Jump to content

AA cancela TODOS voos para o Brasil


Recommended Posts

1 minute ago, LipeGIG said:

wow. 

Me disseram que tudo depende das próximas duas semanas em NY. Como Miami está semanas atrás da onda de casos em relação a Nova York, tem gente na empresa que acha que não vai dar pra reativar como estimado. 
 

A demanda de e para MIA, a partir de GRU, no mês de maio está muito boa, todos os voos estão cheios

Link to post
Share on other sites

  • Replies 120
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Exatamente. Vai depender também das condições climáticas. Por exemplo, para o B777-300 (AMM 10-11-02), existe procedimento para storage por mais de 1 semana, mais de 1 mês, mais de 2 meses, mais de 6

Aproveita AZUL lança VCP-JFK!!! Faça o mesmo DL pra LAX UA pra MIA LATAM pra DFW

Avião novo já vem com todos os covers, mas com o tempo vai rasgando, perdendo... Nada difícil de fazer um "sonrisal" para colocar na entrada de ar e na saída no escapamento, espuma, reveste com corvin

17 minutes ago, MRN said:

A demanda de e para MIA, a partir de GRU, no mês de maio está muito boa, todos os voos estão cheios

Retiveram a demanda por 2 meses - só ai a 75% você tem 3 meses de 1 voo lotado. 

Soma-se a isso GIG, BSB, o DFW/JFK... o primeiro voo abre lotado fácil fácil. Na verdade dá pra rodar 2 voos diários nos primeiros 15 dias sem medo de ser feliz!

 

Link to post
Share on other sites

A partir de quanto tempo parado tem q drenar os fluídos dos aviões?

Link to post
Share on other sites
42 minutes ago, Paulo Bueno said:

A partir de quanto tempo parado tem q drenar os fluídos dos aviões?

Normalmente existe um prograna de manutenção aprovado onde estes intervalos estão identificados.

Esta resposta pode nao ser a mesma:

1) para todas as aeronaves;

2) para todos os operadores;e

3) para todos os tipos de óleo utilizado em uma aeronave.

Eu te responderia tua pergunto respondendo o intervalo é determinado de acordo com o programa de manutenção aprovado da aeronave.

 

Um abraço.

 

Link to post
Share on other sites
1 hour ago, Silentwatcher727 said:

Eu te responderia tua pergunto respondendo o intervalo é determinado de acordo com o programa de manutenção aprovado da aeronave.

Exatamente. Vai depender também das condições climáticas. Por exemplo, para o B777-300 (AMM 10-11-02), existe procedimento para storage por mais de 1 semana, mais de 1 mês, mais de 2 meses, mais de 6 meses e mais de 1 ano. Água e dejetos já drena para o período de 1 semana. Fluido hidráulico, óleo e combustível, não drena. Para alguns períodos, abastece o sistema de óleo com 1.5 QT de Brayco 599 (inibidor de corrosão) e para outros períodos drena o combustível apenas do filtro (GE90). Necessário engine run por 15 min antes da parada da aeronave.

Para o B737NG (AMM 10-12-02), existe procedimento para storage por mais de 1 semana, mais de 1 mês, mais de 2 meses e mais de 1 ano. É basicamente a mesma coisa, com exceção das baterias e destanqueio de um dos tanques principais para inspeção interna, aplicação de inibidor de corrosão G0009 e deixar abastecido com 10% da capacidade dos tanques.

Para A320 family (AMM 10-10-00), existe procedimento para mais de 1 mês e menos de 1 mês em flight-ready conditions e para mais de 1 ano e menos de 1 ano. Airbus é Airbus...

Isso tudo é o mais específico. Os covers dos pitots, tomadas estáticas e entrada de ar dos motores devem ser instalados sempre que a aeronave parar para o pernoite

  • Like 5
  • Thanks 1
Link to post
Share on other sites
  • 2 weeks later...

Alguma mudança nas datas de início? Precisei mapear todos os retornos e algumas datas como DFW não batem (ou então os voos estão lotados, rs). Aparentemente o início é só em 09/07.

 

Outra dúvida: como pode o LAX/GRU e GRU/LAX terem ambos início em 25/10? O 789 do Dallas pode cumprir a perna LAX? 

Link to post
Share on other sites
18 minutes ago, PR-GGG said:

Alguma mudança nas datas de início? Precisei mapear todos os retornos e algumas datas como DFW não batem (ou então os voos estão lotados, rs). Aparentemente o início é só em 09/07.

 

Outra dúvida: como pode o LAX/GRU e GRU/LAX terem ambos início em 25/10? O 789 do Dallas pode cumprir a perna LAX? 

Em princípio permanece o último schedule, de 02 de abril, não saiu nenhum outro, mas realmente o DFW-GRU só aparece dia 09JUL e não 07JUL

O LAX-GRU e O GRU-LAX estão iniciando no mesmo dia, sem voo no dia anterior. Deve sair algum ajuste até lá...

Link to post
Share on other sites
On 11/04/2020 at 14:13, MRN said:

Exatamente. Vai depender também das condições climáticas. Por exemplo, para o B777-300 (AMM 10-11-02), existe procedimento para storage por mais de 1 semana, mais de 1 mês, mais de 2 meses, mais de 6 meses e mais de 1 ano. Água e dejetos já drena para o período de 1 semana. Fluido hidráulico, óleo e combustível, não drena. Para alguns períodos, abastece o sistema de óleo com 1.5 QT de Brayco 599 (inibidor de corrosão) e para outros períodos drena o combustível apenas do filtro (GE90). Necessário engine run por 15 min antes da parada da aeronave.

Para o B737NG (AMM 10-12-02), existe procedimento para storage por mais de 1 semana, mais de 1 mês, mais de 2 meses e mais de 1 ano. É basicamente a mesma coisa, com exceção das baterias e destanqueio de um dos tanques principais para inspeção interna, aplicação de inibidor de corrosão G0009 e deixar abastecido com 10% da capacidade dos tanques.

Para A320 family (AMM 10-10-00), existe procedimento para mais de 1 mês e menos de 1 mês em flight-ready conditions e para mais de 1 ano e menos de 1 ano. Airbus é Airbus...

Isso tudo é o mais específico. Os covers dos pitots, tomadas estáticas e entrada de ar dos motores devem ser instalados sempre que a aeronave parar para o pernoite

Uma coisa interessante de se notar, ao menos aqui no BR, é que aparentemente não houve coberturas suficientes para as entradas de motores de tantas aeronaves. Em algumas fotos aqui em BSB há alguns com plástico fazendo o isolamento.

Link to post
Share on other sites
3 minutes ago, F-GSPN said:

Uma coisa interessante de se notar, ao menos aqui no BR, é que aparentemente não houve coberturas suficientes para as entradas de motores de tantas aeronaves. Em algumas fotos aqui em BSB há alguns com plástico fazendo o isolamento.

Avião novo já vem com todos os covers, mas com o tempo vai rasgando, perdendo... Nada difícil de fazer um "sonrisal" para colocar na entrada de ar e na saída no escapamento, espuma, reveste com corvin ou outro material parecido e costura, qualquer capotaria faz isso, e não custa caro. É porque nunca usa, aí quando precisa se dá conta que não tem, aí o plástico vai cumprir a missão, mas que é um negócio brejo isso é

  • Like 1
  • Haha 1
Link to post
Share on other sites

AA está aposentando os 767, 757, 333 e 190, o que será que fica no BSB quando/se voltar?

http://news.aa.com/news/news-details/2020/A-fond-farewell-to-five-fantastic-fleets-FLT-04/?utm_source=News_Alert&utm_medium=email&utm_campaign=Newsroom_Alerts

Edited by TheJoker
Link to post
Share on other sites
Just now, F-GSPN said:

737 Max, se for capaz de voar sem cair.

Se não me engano a última previsão era de liberar o Max em setembro/outubro, o que coincidiria com a volta da rota.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
5 hours ago, TheJoker said:

 

Fecha a base ou vai de A319

Link to post
Share on other sites
9 hours ago, MRN said:

Eu apostaria no 787-8

787-8 pode ser muito grande para o mercado, a menos que a AA consiga colocar contratos de carga em BSB. 

 

 

 

Link to post
Share on other sites
Posted (edited)

Quanto à American em Brasília:

 

Com o dólar a R$ 4, o mercado BSB-Flórida conseguiu sustentar 550 assentos diários com GOL e AA.

 

Então é perfeitamente plausível imaginar que a parceria American-GOL garante à American utilizar o grande Hub da G3 em BSB oferecendo 239 assentos diários num 788, mesmo com o dólar a 5.

 

Isso, óbvio, depois da crise Corona.

 

 

.

Edited by Delmo
Link to post
Share on other sites

Eu acredito que vá para 788 mas com redução de frequências, algo como 3 ou 4 voos semanais. Isso até a chegada do A321XLR, em 2023, aí o voo volta a ser diário. A chegada do XLR deve inclusive coincidir com o novo ritmo de crescimento do mercado, será o timming perfeito para as empresas voltarem a adicionar oferta, visto que o que foi perdido já deverá ter sido recuperado, então creio que essa aeronave será o equipamento de retomada não só dos voos diários em BSB, como também da malha brasileira que a AA abandonou entre 2014 e 2018. 

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

788 da AA n tem 226 assentos?

Vocês estão muito otimistas, quando a demanda tava normal já queriam fazer o downgrade para o MAX8, imagina agora pós corona...

 

 

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.




×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade