Jump to content
Sign in to follow this  
jambock

Concorrência da USAF para novo treinador: notícias

Recommended Posts

Meus prezados
Em sequencia a http://forum.contatoradar.com.br/index.php/topic/119935-usaf-concorrencia-t-x-treinador-a-jato-avancado/
Consórcio Lockheed-KAI submete oferta final para concorrência da USAF
T-50.jpg
Lockheed-KAI T-50

 

Um consórcio da Lockheed Martin e da Korea Aerospace Industries (KAI) apresentou uma proposta no dia 15 de agosto para licitar um projeto de jatos de US$ 16 bilhões (18 trilhões de won) da Força Aérea dos Estados Unidos (USAF).
“A Lockheed Martin apresentou sua proposta final às 15h35min desta quarta-feira (horário local) para a Força Aérea dos EUA. Nada específico foi confirmado sobre os próximos cronogramas em relação à oferta”, disse o fabricante de aviões coreano.
O projeto tem como objetivo substituir os obsoletos jatos T-38C de treinamento de pilotos da Força Aérea dos EUA, por novas aeronaves. O treinador a jato T-50A do consórcio Lockheed-KAI está concorrendo contra o BTX-1 do consórcio Boeing-Saab.
A KAI espera ganhar a licitação, pois ajudará a empresa a ampliar sua presença global no momento em que a empresa busca expandir seus negócios para novos territórios. Nos últimos anos, a empresa investiu na venda de seus helicópteros Surion para outros países, como parte de seus esforços para se tornar um fabricante de aeronaves de primeira linha e de peças aeroespaciais.
Nenhum detalhe foi revelado sobre a divisão específica de lucros entre a Lockheed Martin e a KAI, mas espera-se que a concorrência se torne uma oportunidade de ouro para a KAI conquistar mais encomendas dos militares dos EUA e de outros países.
“Estamos depositando nossas esperanças em ganhar a licitação”, disse um funcionário da empresa. “Como o consórcio apresentou sua melhor e última oferta à Força Aérea dos EUA, só temos que aguardar a decisão final.”
Permanece desconhecido quando a Força Aérea dos EUA tomará sua decisão final, mas as expectativas são de que o governo dos EUA possa decidir sobre o licitante final antes do final de seu ano fiscal de 2018, em 30 de setembro.
O consórcio Lockheed-KAI acredita que a concorrência ajudará a expandir seus canais de vendas e servirá de impulso para conquistar vendas de milhares de novos jatos T-50A em outros países além dos EUA.
Se o consórcio vencer a disputa em andamento, ele fornecerá 350 aeronaves T-50A para os militares dos EUA. O treinador avançado T-50A – co-desenvolvido pela KAI e pela Lockheed Martin – é uma versão atualizada do jato supersônico T-50. A KAI tem know-how de uma década na fabricação do jato T-50 e exportou a aeronave para os principais mercados asiáticos – como as Filipinas.
“Ao vencer a concorrência, nosso impulso global ganhará ainda mais força e nos ajudará a expandir nosso fluxo de receita de maneira mais estável”, disse um executivo da empresa.


Fonte: The Korea Times via site Poder Aéreo 20 ago 2018

Share this post


Link to post
Share on other sites

Meus prezados
Em sequencia a http://forum.contatoradar.com.br/index.php/topic/119935-usaf-concorrencia-t-x-treinador-a-jato-avancado/
Boeing e Saab vencem concorrência do programa de jatos T-X da USAF
Boeing_T-X_high-res-1024x682.jpg
Boeing T-X

Contrato de US$ 9,2 bilhões inclui 351 jatos, 46 simuladores e equipamentos terrestres associados
ST. LOUIS, 27 de setembro de 2018 – Os pilotos da Força Aérea dos EUA em breve irão treinar para o combate com jatos T-X e simuladores da Boeing [NYSE: BA].
“O anúncio de hoje é a culminação de anos de foco inabalável da equipe da Boeing e da Saab”, disse Leanne Caret, presidente e CEO da Boeing Defense, Space & Security. “É um resultado direto de nosso investimento conjunto no desenvolvimento de um sistema centrado nos requisitos exclusivos da Força Aérea dos EUA. Esperamos que o T-X seja um programa de concessão durante grande parte deste século.”
A Boeing e sua parceira de compartilhamento de risco, Saab, projetaram, desenvolveram e testaram em voo dois jatos totalmente novos e específicos – provando o design do sistema, a repetibilidade na capacidade de fabricação e treinamento.
“Essa seleção permite que nossas duas empresas cumpram um compromisso que assumimos em conjunto há quase cinco anos”, disse Håkan Buskhe, presidente e diretor executivo da Saab. “É uma grande conquista para a nossa parceria com a Boeing e nossa equipe conjunta, e estou ansioso para entregar a primeira aeronave de treinamento para a Força Aérea dos EUA”.
A Boeing agora está liberada para começar a fazer pedidos com seus fornecedores, incluindo a Saab. Mais de 90% das ofertas da Boeing serão feitas nos EUA, suportando mais de 17.000 empregos em 34 estados.
A Saab atende o mercado global com produtos, serviços e soluções líderes mundiais em defesa militar e segurança civil. A Saab tem operações e funcionários em todos os continentes do mundo. Através de um pensamento inovador, colaborativo e pragmático, a Saab desenvolve, adota e aprimora novas tecnologias para atender às necessidades de mudança dos clientes.
Boeing-T-X-6.jpg
Fonte: Boeing via site Poder Aéreo 27 set 2018

Share this post


Link to post
Share on other sites

Meus prezados
Saab recebe pedido da Boeing para a aeronave T-X de treinamento avançado de pilotos
Boeing-T-X-6.jpg
A Saab recebeu um pedido da Boeing para a fase de Desenvolvimento de Engenharia e Manufatura (EMD) da Advanced Pilot Training Aircraft, T-X. O valor deste pedido é aproximadamente US$ 117.6 milhões. O pedido será executado até 2022.
A Saab e a Boeing foram selecionadas pela Força Aérea dos EUA em 27 de setembro para o programa T-X, uma nova era na parceria da Saab e da Boeing no futuro.
O programa T-X é dividido em várias fases. Este pedido diz respeito à primeira fase, EMD, na qual a Saab e a Boeing industrializam a aeronave T-X junto com o cliente. O EMD inclui testes, certificação de voo militar dos EUA e entrega de cinco jatos.
A fase EMD será seguida por uma fase de produção em série.
“Esta encomenda é um passo empolgante para toda uma nova era quando se trata de jatos de treinamento. Ele estabelece as bases para o nosso trabalho conjunto por muitos anos. Estamos ansiosos para dar os próximos passos juntos com a Boeing”, diz Håkan Buskhe, Presidente e CEO da Saab.
A Saab e a Boeing desenvolveram as aeronaves T-X juntas. A Saab é uma parceira de compartilhamento de risco com a Boeing no desenvolvimento. A Boeing é a contratada principal designada para a aquisição do sistema de treinamento de pilotos avançados pela Força Aérea dos EUA.
A Saab atende o mercado global com produtos, serviços e soluções líderes mundiais em defesa militar e segurança civil. A Saab tem operações e funcionários em todos os continentes do mundo. Através de um pensamento inovador, colaborativo e pragmático, a Saab desenvolve, adota e aprimora novas tecnologias para atender às necessidades de mudança dos clientes.
Fonte: Saab via site Poder Aéreo 22 out 2018

Share this post


Link to post
Share on other sites

Meus prezados

Nova aeronave de treinamento completou seus primeiros testes de vôo EMD
U.S.-Air-Force-New-trainer-aircraft-comp
A gigante aeroespacial americana Boeing confirmou que a mais nova aeronave de treinamento T-X, desenvolvida em colaboração com a Saab, completou seu primeiro vôo sob o programa de engenharia, fabricação e desenvolvimento (EMD).
A primeira surtida da EMD, anunciada pela empresa em 1º de julho, envolveu a aeronave N381TX, da Boeing T-X (BTX), que voava da fábrica de St Louis, em Missouri. Nenhum detalhe foi divulgado sobre a natureza ou a duração do teste de vôo, embora o chefe de testes T-X da Boeing, Steve ‘Bull’ Schmidt, tenha observado: “[Foi] muito bem. Ela voou soberbamente [durante o] primeiro vôo [do] programa de testes EMD. [Os] primeiros pontos de teste dispararam sem problemas. ” “O novo Boeing T-X está no ar e está voando alto em apoio ao contrato da Força Aérea dos EUA”, disse no Twitter, apontando para o início dos testes de vôo da EMD que é um marco importante para o programa.


Com duas aeronaves EMD até agora construídas (a Boeing fez questão de enfatizar que estas não são protótipos, no sentido tradicional da palavra, mas plataformas totalmente configuradas), 71 voos de teste foram realizados entre dezembro de 2016 e dezembro de 2018. Desde então, a Boeing e a Saab analisaram os dados antes do início dos testes de voo da EMD. O Boeing T-X é um novo sistema avançado de treinamento de pilotos projetado especificamente para a missão de treinamento da Força Aérea dos EUA. Inclui aeronaves de treinamento, treinamento em solo e suporte - projetados juntos a partir do zero.

A aeronave T-X tem um motor, caudas duplas, assentos em tandem e um cockpit avançado com treinamento incorporado. O sistema também oferece treinamento de última geração baseado em solo e um design de fácil manutenção para suporte a longo prazo.
O BTX apresenta um único motor General Electric Aviation GE 404, um cockpit de display de área ampla (LAD) e um sistema de arquitetura aberta. A USAF deve receber 350 aeronaves para substituir o Northrop T-38 Talon que está em serviço desde a década de 1960.
Com o primeiro conjunto de aeronaves a ser entregue à Base da Força Aérea de Randolph, no Texas, em 2023, a capacidade operacional inicial (IOC) está programada para 2024. A produção na recém-inaugurada instalação em Indiana será de aproximadamente 60 aeronaves por ano.
O T-X substituirá o antigo avião T-38 da Força Aérea. A capacidade operacional inicial está prevista para 2024.
A Boeing agora está pronta para começar a fazer pedidos com seus fornecedores, incluindo a Saab. Mais de 90% das ofertas da Boeing serão feitas nos EUA, suportando mais de 17.000 empregos em 34 estados.
A Saab atende o mercado global com produtos, serviços e soluções líderes mundiais em defesa militar e segurança civil. A Saab possui operações e funcionários em todos os continentes do mundo. Através de um pensamento inovador, colaborativo e pragmático, a Saab desenvolve, adota e aprimora novas tecnologias para atender às necessidades de mudança dos clientes.
Fonte: Fighter Jets World 3 jul 2019

Share this post


Link to post
Share on other sites

  Meus prezados

Saab inicia produção em apoio ao programa T-7A da Força Aérea dos EUA

spacer.png

A Saab iniciou a produção de montagem em 10 de janeiro de 2020 de sua seção da aeronave T-7A, o instrutor avançado desenvolvido e produzido em conjunto com a Boeing para a Força Aérea dos Estados Unidos (USAF).

A Saab é responsável pelo desenvolvimento e produção da seção de fuselagem traseira do instrutor avançado, com sete unidades traseiras sendo produzidas em Linköping, na Suécia, para montagem final nas instalações da Boeing nos EUA em St. Louis, Missouri.

“Em pouco mais de um ano desde que assinamos o contrato EMD, estamos iniciando a produção de nossa parte do jato T-7A. Essa conquista é possível devido à grande colaboração entre a Saab e a Boeing, e é uma honra fazer parte desse programa para a Força Aérea dos Estados Unidos ”, diz Jonas Hjelm, chefe da área de negócios de aeronáutica da Saab.

O trabalho está sendo realizado em Linkoping, Suécia, após o qual a produção futura da parte da Saab para o T-7A será transferida para a nossa nova instalação nos EUA em West Lafayette, Indiana.

As instalações da Saab em West Lafayette são uma parte importante da estratégia de crescimento da Saab nos Estados Unidos, criando fortes capacidades orgânicas para o desenvolvimento, fabricação e vendas de seus produtos.

A Boeing é a contratada principal designada para a aquisição do sistema de treinamento avançado de pilotos T-7A pela Força Aérea dos EUA. A Saab e a Boeing desenvolveram a aeronave com a Saab como um parceiro de compartilhamento de riscos. A Saab recebeu o pedido de EMD da Boeing, em 18 de setembro de 2018.

A Saab atende ao mercado global com produtos, serviços e soluções líderes mundiais em defesa militar e segurança civil. A Saab possui operações e funcionários em todos os continentes do mundo. Através de um pensamento inovador, colaborativo e pragmático, a Saab desenvolve, adota e aprimora novas tecnologias para atender às mudanças nas necessidades dos clientes.

Fonte: Saab via blog Poder Aéreo 22 jan 2020

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Meus prezados

Boeing promove T-7A na Ásia em busca do primeiro cliente externo

A Boeing está lançando seu T-7A Red Hawk para países asiáticos pela primeira vez no show aéreo de Cingapura, enquanto busca um primeiro acordo de exportação para o seu treinador a jato.

Até o momento a aeronave está contratada para construir até 351 exemplares para a Força Aérea dos EUA (USAF), com a primeira aeronave programada para entrega em 2023.

A Boeing planeja produzir até 48 aeronaves por ano para a USAF, mas diz que tem capacidade para expandir sua produção anual para apoiar as vendas de exportação.

Em setembro de 2018, a USAF selecionou a Boeing para o programa T-X e firmou um contrato de US$ 9 bilhões para substituir o Northrop T-38C Talon de 59 anos.

A Boeing acredita que existe um mercado global para 2.600 T-7A, como treinadores e aeronaves de ataque leve ou agressoras.

“Algumas estatísticas dizem que um em cada quatro caças avançados das forças aéreas mundiais hoje está sendo usado para missões de treinamento”, diz Thomas Breckenridge, vice-presidente de vendas internacionais da unidade de negócios de aeronaves de ataque, vigilância da Boeing.

“Ter um desempenho semelhante a um caça realmente permite que os pilotos não apenas treinem com mais eficiência, como também permite que as forças aéreas usem uma opção mais acessível do que os caças avançados destinados ao uso operacional”.

A Boeing diz que está pronta para oferecer compensações para ganhar contratos com nações estrangeiras, mas se recusa a especificar partes do T-7A que poderiam ser prontamente terceirizadas.

Fonte: FlightGlobal (tradução e adaptação do Poder Aéreo a partir do original em inglês) 12 fev 2020

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...

Important Information