Jump to content

Empresa norte-americana desenvolve avião elétrico de alto rendimento


Recommended Posts

Meus prezados 

Empresa norte-americana desenvolve avião elétrico de alto rendimento

A Bye Aerospace lançou um projeto para um bimotor que irá competir no segmento de oito lugares

bye-aerospace-eflyer-800-copyright-1_fre

 eFlyer 800 deverá ter capacidade similar ao bem-sucedido King Air

Em resposta à crescente demanda por aeronaves regionais e de propulsão elétrica, o fabricante Bye Aerospace anunciou a criação de uma bimotor que competirá no segmento de oito lugares. Denominado eFlyer 800, o projeto prevê que a aeronave seja impulsionada por por dois motores elétricos, com desempenho próximo ao de turbo-hélices.

A Bye Aerospace tem sede na cidade de Denver, no estado norte-americano do Colorado, e tem se destacado por seus projetos de aviões elétricos de alto rendimento.

Dados divulgados pela empresa mostram que o eFlyer terá um teto operacional máximo de 35.000 pés, alcance de 500 nm (920 km), com velocidade de cruzeiro máxima de 320 nós (590 km/h), mais 45 minutos IFR.

Os dois motores elétricos serão montados nas asas, sendo alimentado por energias fornecidas por um conjunto de baterias. O modelo contará com células solares de energia suplementar e capacidade de taxiar com sistema elétrico.

A aeronave também contará com recursos adicionais de segurança, incluindo sistema automático de pouso de emergência, proteção do envelope de voo através de algoritmo avançado. 

"O eFlyer 800 é a primeira aeronave com tecnologia de propulsão totalmente elétrica a atingir desempenho e segurança dos turbo-hélices sem [emissão] de CO, com custos operacionais extremamente baixos", disse George E. Bye, CEO da Bye Aerospace. "Este tipo de economia e desempenho é possível graças ao sistema de acionamento elétrico e à tecnologia de célula de bateria que resulta em densidades de energia significativamente maiores."

A Bye Aerospace e a Safran estão avaliando atualmente o trem de pouso elétrico mais eficiente para o eFlyer 800 (motores elétricos duplos ENGINeUS e sistema de distribuição elétrica e proteção de rede GENeUSGRID), permitindo que no solo o avião possa se locomover sem o uso dos motores principais.

"As linhas de produtos da Safran com motores ENGINeUS, variando de 50kW a 500kW / 1MW e sistemas GENeUSGRID, se encaixam perfeitamente com o portfólio de aeronaves elétricas da Bye Aerospace", disse Hervé Blanc, vice-presidente executivo e gerente geral de energia da Safran Electrical & Energy.

A Bye Aerospace está em processo de obtenção da certificação norte-americana Part-23, da FAA (agência dos EStados Unidos para aviação civil) para o eFlyer2, que será destinado ao treinamento de pilotos profissionais e o eFlyer4 para quatro passageiros, que será usado como transporte de passageiros, carga e treinamento.

Receba as notícias de AERO diretamente no TelegramWhatsApp e Instagram

·        Veja nossos vídeos no canal da AERO Magazine no YouTube

Fonte:  Martin Romero – Aero Magazine 27 abr 2021

  • Like 1
Link to post
Share on other sites

Acredito que, neste segmento da aviação executiva, os elétricos serão dominantes em um futuro próximo.

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade