Jump to content
Sign in to follow this  
A345_Leadership

Avianca Brasil entra com pedido de recuperação judicial [PARTE 1]

Recommended Posts

A torcida não tem que ser para voltar a crescer e sim se ESTABILIZAR.

Share this post


Link to post
Share on other sites

https://www.cnbc.com/2018/12/12/reuters-america-update-1-united-ceo-plays-down-any-hit-to-avianca-jv-from-sister-co-bankruptcy.html

 

 

UPDATE 1-United CEO plays down any hit to Avianca JV from sister co bankruptcy

Published 1 Hour Ago

Reuters

bankruptcy@ (Adds Munoz comments on loan, background)

 

CHICAGO, Dec 12 (Reuters) - United Airlines Chief Executive Officer Oscar Munoz said on Wednesday he was "not concerned" the bankruptcy filing of Avianca Brasil would hurt the No. 3 U.S. carrier's joint venture with related airline Colombia's Avianca Holdings.

 

Avianca Brasil, which filed for bankruptcy protection on Monday after being sued for repossession of its jets, is owned by holding company Synergy Group, which also controls the better-known Avianca Holdings.

 

As part of a planned joint venture to give it a deeper foothold in Latin America, United extended a $456 million loan to Synergy last month, backed by Avianca common stock that can be executed in the event of a default.

 

Speaking to reporters on Wednesday about the airline's growth plans, Munoz said the loan was "very exacting" in terms of how it had been structured and that Avianca Colombia had no connection to its Brazilian counterpart other than a common shareholder.

 

Under the loan contract with Synergy, United would receive first dibs on any offer that Synergy might receive on Avianca Holding common shares. The contract also spells out situations in which United would be the controlling shareholder of Avianca, and calls for a board seat if United reaches a 5 percent stake.

 

(Reporting by Tracy Rucinski, Editing by Rosalba O'Brien)

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Exato. mesmo que crise financeira seja menor, a crise na imagem já está feita. eu não sou agência, minha área é outra, mas sou cliente de uma agência e a empresa emitia muito avianca. Só a sua agência, mais a que sou cliente, já temos 2 casos de não emissão de avianca em somente aqui no forum...

 

Também não sou da área mas utilizo duas agências pra emissão de passagens toda semana. E as duas bloquearam emissões pela O6. No sistema que utilizo pra registrar as solicitações nem aparece mais o logo...

 

10z0cg7.jpg

Edited by andregomesoliveira
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acordo com a United nos moldes da joint venture previsto para janeiro, excelente notícia e que venha o mais rápido possível.

No video ele diz que não tem aviões parados.É verdade?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Uma grande diferença é também a comunicação online de hoje. Comunicado parecido que a avianca enviou aos colaboradores, enviou as agências. Minha empresa é cliente de uma agência, pedimos voos, hotéis, carro etc por App. Ela nos repassou a informação do primeiro dia que não teria RJ. No dia seguinte mandou outro, agora já em RJ. No mesmo momento pedimos que os voos avianca fossem bloqueados no nosso sistema até que se tenha maior clareza do que acontece. Seria melhor a cia ser mais transparente... sem transparência fica o pensamento que ela já passou do ponto de não retorno ou não é uma empresa séria... assim que nosso sistema não mais mostrou voos avianca para os colaboradores escolherem, muitos que tem voos pessoais de férias tb já ficaram preocupados, quem ainda não emitiu já não considera mais avianca. Quem tem pontos amigo está tentando emitir o mais rápido possível. É uma bola de neve. E isso aconteceu em 2 dias somente dentro da minha empresa. Deve estar acontecendo Brasil afora também. Não será fácil. A cia precisa ser mais ágil, mudar de estratégia divulgada todo dia só vai complicar mais e mais... para sair da RJ ela precisa vender passagem, sem transparência da situação não vai vender... colocar preços que são a metade das demais passa a sensação de desespero. Complicado. De qualquer forma, tomara que se recupere!

Bom, eu tenho uma agência de viagens e minha ordem é não vender Avianca Brasil até normalizar ou saber o que vai acontecer.

 

Faço parte de algumas associações de agencias e inclusive vários grupos de whatsapp de agências com cada um mais de 200 agências e todos estão com hold de vendas, porem preocupados e com clientes ligando e entrando em contato pra saber se o voo deles nos próximos meses vai sair. Inclusive, agências com grupos em voos para Miami com inumeras passageiros. Ontem mesmo em evento de uma representante de cruzeiros em SP a conversa entre tudo mundo era sobre Avianca.

 

O incrível e a irresponsabilidade da querida cvc em fazer promoções nesse fds com pacotes voando avianca para o nordeste.

 

Esse ano ficamos praticamente sem emissão de Alitalia, pelos problemas delas e indefinições sobre o futuro da cia, tanto que para nosso divisão de operação de Grécia era a melhor cia aérea em valores e horários de voos mas tivemos que segurar. Alias ainda estamos em hold parcial, cotamos mas não emitimos para a próxima temporada de verão.

 

agora entrou a Avianca Brasil na lista de não vender.

  • Like 7

Share this post


Link to post
Share on other sites

ah! um pito sobre leis trabalhistas, não quer dizer que a Avianca Holdings não tem nenhuma relação com a Avianca Brasil, porem o elo é o Grupo Synergi. Patroa em casa (q trabalha no trt de sp, já falou que só disso, já da pra mandar a fatura pra avianca colombia e para outras empresas do grupo synergi por exemplo.

 

A Gol é campeão em processos que não paga e a conta sobra para as inúmeras empresas rodoviárias da familia.

Share this post


Link to post
Share on other sites

No video ele diz que não tem aviões parados.É verdade?

Os parados a empresa já havia planejado segundo comunicado na imprensa, acredito que ele tenha se referido que não haviam aviões parados por força do arresto.

Share this post


Link to post
Share on other sites

ah! um pito sobre leis trabalhistas, não quer dizer que a Avianca Holdings não tem nenhuma relação com a Avianca Brasil, porem o elo é o Grupo Synergi. Patroa em casa (q trabalha no trt de sp, já falou que só disso, já da pra mandar a fatura pra avianca colombia e para outras empresas do grupo synergi por exemplo.

 

A Gol é campeão em processos que não paga e a conta sobra para as inúmeras empresas rodoviárias da familia.

 

Isso de dividir a responsabilidade trabalhista com empresas do mesmo grupo econômico procede, mas não alcança empresa estrangeira.

Share this post


Link to post
Share on other sites

A nova AFA é que cinco neo vão para a Azul. Eu particularmente não acredito, não sei se a AD teria tripulação para colocar esses aviões para voar, em um curto espaço de tempo.

Edited by ATR

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tripulante ela arruma,como no caso da implantação dos 320.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pensando um pouco distante... chances de vermos o A350 nas cores da O6 é quase nula agora, certo?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Infelizmente o pior se confirmou. A situação da empresa é ruim, mas o que mais me surpreende é que não adianta colocar empréstimo em cima de uma operação já deficitária e que tende a sofrer queda de demanda pelo pedido de RJ !

 

Que tiro no pé em versão gigante!

 

Se realmente é o que parece, por que não buscaram resolver os problemas cortando rotas deficitárias (se é o internacional, corta como fizeram com a aventura inicial do voo para a Cidade do México) e reduzindo frota e operações o quanto antes.

 

Não tem segredo em finanças corporativas - expansão irracional dá nisso - a Avianca era uma empresa muito equilibrada com uma malha balanceada e multi destinos, e em questão de meses decidiu mudar o modelo e sair abrindo bases para uso com 1 mercado somente - bancando conexões caras com tarifas claramente subsidiadas , e brigando contra mamutes já estabelecidos com rotas diretas nesses mesmos mercados.

 

Deviam ter buscado a rentabilidade antes de qualquer coisa, e copiar quem está conseguindo resultado positivo - e não insistir no erro que ja provocou prejuizos bilionários na Latam e na Gol - e quando falo de resultado positivo cito a Copa, e até mesmo a própria Avianca da Colombia. No doméstico nosso talvez unico exemplo atual seja a Azul.

 

O que as rentáveis de fato fazem ? Tem muito mais rotas exclusivas do que disputadas. Tem foco em rotas exclusivas e não no popular "mais do mesmo ©" que limita a rentabilidade (e normalmente gera prejuizos). Conectar destinos e oferecer conexões é uma das coisas mais dificeis de se administrar no lado do "yield management" pois suas concorrentes com voos diretos podem simplesmente fazer o sistema de uma empresa ficar oferecendo tarifas subsidiadas e construir "voos viciados em conexões" - voos que no final apresentam margem negativa, mas parecem ganhar dinheiro.

 

A conta chega.... bases novas representam aumento dos custos fixos - e infelizmente as cias do Brasil tem dificuldade de rentabilizar algumas. 2 voos diarios com tarifas compativeis a quem enche 10 ou 15, faz com que enquanto quem tem 15 voos tenha um custo fixo representando cerca de 2% da operação, enquanto quem tem 2 e precisa manter estrutura compativel, paga pela ociosidade vendo seu custo fixo bater 20% o que torna qualquer resultado positivo (em um negocio que gera 10% de lucro no máximo em negócios como o da Copa) em rotas com tarifas de R$ 100 a R$ 300.

 

Quem ja viu tarifa de US$ 40 na Copa ?

Pois é... a estrutura da Copa tem bases com baixo nivel de voos, mas ela consegue terceirizar e opera uma equipe enxuta. No modelo Brasileiro quem faz os trabalhos de rampa, check-in, despacho, etc etc ?

 

As cias Brasileiras precisam repensar suas operações

 

E isso é pra hoje ! Não dá pra continuar com cada uma responsável por seus processos ! Vejo o check-in dividido de alguns aeroportos (inter/domestico), vejo o baixo uso do auto atendimento (que não é incentivado), vejo problemas com a falta de união do setor para criação de 1 ou 2 empresas de serviços gerais para atender a tudo e a todos (quantos times tem a ociosidade de se operar 2 voos por dia em um aeroporto ? )

 

Tem que se unir para alterar as legislações que afetam qualquer medida focada em eficiência. Unificar areas de aeroportos por exemplo.

 

Tem também que buscar formas de baratear o custo do leasing ou da aquisição das aeronaves (melhor... faz com que as empresas invistam em ter patrimonio na forma de aeronaves) e isso talvez demande mundanças na legislação tributária. O país paga centenas de milhões de dolares todos os anos em aluguel de aeronaves!

 

E tem que buscar melhorar a eficiência operacional , controle aéreo, serviço de meteorologia... são custos adicionais que acabam acontecendo pelas empresas terem informações imprecisas e por vezes terem que manter aeronaves no ar por muito mais tempo do que deveriam (melhor seria que tivessem ficado no solo!)

 

Agora, se o setor não se unir, vamos continuar assistindo Varig`s, Vasp`s, Transbrasil`s, BRA`s e outras virem e irem.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom, eu tenho uma agência de viagens e minha ordem é não vender Avianca Brasil até normalizar ou saber o que vai acontecer.

 

Faço parte de algumas associações de agencias e inclusive vários grupos de whatsapp de agências com cada um mais de 200 agências e todos estão com hold de vendas, porem preocupados e com clientes ligando e entrando em contato pra saber se o voo deles nos próximos meses vai sair. Inclusive, agências com grupos em voos para Miami com inumeras passageiros. Ontem mesmo em evento de uma representante de cruzeiros em SP a conversa entre tudo mundo era sobre Avianca.

 

O incrível e a irresponsabilidade da querida cvc em fazer promoções nesse fds com pacotes voando avianca para o nordeste.

 

Esse ano ficamos praticamente sem emissão de Alitalia, pelos problemas delas e indefinições sobre o futuro da cia, tanto que para nosso divisão de operação de Grécia era a melhor cia aérea em valores e horários de voos mas tivemos que segurar. Alias ainda estamos em hold parcial, cotamos mas não emitimos para a próxima temporada de verão.

 

agora entrou a Avianca Brasil na lista de não vender.

Muito provavelmente as outras irão aumentar seus bilhetes com esse aumento de demanda

Aí quando a coisa ficar mais calma, alguns retomarão as vendas da Avianca-Brasil, se a empresa continuar honrando seus clientes, esse movimento será retomado por outras agências para evitar a perda para a concorrência

Resumindo agora a Avianca-Brasil vai ter que retomar a credibilidade, simplesmente honrando todos os bilhetes que já foram vendidos e provavelmente, no primeiro momento, investindo em promoções e políticas de relacionamento com suas agências parceiras

Se for os planos e tiverem grana investida para isso, acho que existe a possibilidade.

Depois de retomada a confiança, volta a precificar normalmente

E sem duvida corta rotas deficitárias, com bastante planejamento

Não lembro de nenhum conhecido que deixou de comprar passagem quando algumas Majos entraram em Recuperação nos USA

Tudo o tempo dirá e só depende de quanto de capital será investido

Share this post


Link to post
Share on other sites

Segundo foi dito pelo GE em entrevista a uma televisão colombiana, o empréstimo da United vinha sendo negociado antes dos arrestos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

não sou nenhum insider e nem especialista na área, apenas um entusiasta,mas creio que a empresa irá se recuperar, acho que oe Efromovich tem bala na agulha pra não deixar a empresa desaparecer, e torço por isso

Share this post


Link to post
Share on other sites

não sou nenhum insider e nem especialista na área, apenas um entusiasta,mas creio que a empresa irá se recuperar, acho que oe Efromovich tem bala na agulha pra não deixar a empresa desaparecer, e torço por isso

 

Respeito muito sua visão.

 

A questão agora passa a ser o quanto a RJ vai afetar o faturamento da empresa.

 

No meu pensamento, se O empréstimo tivesse realmente o foco e objetivo de ser aplicado na Avianca Brasil, o empresário teria procurado alternativas melhores do que a RJ ! Que fosse um adiantamento pequeno da United.

E no fim, será que , sabendo do resultado negativo da AvBr, a queda natural de faturamento, a imagem negativa.... ele colocará em risco o que tem na Avianca Colombia para salvar a Avianca Brasil ?

 

Sei lá, alguém com US$ 400 mm e que precisaria de uns US$ 100 mm para ajustar seu negócio, não vai se colocar em posição de RJ.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Respeito muito sua visão.

 

A questão agora passa a ser o quanto a RJ vai afetar o faturamento da empresa.

 

No meu pensamento, se O empréstimo tivesse realmente o foco e objetivo de ser aplicado na Avianca Brasil, o empresário teria procurado alternativas melhores do que a RJ ! Que fosse um adiantamento pequeno da United.

E no fim, será que , sabendo do resultado negativo da AvBr, a queda natural de faturamento, a imagem negativa.... ele colocará em risco o que tem na Avianca Colombia para salvar a Avianca Brasil ?

 

Sei lá, alguém com US$ 400 mm e que precisaria de uns US$ 100 mm para ajustar seu negócio, não vai se colocar em posição de RJ.

 

Tambem entendo sua visão.

 

Mas como ele falou na entrevista, eles estavam no meio da negociação e veio o pedido da justiça pra arrestar imediatamente, não tinha o que fazer, um empréstimo mesmo que pequeno nao iria sair da noite pro dia, a tempo de não parar os aviões, por isso decidiram pela RJ pra cessar as ações de arresto.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só não entendo pq um dia antes mandaram um comunicado aos colaboradores da empresa que não haveria RJ. E no dia seguinte sai na mídia que já havia dado entrada com RJ.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só não entendo pq um dia antes mandaram um comunicado aos colaboradores da empresa que não haveria RJ. E no dia seguinte sai na mídia que já havia dado entrada com RJ.

Posso estar errado, mas isso é ou deve ser estratégia de mercado. Se eles comunicam os funcionarios, cai na midia na mesma hora, e se a intenção deles era recuperar os avioes, nao faz sentindo tornar publico correto? Se não iam dar um jeito de decolar com esses avioes do brasil em 10minutos. Ou algum outro tipo de medida pra vetar a RJ.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vai ser difícil recuperar a confiança do mercado.

 

Depois dessas notícias o passageiro pensa 2x antes de emitir Avianca.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom, eu tenho uma agência de viagens e minha ordem é não vender Avianca Brasil até normalizar ou saber o que vai acontecer.

 

Faço parte de algumas associações de agencias e inclusive vários grupos de whatsapp de agências com cada um mais de 200 agências e todos estão com hold de vendas, porem preocupados e com clientes ligando e entrando em contato pra saber se o voo deles nos próximos meses vai sair. Inclusive, agências com grupos em voos para Miami com inumeras passageiros. Ontem mesmo em evento de uma representante de cruzeiros em SP a conversa entre tudo mundo era sobre Avianca.

 

O incrível e a irresponsabilidade da querida cvc em fazer promoções nesse fds com pacotes voando avianca para o nordeste.

 

Esse ano ficamos praticamente sem emissão de Alitalia, pelos problemas delas e indefinições sobre o futuro da cia, tanto que para nosso divisão de operação de Grécia era a melhor cia aérea em valores e horários de voos mas tivemos que segurar. Alias ainda estamos em hold parcial, cotamos mas não emitimos para a próxima temporada de verão.

 

agora entrou a Avianca Brasil na lista de não vender.

Repito que a ONE está sendo muito didática o que não deve fazer em momentos de crise. A comunicação é muito fraca, cadê o CEO da Avianca para falar da situação, a priori não caberia ao German Efromovich falar, desde Colômbia, sobre a situação dela, pois ele não é "dono" da empresa, e sim o José.

 

Façam uma carta para os funcionários, falem a verdade e sem firulas (sem emoticons, coraçõezinhos ou hashtags), façam uma carta à ABAV, aos fornecedores e aos passageiros. É como se tivessem ligado o f...-se.

 

não sou nenhum insider e nem especialista na área, apenas um entusiasta,mas creio que a empresa irá se recuperar, acho que oe Efromovich tem bala na agulha pra não deixar a empresa desaparecer, e torço por isso

Mas eles não tem mais o poder de antes, estaleiros quebrados, não sei se tem negócios ainda com petróleos e minérios, a Avianca Holding e Oceanair são as mais visíveis e importantes no grupo, tanto que a garantia do empréstimo da UA foi em ações da Avianca, eles não tem tantos ativos valiosos.

 

 

Tambem entendo sua visão.

 

Mas como ele falou na entrevista, eles estavam no meio da negociação e veio o pedido da justiça pra arrestar imediatamente, não tinha o que fazer, um empréstimo mesmo que pequeno nao iria sair da noite pro dia, a tempo de não parar os aviões, por isso decidiram pela RJ pra cessar as ações de arresto.

Isso é versão dele e soa muito estranho. Se os credores estão sabendo que haverá aporte, por que retirariam as aeronaves? Ou por que a Avianca não disse que está negociando empréstimo com a UA, sendo que esta poderia até ser a avalista para dar credibilidade e mais prazo para ONE.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Enquanto isso, Decolar.com anunciando em toda a TV Fechada voos Avianca para Salvador...

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Enquanto isso, Decolar.com anunciando em toda a TV Fechada voos Avianca para Salvador...

Só porque voce nao confia, eles nao podem confiar? estranho....

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Avianca emite comunicado para o trade

 

12/12/18

 

"Caro parceiro,

 

Compartilho com vocês o posicionamento oficial da Avianca Brasil.

 

"A Avianca Brasil comunica que, devido à resistência de arrendadores de suas aeronaves a um acordo amigável, entrou com um pedido de recuperação judicial para proteger os seus clientes e passageiros. Como primeira decisão da Justiça, teve seus pedidos garantidos, como a liberação de sua frota para o cumprimento de todos os voos programados, nos aeroportos onde opera.

 

A companhia reforça que suas operações não serão afetadas. Os passageiros podem ter absoluta tranquilidade em fazer suas reservas e adquirir os seus bilhetes, pois todas as vendas serão honradas e os voos mantidos.

 

A Avianca Brasil continuará atendendo todos clientes, voando para todos os destinos com a qualidade e excelência pela qual é conhecida.

 

Em resumo

 

- Como primeira decisão da Justiça, tivemos nossos pedidos garantidos; principalmente a liberação da nossa frota para o cumprimento de todos os nossos voos programados;

 

- Nossa operação não será afetada e nossos passageiros terão suas reservas e voos garantidos;

 

- O foco no atendimento ao cliente continua como principal pilar da companhia. Vamos zelar para que a Avianca Brasil continue a ser a melhor escolha e experiência de viagem dos nossos passageiros.

 

Por isso, conto com você! Vamos fortalecer ainda mais nossa parceria, oferecer a melhor experiência de voo e focar nas vendas.

 

Nosso time está à sua disposição!

 

Obrigada,

 

Avianca Brasil"

 

 

https://www.panrotas.com.br/aviacao/aeroportos/2018/12/avianca-emite-comunicado-para-o-trade-leia-na-integra_160981.html

Share this post


Link to post
Share on other sites

não sou nenhum insider e nem especialista na área, apenas um entusiasta,mas creio que a empresa irá se recuperar, acho que oe Efromovich tem bala na agulha pra não deixar a empresa desaparecer, e torço por isso

Tem que saber se ele tem interesse em manter a empresa

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade