Jump to content

Virgin Australia paga menos de US$ 1 por 40% de companhia aérea em crise


A345_Leadership

Recommended Posts


David Fickling

17/10/2014 12h05



aviao-da-tiger-airways-no-aeroporto-de-m

Avião da Tiger Airways no aeroporto de Melbourne, na Austrália


17 de outubro (Bloomberg) – A Virgin Australia, segunda maior empresa aérea da Austrália, vai comprar o que restou da unidade local da Tiger Airways por 1 dólar australiano (cerca de R$ 2,15).


Em 2013, a Virgin pagou 35 milhões de dólares australianos por uma fatia de 60% da aérea de baixo custo. A companhia aérea disse que vai continuar operando com a marca Tiger, mas com crescimento reduzido.


O grupo Tiger, com 40% pertencente à Singapore Airlines, não fecha as contas no azul desde 2011, após sua operação na Austrália ter sido suspensa por seis semanas por um piloto ter voado baixo demais, se aproximando do aeroporto de Melbourne.


A Virgin informou que, por conta de sua participação na Tiger Australia, perdeu cerca de 11,6 milhões de dólares australianos em três meses até setembro.


O negócio busca "fundamentalmente" agilizar a volta da lucratividade do negócio, disse Sankar Narayan, diretor financeiro da Virgin Australia, após o anúncio de hoje. "Esta é a maneira mais rápida que temos para levar a Tiger ao equilíbrio."


A ideia é que a companhia aérea se torne rentável até o final de 2016, com a Virgin e a Tiger compartilhando custos operacionais e coordenando suas rotas para eliminar perdas, disse ele.


A Tiger atualmente voa para 12 destinos na Austrália, incluindo todas as capitais de Estado, bem como Darwin e cinco destinos de férias na costa leste do país, incluindo Cairns, Gold Coast e Mackay.



Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade