Jump to content

Acidente com Sêneca no Paraná.


Recommended Posts

Impressionantes as imagens dos destroços. Violentíssimo o acidente...

Link to comment
Share on other sites

Meus prezados
O deputado estadual do Paraná Bernardo Ribas Carli (PSDB), 32 anos, morreu na manhã deste domingo (22) após o avião em que estava cair em Paula Freitas, região Sul do Paraná, divisa com o município de Irineópolis (SC), por volta das 11h. Havia três pessoas a bordo do avião modelo “Seneca” – o deputado e dois pilotos – e todos morreram com o impacto da batida.
No momento da queda moradores da região relataram que ouviram um barulho muito forte. A Polícia Militar de União da Vitória confirmou que o avião era do deputado e logo em seguida a assessoria do deputado Plauto Miró (DEM), tio de Bernardo, informou que a família reconheceu o óbito.
O local em que ocorreu a queda fica a 30 quilômetros e União da Vitória e ainda não é possível dizer qual foi a causa do acidente, que será investigado pela Polícia Civil. A aeronave de pequeno porte em que estava caiu em uma região rural enquanto ele se deslocava de Guarapuava em direção à União da Vitória. Ele era esperado no município para participar da 62ª edição da Festa dos Motoristas e estava na região para a vistoria de obras e outros eventos.
A Secretaria da Segurança Pública do Paraná (Sesp) informou que equipes do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Civil e da Polícia Científica prestaram atendimento no local da queda que é de difícil acesso. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado e diante da complexidade do acidente foram deslocadas equipes do IML de Curitiba, como odontologistas, para reforçar o trabalho de identificação das vítimas.
Moradores da região relataram ter visto a aeronave sobrevoando o Rio Iguaçu e caindo repentinamente.
Fontes: Tribuna do Paraná e umuaramanews.com.br 22 JUL 2018
Aeronave acidentada
http://static5.vvale.com.br/wp-content/uploads/2018/07/aviao-do-Carli-que-se-acidentou-300x250.jpg
Piper PA-34-220T Seneca V PR-DMC

MATRÍCULA: PR-DMC
Proprietário: GAPLAN ADMINISTRADORA DE BENS LTDA
Operador: SIDERQUIMICA INDUSTRIA E COMERCIO DE PRODUTOS QUIMICOS S/A
Fabricante: PIPER AIRCRAFT
Ano de Fabricação: 2005
Modelo: PA-34-220T
Número de Série: 3449322
Tipo ICAO : PA34
Tipo de Habilitação para Pilotos: MLTE
Classe da Aeronave: POUSO CONVECIONAL 2 MOTORES CONVENCIONAIS
Peso Máximo de Decolagem: 2155 - Kg
Número Máximo de Passageiros: 005
Tipo de voo autorizado: IFR Noturno

Categoria de Registro: PRIVADA SERVICO AEREO PRIVADOS
Número dos Certificados (CM - CA): 16833
Situação no RAB: ALIENACAO FIDUCIARIA
Data da Compra/Transferência: 181217

Data de Validade do CA: 21/07/23
Data de Validade da IAM: 140619
Situação de Aeronavegabilidade: Normal

Link to comment
Share on other sites

Vendo a forma que a aeronave decepou um monte de metros de pinheiros altos, começando pelo topo até quase até o chão; aliado as condições de névoa, a destruição inacreditável da aeronave me dá uma impressão de CFIT clássico.

O CENIPA deve elucidar este acidente. Fica meus pesares pelos dois pilotos.

Link to comment
Share on other sites

Vendo a forma que a aeronave decepou um monte de metros de pinheiros altos, começando pelo topo até quase até o chão; aliado as condições de névoa, a destruição inacreditável da aeronave me dá uma impressão de CFIT clássico.

O CENIPA deve elucidar este acidente. Fica meus pesares pelos dois pilotos.

 

Foi o que pensei quando vi a chamada num site de notícias...

Link to comment
Share on other sites

Meus prezados

FAB começa a investigar acidente aéreo que matou o deputado estadual Bernardo Ribas Carli no Paraná
Investigação começa nesta segunda-feira (23) e tem como objetivo prevenir novos acidentes com as mesmas características.

A Força Aérea Brasileira (FAB) começa a investigar, nesta segunda-feira (23), o acidente aéreo que matou o deputado estadual Bernardo Ribas Carli (PSDB). O avião em que ele estava caiu em Paula Freitas, no sul do Paraná, por volta das 11h de domingo (22).

Outras duas pessoas morreram - o piloto Laércio Tavares da Silva, de 44 anos, e o copiloto Luis Fernando Correa de Souza, que não teve a idade divulgada.

A investigação, conforme a FAB, tem o objetivo de prevenir que novos acidentes com as mesmas características aconteçam.

Nesta segunda-feira, investigadores do Quinto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa V), órgão regional do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), devem começar a coleta de dados.

A ação inclui fotografar cenas, retirar partes da aeronave para análise, reunir documentos e ouvir relatos de pessoas que possam ter observado a sequência de eventos.

O acidente aéreo

De acordo com a assessoria de Bernardo Carli, o deputado decolou de Guarapuava, no começo da manhã de domingo, rumo a União da Vitória, também no sul do estado.

Na cidade, ele participaria da 62ª Festa dos Motoristas, na Paróquia Nossa Senhora de Salete, a convite do prefeito Santin Roveda (PR).

O local em que o avião caiu é de difícil acesso, em uma área de plantação de eucaliptos. Os corpos foram retirados de lá no começo da noite, segundo a polícia, e levados ao Instituto Médico-Legal (IML) de União da Vitória, também no sul do Paraná.

O velório de Bernardo estava marcado para começar às 8h desta segunda-feira, na Prefeitura de Guarapuava, mas começou um pouco antes, quando o corpo dele chegou ao local, por volta das 7h15. O seputamento ocorre às 16h, conforme a assessoria dele.

A Secretaria da Segurança Pública do Paraná (Sesp-PR) informou, em nota, que equipes do Corpo de Bombeiros e das polícias Militar, Civil e Científica prestaram atendimento no local do acidente do avião modelo Seneca.

Segundo a Sesp-PR, a Polícia Civil vai instaurar um inquérito, que vai tramitar paralelamente às apurações dos órgãos da aviação civil.

Os outros dois corpos foram encaminhados para Curitiba, de acordo com o IML de União da Vitória.

...

Fonte: G1 Pr via CECOMSAER 23 JUL 2018

Link to comment
Share on other sites

Vendo a forma que a aeronave decepou um monte de metros de pinheiros altos, começando pelo topo até quase até o chão; aliado as condições de névoa, a destruição inacreditável da aeronave me dá uma impressão de CFIT clássico.

O CENIPA deve elucidar este acidente. Fica meus pesares pelos dois pilotos.

 

Não tem fogo...

Link to comment
Share on other sites

 

Não tem fogo...

Nem sempre tem fogo em um acidente de impacto de alta velocidade, combustível espalha; pelos destroços dá para ver que a situação foi feia mesmo. Era um voo relativamente curto com acft sem problemas.

SE os motores tivessem calado eles não iriam atingir o solo em grande velocidade....

 

Tudo especulação, acredito no trabalho dos investigadores do CENIPA, o que não quer dizer que não possamos ter alguma "opinião".

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade