Jump to content
Sign in to follow this  
TheJoker

[MALHA AVIANCA BR] Segundo GRU-MIA

Recommended Posts

Segundo voo diário para MIA começa em 30/11 (sexta), já a venda no site da ONE.

 

O68510 GRU 09:55 MIA 15:25

O68511 MIA 07:00 GRU 18:30

 

O68512 GRU 23:59 MIA 05:35

O68513 MIA 16:55 GRU 04:30

Share this post


Link to post
Share on other sites

Segundo voo diário para MIA começa em 30/11 (sexta), já a venda no site da ONE.

 

O68510 GRU 09:55 MIA 15:25

O68511 MIA 07:00 GRU 18:30

 

O68512 GRU 23:59 MIA 05:35

O68513 MIA 16:55 GRU 04:30

AA sai, AV entra e aumenta seu market share numa das rotas mais procuradas e rentáveis entre Am do Norte e Am do Sul. Melhor assim. Sempre critiquei a concentração de rota desta importância nas mãos da Latam + AA.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

O uso da palavra Rentavel é algo que precisa ser avaliado com carinho.

 

A insistência do seu uso faz parecer que basta lançar rota... e isso é perigoso. Uso médio de equipamento sobe...mas isso não é necessariamente bom se o tipo de tarifa obtido não acompanha o custo. Voo diurno derruba ocupação média e vai ter que jogar para baixo a tarifa média.

 

A AA tinha voo partindo de MIA ao meio dia e com sua rede chegou a conclusão que não era interessante, mesmo com custo de capital menor e custo fixo inferior.A Avianca vai sair as 7h disputando mercado com a Latam saindo as 7h40... ambas com zero conectividade...

Share this post


Link to post
Share on other sites

O uso da palavra Rentavel é algo que precisa ser avaliado com carinho.

 

A insistência do seu uso faz parecer que basta lançar rota... e isso é perigoso. Uso médio de equipamento sobe...mas isso não é necessariamente bom se o tipo de tarifa obtido não acompanha o custo. Voo diurno derruba ocupação média e vai ter que jogar para baixo a tarifa média.

 

A AA tinha voo partindo de MIA ao meio dia e com sua rede chegou a conclusão que não era interessante, mesmo com custo de capital menor e custo fixo inferior.A Avianca vai sair as 7h disputando mercado com a Latam saindo as 7h40... ambas com zero conectividade...

Zero em MIA mas boa conectividade em GRU, o q é mais importante neste caso. Miami, assim como LIS, é um destino que as pessoas "aceitam" voar diurno, afinal sao atualmente os dois destinos mais procurados para uma residência fora do Brasil, há muito VFR e negócios na rota. Roda bem praticamente o ano todo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Com a disparada do dólar resta saber até quando haverá demanda pra tanto voo novo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Com a disparada do dólar resta saber até quando haverá demanda pra tanto voo novo.

Sem duvida é um efeito a se considerar. Mas aí não há "novo voo", se comparado à oferta de alguns anos atrás.

 

É muito interessante destrinchar a estratégia da AA na rota GRU-MIA: cancela o voo diurno em favor de sua parceira Latam (que assim como a AV faz "bate e volta" com 2 aeronaves) e foca nas suas rotas mais rentáveis (as noturnas). Tanto sao que a AA deixa 1 77W e 1 772 parados ao sol em GRU por 12 horas. Não fosse assim rentável, cancelava um dos noturnos e rodava "bate e volta" com 2 aeronaves.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vocês estão se esquecendo que com o hangar da AA em GRU, o voo diurno deixa de fazer sentido. Passa-se a fazer sentido otimizar o uso dessa estrutura de manutenção, mesmo que se sacrifique a utilização de aeronaves na rota GRU-MIA em prol de um ganho de eficiência na rede inteira.

 

Então, não necessariamente foi uma decisão embasada apenas do desempenho do mercado. Esse outro fator certamente foi levado em consideração.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esse hangar que está sendo construindo em Gru, servira, só para as aeronaves baseadas em gru ou aeronaves baseadas da AA em no Brasil, argentina etc.

 

Para manutenções eu digo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Segundo voo diário para MIA começa em 30/11 (sexta), já a venda no site da ONE.

 

O68510 GRU 09:55 MIA 15:25

O68511 MIA 07:00 GRU 18:30

 

O68512 GRU 23:59 MIA 05:35

O68513 MIA 16:55 GRU 04:30

Precisa de mais um avião para fazer esse voo, ou consegue fazer com os aviões que já tem?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Precisa de mais um avião para fazer esse voo, ou consegue fazer com os aviões que já tem?

A princípio, pelo trilho, utilizam-se as mesmas duas aeronaves que rodam hoje noturno nas duas pontas. O que pode complicar é, dependendo dos trilhos envolvendo os demais destinos operados pelo A332, haverá uma folga menor, que acho que já não é das melhores; numa contingência com o menor tempo de solo nas bases, um eventual item de manutenção não programada que a aeronave venha a apresentar, complicará a operação como um todo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vocês estão se esquecendo que com o hangar da AA em GRU, o voo diurno deixa de fazer sentido. Passa-se a fazer sentido otimizar o uso dessa estrutura de manutenção, mesmo que se sacrifique a utilização de aeronaves na rota GRU-MIA em prol de um ganho de eficiência na rede inteira.

 

Então, não necessariamente foi uma decisão embasada apenas do desempenho do mercado. Esse outro fator certamente foi levado em consideração.

 

Não esqueci não, mas a AA ja tem 3 a 4 aeronaves paradas em GRU durante o dia. Nem toda aeronave vai precisar de manutenção todo dia e penso que terão aeronaves que vão ficar em GRU por alguns dias.

 

 

 

Esse hangar que está sendo construindo em Gru, servira, só para as aeronaves baseadas em gru ou aeronaves baseadas da AA em no Brasil, argentina etc.

 

Para manutenções eu digo.

 

A rigor GRU. Mas se houver aeronave demandando manutenção mais pesada no GIG penso que pode haver translado, se isso for possivel (a depender da situação e disponibilidade de tripulação, algo mais dificil de coordenar). Senão vai continuar sofrendo manutenção em oficinas de terceiros.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não esqueci não, mas a AA ja tem 3 a 4 aeronaves paradas em GRU durante o dia. Nem toda aeronave vai precisar de manutenção todo dia e penso que terão aeronaves que vão ficar em GRU por alguns dias.

 

A rigor GRU. Mas se houver aeronave demandando manutenção mais pesada no GIG penso que pode haver translado, se isso for possivel (a depender da situação e disponibilidade de tripulação, algo mais dificil de coordenar). Senão vai continuar sofrendo manutenção em oficinas de terceiros.

Pelo novo schedule em GRU, serão 5 aeronaves paradas o dia todo (3 77W+1 772+1 789) 4 vps e 4 (3 77W+1 772) nos outros 3 dias. E acredito que a AA não construiria seu único CEMAN fora dos EUA para atender somente às aeronaves de GRU. Palpite meu, vamos aguardar mais informações a respeito.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esse hangar que está sendo construindo em Gru, servira, só para as aeronaves baseadas em gru ou aeronaves baseadas da AA em no Brasil, argentina etc.

 

Para manutenções eu digo.

 

 

Em SCL tem um mini hangar:

 

26536246398_472149e78c.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só Pare... e pense....

 

Não se transporta aeronave sem tripulantes.

 

Se você quer fazer manutenção programada você envia o 77W, 772 ou 789 para GRU.

 

772 ou 77W com problemas em EZE ou GIG, significa manutenção não programada, significa que a tripulação é esperada em MIA, JFK, DFW ou LAX (futuramente em EZE). Se é manutenção pesada a aeronave fatalmente não vai poder decolar sem peças - o reparo tem que acontecer em GIG, SCL ou EZE.

Se for manutenção simples eu penso que vai ficar mais em conta fazer o serviço de volta nos EUA do que.... desviar a aeronave para GRU (duvido que a AA mantenha tripulantes extras) ... e reposicionar a mesma de volta a base original.

 

Casos raros podem acontecer, mas o foco da base tende a ser manutenção programada.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Foco é manutenção programada e tem várias serviços que podem ser feitos com lapsos de menos de 12 horas.

 

Check A pode ser quebrado em várias etapas menores. Manutenção de interiores pode ser feito também em um perdia. Diversas tarefas fora de fase também podem ser feitos durante a parada da aeronave em GRU.

 

Não faz sentido nenhum construir um hangar enorme e não aproveitar essa estrutura. Numa frota de 150 aeronaves widebody, dos quais 100 (B777 e B787) podem ser facilmente posicionados para passar por GRU pelo menos uma vez por mês, perder uma estadia longa com um vôo diurno seria um absurdo. Para a AA, mais vale uma aeronave parada em GRU durante o dia (no lugar de um vôo diurno low yield) do que em DFW ou MIA, de onde pode voar para qualquer lugar com PRASK nas alturas.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Precisa de mais um avião para fazer esse voo, ou consegue fazer com os aviões que já tem?

Com duas aeronaves consegue rodar sim já que a mesma fica parada em MIA, acho que por isso vão colocar uma terceira aeronave para SCL, pois seguramente será 3X voo diário mais tudo de A320 e esse A332 que vai a SCL pela manhã e regresa a tarde vai fazer o trilho do GRU-MIA-GRU. Ah não ser que tenha A332 vendo da Avianca, coisa que acho meio dificil pq estão com problemas com os 787.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Avianca Brasil revises Miami NW18 seasonal increase

 

Avianca Brasil this month expanded service on Sao Paulo Guarulhos Miami route on seasonal basis, however prior to the return of additional flights, the airline revised planned operational frequencies. From 01DEC18 to 16FEB19, the Star Alliance carrier operates this route 11 weekly, instead of previously planned 14.

 

O68512 GRU0015 0545MIA 332 D

O68510 GRU0930 1525MIA 332 x135

 

O68511 MIA0650 1820GRU 332 7

O68511 MIA0710 1840GRU 332 2

O68511 MIA0715 1845GRU 332 46

O68513 MIA1655 0430+1GRU 332 D

 

https://www.routesonline.com/news/38/airlineroute/281916/avianca-brasil-revises-miami-nw18-seasonal-increase/

Share this post


Link to post
Share on other sites

Avianca Brasil revises Miami NW18 seasonal increase

 

Avianca Brasil this month expanded service on Sao Paulo Guarulhos Miami route on seasonal basis, however prior to the return of additional flights, the airline revised planned operational frequencies. From 01DEC18 to 16FEB19, the Star Alliance carrier operates this route 11 weekly, instead of previously planned 14.

 

O68512 GRU0015 0545MIA 332 D

O68510 GRU0930 1525MIA 332 x135

 

O68511 MIA0650 1820GRU 332 7

O68511 MIA0710 1840GRU 332 2

O68511 MIA0715 1845GRU 332 46

O68513 MIA1655 0430+1GRU 332 D

 

https://www.routesonline.com/news/38/airlineroute/281916/avianca-brasil-revises-miami-nw18-seasonal-increase/

Quantas frequências além destas terá a rota GRU-MIA por parte da AA/JJ nesta alta temporada?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quantas frequências além destas terá a rota GRU-MIA por parte da AA/JJ nesta alta temporada?

 

Talvez seja a de menor impacto adicional, Boulos.

A AA não preve nada diferente do ano passado (na verdade vai rodar parece que somente 2 diurnos semanais, mas ainda não consegui confirmar isso). Eles estão bem prudentes com o Brasil

A JJ tem alguns extras usuais, mas nada parecido com o voo adicional que rodava até o ano passado.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cortar em alta temporada é porque quer melhorar o yield ou remanejamento da malha como disse o Lipe.

Na alta temporada, e ainda mais as vésperas do incio da operação.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...