Jump to content

Azul e HNA serão sócias da TAP


diegobenfica

Recommended Posts

http://exame.abril.com.br/negocios/noticias/azul-e-grupo-hna-serao-socios-minoritarios-da-tap

 

Azul e grupo HNA serão sócios minoritários da TAP
Mario Proenca/Bloomberg
size_810_16_9_aviao-da-tap.JPG

Avião TAP: as fatias exatas da Gateway, HNA e Azul na TAP ainda estão em discussão com o governo de Portugal

São Paulo - Com um aporte de 120 milhões de euros, aAzul será sócia minoritária da TAP. O investimento será feito junto com o grupo chinês HNA.

Juntos, a Azul, o grupo chinês e o consórcio Gateway, que venceu a disputa pela privatização da portuguesa, terão 45% da TAP, mas ainda não está claro qual será a fatia de cada uma delas.

David Neeleman, fundador da Azul, afirmou que pretende manter investimentos e compras deaeronaves.

Quando a TAP foi privatizada, em junho, o consórcio Atlantic Gateway comprou 61% da companhia. O consórcio é formado pelos empresários Humberto Pedrosa, de Portugal, e David Neeleman, fundador da Azul.

O consórcio assumiu 1 bilhão de euros em dívidas e se comprometeu a investir 338 milhões de euros. O governo ficou com 34% da participação e os funcionários, 5%. Na época, Neeleman afirmou que a Azul não teria participação na TAP, mas que poderia buscar parcerias.

Já em fevereiro, o governo português recomprou 50% dacompanhia portuguesa, retomando seu controle. Os funcionários continuam com 5%.

Hoje, a Azul entrou como uma das sócias da TAP, ao lado do grupo chinês HNA.

O aporte de 120 milhões de euros da Azul faz parte dos 338 milhões de euros que o consórcio Atlantic Gateway se comprometeu a injetar na empresa na ocasião da compra, em junho.

Parte desse valor, 23,7% para ser exato, será pago pelo grupo HNA, dono do quarto maior grupo de aviação daChina. É porque ele detém exatamente essa participação na Azul.

Em novembro, o grupo chinês adquiriu 23,7% de participação na brasileira por 450 milhões de dólares, se tornando o maior acionista individual da Azul.

Em nota, a Azul confirmou a transação "em títulos da TAP e esclarece que tal operação foi um requisito da negociação com o HNA Group ocorrida no final de 2015". Esse requisito não havia sido detalhado antes.

Por meio desse aporte, o HNA terá indiretamente de 10% a 13% do capital da TAP.

No entanto, a mudança de controle não alterou os direitos econômicos de cada parte. O governo português ficará com apenas 18,75% dos lucros da TAP.

As fatias exatas das sócias privadas, o Gateway, HNA e Azul, na companhia portuguesa ainda estão em discussão com o governo de Portugal.

A indefinição levou a TAP e a Agência Nacional de Aviação Civil de Portugal a criarem um grupo de trabalho para esclarecer dúvidas.

Ao jornal português Económico, David Neeleman afirmou que o investimento prometido na TAP não está em risco e que todas as decisões são tomadas junto aos sócios portugueses.

“Como tem investimento de fora e eles estão vendo a percentagem dos benefícios econômicos, têm que esclarecer quem está controlando. Quando separarmos a porcentagem que a Azul vai ter, os americanos e os europeus, não tem dúvida nenhuma de quem está controlando são os europeus”.

14 fatos sobre o empresário inquieto que comprou a TAP

Veja fatos sobre a vida de David Neeleman, fundador da Azul e novo dono da TAP

 

Link to comment
Share on other sites

Vai entender! Porque usar o dinheiro da Azul pra comprar uma empresa endividada no qual a propria Azul esta mandando avioes pra aliviar a oferta de voos internacionais.

Alguem entendeu a malicia do negocio?

Link to comment
Share on other sites

Hummm... E pra dar reposição da inflação no salário, sem um centavo de aumento real, não tem dinheiro né?

Pensei a mesma coisa, demissões , prejuízos, sem condições de repor a inflação ....mas 120 milhões de euros para investir em outra Cia aérea endividada tem ?

Link to comment
Share on other sites

Cade sindicato, MPT pra cair de pau (e ouvir alguma lorota)...

Cade, sindicato e Mpt de portugal devem ser ate mais duros do que no Brasil.

O CASK da TAP certamente é maior que o da Azul.

Link to comment
Share on other sites

Tem caroço neste angu, a HNA investiu este dinheiro na Azul com a condição desta investir na TAP. Então por que não investiu diretamente na TP?

 

 

Kkkkkkk

Esse gringo nasceu no Brasil. A alma não nega!!

Link to comment
Share on other sites

Quero ver se não atingirem a meta de LNR e tiverem que demitir o sorrisão na cara do pessoal sabendo que dinheiro pra pagar a folha não tem, mas 120 mi pra Portugal, dá-se um jeito...

 

Vai ter que ter muito discurso do gringo pra apagar a lambança que iisso pode virar.

 

O pior a se fazer numa crise é jogar colaboradores contra a empresa.

 

Me espanta o gringo não perceber isso.

Link to comment
Share on other sites

Pode ficar tranquilo que a lavagem cerebral é tanta que a maioria que sair vai ficar pianinho por medo de não voltar e se tiverem a oportunidade ainda irão dar os parabéns para o chefe por estar sendo demitido...

Link to comment
Share on other sites

Quero ver se não atingirem a meta de LNR e tiverem que demitir o sorrisão na cara do pessoal sabendo que dinheiro pra pagar a folha não tem, mas 120 mi pra Portugal, dá-se um jeito...

 

Vai ter que ter muito discurso do gringo pra apagar a lambança que iisso pode virar.

 

O pior a se fazer numa crise é jogar colaboradores contra a empresa.

 

Me espanta o gringo não perceber isso.

Na verdade são 500 milhões de reais, são 120 mi de euros

Link to comment
Share on other sites

Não adianta falar que os 120 milhões deveriam ser usados no Brasil. Pelas condições apresentadas, se não concordassem em investir na TAP o HNA simplesmente não colocaria dinheiro nenhum.

Link to comment
Share on other sites

Exatamente como nosso colega E175 falou e deixa claro na materia , a Azul era "obrigada a fazer o aporte a TAP", foi a Condição que o grupo HNA fez para no final das contas "mandar" mais.

Link to comment
Share on other sites

Não adianta falar que os 120 milhões deveriam ser usados no Brasil. Pelas condições apresentadas, se não concordassem em investir na TAP o HNA simplesmente não colocaria dinheiro nenhum.

Tipo, podem usar onde quiserem, agora é cinismo em pleno incentivo de LNR, possibilidade de demissões e congelamento de salários investir fora do país é... ainda que o dinheiro só tenha existido sob essa condição, o que aí já é parte das artimanhas do submundo administrativo. Se não fosse uma empresa cheio de mimimi e nhen-nhen-nhen, ninguem criticaria, mas nasceu com mimimi e para todo o sempre será

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade