Jump to content

Coronavirus: TAP Air Portugal suspende contrato de 90% dos funcionários


Recommended Posts

Será que ela consegue sobreviver sem essa ajuda do governo?

Link to post
Share on other sites

TAP Não Renova Contratos A Prazo E Vai Continuar Com Trabalhadores Em Lay-Off

23/06/2020

 

A TAP SGPS vai aderir em julho ao novo modelo de lay-off anunciado pelo Governo, adiantou nesta terça-feira, dia 23 de junho, o presidente executivo da companhia aérea, Antonoaldo Neves, numa audição na Assembleia da República.

“O Estado já divulgou o novo plano de lay-off. A gente vai aderir a esse novo plano”, disse o responsável da transportadora, que falava na comissão parlamentar de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação, na Assembleia da República, em Lisboa.

Quanto à não renovação de contratos a termo com trabalhadores desde o início da pandemia de covid-19 e dos efeitos que teve na operação aérea, Antonoaldo Neves lamentou a situação, mas referiu não haver “fundamento legal para renovar”, dadas as circunstâncias.

“Se tem coisa que me dói muito é não poder renovar contratos a termo […] mas eu não posso. Não há fundamento legal para renovar”, esclareceu.

A TAP recorreu, em 2 de abril, ao programa de lay-off simplificado, disponibilizado pelo Governo como uma das medidas de apoio às empresas que sofrem os efeitos da pandemia de covid-19.

A companhia está numa situação financeira agravada desde o início da crise provocada pela pandemia de covid-19, com a operação paralisada quase na totalidade, e vai receber uma injeção de capital que pode chegar aos 1.200 milhões de euros.

O Governo aprovou em 18 de junho a prorrogação por um mês do lay-off simplificado, até final de julho, e novos apoios à retoma da atividade que estarão em vigor a partir de agosto e até final do ano.

As medidas estavam previstas no Programa de Estabilização Económica (PEES), criado na sequência da pandemia covid-19 e aprovado há duas semanas no Conselho de Ministros.

O lay-off simplificado, que prevê a suspensão do contrato de trabalho ou a redução do horário de trabalho e o pagamento de dois terços da remuneração normal ilíquida, financiada em 70% pela Segurança Social e em 30% pela empresa, terminava inicialmente em junho, mas foi prorrogado até final de julho.

A partir de agosto, o lay-off simplificado vai continuar a ser possível apenas para as empresas que permanecem encerradas por obrigação legal.

Para as restantes empresas em dificuldades devido à pandemia estão previstos novos apoios a partir de agosto com vista à retoma progressiva da atividade, sem a possibilidade de suspensão do contrato, mas apenas de redução do horário de trabalho.

 

https://newsavia.com/tap-nao-renova-contratos-a-prazo-e-vai-continuar-com-trabalhadores-em-lay-off/

Link to post
Share on other sites

https://observador.pt/2020/06/24/miguel-frasquilho-muito-surpreendido-com-acao-judicial-da-associacao-comercial-do-porto-contra-ajuda-a-tap/

“Não vejo como nos podemos espantar com o facto da Comissão Europeia ter classificado a TAP como um grupo com dificuldade financeira, dado o histórico dos resultados negativos (TAP só teve lucros duas vezes em 18 anos)”. A Comissão classificou logo a TAP como uma empresa em dificuldade, o que impedia o acesso ao quadro temporário de apoio ao setor, defendido por Antonoaldo Neves."

"Miguel Frasquilho é ouvido um dia depois do presidente da comissão executiva, Antonoaldo Neves, ter deixado críticas ao resultado das negociações entre o Governo português e a Comissão Europeia, considerando que o acordo obtido terá implicações duras para a TAP e que teria sido possível um quadro mais favorável."

Alguém sabe qual foi essa negociação criticada por Antonoaldo Neves? 

https://www.rtp.pt/noticias/economia/ps-alega-que-tap-esta-em-risco-de-fechar-e-condena-jogos-de-carater-regional_n1239480

 

Link to post
Share on other sites
23 minutes ago, MRN said:

https://observador.pt/2020/06/24/miguel-frasquilho-muito-surpreendido-com-acao-judicial-da-associacao-comercial-do-porto-contra-ajuda-a-tap/

“Não vejo como nos podemos espantar com o facto da Comissão Europeia ter classificado a TAP como um grupo com dificuldade financeira, dado o histórico dos resultados negativos (TAP só teve lucros duas vezes em 18 anos)”. A Comissão classificou logo a TAP como uma empresa em dificuldade, o que impedia o acesso ao quadro temporário de apoio ao setor, defendido por Antonoaldo Neves."

"Miguel Frasquilho é ouvido um dia depois do presidente da comissão executiva, Antonoaldo Neves, ter deixado críticas ao resultado das negociações entre o Governo português e a Comissão Europeia, considerando que o acordo obtido terá implicações duras para a TAP e que teria sido possível um quadro mais favorável."

Alguém sabe qual foi essa negociação criticada por Antonoaldo Neves? 

https://www.rtp.pt/noticias/economia/ps-alega-que-tap-esta-em-risco-de-fechar-e-condena-jogos-de-carater-regional_n1239480

 

Prezado MRN, penso que ele estava se referindo a isso:

 "As declarações do presidente executivo da TAP surgem depois de a Comissão Europeia ter dado autorização a Portugal para avançar com um auxílio estatal à companhia aérea no valor máximo de 1,2 mil milhões de euros, que assume a forma de um empréstimo de emergência. Para receber este apoio, a TAP tem um prazo de seis meses para elaborar um plano de reestruturação que assegure o seu futuro, que terá de ser aprovado por Bruxelas."

O Plano de reestruturação deve incluir corte de rotas, entrega de aeronaves e demissões

Link to post
Share on other sites

Muito obrigado!! E como ele quer a ajuda do governo? Sem ter o plano de reestruturação?

Link to post
Share on other sites

Portugal's TAP confident EU will approve restructuring plan

JUNE 23, 2020

Portugal’s flag carrier TAP is confident the European Commission will approve a restructuring plan that would allow the airline to avoid repaying a government-backed loan, its chief executive said on Tuesday.

In April, TAP asked for help as the company, which usually operates around 2,500 flights per week, was forced to suspend almost all of them as demand for travel collapsed in the coronavirus pandemic.

Earlier this month, the European Commission approved Portugal’s plan for a 1.2 billion euro ($1.4 billion) rescue loan for TAP.

Rescue aid can be granted for a maximum of six months and authorities have committed that TAP will reimburse the loan or submit a restructuring plan in that time.

“We believe it is possible to send a restructuring plan to the European Commission that is accepted because we believe TAP has a viable business model,” CEO Antonoaldo Neves told a parliamentary committee.

“TAP has new planes, it has an extraordinary team,” Neves added. “Now it will be a long and hard recovery.”

TAP tried to resume some of its international operations last month as lockdown measures were slowly being lifted but, with little demand, the company took a step back.

“It is very difficult to predict the demand we will have in coming months,” Neves said. “We have done a process in which we place flights and withdraw flights, testing market demand.”

TAP was partly privatised in 2015. Brazilian-U.S. airline entrepreneur David Neeleman holds a 45% stake, and the state 50%, with TAP employees holding the remaining 5%.

TAP ended last year with its best ever cash position despite a net annual loss of 106 million euros, but it has incurred heavy losses in recent months.

“The country must unite to save TAP from the pandemic,” Neves said.

 

Reporting by Catarina Demony and Sergio Goncalves, Editing by Andrei Khalip and Mark Potter

https://www.reuters.com/article/us-health-coronavirus-portugal-tap-idUSKBN23U1WO

Link to post
Share on other sites
  • 4 weeks later...

Trabalhadores Da TAP Regressam Ao Trabalho Em Agosto

19/07/2020

Os trabalhadores da TAP deverão regressar ao trabalho em agosto, mas com horários reduzidos, em 70%, 50% ou 20%, segundo uma comunicação interna do diretor dos Recursos Humanos, a que a agência de notícias ‘Lusa’ teve acesso.

“Não haverá mais ‘lay-off’/suspensão de contrato de trabalho, pelo que todos os nossos colaboradores estarão em ‘lay-off’/redução de horário de trabalho. Ou seja, todos os trabalhadores estarão a trabalhar ainda que com uma qualquer redução de horário de trabalho aplicada”, explica a comunicação interna enviada pelos Recursos Humanos do Grupo TAP às direções dos vários departamentos.

Apelando “à máxima racionalidade” das chefias nas “propostas/decisões”, é solicitado o envio até quinta-feira (23 de julho) das “listagens com a identificação dos trabalhadores que deverão ser enquadrados em cada uma das modalidades” de redução de horário.

A comunicação interna enumera depois “três notas importantes” sobre este novo regime a iniciar-se em agosto.

Por um lado, “nenhum trabalhador irá receber uma remuneração igual ou inferior à que recebeu no período de ‘lay-off’ anterior”, sublinhando que “o valor da remuneração dos trabalhadores em ‘lay-off’/redução de horário de trabalho não corresponde à percentagem de redução aplicada ao horário de trabalho” e que, “em todos os casos, os trabalhadores receberão uma remuneração acima da sua percentagem de horário de trabalho”.

Para o pessoal de terra ficou definido que aqueles que tiverem redução de horário em 70% “receberão uma remuneração, nos termos desta nova legislação, correspondente a 77% da sua renumeração”.

Os que tiverem redução em 50% do horário receberão 83% da remuneração e os trabalhadores abrangidos com uma redução de 20% no horário de trabalhão “terão direito a uma remuneração correspondente a 93%” do vencimento.

“No que se refere ao PN [Pessoal Navegante] esta análise e enquadramento está já a ser efetuada pelas áreas internas responsáveis, pelo que essa mesma data [23 de julho] deverá ser cumprida, mas com características ajustadas a esta realidade concreta — em articulação operações/planeamento/RH neste momento”, indica o documento.

A nota interna justifica que as remunerações auferidas em cada uma das modalidades corresponde ao facto de a TAP “ter de complementar em dois terços a parte não trabalhada pelo trabalhador”, sendo que a Segurança Social “apenas comparticipa uma pequena parte”.

“Assim sendo, a seleção dos colaboradores a alocar a cada uma destas modalidades deve ser a mais racional possível […]. Apenas deverão ser alocados nesta modalidade de mínima redução (redução de 20%) o número indispensável de trabalhadores, dado os aumentos de custos que representam estas novas modalidades de ‘lay-off’ para a companhia”, pede o diretor dos Recursos Humanos do Grupo TAP.

Contactada pela Lusa, fonte oficial do grupo disse que “a TAP não comenta comunicações internas da empresa sobre processos em curso cujas decisões ainda não são definitivas e podem ser alteradas. Os trabalhadores e respetivas estruturas representativas serão sempre os primeiros a ser informados pela empresa, de forma direita, em relação a estas questões”.

Na sexta-feira, dia 17 de julho, o Conselho de Ministros aprovou a concessão de um empréstimo de até 1.200 milhões de euros à TAP, em conformidade com a decisão da Comissão Europeia.

Além do empréstimo remunerado a favor do Grupo TAP de 946 milhões, ao qual poderão acrescer 254 milhões, sem que, contudo, o Estado se encontre vinculado à sua disponibilização, as negociações tinham em vista a aquisição, por parte do Estado Português, “de participações sociais, de direitos económicos e de uma parte das prestações acessórias da atual acionista da TAP SGPS, Atlantic Gateway, SGPS, Lda.”.

Desta forma, o Estado Português passa a deter uma participação social total de 72,5% e os correspondentes direitos económicos na TAP SGPS, pelo montante de 55 milhões de euros, referiu. O restante capital é dividido pelo empresário Humberto Pedrosa, com 22,5% do capital, e os trabalhadores (5%).

 

https://newsavia.com/trabalhadores-da-tap-regressam-ao-trabalho-em-agosto/

 

Todo mundo com aumento de salário :lol:

Link to post
Share on other sites

 

10 hours ago, TheJoker said:

Para o pessoal de terra ficou definido que aqueles que tiverem redução de horário em 70% “receberão uma remuneração, nos termos desta nova legislação, correspondente a 77% da sua renumeração”.

Trabalha 30% e recebe 77% da remuneração. Acho que é a melhor proposta do mundo

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade