Jump to content
Sign in to follow this  
A345_Leadership

Situação do grounding do Boeing 737 MAX

Recommended Posts

Se não me engano, este e todos os MAX da 9W virão pra GOL.

Vai dar trabalho colocar essas máquinas pra voar novamente...

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 16/03/2020 at 21:08, PR-FHI said:

E o corona tá tão forte que até esqueceram dos problemas do MAX...

Não é MAX, mas mais problemas foram encontrados nos NG

https://www.aeroflap.com.br/faa-incidente-em-voo-aparecer-rachaduras-em-boeing-737/

 

A impressão que dá é que a Boeing relaxou muito no controle de qualidade nos últimos anos, além das falhas de projeto.

Share this post


Link to post
Share on other sites
23 minutes ago, SimpleMan said:

Se não me engano, este e todos os MAX da 9W virão pra GOL.

Vai dar trabalho colocar essas máquinas pra voar novamente...

Positivo, desde que os que estão na India e os que estão em BFI.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
7 hours ago, SimpleMan said:

Se não me engano, este e todos os MAX da 9W virão pra GOL.

Vai dar trabalho colocar essas máquinas pra voar novamente...

Tu quis dizer, viriam? Se não tem Pax pro por pra voar os B737NG atuais, não faz sentido trazer, no curto prazo, Max ( quando liberados) pra voar em 2020

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tudo tem que ter o selo de qualidade e assinatura no Luckert! 

Eles já são da Gol, não vieram ainda pois estão proibidos de voar, e agora com essa crise vão demorar mais um pouco. 

Tenho certeza que após essa crise toda o MAX já esteja pronto para entra em ação novamente, e aos poucos vão vindo para Gol.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hour ago, PR-FHI said:

Tudo tem que ter o selo de qualidade e assinatura no Luckert! 

Eles já são da Gol, não vieram ainda pois estão proibidos de voar, e agora com essa crise vão demorar mais um pouco. 

Tenho certeza que após essa crise toda o MAX já esteja pronto para entra em ação novamente, e aos poucos vão vindo para Gol.

Tudo não, gente em quarentena perde noção de paciência , apenas quis entender a lógica ( sei que está groundeado essas aeronaves) , nosso país estará muito fragilizado após semanas e semanas de quarentena e o que menos fará falta em 2020, são aeronaves ainda maiores que as já operadas

  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 hours ago, Luckert said:

Tu quis dizer, viriam? Se não tem Pax pro por pra voar os B737NG atuais, não faz sentido trazer, no curto prazo, Max ( quando liberados) pra voar em 2020

O negócio foi fechado antes da pandemia. Não tenho acesso ao contrato, mas com certeza ele começa a vigorar apenas após o retorno ao serviço dos MAX.

Quanto à demanda, a ideia da GOL sempre foi SUBSTITUIR, em um primeiro momento, os NG pelos MAX. Logo, é muito melhor voar um MAX "vazio", economizando 15% de combustível, do que voar um NG que bebe mais

Lembre-se que a configuração dos 7M8 é idêntica aos 738: 186 pax.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Também entendo que com o retorno do MAX aos céus a prioridade vai ser mandar pra longe os NGs. Movimento semelhante ao que está acontecendo lá fora: antecipação da baixa nos 757, 767, 744...

A frota não será mais aquela que estava planejada em relação a quantidade, pois a aviação vai demorar a se recuperar desse baque, mas em questão de qualidade e eficiência, os equipamentos mais eficientes terão um share maior do que era esperado anteriormente.

Tudo, lógico, dependendo da Boeing conseguir aproveitar que não é mais o foco das atenções e resolver TODOS os problemas no Max. Se não, os Neo vão nadar de braçada nessa onda pós-COVID.

Abs,

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 hours ago, SimpleMan said:

O negócio foi fechado antes da pandemia. Não tenho acesso ao contrato, mas com certeza ele começa a vigorar apenas após o retorno ao serviço dos MAX.

Quanto à demanda, a ideia da GOL sempre foi SUBSTITUIR, em um primeiro momento, os NG pelos MAX. Logo, é muito melhor voar um MAX "vazio", economizando 15% de combustível, do que voar um NG que bebe mais

Lembre-se que a configuração dos 7M8 é idêntica aos 738: 186 pax.

Como vc, nem nós temos acesso aos contratos, faz sentido tua observação, em especial no que tange a configuração, achei que coubesse uma fileira a mais nos  Max,no caso Gol, será igual .

Ja em relação à economia gerada, tb não podemos avaliar , pode economizar 15% de combustível, mas o combustível caiu 60% aproximadamente, então ,as vezes, a exemplo da Latam, não compensa economizar combustível se o leasing é muito mais caro( não sei o caso Gol).

Latam optou por renovar contrato dos A320ceo e retrofitar e cancelou pedidos do Neo, preferiu reformar B767( não dá Latam Brasil) e B777 e se desfazer dos ultra-modernos e eficientes A350 , então é uma conta que só cada empresa faz e sabe o que é melhor.

Sempre bom trocar informações com vcs, quiçá em breve alguém saiba o que a Gol decidiu para o período pós Covid

  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 hours ago, Luckert said:

Como vc, nem nós temos acesso aos contratos, faz sentido tua observação, em especial no que tange a configuração, achei que coubesse uma fileira a mais nos  Max,no caso Gol, será igual .

Ja em relação à economia gerada, tb não podemos avaliar , pode economizar 15% de combustível, mas o combustível caiu 60% aproximadamente, então ,as vezes, a exemplo da Latam, não compensa economizar combustível se o leasing é muito mais caro( não sei o caso Gol).

Latam optou por renovar contrato dos A320ceo e retrofitar e cancelou pedidos do Neo, preferiu reformar B767( não dá Latam Brasil) e B777 e se desfazer dos ultra-modernos e eficientes A350 , então é uma conta que só cada empresa faz e sabe o que é melhor.

Sempre bom trocar informações com vcs, quiçá em breve alguém saiba o que a Gol decidiu para o período pós Covid

O que eu soube é que o leasing do MAX barateou muito por conta dessa crise do modelo, e acredito que assim que o mercado se estabilizar naturalmente com a demanda se recuperando os preços do petróleo deverão subir novamente, mas mesmo que não cheguem aos patamares anteriores e observando as políticas de hedge que a Gol adotou, se elas continuarem o ideal é reduzir ao máximo o consumo de combustível mesmo.

Tem que analisar também a economia do MAX em termos de manutenção, visto que a frota da Gol já tem uns veteranos com quase 20 anos de idade nas costas. A LATAM por sua vez incorporou muitos A320ceo da Avianca Brasil, que eram novos, além de que os 767 também são relativamente novos, e na minha visão ele e o 787 seriam os aparelhos ideais para a LATAM Brasil.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
10 hours ago, Luckert said:

Como vc, nem nós temos acesso aos contratos, faz sentido tua observação, em especial no que tange a configuração, achei que coubesse uma fileira a mais nos  Max,no caso Gol, será igual .

Ja em relação à economia gerada, tb não podemos avaliar , pode economizar 15% de combustível, mas o combustível caiu 60% aproximadamente, então ,as vezes, a exemplo da Latam, não compensa economizar combustível se o leasing é muito mais caro( não sei o caso Gol).

Latam optou por renovar contrato dos A320ceo e retrofitar e cancelou pedidos do Neo, preferiu reformar B767( não dá Latam Brasil) e B777 e se desfazer dos ultra-modernos e eficientes A350 , então é uma conta que só cada empresa faz e sabe o que é melhor.

Sempre bom trocar informações com vcs, quiçá em breve alguém saiba o que a Gol decidiu para o período pós Covid

15% é 15%, independente do preço. Cada centavo que a Gol puder economizar com combustível, melhor. E como disseram, os Max internamente são 186pax assim como os 737NG, então vai ser melhor mandar embora os mais antigos e ficar com o maior número de Max  possíveis voando.

Sobre a Latam, o que é melhor, operar um avião que você não tem o custo do leasing pois é seu (como parece que é o caso dos Mike Zulu, e se houver mais ou eu estiver errado, por favor me corrijam), ou operar um avião que tá com o preço do leasing nas alturas, extremamente pressionado, como é o caso do A320neo? Creio que a resposta seja óbvia. E sobre os A350, todo mundo sabe, mas não custa repetir: a capacidade do avião era maior que o mercado BR podia absorver, pois foram comprados para um mercado que não existe mais e vai demorar pelo menos uns 10 anos pra voltar a existir, em quantidade então piorou, por isso ela mandou embora todos os que pode. No caso dela não foi por eficiência, e sim por que a frota atual dá conta do recado e tudo que eles já não precisavam no mercado pré-COVID eram mais aviões e com alta capacidade, quem dirá no mercado que irá emergir disso tudo.

Edited by Eric Breno
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

15% é 15%, isso só vale se o leasing de um NG é exatamente igual ao MAX , que seu custo de manutenção é igual ao mais novo, ou seja, 15% pode não ser igual se todo resto da base de custos não é igual, razão pela qual umas cias optam por aeronaves novas e modernas e outras não, no Brasil só a Latam que prefere operar aeronaves de gerações anteriores e não tão velhas , Gol e Azul apostam em renovação constante.

  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Lessor Avolon cancels or defers over 100 aircraft

By David Kaminski-Morrow

3 April 2020

Lessor Avolon is cutting its delivery commitments over the next four years by over 100 aircraft, through a combination of cancellations and deferrals including the axing of 75 Boeing 737 Max jets.

Avolon says the unplaced Max aircraft had been due to arrive over 2020-23. It is also deferring another 16 737 Max deliveries until 2024 or later.

It insists it “remains committed” to the 737 Max, which has been grounded for more than a year and awaits recertification.

The lessor adds that it has “removed commitments” to acquire four Airbus A330neos which had been due for delivery next year.

Another nine Airbus jets, all A320neo-family models, will be “reprofiled” and deliveries shifted from 2020-21 to 2027.

Avolon says it had 284 future aircraft commitments at the end of 2019 but, as of 31 March, it has brought this figure down to 165 – a total reduction of 119 aircraft.

The lessor says the measures will “significantly” reduce its near-term capital outlay.

Avolon has disclosed that it has been receiving requests for relief on lease payment obligations from more than 80% of its owned and managed customer base – accounting for 90% of the annualised contracted rental cash-flow from the fleet.

“These requests have taken a number of forms including – but not limited to – requests for short-term rent deferrals for part, or all, of monthly rental for a specified period of time,” says the lessor.

Avolon says it has already agreed a number of rent deferral arrangements for an average of three months.

“It is expected that some form of short term rental deferral arrangement will be agreed with a majority of our customers,” it states.

Avolon stresses that it is a “well-capitalised” business and it ended the first quarter with unrestricted cash and undrawn secured warehouse facilities in excess of $5 billion.

“We are well positioned to deal with the challenges presented by the current market environment,” insists chief executive Domhnal Slattery.

“Avolon is working closely with our global customer base to support them during this period. While we have never seen a crisis of this nature, we remain confident that the industry will recover once the impact of [coronavirus] recedes.”

 

https://www.flightglobal.com/air-transport/lessor-avolon-cancels-or-defers-over-100-aircraft/137732.article

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 02/04/2020 at 07:54, PR-FHI said:

Tudo tem que ter o selo de qualidade e assinatura no Luckert! 

Eles já são da Gol, não vieram ainda pois estão proibidos de voar, e agora com essa crise vão demorar mais um pouco. 

Tenho certeza que após essa crise toda o MAX já esteja pronto para entra em ação novamente, e aos poucos vão vindo para Gol.

Seriam 30 MAXs prontos juntando G3 e JET. Se eles vierem mesmo vai ser uma grande renovação em poucos meses.

Eu fiz essa tabela um tempo atrás..

GOL = 18 (7 entregues + 11 prontos na fábrica)

PR-XMA    Boeing 737 MAX 8 Y186 Jun 2018 Stored 1.8 Years    
PR-XMB    Boeing 737 MAX 8 Y186 Aug 2018 Stored 1.6 Years    
PR-XMC    Boeing 737 MAX 8 Y186 Oct 2018 Stored 1.5 Years    
PR-XMD    Boeing 737 MAX 8 Y186 Nov 2018 Stored 1.4 Years    
PR-XME    Boeing 737 MAX 8 Y186 Oct 2018 Stored 1.5 Years    
PR-XMF    Boeing 737 MAX 8 Y186 Dec 2018 Stored 1.3 Years    
PR-XMG    Boeing 737 MAX 8 Y186 Jan 2019 Stored 1.2 Years    

Fábrica
PR-XMH    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 1 Years    
PR-XMI    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.8 Years    
PR-XMJ    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.8 Years    
PR-XMK    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.7 Years    
PR-XML    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.6 Years    
PR-XMM    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.5 Years    
PR-XMN    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.4 Years    
PR-XMO    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.4 Years    
PR-XMP    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.3 Years    
PR-XMQ    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.2 Years    
PR-XMR    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.3 Years    


JET = 12 (5 entregues + 7 na fábrica)

serial 44861    VT-JXA    23/06/2018  Stored as 2-JXAX celestial aviation trading 11 ltd.
serial 60703    VT-JXB    06/07/2018  Stored as 2-JXBZ celestial aviation trading 22 ltd.
serial 44862    VT-JXC    27/08/2018 Stored as 2-JXCY celestial aviation trading 11 ltd.
serial 43558    VT-JXD    31/08/2018  Stored as 2-JXDW celestial aviation trading 22 ltd.
serial 44863    VT-JXE    28/09/2018  Stored as 2-JXEE smbc aviation capital ltd.

Fábrica
serial 43615    VT-JXF    30/11/2018 18 apr 2019 (pintado mas não entregue)
serial 44864    VT-JXG    26/11/2018 18 apr 2019 (pintado mas não entregue)
serial 43616    VT-JXH    737-8    Jet Airways NTU    Storage @ BFI    
serial 44865    VT-JXJ    737-8    Jet Airways NTU    Storage @ PAE
serial 44866    VT-JXK (N984BA)    Jet Airways NTU    Storage @ BFI
serial 44867    VT-JXL    737-8    Jet Airways NTU    Storage @ SKF    
serial 44868    VT-JXM    737-8    Jet Airways NTU    Storage @ BFI    

Total: 30


Fontes
https://www.planespotters.net/airline/GOL-Transportes-Aereos
https://www.airfleets.net/flottecie/Jet Airways-stored-b737ng.htm
http://737-max.blogspot.com/2017/12/blog-post.html

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Falar nisso, qual a previsão do max?

Share this post


Link to post
Share on other sites
7 hours ago, Pessoa 1985 said:

Seriam 30 MAXs prontos juntando G3 e JET. Se eles vierem mesmo vai ser uma grande renovação em poucos meses.

Eu fiz essa tabela um tempo atrás..

GOL = 18 (7 entregues + 11 prontos na fábrica)

PR-XMA    Boeing 737 MAX 8 Y186 Jun 2018 Stored 1.8 Years    
PR-XMB    Boeing 737 MAX 8 Y186 Aug 2018 Stored 1.6 Years    
PR-XMC    Boeing 737 MAX 8 Y186 Oct 2018 Stored 1.5 Years    
PR-XMD    Boeing 737 MAX 8 Y186 Nov 2018 Stored 1.4 Years    
PR-XME    Boeing 737 MAX 8 Y186 Oct 2018 Stored 1.5 Years    
PR-XMF    Boeing 737 MAX 8 Y186 Dec 2018 Stored 1.3 Years    
PR-XMG    Boeing 737 MAX 8 Y186 Jan 2019 Stored 1.2 Years    

Fábrica
PR-XMH    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 1 Years    
PR-XMI    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.8 Years    
PR-XMJ    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.8 Years    
PR-XMK    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.7 Years    
PR-XML    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.6 Years    
PR-XMM    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.5 Years    
PR-XMN    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.4 Years    
PR-XMO    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.4 Years    
PR-XMP    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.3 Years    
PR-XMQ    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.2 Years    
PR-XMR    Boeing 737 MAX 8 Y186 On Order 0.3 Years    


JET = 12 (5 entregues + 7 na fábrica)

serial 44861    VT-JXA    23/06/2018  Stored as 2-JXAX celestial aviation trading 11 ltd.
serial 60703    VT-JXB    06/07/2018  Stored as 2-JXBZ celestial aviation trading 22 ltd.
serial 44862    VT-JXC    27/08/2018 Stored as 2-JXCY celestial aviation trading 11 ltd.
serial 43558    VT-JXD    31/08/2018  Stored as 2-JXDW celestial aviation trading 22 ltd.
serial 44863    VT-JXE    28/09/2018  Stored as 2-JXEE smbc aviation capital ltd.

Fábrica
serial 43615    VT-JXF    30/11/2018 18 apr 2019 (pintado mas não entregue)
serial 44864    VT-JXG    26/11/2018 18 apr 2019 (pintado mas não entregue)
serial 43616    VT-JXH    737-8    Jet Airways NTU    Storage @ BFI    
serial 44865    VT-JXJ    737-8    Jet Airways NTU    Storage @ PAE
serial 44866    VT-JXK (N984BA)    Jet Airways NTU    Storage @ BFI
serial 44867    VT-JXL    737-8    Jet Airways NTU    Storage @ SKF    
serial 44868    VT-JXM    737-8    Jet Airways NTU    Storage @ BFI    

Total: 30


Fontes
https://www.planespotters.net/airline/GOL-Transportes-Aereos
https://www.airfleets.net/flottecie/Jet Airways-stored-b737ng.htm
http://737-max.blogspot.com/2017/12/blog-post.html

Algumas encomendas que ainda serão produzidas que seriam da Jet, também ficaram para Gol.

Curiosidade: antes da Boeing paralisar a linha de produção do MAX, o último ao deixar a FAL sera para Gol.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Desse jeito vai faltar espaço pra estacionar tanta aeronave

E com a fábrica e desenvolvimento provavelmente em lockdown também, isso vai demorar

É bom a Boeing ir "tirando o escorpião do bolso"

Share this post


Link to post
Share on other sites
15 hours ago, PR-FHI said:

Algumas encomendas que ainda serão produzidas que seriam da Jet, também ficaram para Gol.

Curiosidade: antes da Boeing paralisar a linha de produção do MAX, o último ao deixar a FAL sera para Gol.

Capaz de ser até o último Max do jeito que as coisas vão.

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 4/2/2020 at 7:54 AM, PR-FHI said:

Tudo tem que ter o selo de qualidade e assinatura no Luckert! 

Eles já são da Gol, não vieram ainda pois estão proibidos de voar, e agora com essa crise vão demorar mais um pouco. 

Tenho certeza que após essa crise toda o MAX já esteja pronto para entra em ação novamente, e aos poucos vão vindo para Gol.

Caraca que otimismo é esse?

o fim da pandemia com o retorno do max 


 

 

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
On 4/3/2020 at 8:49 PM, MRN said:

Falar nisso, qual a previsão do max?

Sem previsão, ainda mais que esses dias a FAA achou mais um problema no MAX, parece que os pilotos ainda estão com dificuldade de controlar o avião no simulador. As americanas só esperam a volta lá pro fim do ano, mas eu arrisco dizer, com mais segurança que no fim de 2019, que o 737 MAX não voltará a voar, terá seu certificado cassado definitivamente, tal qual o Comet 1, será um modelo morto. O MCAS é indomável, o que torna o MAX incontrolável em uma emergência, e, com 5000 aviões do modelo voando, uma emergência não será um fato raro e mais acidentes ocorrerão, visto que com apenas 300 já ocorreram dois em um curto espaço de tempo. Minha opinião, nada mais.

https://www.aeroflap.com.br/faa-ainda-encontra-problemas-no-sistema-de-compensacao-do-737-max-durante-testes/

 

  • Like 1
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hour ago, FCRO said:

Caraca que otimismo é esse?

o fim da pandemia com o retorno do max 


 

 

Só minha opinião, simples. Se não pensar positivo, ver com bons olhos, não adianta nada.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hour ago, A350-1041 said:

... mas eu arrisco dizer, com mais segurança que no fim de 2019, que o 737 MAX não voltará a voar, terá seu certificado cassado definitivamente, tal qual o Comet 1, será um modelo morto. O MCAS é indomável, o que torna o MAX incontrolável em uma emergência, e, com 5000 aviões do modelo voando, uma emergência não será um fato raro e mais acidentes ocorrerão, visto que com apenas 300 já ocorreram dois em um curto espaço de tempo. Minha opinião, nada mais.

https://www.aeroflap.com.br/faa-ainda-encontra-problemas-no-sistema-de-compensacao-do-737-max-durante-testes/

 

Em respeito às 300 vítimas da ganância da Boeing que ultrapassou a preocupação com a segurança eu acredito que essa seria a melhor escolha. A Boeing volta logo a fabricar os NG, para de perder tempo e dinheiro em um projeto natimorto, evita novos acidentes e vira um case mundial de como a engenharia deve vir antes do financeiro.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade