelo de outro fabricante.

 

O EJET serve como o maior avião de uma cia regional. Para ser o menor avião de uma cia doméstica com rotas mais longas e densas, vale mais o A319 ou o -700, por mais que o custo do EJET seja menor, o custo total de ter outro avião na frota supera essa vantagem.

 

Por essas e outras que eu sempre disse que para a AZUL não vale a pena partir para um avião maior, e quando fizer isso deverá terminar com a frota de EJET's, pois não valeria a pena, além de perder moral com o governo do país, já que largaria a importante EMBRAER favorecendo um fabricante estrangeiro.

 

Outra: se o C-Séries não é um sucesso, o E2 por enquanto está apenas ligeiramente acima disso. E salvo engano, poucos dos principais operadores de EJET no mercado encomendaram a nova versão E2, e isso eu realmente não entendo.

Link to comment
Share on other sites

Outra: se o C-Séries não é um sucesso, o E2 por enquanto está apenas ligeiramente acima disso. E salvo engano, poucos dos principais operadores de EJET no mercado encomendaram a nova versão E2, e isso eu realmente não entendo.

 

O C-Series chegou um pouco atrasado ao mercado, mas daí a não ser um sucesso é muito cedo pra dizer.

Tem tudo pra incomodar os E-Jets atuais.

O E2 está longe ainda.

Link to comment
Share on other sites

na verdade podem ser duas novidades..a tam regional e a azul com A320..haha

Mas para a TAM ir de Embraer no regional ainda falta muito alem de meros releases da Sra. Cláudia Sender....ja a Azul de A320 acho bem mais provável ,em especial para as rotas tronco nos horários de pico

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade