Jump to content

O setor de companhias aéreas pode convencer os passageiros de que o voo COVID-Era é seguro?


jambock

Recommended Posts

Meus prezados

O setor de companhias aéreas pode convencer os passageiros de que o voo COVID-Era é seguro?

As pessoas correm um risco muito maior de serem atingidas por um raio do que de pegar o novo coronavírus durante um vôo em um avião comercial, parecem mostrar os últimos números sobre as transmissões a bordo.

Informando à mídia em 8 de outubro, o consultor médico da IATA David Powell disse que cerca de 44 pessoas teriam contraído o vírus durante um voo. Isso está entre 1,2 bilhão de pessoas que voaram até agora neste ano, aumentando o risco de transmissão de cerca de uma em 27,3 milhões. Mesmo se cerca de 90% dos casos não fossem relatados e o risco fosse 10 vezes maior, isso significaria que a probabilidade de pegar o vírus que causa COVID-19 em um voo seria de uma em 2,73 milhões, tornando-o "um evento incomum", Powell disse.

Ele comparou isso com a probabilidade de ser atingido por um raio, que ele acreditava estar entre um em 500.000 e um em 1,2 milhão, tornando-o um risco muito maior.

Fonte: Aviation Week Network 8 out 2020

Trad./adapt. jambock

 

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade