Jump to content
Sign in to follow this  
MRN

Roubaram o VOR BSI

Recommended Posts

Que absurdo!!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Imagina com o corte de 43% anunciado ontem nas FFAA... A segurança vai ficar pior, se é que tem segurança...

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Imagina com o corte de 43% anunciado ontem nas FFAA... A segurança vai ficar pior, se é que tem segurança...

 

Falam em corte de recursos, mas nada mais é que falta de comprovação dos gastos de gestão anterior.

Se entende que se não comprovou os gastos é porque o recurso está em caixa, por isso o contingencia

mento do recurso. Assim sobra mais pra outras prioridades.

 

As universidades foram 30%. Deveria ter sido mais. Se você não comprova gastos nas prestações de contas

isso ocorre. Ainda mais com a equipe econômica vigente. Antes era só no contribuinte com IRPF. Agora vere

mos quem são os bons gestores.

  • Like 6

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Falam em corte de recursos, mas nada mais é que falta de comprovação dos gastos de gestão anterior.

Se entende que se não comprovou os gastos é porque o recurso está em caixa, por isso o contingencia

mento do recurso. Assim sobra mais pra outras prioridades.

 

Mas será que tá em caixa? Independente, esse contingenciamento não vai ser bom. Passei por vários contingenciamentos durante os quase 22 anos de FFAA e sei o que é isso...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Imagina o NOTAM: VOR BSI INOP - O SOCIO LEVOU!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Daqui alguns dias vai aparecer fazenda com carta VOR/DME :dente:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Se rouba esse VOR há anos, mas antigamente roubavam o ar-condicionado e fios. Tudo, é novidade.
O VOR Santana padece do mesmo problema.
Procedimentos com o auxílio não co-locados são sempre melhores mas, no Brasil, por este problema, sempre se colocou os VORs dentro de sítios aeroportuários. Imagino que em breve o VOR Brasília vá pra dentro do aeroporto.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Falam em corte de recursos, mas nada mais é que falta de comprovação dos gastos de gestão anterior.

Se entende que se não comprovou os gastos é porque o recurso está em caixa, por isso o contingencia

mento do recurso. Assim sobra mais pra outras prioridades.

 

As universidades foram 30%. Deveria ter sido mais. Se você não comprova gastos nas prestações de contas

isso ocorre. Ainda mais com a equipe econômica vigente. Antes era só no contribuinte com IRPF. Agora vere

mos quem são os bons gestores.

 

É "corte" de recursos mesmo, ou "contingenciamento" nas palavras falhas do Ministro da Educação, feito no nível mais alto da escala, nas transferências do tesouro (Ministério da Economia), para o Comando da Aeronáutica (Defesa).

O facão é passado sobre o previsto para ser gasto na Loa de 2019.

De fato existia esta prática de "premiar" o "bom gestor" que devolvia dinheiro ao tesouro, com a retirada de recursos, desde que, é claro, se tratasse de rubricas de manutenção ( a economia em uma licitação para aquisição de um bem, por exemplo não era objeto de "corte" pois não haveria esta previsão para o ano subsequente).

Todavia, já faz alguns anos que, pelo menos o serviço público federal não "sobra" recurso! A diferença entre a LDO, a LOA e o que é efetivamente empenhado é minima.

No Comando da Aeronáutica em 2017, foram autorizados (Lei + Créditos) 20.717.998.605 e empenhados (efetivamente usados) 20.624.350.045, uma diferença de menos que 100 milhões.

Nas universidades a situação não é muito diferente, se mantido o corte de 30%, provavelmente vão parar, pela falta de insumos

Imagino (to sem tempo para abrir a LOA 2019) que no orçamento das FAA, grande parte do valor seja para aquisição e reaparelhamento do arsenal sucateado.

Mesmo assim, um órgão que deveria gastar 22 bilhões ter que gastar só 14....vai ter que fazer muito furo para apertar este cinto.

MIlitar costuma aguentar calado (hierarquia e disciplina), mas tão abusando;

 

O controle do espaço aéreo é serviço especifico, mantido pelas taxas de navegação e outras cobradas pelo Decea, portanto, em tese, não é afetado pelo corte.

Salário dos militares não pode deixar de pagar, se cortarem a luz as empresas aéreas fazem uma vaquinha para colocar gerador, então não devemos ter problemas.

 

Abraços

Edited by PT-WRT
  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dizem que Navegantes tem um VOR fantasma, sepultado em caixões, há décadas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Recebi mensagem que é FAKE a noticia do roubo. Vai saber.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Polícia Federal investiga furto de equipamentos em estação de controle aéreo no DF

 

A Polícia Federal investiga o furto de equipamentos e cabos da Estação de Apoio ao Controle do Espaço Aéreo, da Força Aérea Brasileira (FAB), em Taguatinga. O crime foi registrado na tarde dessa segunda-feira (6).

Entre os itens levados estão partes de um rádio telemétrico, que é utilizado para auxiliar aeronaves em aproximação à pista do Aeroporto Internacional de Brasília. O equipamento emite um sinal para o avião, por meio de uma transmissão de rádio, que indica o eixo correto para o pouso.

Ao G1, a Inframerica, concessionária responsável pela operação do aeroporto, informou que o crime não causou impacto na operação do terminal.

O furto foi percebido por um engenheiro elétrico do Primeiro Centro de Defesa e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta I), do Comando da Aeronáutica. Em depoimento à polícia, ele disse que fazia uma inspeção na estação de controle quando viu que o local tinha sido arrombado e que alguns equipamentos tinham sido levados ou quebrados.

Segundo a ocorrência, foram furtados 23 módulos eletrônicos do equipamento de rádio telemétrico (DME), além de cinco placas-mãe, dois módulos eletrônicos e três relés, que fazem parte de um comunicador por rádio.

Em nota, a FAB confirmou o furto e disse estar colaborando com as autoridades policias durante a investigação. A Força Aérea explicou também que, apesar da ação criminosa, “não houve impacto no funcionamento da estação”.

 

Fonte: https://g1.globo.com/df/distrito-federal/noticia/2019/05/08/policia-federal-investiga-furto-de-equipamentos-em-estacao-de-controle-aereo-no-df.ghtml

Edited by Gteixeira08

Share this post


Link to post
Share on other sites

Solução pra isso no BR é só RNAV msm.

 

Pelo menos até enquanto não começarem a roubar satélites (Nunca duvide da capacidade das "vítimas da sociedade" brasileiras :lol:).

  • Like 9

Share this post


Link to post
Share on other sites

Solução pra isso no BR é só RNAV msm.

 

Pelo menos até enquanto não começarem a roubar satélites (Nunca duvide da capacidade das "vítimas da sociedade" brasileiras :lol:).

"vitimas da sociedade" brasileiras :lol: :drinks:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Estou tentando imaginar para quem que os ladrões irão vender os componentes desse VOR.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esse VOR e equipamentos foram retirados pela própria Forca Aerea já algum tempo, o que havia lá eram apenas cabos e baterias velhas. O estardalhaço feito pelo rapaz do vídeo não representa a realidade.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Polícia Federal investiga furto de equipamentos em estação de controle aéreo no DF

 

O furto foi percebido por um engenheiro elétrico do Primeiro Centro de Defesa e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta I), do Comando da Aeronáutica. Em depoimento à polícia, ele disse que fazia uma inspeção na estação de controle quando viu que o local tinha sido arrombado e que alguns equipamentos tinham sido levados ou quebrados.

Segundo a ocorrência, foram furtados 23 módulos eletrônicos do equipamento de rádio telemétrico (DME), além de cinco placas-mãe, dois módulos eletrônicos e três relés, que fazem parte de um comunicador por rádio.

Em nota, a FAB confirmou o furto e disse estar colaborando com as autoridades policias durante a investigação. A Força Aérea explicou também que, apesar da ação criminosa, “não houve impacto no funcionamento da estação”.

 

Fonte: https://g1.globo.com/df/distrito-federal/noticia/2019/05/08/policia-federal-investiga-furto-de-equipamentos-em-estacao-de-controle-aereo-no-df.ghtml

 

Pelo depoimento do rapaz não foi só cabo e bateria velha não...

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Polícia Federal investiga furto de equipamentos em estação de controle aéreo no DF

 

A Polícia Federal investiga o furto de equipamentos e cabos da Estação de Apoio ao Controle do Espaço Aéreo, da Força Aérea Brasileira (FAB), em Taguatinga. O crime foi registrado na tarde dessa segunda-feira (6).

Entre os itens levados estão partes de um rádio telemétrico, que é utilizado para auxiliar aeronaves em aproximação à pista do Aeroporto Internacional de Brasília. O equipamento emite um sinal para o avião, por meio de uma transmissão de rádio, que indica o eixo correto para o pouso.

Ao G1, a Inframerica, concessionária responsável pela operação do aeroporto, informou que o crime não causou impacto na operação do terminal.

O furto foi percebido por um engenheiro elétrico do Primeiro Centro de Defesa e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta I), do Comando da Aeronáutica. Em depoimento à polícia, ele disse que fazia uma inspeção na estação de controle quando viu que o local tinha sido arrombado e que alguns equipamentos tinham sido levados ou quebrados.

Segundo a ocorrência, foram furtados 23 módulos eletrônicos do equipamento de rádio telemétrico (DME), além de cinco placas-mãe, dois módulos eletrônicos e três relés, que fazem parte de um comunicador por rádio.

Em nota, a FAB confirmou o furto e disse estar colaborando com as autoridades policias durante a investigação. A Força Aérea explicou também que, apesar da ação criminosa, “não houve impacto no funcionamento da estação”.

 

Fonte: https://g1.globo.com/df/distrito-federal/noticia/2019/05/08/policia-federal-investiga-furto-de-equipamentos-em-estacao-de-controle-aereo-no-df.ghtml

Mas é confuso, ninguém sintonizou o VOR, nada recebeu e não reportou nada para o ATC ? só com eventual inspeção visual do local ?

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Falam em corte de recursos, mas nada mais é que falta de comprovação dos gastos de gestão anterior.

Se entende que se não comprovou os gastos é porque o recurso está em caixa, por isso o contingencia

mento do recurso. Assim sobra mais pra outras prioridades.

 

As universidades foram 30%. Deveria ter sido mais. Se você não comprova gastos nas prestações de contas

isso ocorre. Ainda mais com a equipe econômica vigente. Antes era só no contribuinte com IRPF. Agora vere

mos quem são os bons gestores.

 

Respondendo a seu post e no espírito de combate às fake news:

https://politica.estadao.com.br/blogs/estadao-verifica/e-falso-boato-que-atribui-cortes-na-educacao-a-irregularidades-na-gestao-das-universidades-federais/

 

Este corte não tem nada a ver com prestações de contas, é simplesmente um corte pelo corte e uma grande infelicidade, diga-se de passagem. Sou aluno de Engenharia Aeroespacial numa universidade federal e estudamos muito para produzir tecnologia de ponta e trazer mais segurança na aviação brasileira e mundial, se o Sr. acredita que o corte deveria ser até maior, te convido a conhecer os laboratórios e projetos de pesquisa que vão deixar de funcionar por conta desse corte. E por final, não custa nada verificar as informações antes de compartilha-las né, por favor!

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nota-se que há fabianos que saíram correndo para o zap no intuito de tentar salvar os móveis e não ficar mal na fita, já que o VOR foi roubado de dentro de uma área militar restrita que, supõe-se, deveria ao mínimo estar sendo vigiada à distância — mesmo que isso os obrigue a contradizer não só o BO feito pelo militar que constatou o roubo mas também as declarações oficiais da própria Força...

 

Sds

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

"Senhores sobre esse suposto roubo do VOR de Brasília o CMT do DECEA avisou aqui em um grupo que participo o seguinte:

 

Bom dia!!

Este filme está circulando.

 

O tal furto não ocorreu.

 

O CINDACTA 1 decidiu retirar os equipamentos, devido a furto de cabos em Taguatinga, e fizeram este filme maldoso.

Determinei abertura de sindicância para apurar a responsabilidade.

 

Divulguem com o mesmo afinco que fizeram da notícia fantasiosa."

 

 

Vamos lá, de acordo com a mídia, existe um BO com um depoimento dizendo o que foi furtado, e a nota da FAB não fala que os equipamentos foram retirados...

E o VOR está fora até 17/06...

Gostaria de saber o resultado dessa sindicância.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Essa mensagem de "Zap" aí falando que não foi roubo tem vários sintomas de hoax.

 

Os que eu consigo identificar:

-Não cita nenhum nome, nem datas.

-Relaciona nomes de localidades e órgãos respeitados para induzir credibilidade.

-Solicita compartilhamento da mensagem.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tiraram o video do youtube do ar. Será que deu ruim pro fabiano que divulgou aquilo???

 

 

Estou tentando imaginar para quem que os ladrões irão vender os componentes desse VOR.

 

Pessoal vende os cabos e os metais pro ferro-velho, aqui em Poa pagam R$ 6,00kg sucata de fio e sucata de cobre chega a valer R$ 20,00 /kg. Se tiver baterias eles desmontam e vendem o cobre, placas eletrônicas em geral não se paga nada já que sem o conjunto todo só são um monte de smd. Em resumo são ladrões de galinha.

 

Uns anos atras roubaram as placas do ils aqui de Poa, tinham umas placas de cobre e ai os ladrões fizeram a festa.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom, se foi o que eu coloquei no youtube (não sei se colocaram outro), não deu ruim porque não sou mais Fabiano. Vou ver porque não está mais no ar.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tiraram o video do youtube do ar. Será que deu ruim pro fabiano que divulgou aquilo???

 

 

 

Pessoal vende os cabos e os metais pro ferro-velho, aqui em Poa pagam R$ 6,00kg sucata de fio e sucata de cobre chega a valer R$ 20,00 /kg. Se tiver baterias eles desmontam e vendem o cobre, placas eletrônicas em geral não se paga nada já que sem o conjunto todo só são um monte de smd. Em resumo são ladrões de galinha.

 

Uns anos atras roubaram as placas do ils aqui de Poa, tinham umas placas de cobre e ai os ladrões fizeram a festa.

Aqui me BSB é bem comum esse tipo de coisa.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade