Jump to content

Para sair da crise, Latam prevê redução da operação em 30% e demissão de cerca de 700 pilotos no Brasil


Recommended Posts

1 hour ago, MRN said:

Enquanto o governo fica fazendo picuinhas pra „ emprestar „ e não dar , a Latam corre atrás de outros aportes, já está em vias de aprovação outro de 2,1 bilhões de dólares, vem de investidores chilenos(12 bi ao menos né, convertido)

Link to post
Share on other sites

  • Replies 1.1k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Acho engraçado ver que realmente tem gente que valida essa tese de que gente antiga de fórum não pode ser criticada por meros mortais.  O fórum tá aí, ainda ativo depois de muito tempo pra quem q

Na sua idade, na sua condição e vindo de uma pessoa com altíssimo nível técnico e intelectual que és, fazer esse tipinho de torcida suja e antiética é digno de se ter vergonha para se expor - ainda qu

41 minutes ago, NEsses said:

Ele nem precisaria dizer que serão pagos por ajudar. O dinheiro que o governo tem vem de impostos do povo e das indústrias e é de conhecimento de todo mundo que
ele tem pouco para os imensos problemas do Brasil. Para piorar a pandemia reduziu mais ainda a arrecadação e inacreditavelmente o desvio de dinheiro dos municípios 
aumentou muito devido a não obrigatoriedade de licitação durante esta fase.

Quanto a ficar sócio temporário das cias. é a saída encontrada em vários países pelo mundo.

Link to post
Share on other sites

Não tenho certeza, mas parece-me que o sindicato dos pilotos, no Chile, se reuniu hoje para deliberar sobre redução temporária de salário dos pilotos da latam 

Link to post
Share on other sites
58 minutes ago, NEsses said:

Ele tá falando que vai ajudar faz tempo... Desde o dia 14 de maio que o Presidente do BNDES disse isso que o PG falou hoje, inclusive que a tam estaria habilitada para receber a ajuda. Uma coisa que ele falou na época foi que "os recursos devem ser usados exclusivamente no Brasil, em gastos operacionais, proibindo o uso para pagar credores financeiros"

Continuamos aguardando, Sr. Paulo Guedes :ranting_1:

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
2 hours ago, MRN said:

Não tenho certeza, mas parece-me que o sindicato dos pilotos, no Chile, se reuniu hoje para deliberar sobre redução temporária de salário dos pilotos da latam 

Lá eles não querem aceitar redução nenhuma. 

Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
1 hour ago, NEsses said:

Lá eles não querem aceitar redução nenhuma. 

E é apenas por meses...

Na boa, a latam/tam, LA/JJ, essa sopa de letras, vão continuar operando. Menor, muito menor, "mais menor", menorzinha, "mais pequena", como queiram, mas que vão continuar, vão! Empregados serão demitidos? Não sei, de repente conseguem um acordo que preservem os empregos, a esperança é a última que morre, quem morre na véspera é piru! 

Vamos parar com esse papo de suicídio, de stress, de comprimido, isso não leva a lugar nenhum. Já voei com cara doido, que passar a noite no locomotiva, Rêmulu's, sofazão, Platinum, e as 6 da manhã tá fazendo o scanflow, era fichinha. Jogar o avião em algum lugar é coisa que só acontece com piloto nutela, aqui não! O aviador brasileiro pode tá com o problema que for, mas sentou a bunda no cockpit o cara esquece do mundo, parece que usou a sua droga preferida... E antes que digam que tô falando o que eu não sei (posso não saber tudo, mas sou quase um psicólogo de comandante) tenho quase 30 anos de profissão e mais de 14 mil horas, fui F/E de 07, C-130 e 27, voei com todo tipo de tripulação, cara fraco, cara que levou gaia da mulher, cara que descobriu que o filho era homossexual, e ninguém jogou avião por ai

Só não voei com mulher, que voando naqueles dias deve ser pior do que piloto suicida... 

Funcionários da tam, durmam em paz, e o que vier amanhã, é só amanhã, não é agora! Um leão por dia...

Edited by MRN
Atender a nova ordem mundial
  • Like 3
  • Haha 6
Link to post
Share on other sites

Que medo de por minha filha em um avião lendo algumas "confissões" rs

 

Nada me faz esquecer do 727 da Vasp jogado nas morros em FLZ, comandado por um piloto com problemas pessoais!

Link to post
Share on other sites

Nem leio mais teus post's, amigo. Tu faz mal pras pessoas aqui...

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
12 minutes ago, Mister.Eslátes said:

Que medo de por minha filha em um avião lendo algumas "confissões" rs

 

Nada me faz esquecer do 727 da Vasp jogado nas morros em FLZ, comandado por um piloto com problemas pessoais!

Então, põe ela num ônibus, espertão, mas que não seja numa com motoristas endividados e que não corram riscos de demissão  e seja feliz com seus mímimis...seus posts aqui já deram o que tinha que dar.... passar bem  

  • Like 4
  • Thanks 2
Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
1 hour ago, MRN said:

E é apenas por meses...

Na boa, a latam/tam, LA/JJ, essa sopa de letras, vão continuar operando. Menor, muito menor, "mais menor", menorzinha, "mais pequena", como queiram, mas que vão continuar, vão! Empregados serão demitidos? Não sei, de repente conseguem um acordo que preservem os empregos, a esperança é a última que morre, quem morre na véspera é piru! 

Vamos parar com esse papo de suicídio, de stress, de comprimido, isso não leva a lugar nenhum. Já voei com cara doido, que passar a noite no locomotiva, Rêmulu's, sofazão, Platinum, e as 6 da manhã tá fazendo o scanflow, era fichinha. Jogar o avião em algum lugar é coisa que só acontece com piloto nutela, aqui não! O aviador brasileiro pode tá com o problema que for, mas sentou a bunda no cockpit o cara esquece do mundo, parece que usou a sua droga preferida... E antes que digam que tô falando o que eu não sei (posso não saber tudo, mas sou quase um psicólogo de comandante) tenho quase 30 anos de profissão e mais de 14 mil horas, fui F/E de 07, C-130 e 27, voei com todo tipo de tripulação, cara fraco, cara que levou gaia da mulher, cara que descobriu que o filho era homossexual, e ninguém jogou avião por ai

Só não voei com mulher, que voando naqueles dias deve ser pior do que piloto suicida... 

Funcionários da tam, durmam em paz, e o que vier amanhã, é só amanhã, não é agora! Um leão por dia...

Remulu´s patrimonio manauara! Quanto a droga favorita lembrei da cena do filme do Denzel

29 minutes ago, Mister.Eslátes said:

Que medo de por minha filha em um avião lendo algumas "confissões" rs

Nada me faz esquecer do 727 da Vasp jogado nas morros em FLZ, comandado por um piloto com problemas pessoais!

Voce tem provas de que o VP168 foi jogado ao morro propositalmente pelo Vieira?

Edited by PT-KTR
  • Like 2
  • Haha 1
Link to post
Share on other sites
15 minutes ago, Mister.Eslátes said:

Nada me faz esquecer do 727 da Vasp jogado nas morros em FLZ, comandado por um piloto com problemas pessoais!

Mas vou te dá uma moralzinha...

3. Análise - "...Apesar do Comandante possuir problemas particulares, não é possível saber até que ponto tais problemas teriam contribuído para o acidente, pois durante o voo, não existiram evidências que pudessem levar a uma conclusão a esse respeito"

"...Os dados acima apresentam as mesmas características de acidentes anteriores, onde a atenção dos pilotos foi totalmente desviada para um impulso dominante, neste caso, a visão da cidade iluminada e a localização da pista. Os outros impulsos sensoriais não receberam a atenção devida. O cérebro humano quando tem sua atenção focalizada em um impulso dominante, possui a característica de desligar outros impulsos sensoriais. Assim, ao ser alertado pelo co-piloto da existência de morros a frente, o Comandante tinha sua atenção voltada para a interceptação visual da perna do vento, sem observar obstáculos a sua frente. Para que se observe uma elevação a noite é necessário que haja contraste..."

4. Conclusão:

4.1 - Fator Humano: "Contribuiu na medida em que durante a descida o comandante concentra sua atenção na cidade iluminada, desligando-se de outros impulsos sensoriais, tais como observação da distância e da altitude"

Meu amigo, por favor, não seja leviano. O relatório não concluiu em momento algum que o Comandante jogou o avião no morro de propósito

Seja baixo astral, negativo, o que quiser, mas leviano, não. Tenha um pouco de respeito pelas pessoas

  • Thanks 1
Link to post
Share on other sites
37 minutes ago, Mister.Eslátes said:

Que medo de por minha filha em um avião lendo algumas "confissões" rs

Nada me faz esquecer do 727 da Vasp jogado nas morros em FLZ, comandado por um piloto com problemas pessoais!

Sugiro que você leve seus familiares para as viagens, de carro, blindado, com airbag e trafegue a 10km. A probabilidade de ter um acidente de carro ou ônibus, ser assaltado, sequestrado ou atropelado são superiores ao de avião, na qual você teria que viajar  1 milhão de anos de forma contínua para ser vítima de um acidenete.

Sobre o VP168, seja respeitoso com as vítimas e seus familiares, inclusive o piloto. Você é CENIPA, psicólogo ou tem uma tese sobre o acidente? Então porque não vai a imprensa aos órgãos de investigação para reabrir o relatório?

Mas como alguém pode fazer isso se não sabe nem o código IATA do acidente do VP168?

  • Like 3
  • Thanks 1
  • Haha 1
Link to post
Share on other sites
29 minutes ago, MRN said:

Mas vou te dá uma moralzinha...

3. Análise - "...Apesar do Comandante possuir problemas particulares, não é possível saber até que ponto tais problemas teriam contribuído para o acidente, pois durante o voo, não existiram evidências que pudessem levar a uma conclusão a esse respeito"

"...Os dados acima apresentam as mesmas características de acidentes anteriores, onde a atenção dos pilotos foi totalmente desviada para um impulso dominante, neste caso, a visão da cidade iluminada e a localização da pista. Os outros impulsos sensoriais não receberam a atenção devida. O cérebro humano quando tem sua atenção focalizada em um impulso dominante, possui a característica de desligar outros impulsos sensoriais. Assim, ao ser alertado pelo co-piloto da existência de morros a frente, o Comandante tinha sua atenção voltada para a interceptação visual da perna do vento, sem observar obstáculos a sua frente. Para que se observe uma elevação a noite é necessário que haja contraste..."

4. Conclusão:

4.1 - Fator Humano: "Contribuiu na medida em que durante a descida o comandante concentra sua atenção na cidade iluminada, desligando-se de outros impulsos sensoriais, tais como observação da distância e da altitude"

Meu amigo, por favor, não seja leviano. O relatório não concluiu em momento algum que o Comandante jogou o avião no morro de propósito

Seja baixo astral, negativo, o que quiser, mas leviano, não. Tenha um pouco de respeito pelas pessoas

Existem mil lendas sobre o VP168, inclusive a de uma amante a bordo não registrada na lista de passageiros, etc, aí vem a pergunte, se havia amante, ninguem deu falta desse CPF em 38 anos?

21 minutes ago, PB26 said:

Sugiro que você leve seus familiares para as viagens, de carro, blindado, com airbag e trafegue a 10km. A probabilidade de ter um acidente de carro ou ônibus, ser assaltado, sequestrado ou atropelado são superiores ao de avião, na qual você teria que viajar  1 milhão de anos de forma contínua para ser vítima de um acidenete.

Sobre o VP168, seja respeitoso com as vítimas e seus familiares, inclusive o piloto. Você é CENIPA, psicólogo ou tem uma tese sobre o acidente? Então porque não vai a imprensa aos órgãos de investigação para reabrir o relatório?

Mas como alguém pode fazer isso se não sabe nem o código IATA do acidente do VP168?

Olha, o acidente que me deu mais prejuízo financeiro na vida foi encher o fundo de outro carro a 20km kkkkk.

Quanto ao VP168, boa ideia, o cara que nem sabe escrever a peça aerodinamica do nick dele poderia solicitar a reabertura da investigação, quem sabe consegue até um patrocinio, 5 minutos de fama no Ratinho ou no Sikera

Link to post
Share on other sites
6 hours ago, Mister.Eslátes said:

Que medo de por minha filha em um avião lendo algumas "confissões" rs

 

Nada me faz esquecer do 727 da Vasp jogado nas morros em FLZ, comandado por um piloto com problemas pessoais!

Você por acaso é aquele menino que faz live de flight simulator pro YouTube usando uniforme quatro faixas? 

Pelo comportamento e pelos “eslátes”, tá parecendo. 

  • Like 2
  • Thanks 1
  • Haha 12
Link to post
Share on other sites
2 minutes ago, Mister.Eslátes said:

Ainda não me convenceram da segurança em se voar com um tripulante estressado, preocupado ou fazendo uso de qqr tipo de medicamentos.

Acredite, ninguém está mesmo interessado em te convencer.

De volta ao foco do tópico. 

  • Like 8
  • Thanks 2
  • Haha 2
Link to post
Share on other sites

Depois de 35 anos de janela aprende a respeitar as limitações humanas, querendo ou não o fator emocional é causador de muitos acidentes, mais do que isso influencia pilotos, mecânicos e todo e qualquer profissional que esteja envolvido na preparação do voo, falta de consciência situacional declaradamente o fator de risco. Concordo não dá para sofrer de véspera, mas seria interessante fazer um estudo sobre essa situação em toda equipe latam.

Link to post
Share on other sites
3 hours ago, Mister.Eslátes said:

Ainda não me convenceram da segurança em se voar com um tripulante estressado, preocupado ou fazendo uso de qqr tipo de medicamentos.

Posso te dizer uma coisa? Em 90% dos voos em que você está haverá ao menos um tripulante passando por problemas em casa ou relacionados à vida pessoal. Obviamente que nada relacionado à situação da Covid, mas todos possuímos problemas. Seja uma comissária com filho doente, seja um copiloto com familiar internado, seja um comandante com dívidas e nome negativado no SPC. São “N” razões que levam as pessoas a terem as suas preocupações. 

Alguns possuem bom senso e entendem a hora de parar e cuidar da mente. Outros continuam voando com suas razões, ainda que não seja nem de longe o ideal. 

Mas se você for usar como critério voar com tripulações estéreis... Você no fim das contas não vai voar em lugar nenhum. 

  • Thanks 1
Link to post
Share on other sites

E muitos vão voar pra esquecer dos problemas, o voo é o remédio pra eles

  • Like 2
Link to post
Share on other sites
Posted (edited)

De fato, registros de acidentes causados por suicídios, confirmados ou mera suposição, não são muitos, e prefiro não citar exemplos para não fazer um pré-julgamento de alguns que as autoridades jamais admitiram, mas os indícios são claros, assim como os prováveis motivos são múltiplos. Entretanto, me surpreendo ao notar que há pessoas que não estão dando a devida importância ao desgate físico e/ou emocional pelo qual passamos, e que já influenciou decisivamente na ocorrência de uma porção de eventos, de maior ou menor relevância. Temos em mãos uma bomba relógio que envolve aspectos potencialmente perigosos e nem sempre de fácil detecção. O que ocorreu com uma empresa do Oriente Médio é um bom exemplo.

Entre um monte de novas experiências que estamos vivenciando com esse contexto absurdamente fora da curva, estará certamente uma das coisas mais difíceis de se administrar, que ainda não atingiu um nível de conhecimento aceitável e está diretamente envolvida na condução das operações aéreas (em terra e no ar), que chama-se Fatores Humanos.

Admito que fiquei surpreso com algumas coisas que têm sido escritas, e digo sem medo de errar que ainda é cedo para qualquer afirmação, positiva ou negativa, e o episódio com o A320 da PIA está recheado de subsídios para que os psicólogos participem ativamente da investigação.

Tenho lido que muitas soluções paliativas têm sido empregadas pelo mundo todo e mais especificamente no Brasil, que ainda não sabemos o quanto vão repercutir no futuro. Portanto, ser taxativo sobre esse tema, principalmente ao dizer "comigo não acontece", é a mesma coisa que entrar num campo minado com os olhos vedados.

Saúde a todos.

Edited by Jet Age
  • Like 4
  • Thanks 1
Link to post
Share on other sites
2 hours ago, Jet Age said:

De fato, registros de acidentes causados por suicídios, confirmados ou mera suposição, não são muitos, e prefiro não citar exemplos para não fazer um pré-julgamento de alguns que as autoridades jamais admitiram, mas os indícios são claros, assim como os prováveis motivos são múltiplos. Entretanto, me surpreendo ao notar que há pessoas que não estão dando a devida importância ao desgate físico e/ou emocional pelo qual passamos, e que já influenciou decisivamente na ocorrência de uma porção de eventos, de maior ou menor relevância. Temos em mãos uma bomba relógio que envolve aspectos potencialmente perigosos e nem sempre de fácil detecção. O que ocorreu com uma empresa do Oriente Médio é um bom exemplo.

Entre um monte de novas experiências que estamos vivenciando com esse contexto absurdamente fora da curva, estará certamente uma das coisas mais difíceis de se administrar, que ainda não atingiu um nível de conhecimento aceitável e está diretamente envolvida na condução das operações aéreas (em terra e no ar), que chama-se Fatores Humanos.

Admito que fiquei surpreso com algumas coisas que têm sido escritas, e digo sem medo de errar que ainda é cedo para qualquer afirmação, positiva ou negativa, e o episódio com o A320 da PIA está recheado de subsídios para que os psicólogos participem ativamente da investigação.

Tenho lido que muitas soluções paliativas têm sido empregadas pelo mundo todo e mais especificamente no Brasil, que ainda não sabemos o quanto vão repercutir no futuro. Portanto, ser taxativo sobre esse tema, principalmente ao dizer "comigo não acontece", é a mesma coisa que entrar num campo minado com os olhos vedados.

Saúde a todos.

Sábias palavras!

A falta de maturidade em não reconhecer o latente prejuízo para com a segurança de vôo é cultural e mais que esperado.. Lamentavelmente.

Link to post
Share on other sites

 Psicóloga relata que procura de tripulantes por atendimento gratuito do SNA aumentou durante a crise. Associados procuram ajuda neste momento, para amenizar os efeitos da solidão, medo, ameaça à vida, caos econômico e futuro incerto que podem agravar doenças mentais preexistentes ou criar novos problemas para pessoas consideradas saudáveis. Há uma grande preocupação com a possibilidade de perda do emprego e com as mudanças na vida de cada um e na de suas famílias em decorrência da crise. Algumas dificuldades perante as alterações de rotina e convivência maior com cônjuges e familiares também podem surgir. Apertem os cintos.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
3 hours ago, Mastercaptain said:

 Psicóloga relata que procura de tripulantes por atendimento gratuito do SNA aumentou durante a crise. Associados procuram ajuda neste momento, para amenizar os efeitos da solidão, medo, ameaça à vida, caos econômico e futuro incerto que podem agravar doenças mentais preexistentes ou criar novos problemas para pessoas consideradas saudáveis. Há uma grande preocupação com a possibilidade de perda do emprego e com as mudanças na vida de cada um e na de suas famílias em decorrência da crise. Algumas dificuldades perante as alterações de rotina e convivência maior com cônjuges e familiares também podem surgir. Apertem os cintos.

Na Varig foi assim??? Para muitos, deve  ter sido difícil descer do pedestal...

Edited by NEsses
  • Like 2
Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.




×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade