Jump to content

Air Europa apresenta pedido para operar voos domésticos no Brasil


Recommended Posts

  • Replies 240
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

O Rio não esta facil, isso é verdade. A economia do estado vem patinando faz tempo além de toda a questão de segurança mas o Rio ainda é a principal cidade turistica do Brasil e a segunda em negocios.

Dos 3, o que eu achei mais sensato nas colocações, foi o Kakinof (não sei se é assim que se escreve)

O Brasil tem espaço pra uma 4ª empresa sim.   Mas do que o mercado está precisando é uma estilo TUI, Rouge, Air Asia.   Uma cia próxima dos operadores de turismo com metade de sua operação voltada

Concordo com os colegas e acredito que a regra sobre bagagem não deve ser estabelecida por lei. Contudo, a autorização para cobrança dada pela ANAC continha uma promessa das comoanhias, ainda que informal,de que as passagens teriam uma redução de preço, o que não ocorreu.

Logo, nossos nobres parlamentares viram nisso a oportunidade para entrar em ação

Link to post
Share on other sites

Texto da materia do UOL:

 

- Outro ponto que gerou críticas foi a retirada do texto que obrigava que as companhias estrangeiras operem no país com aviões e tripulação nacional. Segundo os senadores, o Sindicato Nacional dos Aeronautas esteve presente para pedir que o tema fosse recolocado no texto. Mas isso também faria com que a MP tivesse de voltar à Câmara e perdesse a validade. Os dois temas devem ser abordados agora na nova lei geral do turismo. O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), relator do projeto na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), afirmou que deve apresentar seu relatório na próxima quarta-feira (29), incluindo a exigência dos voos regionais e a obrigação de contratação de tripulantes brasileiros. -

 

Retiraram do texto pra não mandar de volta pra câmara e, segundo a matéria, vão tentar recolocar em outra lei.

 

Pra mim esse açodamento todo só mostra que estão a serviço do lobby de alguém. Deveria ter nos preocupado mais com a liberação de tripulantes do que com a bagagem.

 

https://todosabordo.blogosfera.uol.com.br/2019/05/22/senado-votacao-mp-capital-estrangeiro-bagagem/?cmpid=copiaecola

Edited by A350XWB
Link to post
Share on other sites

Onde tá escrito que toda tripulação pode ser estrangeira?

Se alguém tiver um link pro texto aprovado hoje, porque só li na reportagem acima.

Link to post
Share on other sites

no video da reuniao que eu postei eles dizem que a tripulação será brasileira de acordo com a lei do aeronauta.

 

no minuto 50:45 do video

 

partidarismo a parte, nenhum governo e sindicato irá permitir uma empresa nacional operar com tripulação estrangeira se um dos motivos é criar emprego.

Edited by CMPILOT
Link to post
Share on other sites

Não podem

Ser estrangeira, esta medida mãos um novo CBA, não confundam nem caiam em mensagem apocalípticas do WhatsApp. Trip continuam sendo nacionais.

Link to post
Share on other sites

Eu não entendo a preocupação sobre nacionalidade das tripulações, o CBA será alterado quanto a este item?

 

O Sindicato solicitou somente uma ressalva na MP, além disso, no caso da Globalia a ANAC inseriu na autorização de operação a ressalva dos tripulantes brasileiros.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Onde tá escrito que toda tripulação pode ser estrangeira?

O Sindicato conseguiu evitar isso hj, foram ao congresso e aprovaram essa restrição, que os tripulantes das empresas aéreas brasileiras com capital estrangeiro só podem contratar brasileiros e inclusive a Anac colocou essa condição para Air Europa Brasil

Link to post
Share on other sites

No Direito existe um negocinho chamado hierarquia das normas. O CBA restringe a utilizacao de trip estrageira (com excecao dos 1/3 de cms em voos internacionais). Então zero stress qto a isso.

Link to post
Share on other sites

Interessante...Já que uma certificação brasileira 121 demora no mínimo 6 meses, teremos uma leva de brasileiros com habilitação EASA neste período...Nunca antes na história deste país...

Link to post
Share on other sites

O Sindicato conseguiu evitar isso hj, foram ao congresso e aprovaram essa restrição, que os tripulantes das empresas aéreas brasileiras com capital estrangeiro só podem contratar brasileiros e inclusive a Anac colocou essa condição para Air Europa Brasil

Não houve aprovação de "restrição" hoje no Senado negociada pelo SNA. Houve um acordo para que na Lei do Turismo seja incluída uma ressalva.

Link to post
Share on other sites

Não houve aprovação de "restrição" hoje no Senado negociada pelo SNA. Houve um acordo para que na Lei do Turismo seja incluída uma ressalva.

 

Pelo sim pelo não,foi impedido a liberação para estrangeiros tripularem no Brasil

Link to post
Share on other sites

Seria ilegal criar um desconto para quem abrisse mão da franquia de bagagem?

Basicamente já é assim.

Tem tarifa com e sem bagagem incluída.

A mais barata, sem bagagem, seria isso que tunsugere.

Mas o pessoal quer todas as tarifas, mesmo as iniciais, com bagagem incluída.

Link to post
Share on other sites

Pelo sim pelo não,foi impedido a liberação para estrangeiros tripularem no Brasil

Pergunta de leigo no assunto:

O Brasil não aceita EXPAT para cias brasileiras ?

Link to post
Share on other sites

Não. Só se for naturalizado. E em alguns casos Portugueses.

 

Isso eu acho errado.

 

A regra para outros setores é o visto de trabalho , como funciona em qualquer outro país.

 

Agora... cabe ao governo estabelecer o procedimento e regra para aprovação de visto para estrangeiro.

  • Like 2
Link to post
Share on other sites

Não. Só se for naturalizado. E em alguns casos Portugueses.

 

Inclusive essa semana eu peguei um voo que um dos comissários era "boludo" (mas imagino que naturalizado, mas tinha sotaque)

Link to post
Share on other sites

parece que a sede da empresa será em SP, resta saber quando pretendem iniciar operação, pois 4 meses antes precisam começar ground para pilotos, creio que ainda no 1º semestre teremos seleção .

 

Certamente dará uma mexida no mercado dependendo dos atrativos oferecidos, não apenas salários, como benefícios. Que as coisas boas oferecidas aos europeus respinguem por aqui também !

Link to post
Share on other sites

Não. Só se for naturalizado. E em alguns casos Portugueses.

A Varig contratava, não me recordo dos moldes desse tipo de contratação.

na época da integração da Gol e Varig fiz um voo para Santiago e a CMS galley era chilena.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Na Varig havia reciprocidade, desde a época que a Tap incorporou vários ex Panair, e algúns portugueses foram incorporado. E quando da organização da Taag, checavam 707 e 732 em vôo local.

 

A Varig contratava, não me recordo dos moldes desse tipo de contratação.

na época da integração da Gol e Varig fiz um voo para Santiago e a CMS galley era chilena.

Link to post
Share on other sites

Então não creio que seja SSA ou GRU para distribuir pax - o foco deles vai ser operar nas rotas tronco onde o $$$ vai aparecer rápido e fácil. E se forem inteligentes vão ficar com 10 a 20 aeronaves, irão ganhar dinheiro e não irão entrar na loucura de ser grandes demais.

 

Concordo que ela deve atuar em rotas tronco: fiz um post dias atrás no Face indignado com os preços das passagens na Ponte Aérea. Além das dezenas de comentários sobre preços abusivos em outras rotas a partir de SP, recebi muitas outras mensagens em particular, principalmente de voos SP-Nordeste. Vamos ver como a UX lidará com isto. O fato de ter voos diários em GRU e alguns por semana em SSA e REC deve ter alguma influência nas suas primeiras rotas, acho eu. Edited by boulosandre
Link to post
Share on other sites

 

Isso eu acho errado.

 

A regra para outros setores é o visto de trabalho , como funciona em qualquer outro país.

 

Agora... cabe ao governo estabelecer o procedimento e regra para aprovação de visto para estrangeiro.

eu ja não acho errado. a oferta de pilotos aqui é mto maior que a demanda, o Brasil acaba exportando pilotos. não há necessidade alguma de trazer pilotos de fora. se algum piloto está disposto a sair do seu país para trabalhar, ele tem a possibilidade de trabalhar em outro país que necessite.

Link to post
Share on other sites

Prefiro ver a lei primeiro para antes debater. Mas, se estrangeiros vierem para cá no casa de máquinas, serão quem? O piloto brasileiro ganha em dólares o mesmo que o americano, europeu ou quem voa no Oriente? Vejo só interessante para países vizinhos e africanos.

 

Retórica, estamos com falta de piloto e comissário para tal medida?

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.




×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade