Jump to content

GOL lança serviço para transporte de animais na cabine em voos domésticos


teiacontabil

Recommended Posts

GOL lança serviço para transporte de animais na cabine em voos domésticos
11.03.2015 | Categorias: Notícias. Por: Fábio Vilela

A GOL Linhas Aéreas Inteligentes lança um novo serviço para os seus clientes em todos os voos domésticos. A partir de hoje, cães e gatos poderão viajar na cabine de passageiros, acomodados abaixo da poltrona, desde que atendam aos requisitos indicados pela companhia.

“Os animais de estimação são hoje considerados parte da família e seus donos querem estar mais próximos de seus pets, e isso inclui também o momento da viagem. Pensando em atender esta necessidade, reformulamos serviços e processos para oferecer mais esta conveniência aos nossos clientes, dando a eles a oportunidade de viajar do seu jeito”, comenta Paulo Miranda, diretor de Produtos da GOL.

Screen-Shot-2015-03-11-at-17.18.31.png

Para ser transportado na cabine, o animal precisa estar dentro do kennel (contêiner), que deve ter espaço suficiente para dar uma volta completa em torno de si. São aceitos todos os tipos de cães ou gatos, com idade mínima de quatro meses e peso máximo de 10 quilos (incluindo o kennel). Por questões de segurança, os passageiros com animais de estimação não podem ser acomodados em saídas de emergência ou primeira fileira, além de não ser permitido mais de um animal ou criança na mesma fileira.

Todas as recomendações visam o bem-estar dos animais e uma melhor experiência de viagem para todos. Por isso, eles precisam estar em boas condições de higiene e ter todas as vacinas em dia. De acordo com a ANAC, o dono também deve apresentar atestado de sanidade do animal, fornecido pela Secretaria de Agricultura Estadual, Posto do Departamento de Defesa Animal ou por médico veterinário. O documento deve ser apresentado no embarque com no máximo 72 horas após a emissão e precisa ter validade de dez dias.

Para mais informações, acesse o link: http://www.voegol.com.br/pt-br/viaje-sem-duvidas/viaje/passageiros-especiais/Paginas/animais-de-estimacao.aspx ou entre em contato com a Central de Atendimento da GOL.

Fonte: http://passageirodeprimeira.com/gol-lanca-servico-para-transporte-de-animais-na-cabine-em-voos-domesticos/

Link to comment
Share on other sites

Ué, pensava que a GOL já dispunha do serviço de PETC. Pelo visto só tinha de AVIH.

 

Era só AVIH mesmo, mal e porcamente.

 

Mas já não era sem tempo. Atende uma crescente demanda, gera uns trocados de receita e permite se alinhar a regras de outras cias - item essencial para entrar em uma aliança global.

Link to comment
Share on other sites

Muito bacana.

Voei na sexta-feira passada numa 737-800 da Gol na penúltima fileira e fiquei pensando o pq deles não aceitarem ainda Pet-C, pois o espaço entre as poltronas está bem bom. Muito boa esta notícia.

Link to comment
Share on other sites

Eu sei que muita gente humaniza bichos, mas por alto asskm num chute, dos voos que façome que tem pet, 50% ficam de boa... mas em 50% ou fazem coco e fica aquele fedor na metade do avião, ou ficam latindo incomondando todos, ou o bicho nem incomoda, mas o dono sim, tirando ele do kennel e mantendo no colo, o que é proibido, o bicho deve ficar a viagem toda fechado no kennel.

Enfim, sou contra animais na cabine.

Link to comment
Share on other sites

Eu também sou da mesma opinião, temendo que esses animais poderão causar transtornos durante o voo. Por isso mesmo, acho que não deveriam ser aceitos na cabine de paxs, exceto os cãos guias acompanhados dos seus donos.

Link to comment
Share on other sites

Eu sei que muita gente humaniza bichos, mas por alto asskm num chute, dos voos que façome que tem pet, 50% ficam de boa... mas em 50% ou fazem coco e fica aquele fedor na metade do avião, ou ficam latindo incomondando todos, ou o bicho nem incomoda, mas o dono sim, tirando ele do kennel e mantendo no colo, o que é proibido, o bicho deve ficar a viagem toda fechado no kennel.

Enfim, sou contra animais na cabine.

 

Entendo e respeito seu ponto apesar de não concordar. Os argumentos de fedor no avião e barulho de latido acontecem com crianças também. Não é uma questão de comparar criança com cachorro, mas o transtorno pra quem está por perto de ficar cheirando o coco do cachorro ou bebe e/ou latido ou choro, são iguais. Por isso sou a favor e acho legal a Gol finalmente permitir.

Link to comment
Share on other sites

Péssimo.

 

Quero ver numa evacuação de emergência o povo saindo carregando os animais na mão!!!

Ou no meio de uma turbulência forte, com o cachorro berrando se vão deixar ele dentro da caixa!!!. Vai sobrar para o comissário arriscar o pescoço e andar no meio da turbulência para dar esporro no passageiro.

Link to comment
Share on other sites

 

Entendo e respeito seu ponto apesar de não concordar. Os argumentos de fedor no avião e barulho de latido acontecem com crianças também. Não é uma questão de comparar criança com cachorro, mas o transtorno pra quem está por perto de ficar cheirando o coco do cachorro ou bebe e/ou latido ou choro, são iguais. Por isso sou a favor e acho legal a Gol finalmente permitir.

 

Concordo.

 

Se aplicássemos "ao pé da letra" a regra que mal cheiro e barulho incômodo fosse impeditivo para entrar na cabine, bebês não poderiam entrar nas aeronaves. O que, aliás, acontece nas classes executivas de algumas empresas. Portanto, não creio que essa linha de raciocínio seja a mais adequada.

 

Existem regras para transporte de animais na cabine, de forma a não molestar os demais passageiros. Basta aplicá-las. Simples assim.

Link to comment
Share on other sites

Particularmente eu não concordo, a partir de agora vou sempre lembrar de escolher a GOL somente em casos extremos, pois não gostaria de correr o risco de dividir uma fileira de poltronas com tal incômodo.

Link to comment
Share on other sites

Particularmente eu não concordo, a partir de agora vou sempre lembrar de escolher a GOL somente em casos extremos, pois não gostaria de correr o risco de dividir uma fileira de poltronas com tal incômodo.

Então prepare-se para começar a viajar de ônibus, porque a GOL era a única empresa que não dispunha de serviço de PETC, as demais já tinham.

Link to comment
Share on other sites

Reitero, beira o absurdo fazer comparação de cães com bebês humanos.

Conselho a quem vai viajar com amnimais:

1. observe os tempos de alimentação do animal e agende a última refeição de modo a não ter fezes no voo.

2. Procure um veterinário e peça um calmante ou algo assim para que o animal fique quieto e não fique latindo ou miando.

3. O animal deve ficar dentro do kennel no chão, não é permitido passear cim o bicho pelo avião, nem meso ficar com ele no colo fazendo cafuné.

4. Dê um bom banho no bicho, pois só o dono se agrada do cheiro de cachorro o tempo todo.

 

E lembre-se, nunca um animal vai receber o tratamento que é dispensado à um bebê, os comissários sempre estarão dispostos a ajudar uma mãe com um bebê... não pense que um comissário vai limpar ou mesmo ajudar a limpar cocô de cahorro (sim, já me pediram isso num voo)

Link to comment
Share on other sites

pessoalmente acho que nenhum passageiro deveria esperar ajuda dos comissários, seja com bebês, cachorros ou bagagens. Evidentemente a grande maioria dos comissários é solícita e vai tentar ajudar sempre dentro do razoável, mas não se deve contar com isso antes do embarque.

 

Quanto ao assunto em questão, sou plenamente favorável. Pelos inúmeros exemplos já vistos neste forum, nem as companhias aéreas são confiáveis em se tratando do despacho de animais nem todos os passageiros conseguem entender tudo que é necessário para o despacho apropriado, além de comprovadamente ser uma situação estressante para o animal. Qualquer medida que reduza o risco me parece boa.

Link to comment
Share on other sites

Eu sei que muita gente humaniza bichos, mas por alto asskm num chute, dos voos que façome que tem pet, 50% ficam de boa... mas em 50% ou fazem coco e fica aquele fedor na metade do avião, ou ficam latindo incomondando todos, ou o bicho nem incomoda, mas o dono sim, tirando ele do kennel e mantendo no colo, o que é proibido, o bicho deve ficar a viagem toda fechado no kennel.

Enfim, sou contra animais na cabine.

 

Eu sou contra o passageiro despachar o seu animal vivo e receber ele morto, isso quando recebe. O dia que as companhias aéreas souberem como carregar um animal de A para B sem mata-lo talvez não seja mais necessário levar ele na cabine.

 

Com relação ao animal incomodar e fazer "coco" é o mesmo que se aplica aos passageiros, aquele que respeita o próximo vai levar o seu animal de forma adequada sem pertubar ninguém, aquele que não respeita, vai incomodar o seu vizinho estando com cachorro ou não, falando alto, colocando o pé em cima da sua poltrona, ocupando assento errado, bebendo e causando tumulto e por ai vai....

 

 

Abraços

Link to comment
Share on other sites

E o passageiro que embarca bebado, suado, cheirando como um gambá????? Já vi isso várias vezes, inclusive agremiações esportivas... muito mais incomodo que um simples cãozinho...

Link to comment
Share on other sites

Péssimo.

 

Quero ver numa evacuação de emergência o povo saindo carregando os animais na mão!!!

Ou no meio de uma turbulência forte, com o cachorro berrando se vão deixar ele dentro da caixa!!!. Vai sobrar para o comissário arriscar o pescoço e andar no meio da turbulência para dar esporro no passageiro.

Particularmente eu não concordo, a partir de agora vou sempre lembrar de escolher a GOL somente em casos extremos, pois não gostaria de correr o risco de dividir uma fileira de poltronas com tal incômodo.

A forma como voces falam parece que a Gol é a unica empresa que transporta Pet na cabine...

 

Ate o mes passado, a Gol era a unica que não transportava

 

 

Por ai... E a um ano usando esse tal de Tapatalk

Link to comment
Share on other sites

Achei uma boa medida por parte da Gol. Conheço inúmeras pessoas que viajaram com outras cias para poder transportar seus animais junto na cabine. Agora duvido que alguém já tenha escolhido a Gol, pelo fato da mesma não permitir animais na cabine, pelo menos até dia 11. Na pior das hipóteses, a Gol ganha alguns passageiros a mais.

Link to comment
Share on other sites

Tem gente que gosta e outros não

Igual criança tem gente que gosta tem gente que não

Mas a grande maioria não se importa ou suporta e isso que importa para a empresa

Link to comment
Share on other sites

A forma como voces falam parece que a Gol é a unica empresa que transporta Pet na cabine...

Ate o mes passado, a Gol era a unica que não transportava

Por ai... E a um ano usando esse tal de Tapatalk

Não quer dizer que porque outras fazem eu ache correto.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade