Jump to content

Invepar vai vender sua joia da coroa


TheJoker

Recommended Posts

Por Lauro Jardim

26/01/2020 

 

A Invepar decidiu vender sua joia da coroa — o aeroporto de Guarulhos, o maior do Brasil.

A Invepar também é dona do Metrô do Rio de Janeiro e da Linha Amarela, também no Rio.

https://blogs.oglobo.globo.com/lauro-jardim/post/invepar-vai-vender-sua-joia-da-coroa.html

 

A notícia é velha, mas será que agora vai?

Link to comment
Share on other sites

Será que alguém vai querer comprar, com a dívida atual e altos valores de outorga a serem pagas? Fora os investimentos a se fazer.

Não seria mais vantajoso e atrativo o governo relicitar? Nesse caso, por um valor mais baixo, com outorgas mais baixas. Consequentemente, a nova concessionária teria mais condições ($$$) de fazer investimentos mais imediatos.

Link to comment
Share on other sites

COMUNICADO AO MERCADO

Esclarecimentos sobre notícia veiculada na mídia

A INVESTIMENTOS E PARTICIPAÇÕES EM INFRAESTRUTURA S.A. – INVEPAR (“Invepar” ou “Companhia”), sociedade anônima, em atendimento à Instrução da Comissão de Valores Mobiliários nº 358, de 3 de janeiro de 2002, conforme alterada, vem por meio deste Comunicado ao Mercado prestar esclarecimentos a respeito da notícia veiculada pelo portal de notícias O Globo no dia 26 de janeiro de 2020, na coluna do Lauro Jardim e intitulada “Invepar decide vender aeroporto de Guarulhos”.

A respeito deste assunto, a Companhia informa que contratou uma assessoria para posicionamento estratégico da Invepar com relação ao Aeroporto de Guarulhos em função da publicação do Decreto nº 9.972, de 14 de agosto de 2019, que o qualifica no Programa de Parcerias de Investimentos – PPI, da Presidência da República, e inclui no Programa Nacional de Desestatização a alienação das participações detidas pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (“Infraero”) em aeroportos, incluindo o Aeroporto Internacional André Franco Montoro, localizado em Guarulhos no Estado de São Paulo.

O Aeroporto Internacional André Franco Montoro (Aeroporto de Guarulhos) está concedido à Concessionária do Aeroporto Internacional de Guarulhos (“GRU Airport”) até 2032. GRU Airport possui como seu acionista controlador a companhia Aeroporto de Guarulhos Participações S.A. (“GRUPAR”), com 51% das ações ordinárias, enquanto os outros 49% são detidos pela Infraero. GRUPAR, por sua vez, possui como acionistas a Invepar, que detém 80% das ações ordinárias, e a Airports Company South Africa Soc Limited – ACSA, com os 20% restantes. Assim, na qualidade de acionista controlador de GRU Airport, a Invepar comunica que não há qualquer mandato específico para a venda de sua participação no aeroporto, mas sim uma avaliação de suas opções estratégicas no âmbito da gestão dos negócios.

No interesse de seus acionistas e em linha com as melhores práticas de governança corporativa, a Companhia manterá o mercado oportunamente atualizado sobre este tema.

Rio de Janeiro, 27 de janeiro de 2020

 

https://mz-prod-cvm.s3.amazonaws.com/18775/IPE/2020/7fd779b1-1836-4b69-acab-e1fa72acd6a0/20200127213152331240_18775_731985.pdf.pdf

 

 

Link to comment
Share on other sites

Joia da coroa ?

Tres concessões:  Um aeroporto que dá prejuizo, um sistema de transporte que demanda alto investimento e alterna pequenos lucros e prejuizos e uma via expressa que dá um lucro significativo.

Pra mim a jóia da Invepar é a Linha Amarela. Investimento mínimo e todo dia gera um caixa significativo e no fim, o azul domina o balanço. 

Link to comment
Share on other sites

7 hours ago, LipeGIG said:

Joia da coroa ?

Tres concessões:  Um aeroporto que dá prejuizo, um sistema de transporte que demanda alto investimento e alterna pequenos lucros e prejuizos e uma via expressa que dá um lucro significativo.

Pra mim a jóia da Invepar é a Linha Amarela. Investimento mínimo e todo dia gera um caixa significativo e no fim, o azul domina o balanço. 

Quem chamou de joia da coroa foi o presidente da Invepar num artigo no “Valor” há algumas semanas. Ele disse que é o único investimento que se paga do Grupo. A Linha Amarela é uma grande insegurança jurídica, vive de liminar com cabine de pedagio sendo destruída, liminar contra e a favor, mesmo porque, que eu me lembre, há uma lei no Brasil que proíbe cobrar pedágio em uma via dentro de um mesmo município. 

Link to comment
Share on other sites

A invepar já ganhou foi muito dinheiro na Linha Amarela a concessão já tem anos e anos sem sofrer com insegurança jurídica, só que agora o prefeitinho resolver brigar com eles.

E outra em Janeiro do ano que vem com uns 90% de certeza deve voltar o Eduardo Paes e eles ganham mais 8 anos de sem insegurança jurídica, tem anos que eu ouço falar dessa lei do pedágio e nunca aconteceu nada, muito pelo contrário criaram outra via pedagiada dentro do município.

Link to comment
Share on other sites

16 minutes ago, rafaelestef said:

A invepar já ganhou foi muito dinheiro na Linha Amarela a concessão já tem anos e anos sem sofrer com insegurança jurídica, só que agora o prefeitinho resolver brigar com eles.

E outra em Janeiro do ano que vem com uns 90% de certeza deve voltar o Eduardo Paes e eles ganham mais 8 anos de sem insegurança jurídica, tem anos que eu ouço falar dessa lei do pedágio e nunca aconteceu nada, muito pelo contrário criaram outra via pedagiada dentro do município.

Pois os cidadãos do Rio deveriam se indignar com isto, pagar para andar dentro do município, enfim...voltando ao tema, “joia da coroa” foi o termo usado pelo presidente da Invepar.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade