Jump to content

Avianca Brasil entra com pedido de recuperação judicial [PARTE 1]


A345_Leadership

Recommended Posts

  • Replies 2.3k
  • Created
  • Last Reply

Do jeito que as coisas vão indo, daqui 10 anos será.... prefiro ganhar 4 mil firme do que 8 em tal lugar

 

 

A lavagem cerebral é tão grande que alguns até estufam o peito para dizer com o maior orgulho que recebe menos do que a média de mercado.

Link to post
Share on other sites

A Avianca não vai falir.

A empresa aguentou o tranco no período de maior recessão da história do Brasil e não vai ser agora, em um momento de otimismo com o futuro do país, que vão fechar as portas.

 

Para quem não sabe, Efromovich participou de um café da manhã com o Bolsonaro em agosto.

Isso está mais para um teatro(a fim de forçar a aprovação das MPs do capital estrangeiro) do que uma real falência.

Link to post
Share on other sites

Do jeito que as coisas vão indo, daqui 10 anos será.... prefiro ganhar 4 mil firme do que 8 em tal lugar

 

 

A lavagem cerebral é tão grande que alguns até estufam o peito para dizer com o maior orgulho que recebe menos do que a média de mercado.

Calma...

Nos anos 90 o cmte de F100 da TAM ganhava como copila da Varig. Eu também pensava assim. Era o fim do mundo aqueles caras da TAM topando voar por merréca.

O aviador não é obrigado a vir pra China para ganhar U$25 mil em detrimento da Ryanair que paga 6 e voa na Europa. Prefiro as 6 pratas do O`leary.

Muitas vezes, vale a pena ganhar menos e não se incomodar.

Link to post
Share on other sites

Calma...

Nos anos 90 o cmte de F100 da TAM ganhava como copila da Varig. Eu também pensava assim. Era o fim do mundo aqueles caras da TAM topando voar por merréca.

O aviador não é obrigado a vir pra China para ganhar U$25 mil em detrimento da Ryanair que paga 6 e voa na Europa. Prefiro as 6 pratas do O`leary.

Muitas vezes, vale a pena ganhar menos e não se incomodar.

Essa comparação não faz o mínimo sentido.

Estamos falando de empregos no Brasil.

Imagina duas empresas na China, uma pagando 10k e a outra 20k, você escolheria a de 10k por alguma razão?

Link to post
Share on other sites

Essa comparação não faz o mínimo sentido.

Estamos falando de empregos no Brasil.

Imagina duas empresas na China, uma pagando 10k e a outra 20k, você escolheria a de 10k por alguma razão?

Claro que tem que ter algum motivo. Se uma paga 10k e outra paga 20k, pode investigar que tem alguma treta. Imposto livre, escala comutada etc...Vale o mesmo pro norte da China em comparação com sul(melhor de morar e trabalhar) ou até Japão x Taipei.

E por que o emprego do Brasil é diferente?

Pode ganhar mais e arriscar voar na Oceanair ou estabilidade e ganhar menos no ATR Azul, onde varios colega da Varig foram contratados recentemente.

Link to post
Share on other sites

Tem um relato interessante rolando no WhatsApp escrito provavelmente por um tripulante de cabine, assim como outros relatos que rolaram no WhatsApp em relação a ONE este também revela a realidade nua e crua de e das “diretorias” da 06; principalmente no que se diz respeito ao terrorismo e faltado respeito com os funcionários.

 

Será que esses “DEUSES” das diretorias não perceberam lá atrás que esses relatos eram, são um sinal que algo não está certo? Ou seja quanto alguém faz um “RELPREV” é um indício que o incidente ou acidente é eminentemente!

 

Mas o providência imediata que os diretores da ONE tomaram foi, caçar os autores dos “RELPREV” e mandar recados do tipo: EU PROMOVO QUEM EU QUERO NA HORA QUE EU QUERO, PODE FALAR PRA TODO MUNDO.

 

Agora a empresa está aí do jeito que está!

Link to post
Share on other sites

Acho que o assunto aqui é a condição da Avianca Brasil, e não da azul, nem de seus funcionários, quem tem o direito de trabalhar lá, e até achar bom, apesar de receber menos. É difícil respeitar que está lá e não odeia a azul?

Link to post
Share on other sites

 

Para quem não sabe, Efromovich participou de um café da manhã com o Bolsonaro em agosto.

Isso está mais para um teatro(a fim de forçar a aprovação das MPs do capital estrangeiro) do que uma real falência.

 

Acho que quem foi demitido semana passada discorda disso..

Link to post
Share on other sites

Não sei se pode postar aqui, sobre as aeronaves que estão saindo... Mas.

 

OBM OBL no GIG sem o nome da empresa, apenas leme pintados.

OCP em Ostrava, sendo repintado, vai para Air France.

Fora os que vão para a Azul, né? Já já a O6 fica sem A320neo.

Link to post
Share on other sites

Tem um relato interessante rolando no WhatsApp escrito provavelmente por um tripulante de cabine, assim como outros relatos que rolaram no WhatsApp em relação a ONE este também revela a realidade nua e crua de e das diretorias da 06; principalmente no que se diz respeito ao terrorismo e faltado respeito com os funcionários.

 

Será que esses DEUSES das diretorias não perceberam lá atrás que esses relatos eram, são um sinal que algo não está certo? Ou seja quanto alguém faz um RELPREV é um indício que o incidente ou acidente é eminentemente!

 

Mas o providência imediata que os diretores da ONE tomaram foi, caçar os autores dos RELPREV e mandar recados do tipo: EU PROMOVO QUEM EU QUERO NA HORA QUE EU QUERO, PODE FALAR PRA TODO MUNDO.

 

Agora a empresa está aí do jeito que está!

Segue o relato:

 

Eu sou funcionario, trabalho envolvido nas operações da empresa a pouco mais de 4 anos e posso dizer que depois que trocaram toda a administração desde presidência até gerentes e supervisores, a companhia aérea tem sido vítima de várias descisões que a levaram a este estado.

 

As ações tomadas para o meu setor (tripulação de cabine) foram todas focadas a satisfação inata dos clientes e desrepeito total aos funcionários.

 

Os gastos desacerbados com upgrade para classe executiva por qualquer passageiro, por preços relativamente inferiores aos do mercado, face ao atendimento e conforto que se dá, não cobre seus custos. Pois o passageiro ele não compra a classe executiva, ele compra a economica e faz o upgrade por 100 dólares como era no Santiago do Chile e vai na classe executiva, e em contra partida o passageiro que adquire a executiva direto no site, paga preços condizentes ao mercado e fica em desabono do valor pago pelos outros, que receberam o mesmo atendimento.

 

Os vinhos não poderiam ser reaproveitados na companhia mesmo em voos como Santiago ou Bogota, pois uma vez aberta uma garrafa para servir, independente se a mesma foi aberta para desgustação, ela tem q ser jogada toda cheia na pia do avião.

 

Além do mais, a empresa não cobra por diversos serviços que as demais cobram, como cadeira de rodas, atendimento de Staff no exterior, serviço de bordo e com isso tornasse insustentável a operação desta Cia. Aérea, pois ela apenas dá o serviço e não cobra pelo mesmo, ou seja, a conta não fecha.

 

Hoje a Avianca Brasil, virou um cabide de emprego, onde existe o diretor que cuida de guardanapos, o diretor de papel higiênico, o diretor do guaraná e etc...

...Todos usufruindo de bons salarios e sen capacitação nenhuma de serem líderes deste grupo.

 

Os funcionários vivem uma ditadura, onde manifestando suas posições, são repreendidos pela chefia de comissários, mal administrada por um senhor demitido da Gol, que em todos os casos é contra seu grupo de comissários.

 

Além do mais, criando uma diretoria de serviço ao cliente, também por um diretor, demitido da TAM, por quase ter levado a TAM a esta situação e contratado pela Avianca, para criar o terror a todos os funcionários subordinados a eles.

 

Não estou aqui desrespeitando a ninguém nem aos colegas e clientes da Cia. Porém estou dando a minha posição de funcionário que não possui dignidade alguma pelos superiores desta companhia.

 

O resultado está ai; lamentavelmente a conta chegou e esperamos que haja uma auto crítica por parte dos donos para ser humildes o bastante para reconhecerem os erros e corrigirem o rumo.

Link to post
Share on other sites

Segue o relato:

 

Eu sou funcionario, trabalho envolvido nas operações da empresa a pouco mais de 4 anos e posso dizer que depois que trocaram toda a administração desde presidência até gerentes e supervisores, a companhia aérea tem sido vítima de várias descisões que a levaram a este estado.

 

As ações tomadas para o meu setor (tripulação de cabine) foram todas focadas a satisfação inata dos clientes e desrepeito total aos funcionários.

 

Os gastos desacerbados com upgrade para classe executiva por qualquer passageiro, por preços relativamente inferiores aos do mercado, face ao atendimento e conforto que se dá, não cobre seus custos. Pois o passageiro ele não compra a classe executiva, ele compra a economica e faz o upgrade por 100 dólares como era no Santiago do Chile e vai na classe executiva, e em contra partida o passageiro que adquire a executiva direto no site, paga preços condizentes ao mercado e fica em desabono do valor pago pelos outros, que receberam o mesmo atendimento.

 

Os vinhos não poderiam ser reaproveitados na companhia mesmo em voos como Santiago ou Bogota, pois uma vez aberta uma garrafa para servir, independente se a mesma foi aberta para desgustação, ela tem q ser jogada toda cheia na pia do avião.

 

Além do mais, a empresa não cobra por diversos serviços que as demais cobram, como cadeira de rodas, atendimento de Staff no exterior, serviço de bordo e com isso tornasse insustentável a operação desta Cia. Aérea, pois ela apenas dá o serviço e não cobra pelo mesmo, ou seja, a conta não fecha.

 

Hoje a Avianca Brasil, virou um cabide de emprego, onde existe o diretor que cuida de guardanapos, o diretor de papel higiênico, o diretor do guaraná e etc...

...Todos usufruindo de bons salarios e sen capacitação nenhuma de serem líderes deste grupo.

 

Os funcionários vivem uma ditadura, onde manifestando suas posições, são repreendidos pela chefia de comissários, mal administrada por um senhor demitido da Gol, que em todos os casos é contra seu grupo de comissários.

 

Além do mais, criando uma diretoria de serviço ao cliente, também por um diretor, demitido da TAM, por quase ter levado a TAM a esta situação e contratado pela Avianca, para criar o terror a todos os funcionários subordinados a eles.

 

Não estou aqui desrespeitando a ninguém nem aos colegas e clientes da Cia. Porém estou dando a minha posição de funcionário que não possui dignidade alguma pelos superiores desta companhia.

 

O resultado está ai; lamentavelmente a conta chegou e esperamos que haja uma auto crítica por parte dos donos para ser humildes o bastante para reconhecerem os erros e corrigirem o rumo.

 

Polêmico.

Link to post
Share on other sites

A Avianca não vai falir.

A empresa aguentou o tranco no período de maior recessão da história do Brasil e não vai ser agora, em um momento de otimismo com o futuro do país, que vão fechar as portas.

Infelizmente isso não garante nada, a Varig e a VASP fecharam em momentos econômicos melhores que o atual.

 

A empresa tem plenas condições de reerguer, mais que as duas citadas e a TAM pos o rombo do hedge.

Link to post
Share on other sites

Segue o relato:

 

Eu sou funcionario, trabalho envolvido nas operações da empresa a pouco mais de 4 anos e posso dizer que depois que trocaram toda a administração desde presidência até gerentes e supervisores, a companhia aérea tem sido vítima de várias descisões que a levaram a este estado.

 

As ações tomadas para o meu setor (tripulação de cabine) foram todas focadas a satisfação inata dos clientes e desrepeito total aos funcionários.

 

Os gastos desacerbados com upgrade para classe executiva por qualquer passageiro, por preços relativamente inferiores aos do mercado, face ao atendimento e conforto que se dá, não cobre seus custos. Pois o passageiro ele não compra a classe executiva, ele compra a economica e faz o upgrade por 100 dólares como era no Santiago do Chile e vai na classe executiva, e em contra partida o passageiro que adquire a executiva direto no site, paga preços condizentes ao mercado e fica em desabono do valor pago pelos outros, que receberam o mesmo atendimento.

 

Os vinhos não poderiam ser reaproveitados na companhia mesmo em voos como Santiago ou Bogota, pois uma vez aberta uma garrafa para servir, independente se a mesma foi aberta para desgustação, ela tem q ser jogada toda cheia na pia do avião.

 

Além do mais, a empresa não cobra por diversos serviços que as demais cobram, como cadeira de rodas, atendimento de Staff no exterior, serviço de bordo e com isso tornasse insustentável a operação desta Cia. Aérea, pois ela apenas dá o serviço e não cobra pelo mesmo, ou seja, a conta não fecha.

 

Hoje a Avianca Brasil, virou um cabide de emprego, onde existe o diretor que cuida de guardanapos, o diretor de papel higiênico, o diretor do guaraná e etc...

...Todos usufruindo de bons salarios e sen capacitação nenhuma de serem líderes deste grupo.

 

Os funcionários vivem uma ditadura, onde manifestando suas posições, são repreendidos pela chefia de comissários, mal administrada por um senhor demitido da Gol, que em todos os casos é contra seu grupo de comissários.

 

Além do mais, criando uma diretoria de serviço ao cliente, também por um diretor, demitido da TAM, por quase ter levado a TAM a esta situação e contratado pela Avianca, para criar o terror a todos os funcionários subordinados a eles.

 

Não estou aqui desrespeitando a ninguém nem aos colegas e clientes da Cia. Porém estou dando a minha posição de funcionário que não possui dignidade alguma pelos superiores desta companhia.

 

O resultado está ai; lamentavelmente a conta chegou e esperamos que haja uma auto crítica por parte dos donos para ser humildes o bastante para reconhecerem os erros e corrigirem o rumo.

Pena a situação atual. Na torcida para que as coisas melhorem.
Link to post
Share on other sites

A Varig tinha um know-how técnico indiscutível e um serviço de bordo inigualável, dava lucro operacional e foi pro saco. A Avianca não tem frota, plantel ou rotas que justifiquem alguém querer salvá-la se hoje qualquer paraguaio rico pode ter 100% e uma aérea no Brasil. Na minha opinião só sobraria o interesse (se é que há) da azul pelos slots de Congonhas porque até os aviões, só os NEOs interessariam e esses ela já pegou ao menos dois. Quero saber mesmo até onde a Avianca Colômbia não está tão podre quanto aguardando sr comprada pela Copa ou pela Azul.

Link to post
Share on other sites

Os irmãos Efromovich são sabidamente empresários de transporte rodoviário, aventureiros ricos que resolveram brincar de avião sem nenhuma experiência no assunto. Me lembra o Canhedo como o 'Vasp Air System', o Constantino Jr. que teve que deixar a presidência da GOL para ela poder voar e a Itapemirim que largou a aventura da aviação...

Link to post
Share on other sites

Os irmãos Efromovich são sabidamente empresários de transporte rodoviário, aventureiros ricos que resolveram brincar de avião sem nenhuma experiência no assunto. Me lembra o Canhedo como o 'Vasp Air System', o Constantino Jr. que teve que deixar a presidência da GOL para ela poder voar e a Itapemirim que largou a aventura da aviação...

 

Os irmãos trabalharam fortemente com estaleiros, não foi só empresa de ônibus.

Não juntariam tanta grana para comprar a Avianca Colombiana

Link to post
Share on other sites

Os irmãos Efromovich são sabidamente empresários de transporte rodoviário, aventureiros ricos que resolveram brincar de avião sem nenhuma experiência no assunto. Me lembra o Canhedo como o 'Vasp Air System', o Constantino Jr. que teve que deixar a presidência da GOL para ela poder voar e a Itapemirim que largou a aventura da aviação...

Transporte rodoviário é os Constantinos...Efromovich nunca tiveram nada no transporte rodoviário.

Link to post
Share on other sites

A Avianca não vai falir.

A empresa aguentou o tranco no período de maior recessão da história do Brasil e não vai ser agora, em um momento de otimismo com o futuro do país, que vão fechar as portas.

 

Para quem não sabe, Efromovich participou de um café da manhã com o Bolsonaro em agosto.

Isso está mais para um teatro(a fim de forçar a aprovação das MPs do capital estrangeiro) do que uma real falência.

 

Posso te garantir que o Paulo Guedes e a equipe são sérios pra caramba.

 

Ajuda do erário de um time que tem claro conceito contra estatização ou apoio do estado as empresas ? Esquece isso, o alinhamento do pensamento econômico de Chicago é a favor do livre mercado e mínima interferência do estado na economia !

Link to post
Share on other sites

Afinal de contas, a decisão de tudo, será mesmo na próxima segunda, dia 14?

 

É nessa data que saberemos o futuro da empresa?

No tocante a frota e até rede de destinos/frequencias, dia 14 é um dia importante.

Link to post
Share on other sites

Na empresa da minha esposa (setor de telecomunicações) foi expedido um comunicado às gerencias e diretorias hoje, 09/01, proibindo para as viagens corporativas e reuniões a emissão de passagens na Avianca em voos a partir de 14/01.

Link to post
Share on other sites

Na empresa da minha esposa (setor de telecomunicações) foi expedido um comunicado às gerencias e diretorias hoje, 09/01, proibindo para as viagens corporativas e reuniões a emissão de passagens na Avianca em voos a partir de 14/01.

Mas não vão nem esperar sair o resultado do dia 14? Rsrs

Link to post
Share on other sites

O estranho é que Avianca Argentina como fica? Eles não dependem da Brasileira para sobreviver?

 

Tudo muito estranho, numa crise seria, a Avianca Argentina nem decolaria

Link to post
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.



×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade