Jump to content

Tam cogita Caribe e nega boato sobre mudança de marca


Recommended Posts

Tam cogita Caribe e nega boato sobre mudança de marca
latamcoletiva5084-160714.jpg
Cláudia Sender, presidente da aérea, na entrada da sede da companhia, em São Paulo
Durante entrevista em que divulgou os dados relativos às operações da Tam na Copa do Mundo, a presidente da aérea, Cláudia Sender, confirmou parcialmente um boato e negou outro. O primeiro diz respeito à possibilidade de a companhia iniciar voos a Cancun no ano que vem.

Sem citar especificamente o destino, ele disse: “Caribe é uma região com pouca visibilidade para os brasileiros. Há mais argentinos lá do que turistas do Brasil. É um mercado com potencial de desenvolvimento e estamos atentos às oportunidades".

O boato negado é o de que a companhia estaria com um projeto de mudar de marca para se tornar Lan Brasil. “Não há nenhum plano”, esclareceu, acrescentando que o desafio é fazer com que o cliente entenda os benefícios da fusão entre Lan e Tam. “Temos de pensar em como devemos nos posicionar junto aos passageiros. Fazer esta comunicação é o desafio.”
Link to comment
Share on other sites

"Cogita Caribe" não

 

A frase dela quer dizer o seguinte: não vamos fazer nada. "É um mercado com potencial de desenvolvimento e estamos atentos às oportunidades" igual a Blá blá blá.

 

Já na questão "não existe plano de mudar de marca" me parece uma certeza maior. Mas obviamente não há plano até que haja.

Link to comment
Share on other sites

"Cogita Caribe" não

 

A frase dela quer dizer o seguinte: não vamos fazer nada. "É um mercado com potencial de desenvolvimento e estamos atentos às oportunidades" igual a Blá blá blá.

 

Já na questão "não existe plano de mudar de marca" me parece uma certeza maior. Mas obviamente não há plano até que haja.

 

Faltam BCN e FCO para ficarmos so na Europa. Que saia BCN, pelo menos, em 2015.

Link to comment
Share on other sites

<a data-ipb="nomediaparse" data-cke-saved-href="http://www.panrotas.com.br/noticia-turismo/avia%C3%A7%C3%A3o/%3Cstrong%20id=" href="http://www.panrotas.com.br/noticia-turismo/avia%C3%A7%C3%A3o/%3Cstrong%20id=" kw'%3etam%3c="" strong%3e-na-copa-20-mil-voos-e-investimento-de-r$-50-mi_102721.html"="">Sem citar especificamente o destino, ele disse: “Caribe é uma região com pouca visibilidade para os brasileiros. Há mais argentinos lá do que turistas do Brasil. É um mercado com potencial de desenvolvimento e es tamos atentos às oportunidades".

 

Executivos da Copa Airlines já citaram o Caribe mais de uma vez em entrevistas diversas como um mercado com destaque importante a partir do Brasil. Não entendi a relação de argentinos com a coisa toda. Com os preços do turismo no Brasil a região é muito interessante e tem sido cada vez mais comum ver gente viajando pra lá, Punta Cana principalmente. Ao que parece a TAM só considera Cancun.

Link to comment
Share on other sites

Estatísticas do Banco Central da RD: http://www.bancentral.gov.do/estadisticas_economicas/turismo/

 

Chegadas por nacionalidade Jan-Mai/14: Brasil 45.959 PAX Argentina 56.093 (e a 4M só tem um vôo semanal em EZE-PUJ-MIA), deve ser através de charters.

 

Outra coisa interessante:

 

Brasileiros que desembarcaram em SDQ jan-mai/14: 9.260 ( Em maio 1.813 PAX ou 58/dia, em dois vôos)

 

...................................................em PUJ jan-mai/14: 36.478 (em maio 8.440 PAX ou 272/dia em um vôo) Ou seja, + de 100 PAX vão por outras empresas, assumindo que a G3 só transporta brasileiros (166 pax) entre CCS-PUJ.

 

221 PAX desembarcaram em outros aeroportos, LA Romana, P. Plata, etc

Link to comment
Share on other sites

Tem muito Argentino que vai para RD pela G3 via GRU.

Eu mesmo ja estive nesse voo por diversas vezes e a quantidade de ermanos e bastante expressiva.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade