Jump to content

[Tópicos Unidos] Latam aposta em retomada, volta a contratar e encerra compartilhamento de voos com a Azul


Recommended Posts

4 hours ago, Ariomester said:

Dúvida de leigo: caso a Azul comprasse a TAM, a TAM/Latam BR deixaria de existir, passando tudo a ser Azul? Como a Azul fez com a Two Flex transformando em Azul Conecta? Ou manteria a marca, tripulações, salários etc do pessoal da Latam BR mas seria admnistradora da empresa? Caso essa operação seja concuída a Azu iria ganhar as rotas internacionais da Latam BR para operar como Azul?

Com toda a certeza, o salário da LATAM não seria mantido.

Seria reduzido ao "padrão Azul de remuneração".

Coisa que a própria LATAM já quer fazer.

Link to post
Share on other sites

  • Replies 61
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

Concordo. Como quase todos aqui sabem, eu bato muito no modelo de hub unico no Brasil e nessa briga de todas por operar os mesmos hubs. Alguns acham que é pra criticar SP... mas ninguém pensa q

Aproveitando o gancho, Lipe, acredito que isto se deve a todas elas quererem brigar pelos mesmo mercados. Todas querem CGH, Ponte-Aérea, internacional, hub em GRU, atender todo o país, voos regionais,

11 hours ago, RCWSKY said:

A AZUL fez também com a TRIP, com sede em Campinas e principal concorrente da AD nos voos regionais, na época da aquisição da cia campineira. Acho que a AZUL também quer o CNPJ da ABSA (registrada em VCP), que está de posse atual da LATAM Brasil.

Meu caro, a Azul já tem o CNPJ da conecta para fazer o trabalho sujo (salários mais baixos) e capilaridade em VCP. 

Que fixação por VCP :lol:

  • Thanks 2
  • Haha 3
Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
1 hour ago, PB26 said:

Meu caro, a Azul já tem o CNPJ da conecta para fazer o trabalho sujo (salários mais baixos) e capilaridade em VCP. 

Que fixação por VCP :lol:

A maior fixação não é a minha, que moro próximo do aeroporto, mas de pessoas que querem e estão investindo no futuro do terminal, que se destacou nessa pandemia e é hoje o 2° terminal brasileiro em todas as estatísticas.

Eu acredito que existe uma boa estratégia da AZUL para a ampliação e consolidação do terminal, além das atividades já existentes. As operações de carga da LATAM Cargo em VCP são amplas e lucrativas, o que atrai a atenção do mercado.

 

 

Edited by RCWSKY
  • Haha 1
  • Confused 1
Link to post
Share on other sites

A receita/movimento +importante em VCP é a de carga de importação. A maioria dos pax em VCP é de conexão, rendem uma merreca.

Rec. tarifárias+comerciais  2019  R$303.3 milhões/9.6 milhões PAX = R$31,57

                                           2020      220.6               6.4                      =     34,46  (52% de GRU)

https://www.viracopos.com/data/files/46/14/CF/2C/8C739710EB114F774918E9C2/Relatorio da Administracao ABV_2020.pdf

 

Em GRU

Rec. tarifárias+comerciais  2019  R$2.165 milhões/43 milhões PAX = R$50,35

                                           2020     1.344                20.3                    =    66,21    +31,5% escalpelando lojistas e aéreas!

http://ri.gru.com.br/conteudo_pt.asp?idioma=0&conta=28&tipo=54595&id=0&submenu=0&img=0&ano=2020

 

4M21

A carga de importação da JJ (6207T) está concentrada em GRU 93%, a da M3 (8325T) 66% em VCP e 34% em GRU.

M3+JJ correspondem a 11% do movimento de importação de VCP, 14,5% em GRU.

 

Duvido que a LTM abriria mão da operação cargueira no BR, ainda mais nesse momento.

 

Link to post
Share on other sites

Nova config nos 320s, 170 assentos :uhm:

Por Pedro Menezes em 01/06/2021

 

A Latam começa a vender passagens para o seu mais novo destino doméstico, Comandatuba, e para mais dez novas rotas que fortalecerão a presença da companhia em Congonhas e na região Nordeste. Com as novas rotas, a Latam deve ultrapassar a média de 250 voos diários no Brasil em junho e totalizar 91 rotas. Comandatuba já era um destino atendido pela Latam, mas não regularmente, somente com voos charters. Agora, será o 45º destino no Brasil.

“Há poucos dias dissemos que projetamos voltar a operar mais de 90% da nossa capacidade no Brasil até dezembro deste ano. Estamos avançando nesse sentido. A Latam está muito sintonizada com a mudança do perfil do passageiro que já começa a alavancar a retomada do setor aéreo brasileiro. Teremos mais turistas visitando o Nordeste e menos viajantes a negócios na ponte aérea Rio-São Paulo”, afirma Diogo Elias, diretor de Vendas e Marketing da Latam Airlines Brasil.

São Paulo/Congonhas – Comandatuba: um voo direto semanal a partir de 1º de agosto, operado com aeronaves Airbus A320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão disponíveis em www.latam.com e www.latampass.com com preços a partir de R$ 500,00 (ida e volta com taxas inclusas) ou 7,1 mil pontos.

Novas rotas:

São Paulo/Congonhas – Fortaleza: serão 14 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A319 e A320, que acomodam de 132 a 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 628,87 (ida e volta com taxas inclusas) ou 9,8 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

São Paulo/Congonhas – Natal: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320neo, que acomodam 168 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 633,06 (ida e volta com taxas inclusas) ou 8,8 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

São Paulo/Congonhas – Maceió: serão 11 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus 320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 589,89 (ida e volta com taxas inclusas) ou 9,6 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

São Paulo/Congonhas – Recife: serão 10 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A319 e A320, que acomodam de 132 a 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 574,19 (ida e volta com taxas inclusas) ou 8,5 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Rio de Janeiro/Galeão – Recife: serão 12 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus 320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 473,43 (ida e volta com taxas inclusas) ou 9,5 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Rio de Janeiro/Galeão – Natal: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320 e A321, que acomodam de 162 a 208 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 512,30* (ida e volta com taxas inclusas) ou 13,8 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Rio de Janeiro/Galeão – Maceió: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 489,13 (ida e volta com taxas inclusas) ou 6,6 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Fortaleza – Belém: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320 e A321, que acomodam de 162 a 208 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 508,87 (ida e volta com taxas inclusas) ou 6,1 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Fortaleza – Teresina: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 261,14* (ida e volta com taxas inclusas) ou 4,3 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Fortaleza – Manaus: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320 e A321, que acomodam de 162 a 208 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 568,87 (ida e volta com taxas inclusas) ou 7,3 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Além do incremento de malha, a Latam também vai alterar os seus voos de São Paulo/Congonhas com destino a Chapecó, Ribeirão Preto e Joinville. A partir de 1º de julho, os voos para as três cidades passarão a ser operados a partir de GRU.

 

https://www.mercadoeeventos.com.br/noticias/aviacao/latam-torna-comandatuba-regular-e-lanca-novas-rotas-para-norte-e-nordeste/

 

Link to post
Share on other sites
1 hour ago, TheJoker said:

Nova config nos 320s, 170 assentos :uhm:

Por Pedro Menezes em 01/06/2021

 

A Latam começa a vender passagens para o seu mais novo destino doméstico, Comandatuba, e para mais dez novas rotas que fortalecerão a presença da companhia em Congonhas e na região Nordeste. Com as novas rotas, a Latam deve ultrapassar a média de 250 voos diários no Brasil em junho e totalizar 91 rotas. Comandatuba já era um destino atendido pela Latam, mas não regularmente, somente com voos charters. Agora, será o 45º destino no Brasil.

“Há poucos dias dissemos que projetamos voltar a operar mais de 90% da nossa capacidade no Brasil até dezembro deste ano. Estamos avançando nesse sentido. A Latam está muito sintonizada com a mudança do perfil do passageiro que já começa a alavancar a retomada do setor aéreo brasileiro. Teremos mais turistas visitando o Nordeste e menos viajantes a negócios na ponte aérea Rio-São Paulo”, afirma Diogo Elias, diretor de Vendas e Marketing da Latam Airlines Brasil.

São Paulo/Congonhas – Comandatuba: um voo direto semanal a partir de 1º de agosto, operado com aeronaves Airbus A320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão disponíveis em www.latam.com e www.latampass.com com preços a partir de R$ 500,00 (ida e volta com taxas inclusas) ou 7,1 mil pontos.

Novas rotas:

São Paulo/Congonhas – Fortaleza: serão 14 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A319 e A320, que acomodam de 132 a 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 628,87 (ida e volta com taxas inclusas) ou 9,8 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

São Paulo/Congonhas – Natal: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320neo, que acomodam 168 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 633,06 (ida e volta com taxas inclusas) ou 8,8 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

São Paulo/Congonhas – Maceió: serão 11 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus 320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 589,89 (ida e volta com taxas inclusas) ou 9,6 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

São Paulo/Congonhas – Recife: serão 10 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A319 e A320, que acomodam de 132 a 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 574,19 (ida e volta com taxas inclusas) ou 8,5 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Rio de Janeiro/Galeão – Recife: serão 12 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus 320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 473,43 (ida e volta com taxas inclusas) ou 9,5 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Rio de Janeiro/Galeão – Natal: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320 e A321, que acomodam de 162 a 208 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 512,30* (ida e volta com taxas inclusas) ou 13,8 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Rio de Janeiro/Galeão – Maceió: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 489,13 (ida e volta com taxas inclusas) ou 6,6 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Fortaleza – Belém: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320 e A321, que acomodam de 162 a 208 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 508,87 (ida e volta com taxas inclusas) ou 6,1 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Fortaleza – Teresina: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 261,14* (ida e volta com taxas inclusas) ou 4,3 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Fortaleza – Manaus: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320 e A321, que acomodam de 162 a 208 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 568,87 (ida e volta com taxas inclusas) ou 7,3 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Além do incremento de malha, a Latam também vai alterar os seus voos de São Paulo/Congonhas com destino a Chapecó, Ribeirão Preto e Joinville. A partir de 1º de julho, os voos para as três cidades passarão a ser operados a partir de GRU.

 

https://www.mercadoeeventos.com.br/noticias/aviacao/latam-torna-comandatuba-regular-e-lanca-novas-rotas-para-norte-e-nordeste/

 

Eu acho mais fácil o site de notícias estar errado do que uma nova configuração de cabine, ele não é lá muito confiável não.

São 180 assentos, 6 excluidos pelo bloqueio central, sobram 174... 12 premium, 12 LATAM+ e 150 economy, confirma?

 

Link to post
Share on other sites
1 minute ago, thgsr08 said:

Eu acho mais fácil o site de notícias estar errado do que uma nova configuração de cabine, ele não é lá muito confiável não.

São 180 assentos, 6 excluidos pelo bloqueio central, sobram 174... 12 premium, 12 LATAM+ e 150 economy, confirma?

 

Isso mesmo. Já eu tive uma interpretação diferente: vão comercializar só 2 fileiras de Premium Economy agora, em linha com aquele comunicado confuso que rolou. Acho que pode tá aí a interpretação do comunicado.

  • Like 1
Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
2 minutes ago, Eric Breno said:

Isso mesmo. Já eu tive uma interpretação diferente: vão comercializar só 2 fileiras de Premium Economy agora, em linha com aquele comunicado confuso que rolou. Acho que pode tá aí a interpretação do comunicado.

Mas 4 assentos ainda ficam sobrando... aliás, 6 com uma fileira a menos de Y+.

Edited by thgsr08
  • Like 1
Link to post
Share on other sites
8 hours ago, TheJoker said:

Nova config nos 320s, 170 assentos :uhm:

Por Pedro Menezes em 01/06/2021

 

A Latam começa a vender passagens para o seu mais novo destino doméstico, Comandatuba, e para mais dez novas rotas que fortalecerão a presença da companhia em Congonhas e na região Nordeste. Com as novas rotas, a Latam deve ultrapassar a média de 250 voos diários no Brasil em junho e totalizar 91 rotas. Comandatuba já era um destino atendido pela Latam, mas não regularmente, somente com voos charters. Agora, será o 45º destino no Brasil.

“Há poucos dias dissemos que projetamos voltar a operar mais de 90% da nossa capacidade no Brasil até dezembro deste ano. Estamos avançando nesse sentido. A Latam está muito sintonizada com a mudança do perfil do passageiro que já começa a alavancar a retomada do setor aéreo brasileiro. Teremos mais turistas visitando o Nordeste e menos viajantes a negócios na ponte aérea Rio-São Paulo”, afirma Diogo Elias, diretor de Vendas e Marketing da Latam Airlines Brasil.

São Paulo/Congonhas – Comandatuba: um voo direto semanal a partir de 1º de agosto, operado com aeronaves Airbus A320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão disponíveis em www.latam.com e www.latampass.com com preços a partir de R$ 500,00 (ida e volta com taxas inclusas) ou 7,1 mil pontos.

Novas rotas:

São Paulo/Congonhas – Fortaleza: serão 14 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A319 e A320, que acomodam de 132 a 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 628,87 (ida e volta com taxas inclusas) ou 9,8 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

São Paulo/Congonhas – Natal: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320neo, que acomodam 168 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 633,06 (ida e volta com taxas inclusas) ou 8,8 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

São Paulo/Congonhas – Maceió: serão 11 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus 320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 589,89 (ida e volta com taxas inclusas) ou 9,6 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

São Paulo/Congonhas – Recife: serão 10 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A319 e A320, que acomodam de 132 a 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 574,19 (ida e volta com taxas inclusas) ou 8,5 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Rio de Janeiro/Galeão – Recife: serão 12 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus 320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 473,43 (ida e volta com taxas inclusas) ou 9,5 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Rio de Janeiro/Galeão – Natal: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320 e A321, que acomodam de 162 a 208 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 512,30* (ida e volta com taxas inclusas) ou 13,8 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Rio de Janeiro/Galeão – Maceió: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 489,13 (ida e volta com taxas inclusas) ou 6,6 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Fortaleza – Belém: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320 e A321, que acomodam de 162 a 208 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 508,87 (ida e volta com taxas inclusas) ou 6,1 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Fortaleza – Teresina: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320, que acomodam 162 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 261,14* (ida e volta com taxas inclusas) ou 4,3 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Fortaleza – Manaus: serão 7 voos diretos por semana a partir de 1º de julho, operados com aeronaves Airbus A320 e A321, que acomodam de 162 a 208 passageiros em Economy e 8 em Premium Economy. As passagens estarão com preços a partir de R$ 568,87 (ida e volta com taxas inclusas) ou 7,3 mil pontos (ida e volta, mais taxas).

Além do incremento de malha, a Latam também vai alterar os seus voos de São Paulo/Congonhas com destino a Chapecó, Ribeirão Preto e Joinville. A partir de 1º de julho, os voos para as três cidades passarão a ser operados a partir de GRU.

 

https://www.mercadoeeventos.com.br/noticias/aviacao/latam-torna-comandatuba-regular-e-lanca-novas-rotas-para-norte-e-nordeste/

 

Na verdade me peguei pensando aqui... será que muitas aeronaves já passaram pelo retrofit pra 180Y?

 

Se não, faz sentido demais... 174 - 4 do block... 170.

Link to post
Share on other sites
15 hours ago, thgsr08 said:

Na verdade me peguei pensando aqui... será que muitas aeronaves já passaram pelo retrofit pra 180Y?

 

Se não, faz sentido demais... 174 - 4 do block... 170.

Que eu saiba, a maioria dos 320 já foi retrofitados, só sobraram os MZ* e os ex-O6 sem retrofit, já que os MB* de 2ª mão sairam quase todos (ficaram só os recebidos novos).

Link to post
Share on other sites
On 01/06/2021 at 18:27, Eric Breno said:

Isso mesmo. Já eu tive uma interpretação diferente: vão comercializar só 2 fileiras de Premium Economy agora, em linha com aquele comunicado confuso que rolou. Acho que pode tá aí a interpretação do comunicado.

 

On 01/06/2021 at 18:30, thgsr08 said:

Mas 4 assentos ainda ficam sobrando... aliás, 6 com uma fileira a menos de Y+.

Um perfil que eu sigo no instagram (@voandoeavaliando) postou agora um storie do Check-in dele na Premium Economy, e lá estão só 2 fileiras mesmo, ao invés de 3. E a fileira seguinte a 2, já é numerada como 3.

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.




×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade