Jump to content
Sign in to follow this  
TheJoker

Neeleman aceita 55 milhões para sair da TAP

Recommended Posts

01/07/2020

Por Maria João Babo

O empresário David Neeleman aceitou receber 55 milhões de euros para sair da Atlantic Gateway, dona de 45% da TAP, disse ao Negócios fonte próxima do processo.

No entanto, falta ainda a transportadora brasileira Azul, que subscreveu em 2016 uma emissão obrigacionista de 90 milhões de euros, aceitar a proposta do Estado de não o converter em ações, o que lhe daria 6% do capital da TAP, mantendo esse empréstimo até à maturidade, ou seja até 2026.

O Negócios sabe que está neste momento a decorrer uma reunião com a transportadora brasileira, que foi fundada por David Neeleman, no sentido de se conseguir um acordo final ainda esta quarta-feira.

O acordo de saída de Neeleman da Atlantic Gateway por 55 milhões foi já conseguido, faltando agora saber que percentagem será tomada pelo Estado e por Humberto Pedrosa, sócio de Neeleman na Atlantic Gateway. 

Segundo avançou ontem a SIC o Estado estava disponível para avançar com 40 milhões, enquanto a Humberto Pedrosa caberiam 15 milhões. No entanto, esses valores não estarão ainda fechados.

Em cima da mesa está a possibilidade de o Estado elevar a sua posição a 70%, Humberto Pedrosa com 25%, continuando os trabalhadores da TAP com 5%.

 

https://www.jornaldenegocios.pt/empresas/transportes/aviacao/detalhe/neeleman-aceita-55-milhoes-para-sair-da-tap-acordo-so-depende-da-azul?ref=DestaquesTopo

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Livramento pra DN e AD, deixa o Governo Português segurar essa bomba sozinho.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Governo deu até quinta-feira à Azul para aceitar condições do acordo. Senão avança com nacionalização da TAP

https://eco.sapo.pt/2020/07/01/negociacoes-falharam-nacionalizacao-da-tap-pode-acontecer-amanha/

 

TAP: fracassaram as negociações com Neeleman, nacionalização pode acontecer já esta quinta-feira em Conselho de Ministros

https://expresso.pt/economia/2020-07-01-TAP-fracassaram-as-negociacoes-com-Neeleman-nacionalizacao-pode-acontecer-ja-esta-quinta-feira-em-Conselho-de-Ministros

 

Cada um fala uma coisa, vamos ver o que sai disso....

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vão tomar no duro sem pagar? 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Poder tomar eles podem, mas vai ser difícil continuar voando para o Brasil sem ajuda de outro parceiro

Share this post


Link to post
Share on other sites
17 minutes ago, Avionics said:

Poder tomar eles podem, mas vai ser difícil continuar voando para o Brasil sem ajuda de outro parceiro

Construiram uma rede sólida anos antes sem parceiro.

Share this post


Link to post
Share on other sites
23 minutes ago, Avionics said:

Poder tomar eles podem, mas vai ser difícil continuar voando para o Brasil sem ajuda de outro parceiro

Acho que o GRU, GIG e REC continuam sem problemas...

  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
15 minutes ago, MRN said:

Acho que o GRU, GIG e REC continuam sem problemas...

Acho que alem da Venerea Brasileira, SSA, FOR dão caldo.

  • Thanks 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dão sim. Qual seriam cancelados? POA? BEL? CNF?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)

A TAP nunca precisou da Azul ou Gol no Brasil. Sozinha ela segue bem nas rotas daqui, apesar que, o fato da AD e DN saírem da condição de investidores não inviabiliza os acordos de code-share entre as empresas, que devem ser mantidos. 

Edited by Sertanejo

Share this post


Link to post
Share on other sites

Posso estar falando M, mas será que não poderia ser o prenúncio de um afastamento da Azul da Star Alliance e aproximação à Latam/Delta? Só faltaria a United se desfazer dos 8% deles na Azul

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 hours ago, Avionics said:

Poder tomar eles podem, mas vai ser difícil continuar voando para o Brasil sem ajuda de outro parceiro

Além de terem um uma rede solida já antes do acordo com a Azul como disse o KTR, a TAP tem um hub extremamente bem localizado e com a chegada dos A321 XLR, podem voar até para cidades que não sustentariam wides no nordeste do Brasil.

Enfim, e mesmo que a Azul quisesse ir pela mesma linha de narrows cruzando o Atlântico, saindo de Recife chegaria no máximo a Madrid.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hour ago, TheJoker said:

https://www.dn.pt/poder/confirmase-tap-vai-mesmo-ser-nacionalizada-12375595.html

A resolução do Conselho de Ministro será aprovada esta quinta-feira, Falharam as negociações com David Neeleman, um dos acionistas privados.

  Uma pena, poderiam ajudar com empréstimo ponte mas preferem recriar um abutre, depois dessa incrível revolução pós DN( não que o Fernando Pinto não tenha trabalhado bem,mas tinha limitações).

  

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Como também português e pagador de impostos no Porto, fico absolutamente estarrecido com a tentativa de salvar a TAP nacionalizando a companhia.  

Como diz o Iniciativa Liberal " TAP: Todos A Pagar ". 

O governo prepara-se para nacionalizar uma empresa com uma dívida de mais de 3 mil milhões de euros com compromissos totais a rondar os 7 mil milhões de euros (mais do que o Orçamento do Estado para a Educação) e que atua no mercado de aviação, o qual estará severamente afectado nos próximos tempos. 

Nenhum dos argumentos apresentados pelo ministro Pedro Nuno Santos foi minimamente credível para justificar esta operação. O país não ficará melhor, ficará enterrado em mais um buraco financeiro que terá de pagar ao longo de muitos anos. Estas verbas fazem mais falta noutras áreas de intervenção do Estado. O dinheiro dos contribuintes tem que ser respeitado. 

A esmagadora maioria dos países desenvolvidos não tem companhias aéreas públicas. Continuarão a existir rotas, aviões, empregos no sector, numa oferta de serviço de transporte explorada de forma mais eficiente porque não assente numa lógica de capitalismo de compadrio. 

A Iniciativa Liberal é contra esta operação e continuará a defender os interesses dos contribuintes portugueses. "Fanatismo religioso" é querer abrir mais um monumental buraco financeiro no estado por mentalidade estatista, obsessão ideológica e leviandade irresponsável na gestão pública.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

É incrível como em alguns países o Estado é omisso quando precisa e interfere quando não precisa. O caso da TAP é exemplo claro.

As companhias aéreas estão perdendo dinheiro e fazendo de tudo para segurar a sangria, querem ter aportes do Estado como uma garantia, não significa que vai queimar os milhões ou bilhões emprestados. Diria que é uma carta de crédito. Agora chega Portugal e vai gastar o que não tem para comprar algo que não precisa e o pior, vai assumir uma bucha que não sei se eles terão fôlego para aguentar. 

Dito isto, é possível imaginar vários cenários para a TP+AD, afinal elas pretendem/assinaram uma joint-venture (todos os cenários pensados a partir de 2023 antes que alguém fale da COVID...):

1 - A JV continua e vão buscando sinergias, com a AD mantendo Portugal como mercado central na Europa, porém uma relação menos intensa do que pretendiam;

2 - Mantém o mínimo da JV e cada uma vai para seu canto. A Azul vai buscar outros mercados para entrar, como LON, MAD, PAR e FCO, convenhamos, são para onde os brasileiros mais vão na Europa. Não é loucura imaginar VCP-PAR, VCP-FCO e VCP-LON;

3 - Sem JV e a Azul tenta montar um hub em REC, se trazer A321LR consegue fazer LIS, MAD e BCN, e com os A332 fazer PAR e MAD. Pior, a AD pode querer pegar parte do tráfego EUA-África que a TAP tem. JFK-REC-JNB é pouco maior que JFK-LIS-JNB, com a vantagem do primeiro ser feito por A321LR;

4 - Neeleman e Cia. Ltda. teve acesso a caixa preta da TP, sabe quais os mercados a TP leva mais brasileiros;

5 - Se o code-share AD+LTM avançar, significará que toda a rede europeia poderá ser feita via GRU;

6 - De início, por causa da COVID, recessão, demora de recuperação, a TAP ficará em 5 mercados (GRU, GIG, FOR, REC e SSA), os outros dependerão de muitas variáveis e por que não surgir casos excepcionais (LIS-MCZ-NAT-LIS de A321LR, LIS-BSB-CNF-LIS, etc)?

USD 55 mi não pode significar muita coisa para o DN, mas o conhecimento que adquiriu do mercado europeu, da TAP e por se livrado de uma dívida que pode virar impagável, pode ser que ele tenha feito o melhor negócio de sua vida.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hour ago, A345_Leadership said:

É incrível como em alguns países o Estado é omisso quando precisa e interfere quando não precisa. O caso da TAP é exemplo claro.

As companhias aéreas estão perdendo dinheiro e fazendo de tudo para segurar a sangria, querem ter aportes do Estado como uma garantia, não significa que vai queimar os milhões ou bilhões emprestados. Diria que é uma carta de crédito. Agora chega Portugal e vai gastar o que não tem para comprar algo que não precisa e o pior, vai assumir uma bucha que não sei se eles terão fôlego para aguentar. 

Dito isto, é possível imaginar vários cenários para a TP+AD, afinal elas pretendem/assinaram uma joint-venture (todos os cenários pensados a partir de 2023 antes que alguém fale da COVID...):

1 - A JV continua e vão buscando sinergias, com a AD mantendo Portugal como mercado central na Europa, porém uma relação menos intensa do que pretendiam;

2 - Mantém o mínimo da JV e cada uma vai para seu canto. A Azul vai buscar outros mercados para entrar, como LON, MAD, PAR e FCO, convenhamos, são para onde os brasileiros mais vão na Europa. Não é loucura imaginar VCP-PAR, VCP-FCO e VCP-LON;

3 - Sem JV e a Azul tenta montar um hub em REC, se trazer A321LR consegue fazer LIS, MAD e BCN, e com os A332 fazer PAR e MAD. Pior, a AD pode querer pegar parte do tráfego EUA-África que a TAP tem. JFK-REC-JNB é pouco maior que JFK-LIS-JNB, com a vantagem do primeiro ser feito por A321LR;

4 - Neeleman e Cia. Ltda. teve acesso a caixa preta da TP, sabe quais os mercados a TP leva mais brasileiros;

5 - Se o code-share AD+LTM avançar, significará que toda a rede europeia poderá ser feita via GRU;

6 - De início, por causa da COVID, recessão, demora de recuperação, a TAP ficará em 5 mercados (GRU, GIG, FOR, REC e SSA), os outros dependerão de muitas variáveis e por que não surgir casos excepcionais (LIS-MCZ-NAT-LIS de A321LR, LIS-BSB-CNF-LIS, etc)?

USD 55 mi não pode significar muita coisa para o DN, mas o conhecimento que adquiriu do mercado europeu, da TAP e por se livrado de uma dívida que pode virar impagável, pode ser que ele tenha feito o melhor negócio de sua vida.

Muito bom!

Sempre fui um entusiasta do DN na TAP. Parece que chegou ao fim. Quem perde é Portugal, que não consegue sair desses seus paternalismos, estatismo doentio, à moda grega, italiana, francesa etc em quase todos "aspetos" como se diz. 

Realmente poderá ser um excelente desfecho ao David.

Me parece que a ruptura com TP pela AZ irá ocorrer mesmo. E, mesmo que uma aproximação maior com a LA ocorra, não acredito em deixar VCP de lado. O Hub funciona muito bem. Campinas dá acesso aos EUA e Europa para destinos inalcançáveis de GRU - sem falar que deve ser um make money em muitos aspetos. 

 

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

HUB com LR em REC, atenderia JNB, CPT, LAD, LOS. Me parece muito bom. FLL, MCO, eventualmente JFK e IAH (se ficar próxima da Star A). Mas isso nem deve estar em jogo agora. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

A TAP na mão do estado de novo vai ser uma tragédia. Dois meses antes da privatização, em 2015, não tinha dinheiro pra pagar salário, aí houve a injeção de dinheiro pelo consórcio e salvou a comida na mesa...

Por que agora vai ser diferente?

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 hours ago, naia said:

Muito bom!

Sempre fui um entusiasta do DN na TAP. Parece que chegou ao fim. Quem perde é Portugal, que não consegue sair desses seus paternalismos, estatismo doentio, à moda grega, italiana, francesa etc em quase todos "aspetos" como se diz. 

Tenho uma visão do DN em sobre a relação com os funcionários, mas aí é outra história. Mas do ponto de vista de estratégia, ele tinha uma proposta clara: transformar a TP e LIS em ponto de conexão entre EUA, Europa, Brasil e África. Hoje, com a nova geração de jatos narrow com alcance intercontinental e até mesmo a concessão de aeroportos no Brasil faz com que o projeto dele seja transferido para outro lugar.

Os EUR 55 milhões significam nada diante do conhecimento que ele teve do mercado europeu e da dinâmica da TAP no seu maior mercado: Brasil.

13 hours ago, naia said:

HUB com LR em REC, atenderia JNB, CPT, LAD, LOS. Me parece muito bom. FLL, MCO, eventualmente JFK e IAH (se ficar próxima da Star A). Mas isso nem deve estar em jogo agora. 

Isto lá para 2030, mas aos poucos as rotas podem ser lançadas. Em 2000 a Copa tinha 3 semanais para São Paulo, 10 anos depois eram 2 ou 3 diários.

13 hours ago, MRN said:

A TAP na mão do estado de novo vai ser uma tragédia. Dois meses antes da privatização, em 2015, não tinha dinheiro pra pagar salário, aí houve a injeção de dinheiro pelo consórcio e salvou a comida na mesa...

Por que agora vai ser diferente?

Vamos ver quem será o gestor. Se for alguém do setor e com experiência, beleza. Senão...

Será que resgatarão Fernando Pinto?

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 minutes ago, A345_Leadership said:

Será que resgatarão Fernando Pinto?

Mas o "gente boa", como era chamado o Fernando Pinto, tava lá em 2015, e tava do jeito que tava...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Negociações Governo-TAP Voltam Atrás – Estado Será Maioritário Com 72,5% Do Capital

 

O cenário de uma suposta nacionalização da TAP SGPS SA, grupo proprietário das companhias aéreas TAP Air Portugal (Transportes Aéreos Portugueses) e Portugália Airlines, parece estar a afastar-se da mesa das difíceis negociações que têm decorrido nos últimos dias entre o Governo Português e o grupo de sócios privados da empresa que se agrupam no consórcio ‘Atlantic Gateway’.

O que na quarta-feira, dia 1 de julho, era dado como adquirido, dado o empresário David Neeleman não aceitar a proposta governamental, terá mudado com a cedência da companhia AZUL Linhas Aéreas Brasileiras (esta fundada e controlada por Neeleman), que é obrigacionista da TAP, através de um empréstimo de 90 milhões de euros.

O jornal ´Público’, de Lisboa, anuncia na manhã desta quinta-feira, dia 2 de julho, na sua edição digital que “o reforço do capital do Estado já está fechado, mas ainda há questões em aberto”. Outros meios portugueses também assinalam a cedência da Azul que terá sido conseguida na madrugada desta quinta-feira, e apontam para o cenário do Estado Português assumir uma posição relevante no capital do grupo aéreo português.

“Na proposta que está em cima da mesa, o Estado assume o controlo, ficando com 72,5% do capital”, adianta o jornal.

“Estado Português e privados estão cada vez mais próximos e é provável que nas próximas horas seja fechado um acordo definitivo sobre o futuro da TAP”, apurou o ‘Público’.

O Conselho de Ministros deverá aprovar esta quinta-feira o reforço da posição do Estado, que detém 50% do capital e 5% dos direitos económicos, por via da diminuição da participação de David Neeleman, que detém 50% do consórcio privado Atlantic Gateway, dono de 45% da TAP.

O Conselho de Ministros está reunido em Lisboa desde as 09h30 da manhã desta quinta-feira, e a reunião tem sido dominada pelo dossier TAP. Estava marcada uma conferência de imprensa para as 13h00 locais, que foi depois adiada para as 14h00. Meia hora depois foi novamente reagendada para as 17h00 da tarde.

 

https://newsavia.com/negociacoes-governo-tap-voltam-atras-estado-sera-maioritario-com-725-do-capital/

 

Cada hora é um estória diferente....

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Entrevista do Ministro das Finanças e Ministro da Infraestrutura em coletiva. Acompanhando nas Rádio Renascença (Rádio da Arquidiocese de Lisboa), neste momento. O que se falou até agora:

Haviam outras soluções e possibilidades na mesa, mas não foram faladas quais seriam. Nacionalização só seria mencionada em caso extremo. O Acordo será assinado ao logo desta ou da próxima semana

Por quaisquer caminhos o foco deles lá na frente era evitar que a Azul fosse Acionista majoritário, pois entre outras coisas haveria o temor da perda de Lisboa como HUB e o risco de insolvência da empresa e a impossibilidade do conselho europeu derrubar a ajuda a TAP, face os sucessivos prejuízos da empresa e possível impacto do deficit do orçamento de estado. Segundo o ministro de finanças, solução já equacionada, mesmo a TAP não tendo, segundo ele se enquadrado totalmente nas condições mais flexíveis para ajuda nos moldes anteriormente negociados.

A equipe de gestão será escolhida pelo acionista privado, com a chancela do estado, através de consultoria internacional. Até lá será trabalhada uma comissão provisória de gestão que trabalhará tipo numa transição. Independente de qualquer coisa o Atual CEO deixa o cargo neste fim de semana.

O Ultimo entrave, como falado no link postado pelo The Joker, que era a taxa de juros do valor do empréstimo feito pela Azul, foi a pouco equacionado. será mesmo de 7%

Vem aí um processo de Reestruturação profundo, com revisão de rotas, procedimentos e conceitos da TAP, que segundo o ministro das finanças será feito em conjunto com os acionistas e trabalhadores. Evitou falar em números, mas o enxugamento será pesado. A Rádio Renascença fala, segundo apuração dela, de 30%, com foco em antecipação de aposentadorias e revisão de sua estrutura, principalmente no modelo de expansão adotado nos últimos anos. 

Ministro das finanças fala em TAP Viável, mas ao mesmo tempo saudável e firme para o pais, com força do Hub de Lisboa, inclusive para o que ele chama de desenvolvimento da economia e da vida nacional, agora e quando as coisas voltarem ao normal. 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade