Jump to content
Sign in to follow this  
A345_Leadership

Avianca Brasil entra com pedido de recuperação judicial [PARTE 1]

Recommended Posts

Avianca Brasil impõe recurso para impedir retirada de aeronaves da frota.

 

 

https://www.aeroflap.com.br/avianca-impoe-recurso-para-impedir-retirada-de-avioes-da-frota/

 

Essa matéria diz que a Avianca está sem pagar pelo aluguel das aeronaves, mas dia 01/02 foram pagos.

Creio que ele se refira aos meses atrás.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Muito estranho nenhum lessor ter pedido o cancelamento a ANAC, já que foi autorizado desde segunda o cancelamento... Como foi falado aqui, deve existir mesmo um acordo para só pedir o cancelamento após o carnaval, se o STJ não atender o pedido da empresa.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Muito estranho nenhum lessor ter pedido o cancelamento a ANAC, já que foi autorizado desde segunda o cancelamento... Como foi falado aqui, deve existir mesmo um acordo para só pedir o cancelamento após o carnaval, se o STJ não atender o pedido da empresa.

Com insegurança jurídica do Brasil é só pra se incomodar. Pede cancelamento, semana que vem juiz reverte e manda refazer todo o registro.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Muito estranho nenhum lessor ter pedido o cancelamento a ANAC, já que foi autorizado desde segunda o cancelamento... Como foi falado aqui, deve existir mesmo um acordo para só pedir o cancelamento após o carnaval, se o STJ não atender o pedido da empresa.

 

E se estiver havendo entendimento entre empresa e lessor´s...

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

E se estiver havendo entendimento entre empresa e lessor´s...

 

Entre a Avianca e os lessor's? Acho muito difícil porque os lessor's querem os aviões para arrendar, estão perdendo dinheiro

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Com insegurança jurídica do Brasil é só pra se incomodar. Pede cancelamento, semana que vem juiz reverte e manda refazer todo o registro.

 

Pois é, se conseguir cancelar tem que tirar a aeronave rápido do Brasil... Aí não volta mais.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Pois é, se conseguir cancelar tem que tirar a aeronave rápido do Brasil... Aí não volta mais.

Chama o Mike Kennedy, Kevin Lacey e o Danny Thompson

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Creio que nem falam mais na atual situação.

Edited by SOUSA CPV

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Creio que nem falam mais na atual situação.

 

Sim, porem poderia ser uma possibilidade para salvar a Avianca e manter o nome no mercado.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Sim, porem poderia ser uma possibilidade para salvar a Avianca e manter o nome no mercado.

 

Mas se quando a situação estava boa os demais sócios não queriam, imagina agora.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Avianca colombiana irá devolver seus EMB-190, essas aeronaves caberiam na OceanAir. Creio que o valor delas é bem abaixo dos 320. Se bem que 190/195 devem ter vários no mercado.

Edited by SOUSA CPV

Share this post


Link to post
Share on other sites

Avianca colombiana irá devolver seus EMB-190, essas aeronaves caberiam na OceanAir. Creio que o valor delas é bem abaixo dos 320

 

Seria uma ótima ferramenta, eliminaria a bicheira do 318 e ainda proporcionaria competir bem em certos mercados.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Embraer 195 com pintura Avianca Brasil ficaria lindo!

 

https://www.jetphotos.com/photo/9020048

 

Configurava para 114 pax no 190

Edited by SOUSA CPV

Share this post


Link to post
Share on other sites

Embraer 195 com pintura Avianca Brasil ficaria lindo!

Mas esses aviões são próprios ou de leasing pois se for de leasing vão preferir um cliente melhor pagador que a Oceanair

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Será que a Avianca ventila a possibilidade de mudar de nome? Um novo equipamento e nova estratégia?

 

Seria muita despesa em um momento tão crítico.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Avianca da Colombia suspende diligência prévia para fusão com Avianca Brasil

Avianca Brasil opera de forma independente e está em processo de recuperação judicial de dezembro do ano passado.

TOPO

Por Reuters

 

22/02/2019 13h15 Atualizado há 4 horas

 

A Avianca da Colombia informou nesta sexta-feira (22) que suspendeu a diligência prévia para uma fusão há muito planejada com a Avianca Brasil, que opera de forma independente e está em processo de recuperação judicial.

 

 

A Avianca também informou que venderá sua frota de aviões da Embraer conforme busca reduzir o crescimento no futuro. A companhia reportou lucro líquido de US$ 19,3 milhões no último trimestre de 2018 na sexta-feira.

 

Aeronave da Avianca aguarda autorização para decolagem no Aeroporto de Congonhas, em SP Foto: Bruno Rocha/Fotoarena/Estadão Conteúdo

Aeronave da Avianca aguarda autorização para decolagem no Aeroporto de Congonhas, em SP Foto: Bruno Rocha/Fotoarena/Estadão Conteúdo

A Avianca, quarta maior companhia aérea do país, entrou com pedido de recuperação judicial em dezembro, após anos de crescentes prejuízos e atrasos em pagamentos de aeronaves.

 

Desde que entrou com o pedido, a companhia aérea já reduziu voos internacionais e decidiu conceder 600 licenças não remuneradas para funcionários e abrir um programa de demissão voluntária para comissários, pilotos e copilotos.

 

Fonte: G1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Desconfio que a Avianca Brasil já foi pro saco. Será que vai ser de interesse da matriz ter seu nome associado a um ativo tão podre? Pode ser que sobre algo da cia, mas será sob outra marca. E qual vai ser o louco que vai injetar dinheiro em algo tão incerto? Não consigo ver qualquer cenário otimista.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Viajei agora... Mas imagina uma possibilidade:

Avianca Brasil voltar a se chamar OceanAir?

E operar Embraer 195.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Viajei agora... Mas imagina uma possibilidade:

Avianca Brasil voltar a se chamar OceanAir?

E operar Embraer 195.

 

Voltar o nome é algo factível, agora trazer os E-Jegues é outra história, pois dependeria da situação desses E190 da "matriz", esses Embraers são da TACA, resta saber se ativos ou leasing para terceiros, se forem ativos, dependeria da relação com a matriz, se forem de lessor, aí mermão já era!

 

Mas se a relação com a AVA continuar deteriorando com a "queimação" no BR e Argentina, retirar a licença do nome é algo bem visível no horizonte... e aí vai acabar o orgulho de muito funcionário que acha que é Avianca, mas esquece que o CNPJ assinado na CTPS é OceanAir

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Voltar o nome é algo factível, agora trazer os E-Jegues é outra história, pois dependeria da situação desses E190 da "matriz", esses Embraers são da TACA, resta saber se ativos ou leasing para terceiros, se forem ativos, dependeria da relação com a matriz, se forem de lessor, aí mermão já era!

 

Mas se a relação com a AVA continuar deteriorando com a "queimação" no BR e Argentina, retirar a licença do nome é algo bem visível no horizonte... e aí vai acabar o orgulho de muito funcionário que acha que é Avianca, mas esquece que o CNPJ assinado na CTPS é OceanAir

Acho que muitos não entendem essas confusões jurídicas que as empresas criam, as Latam tem uma empresa que controla uma dezena de empresas em países e CNPJ e participações acionárias diferentes, a AVianca tem diversas empresas mas nem todas são Sá holding Avianca, a Gol usou o CNPJ da Varig, da Webjet no Smiles e agora é tudo uma coisa só ....muito confuso

Share this post


Link to post
Share on other sites

Desconfio que a Avianca Brasil já foi pro saco. Será que vai ser de interesse da matriz ter seu nome associado a um ativo tão podre? Pode ser que sobre algo da cia, mas será sob outra marca. E qual vai ser o louco que vai injetar dinheiro em algo tão incerto? Não consigo ver qualquer cenário otimista.

 

Sobre isso algo me saltou os olhos, na página 110 do link balanço, postado no segundo link. Segue a tradução feita no site da Cambridge Dictionary

 

 

Situação atual com a Oceanair Linhas Aereas S.A.

Em 10 de dezembro de 2018, a Oceanair Linhas Aereas SA (vide Nota 9-Saldos e transações com partes relacionadas) e AVB Holdings S.A., ambas

empresas coligadas separadas não integradas ao Grupo, requeridas para pedido de recuperação judicial perante o 1º tribunal de falências e recuperação judicial

de São Paulo, Brasil.

Derivado deste evento, o Grupo está atualmente avaliando os possíveis impactos relacionados a todos os acordos comerciais firmados entre

empresas do Grupo e Oceanair Linhas Aereas S.A., incluindo 4 contratos de sublocação para as seguintes aeronaves: 1 A330, 1 A330F, 2 A319.

O Grupo solicitou formalmente a rescisão e devolução da aeronave em conformidade com os termos e condições estabelecidos em cada um dos

acordos de sublocação.

No que diz respeito à devolução da aeronave sublocada, o Grupo está avaliando o processo de reincorporação dessas aeronaves à operação do Grupo ou

eventualmente, sua venda a terceiros. A partir da emissão dessas demonstrações financeiras, nenhuma dessas aeronaves foi incorporada à frota do Grupo

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade