Jump to content

Helicóptero cai em zona rural de Ouro Preto e deixa três mortos


jambock

Recommended Posts

Meus prezados

Helicóptero cai em zona rural de Ouro Preto e deixa três mortos

Agricultores da região teriam escutado uma forte explosão e, em seguida, avistaram uma fumaça preta saindo da Mata dos Palmitos
3.jpg

Um helicóptero caiu na tarde desta terça-feira (16) na Mata dos Palmitos, que fica localizada na divisa de Bandeiras, no distrito de Santa Rita de Ouro Preto, na região Central do Estado, e deixou três pessoas mortas.
Entre as vítimas está o piloto Felipe Piroli, enteado de um dos sócios da HeliBH, empresa de aluguel de helicópteros e escola de pilotos. Os outros dois tripulantes seriam um dos sócios da imobiliária Lotear Empreendimentos e seu filho.
A aeronave partiu de um condomínio Vales dos Cristais, em Macaé, no Rio de Janeiro, por volta de 15h, com destino a região metropolitana de Belo Horizonte. Porém, por volta de 15h30, o helicóptero teria se acidentado ao passar pelo distrito de Santa Rita, em Ouro Preto, onde havia nevoeiro no momento do acidente.
Segundo informações do Corpo de Bombeiros, agricultores da região acionaram a corporação e informaram sobre uma forte explosão. Eles afirmaram ter visto uma forte fumaça preta saindo da região e tomando conta do céu.
Duas viaturas foram deslocadas para o local apontado, mas o ponto exato da queda só foi localizada por volta das 21h. A corporação informou que uma neblina pairou pela cidade ao longo do dia, mas não soube precisar o que teria provocado a queda.
Os corpos, ainda de acordo com Corpo de Bombeiros, só seriam retirados do local nesta quarta-feira (17).
A Força Aérea brasileira informou ter sido notificada sobre a queda, mas ainda não se sabe o que teria provocado o acidente. O órgão também não sabe de onde teria partido a aeronave.
No início da manhã desta quarta-feira (17), o órgão comparecerá ao local do acidente.
Reação dos amigos
Amigos de Felipe, que era formado em Ciências Aeronáuticas pela FUMEC e atuava como piloto comercial de helicóptero pela HeliBH, manifestam o pesar pela morte dele no Facebook, onde trocaram as fotos de perfil por uma imagem de luto. Um deles escreveu: "Mais um amigo foi embora hoje. Falei contigo no sábado e nunca imaginava o que iria acontecer. Vai com Deus irmão."
E outro amigo registrou: "Tem coisas que parecem mentira. Hoje perdi um grande amigo, companheiro, um verdadeiro guerreiro que voava por esses céus a fora distribuindo sua alegria por onde passava. Hoje ganhamos um anjo, que Deus o tenha meu amigo, ilumine nossos caminhos!! Irmão tamo junto!!!!!!"
"Não dá para acreditar! Sou do tipo de pessoa que não costumo esquecer daqueles que me ajudaram e você foi um dos caras que mais me ajudou, quando era apenas um pista e me deu o primeiro duplo de 44. Um dia de muita tristeza, dor e vazio no coração da família e amigos. Serei sempre grato! Descansa em paz meu amigo!", declarou Emanuel Goulart, amigo do piloto.
Outros acidentes
Este é o terceiro acidente com aeronave em Minas Gerais nos últimos 12 dias. No dia 7, três pessoas morreram após um bimotor cair sobre casas do bairro Minaslândia, na região Norte de Belo Horizonte, deixando três pessoas mortas. O avião decolou do aeroporto da Pampulha e caiu minutos depois sobre residências.
As vítimas foram Emerson Tomazine, 43, o piloto da aeronave no momento do acidente; Gustavo de Toledo Guimarães, 38, o copiloto; e Carlos Eduardo de Abreu, passageiro. A aeronave pertencia ao Grupo MonteSanto Tavares Participações e Empreendimentos.
Monte Carmelo. Dois dias antes, em 5 de junho, um avião pulverizador agrícola caiu em uma fazenda localizada em Monte Carmelo, no Alto Paranaíba. O piloto, Sandro Roberto Prass, 21, morreu logo após o acidente.
Na ocasião, testemunhas teriam afirmado que o avião teria acertado um para-raios e caído ao lado da sede da fazenda.
Aeronave
A aeronave PT-YDY está registrada na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) no nome de Lotear Empreendimentos Imobiliários Ltda.

Consultando o site da ANAC, a Inspeção Anual de Manutenção (IAM) está em dia, vencendo em 14 de novembro deste ano. O Certificado de Aeronavegabilidade é válido até 17 de novembro de 2018.
Fonte: Camila Kifer / Marcus Celestino para O TEMPO via CECOMSAER 18 JUN 2015

Link to comment
Share on other sites

Meus prezados

Assunto já postado ontem.

http://forum.contatoradar.com.br/index.php/topic/115738-acidente-pt-ydy-160615-mg/

Moderação, favor bloquear o presente post.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade