Jump to content

Para sair da crise, Latam prevê redução da operação em 30% e demissão de cerca de 700 pilotos no Brasil


Recommended Posts

Como eu disse em outras oportunidades nobres colegas, eu entendo todos os posicionamento. Que seja o que Deus quiser, eu acho que o sim passa mas não tenho certeza. Não tenho nem ideia do que todo o grupo está pensando nesse momento. Talvez o não ganhe, enfim, a partir de amanhã descobriremos e que seja o que tiver que ser. Como eu disse, no Chile foram 3 rodadas de demissões e uma hora o grupo abriu as pernas, aqui a tática será a mesma. Ponto. Veremos. 

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

  • Replies 1.1k
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Acho engraçado ver que realmente tem gente que valida essa tese de que gente antiga de fórum não pode ser criticada por meros mortais.  O fórum tá aí, ainda ativo depois de muito tempo pra quem q

Na sua idade, na sua condição e vindo de uma pessoa com altíssimo nível técnico e intelectual que és, fazer esse tipinho de torcida suja e antiética é digno de se ter vergonha para se expor - ainda qu

Acho que o sim pra negociar passa, já a proposta só se for muito suave e com MUITA explicação pra convencer a galera antigassa. 

Eu entendo 100% todos os lados, namorada e bons amigos rodaram, entendo e concordo com quem acha que é cinismo aceitar negociar agora, assim como entendo quem quem tá voando e quer ter um mínimo de pé no chão e vê que nessa negociação no meio da pandemia e com a empresa em crise financeira  já perdemos o jogo e o poder de negociar e agora é tentar amaciar o placar.

Já mudei de opinião 200 vezes sobre isso mesmo sem voar lá e exatamente por não voar, me recuso a xingar de covarde ou mau caráter quem tá voando há meses nesse clima e acompanhando  o jogo de dentro com a bunda na boleia. 

Eu só não consigo é me acostumar com a ideia de normalizar mais 1200 demissões “por princípios”. Tenha a opinião que seja sobre os que viraram voto do “não” pro “sim”, mas por Deus, 1200 na rua é péssimo pra toda a indústria! Mais 1200 pra entregar CV se estapeando por uma vaga na ITA que sabe Deus se sai do papel. 

São elocubrações de quem tá de fora mas nem tanto, eu não voto, quem saiu não vota, então que quem ficou tenha a serenidade de votar com consciência porque votar com o fígado já foi nefasto o suficiente. 

Edited by A350XWB
  • Thanks 2
Link to post
Share on other sites

Eu fui um pequeno empresário durante quase 25 anos, passei por várias crises e vou te dizer que a que tem que demitir é a pior. Nenhum empresário demite ninguém se a situação está boa, pelo contrário ! contrata.
Acho que é um ponto de vista.

  • Like 3
Link to post
Share on other sites

Vota não, alguns colegas vão para a forca, que pena né?, Quem fica é vida que segue. Só que não, agora acho melhor negociar...

Uma grande parte desse grupo votou para mudar uma lista de senioridade de mais de 20 anos retroativamente porquê assim adiantava a carreira, alguns colegas vão lá para trás, que pena né? Vida que segue.

Isso é indefensável, Sorry. Cada um durma com sua consciência, quem ainda tem.

  • Thanks 1
Link to post
Share on other sites

Situação parece cachorro correndo atrás do próprio rabo.

A primeira proposta era inaceitável, logo, vota-se não. Manda gente pra rua, coloca-se uma nova proposta que agora seria “aceitável”, mas fica vergonhoso, pois se tivessem aceitado a primeira proposta, ninguém teria sido demitido. Mas a primeira proposta era inaceitável.... e volta tudo de novo.

Os chilenos souberam jogar o jogo... 

  • Like 3
Link to post
Share on other sites

O que eu vejo é uma empresa difícil, um sindicato intolerante, um grupo de colaboradores egoistas e uma tchurma do lado de fora que não sabe ajudar então podia não atrapalhar.

Estamos vivendo a primeira de muitos embates na indústria e no emprego aonde a comunicação virtual trabalha para o bem ou para o mal. E aonde o líder se porta como liderado e vice versa, a verdade não é verdade, o ser humano no papel de metralhadora e nunca de alvo.

Nenhum de nós ( tripulantes ou aqueles que sonhavam em ser e não puderam ser) tem condição de opinar nada com conhecimento de causa.O grande vilao deste episódio LATAM e funcionários reside fortemente na inabilidade de lidarmos com a internet.

Ninguem comenta que as congêneres fizeram um péssimo negócio para os colaboradores, que o que está acontecendo é com velhas regras que nenhum q já foi tripulante nos últimos 50 anos teve coragem de peitar e mudar isso. Falam em greve, falam em ética, falam em vergonha na cara. Será que alguém pode exemplificar os mártires da aviação do passado? Os heróis de lutas de classe na aviação brasileira ? Cadê ?

Ou foi um grande negócio ser da laranja com salário baixissimo ( perguntem aos part time) ou ficar postando agora que trabalha na melhor empresa do mundo só que todos nós sabemos que com o pior salário do mundo tb .

Tudo regado por fake news, posts covardes e muita inconsequência.

Se conhecer a história da comercial até hoje sabe que não mudou quase nada. Tripulante é tripulante. Empresa é empresa. Sindicato é sindicato.

Volto a dizer que de novo só temos a comunicação ruim das partes q participam desse episódio e que as pessoas não sabem mais qual é o seu próprio quadrado.

O resto é perda de tempo, de digital ou de saliva.

 

  • Thanks 6
Link to post
Share on other sites
4 hours ago, C47aviator said:

O que eu vejo é uma empresa difícil, um sindicato intolerante, um grupo de colaboradores egoistas e uma tchurma do lado de fora que não sabe ajudar então podia não atrapalhar.

Estamos vivendo a primeira de muitos embates na indústria e no emprego aonde a comunicação virtual trabalha para o bem ou para o mal. E aonde o líder se porta como liderado e vice versa, a verdade não é verdade, o ser humano no papel de metralhadora e nunca de alvo.

Nenhum de nós ( tripulantes ou aqueles que sonhavam em ser e não puderam ser) tem condição de opinar nada com conhecimento de causa.O grande vilao deste episódio LATAM e funcionários reside fortemente na inabilidade de lidarmos com a internet.

Ninguem comenta que as congêneres fizeram um péssimo negócio para os colaboradores, que o que está acontecendo é com velhas regras que nenhum q já foi tripulante nos últimos 50 anos teve coragem de peitar e mudar isso. Falam em greve, falam em ética, falam em vergonha na cara. Será que alguém pode exemplificar os mártires da aviação do passado? Os heróis de lutas de classe na aviação brasileira ? Cadê ?

Ou foi um grande negócio ser da laranja com salário baixissimo ( perguntem aos part time) ou ficar postando agora que trabalha na melhor empresa do mundo só que todos nós sabemos que com o pior salário do mundo tb .

Tudo regado por fake news, posts covardes e muita inconsequência.

Se conhecer a história da comercial até hoje sabe que não mudou quase nada. Tripulante é tripulante. Empresa é empresa. Sindicato é sindicato.

Volto a dizer que de novo só temos a comunicação ruim das partes q participam desse episódio e que as pessoas não sabem mais qual é o seu próprio quadrado.

O resto é perda de tempo, de digital ou de saliva.

 

O post mais sensato do ano!! Parabéns...

Link to post
Share on other sites
9 hours ago, C47aviator said:

O que eu vejo é uma empresa difícil, um sindicato intolerante, um grupo de colaboradores egoistas e uma tchurma do lado de fora que não sabe ajudar então podia não atrapalhar.

Estamos vivendo a primeira de muitos embates na indústria e no emprego aonde a comunicação virtual trabalha para o bem ou para o mal. E aonde o líder se porta como liderado e vice versa, a verdade não é verdade, o ser humano no papel de metralhadora e nunca de alvo.

Nenhum de nós ( tripulantes ou aqueles que sonhavam em ser e não puderam ser) tem condição de opinar nada com conhecimento de causa.O grande vilao deste episódio LATAM e funcionários reside fortemente na inabilidade de lidarmos com a internet.

Ninguem comenta que as congêneres fizeram um péssimo negócio para os colaboradores, que o que está acontecendo é com velhas regras que nenhum q já foi tripulante nos últimos 50 anos teve coragem de peitar e mudar isso. Falam em greve, falam em ética, falam em vergonha na cara. Será que alguém pode exemplificar os mártires da aviação do passado? Os heróis de lutas de classe na aviação brasileira ? Cadê ?

Ou foi um grande negócio ser da laranja com salário baixissimo ( perguntem aos part time) ou ficar postando agora que trabalha na melhor empresa do mundo só que todos nós sabemos que com o pior salário do mundo tb .

Tudo regado por fake news, posts covardes e muita inconsequência.

Se conhecer a história da comercial até hoje sabe que não mudou quase nada. Tripulante é tripulante. Empresa é empresa. Sindicato é sindicato.

Volto a dizer que de novo só temos a comunicação ruim das partes q participam desse episódio e que as pessoas não sabem mais qual é o seu próprio quadrado.

O resto é perda de tempo, de digital ou de saliva.

 

Discordo respeitosamente. Respeito quem fez greve e quem não fez, quem vota sim e quem vota não. O que não dá é votar sim, assistir plácidamente à degola de milhares de colegas e agora achar que pode negociar. Como eu disse, indefensy. 

O resto é perda de temp...

E da história, cada tempo com suas particularidades. Fazer greve nas majors da década de 80 era bem menos difícil do que ir a uma reunião hoje e discordar de um desses chefetes de bos$_#_a de hoje.

  • Like 5
Link to post
Share on other sites
7 hours ago, Halvaro said:

É triste, mas SIM ou NÃO o que vai valer em última instância é a sobrevivência da cia. O que sobreviver pode, ou não, viver o que virá no futuro.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
8 hours ago, Halvaro said:

Não sei a United, mas na American foi exaustivamente oferecido Licença Remunerada, Licença não remunerada e aposentadoria antecipada, diferentemente da empresa do tópico, e quem ficar não vai ter salário reduzido, como quer de todo jeito fazer a empresa desse tópico. Na verdade ela quer demitir e reduzir o salário...

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Ela vai demitir de qualquer jeito. Entre pessoas de bem (o que não é o caso) poderia servir uma negociação para atravessar a tempestade. Algo por 1 a 1,5: anos. Aí valeria tudo, redução de salário, todo tipo de licença, etc. Há, mas pode ser que demore mais, daí negocia de novo no cenário da ocasião. 

Mas como na melhor das hipóteses ela vai encolher horrores, a redução salarial e demissões não tem qualquer relação. Eles vão diminuir salário sim, e vão demitir TAMBÉM. Não existe cenário de a empresa manter tripulante ocioso.

Por isso, não adianta abrir negociação visando preservar empregos, o caráter definitivo dessa negociação é incompatível com preservação temporária de empregos.

  • Like 3
Link to post
Share on other sites
1 hour ago, trident said:

Por isso, não adianta abrir negociação visando preservar empregos, o caráter definitivo dessa negociação é incompatível com preservação temporária de empregos.

É compatível com redução dos salários, só isso. Muitos funcionários iludidos com a preservação dos empregos, mas a rasteira vem aí. A empresa vai encolher e não vai justificar manter tripulante "a mais", como disse o colega.

Depois que conseguir reduzir o salário, ela corta os excedentes, que serão os mesmos de hoje, 1.200

Link to post
Share on other sites

Tem muita gente iludida? Tem, mas é uma temeridade achar que todo mundo é idiota. Tá todo mundo cansado, se, SE o sim passar e a proposta que vier não tiver garantia de emprego por tempo razoável (algo que possa dar a chance de o mercado se recuperar) garantia de recontratação dos colegas por antiguidade, entre outras coisas, o grupo simplesmente vai negar a proposta. É muita presunção achar que o grupo todo é imbecil. 

  • Like 2
  • Thanks 1
Link to post
Share on other sites

É o que eu disse, generalizar é errado. Presumir que todo mundo é imbecil, burro, tapado, iludidinho com essa administração infeliz, é ser igualmente iludido. 

Link to post
Share on other sites
38 minutes ago, SOD BOY said:

Restando aproximadamente 1.30 h para a bomba explodir ...

Que bomba? Alguém duvida que o Sim não vai ganhar?

  • Haha 1
Link to post
Share on other sites
7 minutes ago, giuli said:

Que bomba? Alguém duvida que o Sim não vai ganhar?

Vão servir McDonald's no funeral da aviação brazileira? Se a carne for de minhoca mesmo, é o prato mais apropriado. 

Farinha pouca... 

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
12 minutes ago, giuli said:

Que bomba? Alguém duvida que o Sim não vai ganhar?

Em nenhum momento eu falei que a “bomba” era sim ou não ... 

Questão é outra, só ver o post do colega acima ...

Link to post
Share on other sites

Que esse tópico sirva de referência para futuras crises na aviação.  Como tudo muda dependendo da necessidade e que tudo tem seu preço. Vida que segue.

Link to post
Share on other sites
40 minutes ago, Dr. Zoidberg said:

Vão servir McDonald's no funeral da aviação brazileira? Se a carne for de minhoca mesmo, é o prato mais apropriado. 

Farinha pouca... 

Creio que não seja só no aviação "brazileira" que virou McDonald's... Salários reduzidos em todo canto do mundo, China pagando salário base de 1,5K para Cmtes, Vietnam sem pagar há uns bons meses. Não tem mais paraíso... 

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
41 minutes ago, SOD BOY said:

Em nenhum momento eu falei que a “bomba” era sim ou não ... 

Questão é outra, só ver o post do colega acima ...

Qual é a questão? Não entendi? Se a questão não é a votação, o que iria acontecer em 01:30?

Link to post
Share on other sites

É.

E deu o SIM. Resta esperar o que vem por aí de proposta...

https://www.aeronautas.org.br/manchete/10009-latam-tripulantes-autorizam-que-sna-inicie-negociação-com-a-empresa.html

Comandantes: 65,5% a favor e 34,5% contra.
- Copilotos: 65,4% a favor e 34,6% contra.
- Comissários: 55,7% a favor e 44,3% contra.

Edited by A350XWB
inclusão da fonte
  • Like 2
Link to post
Share on other sites
3 minutes ago, A350XWB said:

É.

E deu o SIM. Resta esperar o que vem por aí de proposta...

https://www.aeronautas.org.br/manchete/10009-latam-tripulantes-autorizam-que-sna-inicie-negociação-com-a-empresa.html

Comandantes: 65,5% a favor e 34,5% contra.
- Copilotos: 65,4% a favor e 34,6% contra.
- Comissários: 55,7% a favor e 44,3% contra.

Agora é FICAR MUITO atento com o que vem e depois conversar muito com os colegas e tomar a decisão que for melhor para todos. 

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.




×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade