Jump to content

Ministro anuncia voo direto entre Doha e Rio de Janeiro


TheJoker
 Share

Recommended Posts

em 17/11/2021

Por Pedro Rafael Vilela

O ministro do Turismo, Gilson Machado, anunciou nesta quarta-feira (17) que, a partir de fevereiro do ano que vem, o Brasil terá uma nova conexão direta com Doha, no Catar. O voo será operado pela companhia aérea Qatar Airways, ligando a capital do emirado ao Aeroporto Internacional do Galeão, no Rio de Janeiro. Atualmente, a Qatar Airways, uma das maiores empresas aéreas do mundo, já opera voos diários entre Doha e São Paulo, chegando no Aeroporto Internacional de Guarulhos.    

"Até fevereiro, ela [Qatar Airways] vai começar a voar para o Rio de Janeiro, [com] um equipamento Boeing 777. Isso é formidável, uma notícia ótima, e mostra a confiança e recuperação do turismo no Brasil", disse Machado

Segundo o ministro, a informação foi confirmada pelo presidente da Qatar Airways, Akbar Al Baker, durante reunião com autoridades brasileiras.

https://agenciabrasil.ebc.com.br/internacional/noticia/2021-11/ministro-anuncia-voo-direto-entre-doha-e-rio-de-janeiro

  • Like 2
  • Haha 2
Link to comment
Share on other sites

A hora é essa! Demanda nas alturas por destinos turísticos! 

Bem capaz de acontecer o desvio de um dos voos para fazer DOH-GIG. 
Aproveitando o espaço aberto pela Emirates! 

 

  • Haha 1
Link to comment
Share on other sites

Sinceramente, eu até acredito em voos extras pra FIFA22 (nov-dez22), quem sabe algum(s) Super para GRU, mas regular no GIG na atual conjuntura, nem de carga.

E na comitiva, teve também o Gov. de MG cercando a EK pra operar em CNF.

https://www.itatiaia.com.br/noticia/zema-e-bh-airport-discutem-com-emirates-voo-do-aeroporto-internacional-de-bh-para-dubai

Edited by TheJoker
Link to comment
Share on other sites

3 hours ago, Delmo said:

Vai super acontecer CNF-DXB. 6x por dia de A380 de tanta gente nessa rota.

:lol:

kkkk, acham que lancar um voo é igual a colocar barraquinha de pipoca.

GIG com demanda suficiente? duvido, dolar nas alturas e agora que abriu Europa e EUA, mais facil lancar um voo para o Nordeste que ganham mais.

Sem contar que se privatizar SDU pode encomendar a missa de GIG.

Link to comment
Share on other sites

Na verdade o Zema anunciou DXB-FCO-CNF. Eu até acho plausível, se CNF não fosse tão perto de GRU e GIG.

FCO pela FIAT ser muito forte aqui em Betim, mas acho difícil... 2x/semana, talvez? Enfim. Duvido.

  • Haha 2
Link to comment
Share on other sites

10 minutes ago, Stelios4K said:

não é por nada não, mas em questão de tarifa, a QR ta muito mais barata que a EK nos últimos meses para alguns destinos na europa.

Tô indo pra MLE com conexão em DXB. Em torno de R$ 3mil mais caro pela EK comparando com a QR. Mas queria voar de A380, então valeu. A propósito, econômica do A380 com 50% de ocupação pela conta de padeiro que fiz. Não justifica trocar o 777 na rota.

Link to comment
Share on other sites

Este assunto já foi amplamente discutido aqui. Empresas fazem uma média dizendo que "estudam possibilidades" e o político transforma isso "eles vão voar para cá".

E não adianta. Se acrescentar um city-pair novo significará menos passageiros em um voo já consolidado. Para que isso não ocorra, é necessário o país crescer para que acomode os novos voos sem tirar muito dos existentes.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Faz parte do jogo pedir voo, mesmo sabendo que não tem a menor chance. Como Dubai para CNF, CWB etc. 

Sobre MG, parece que houveram reuniões com mais de uma cia, e da Europa. De qualquer forma, hoje BH não sustenta nem 1 diario da TAP.

Link to comment
Share on other sites

se o "ministro anunciou" é porque não vai sair

em épocas que o RJ tinha muito mais demanda, inclusive conexões domésticas, a QR anunciou e depois cancelou, agora que o GIG é quase um aeroporto fantasma é que não vem mesmo

  • Haha 1
Link to comment
Share on other sites

2 hours ago, rafaelzatti said:

Tô indo pra MLE com conexão em DXB. Em torno de R$ 3mil mais caro pela EK comparando com a QR. Mas queria voar de A380, então valeu. A propósito, econômica do A380 com 50% de ocupação pela conta de padeiro que fiz. Não justifica trocar o 777 na rota.

Não é muito pela demanda. Eu lembro de ter visto comentários de que a frota de 77W já estava toda em uso e que pra retomar mercados ela precisaria passar rotas ao A380, colocando-os em operação, para assim liberar os 77W onde o A380 não faria sentido algum.

Link to comment
Share on other sites

1 minute ago, LipeGIG said:

Não é muito pela demanda. Eu lembro de ter visto comentários de que a frota de 77W já estava toda em uso e que pra retomar mercados ela precisaria passar rotas ao A380, colocando-os em operação, para assim liberar os 77W onde o A380 não faria sentido algum.

Tem que ver a carga, a Business e a First, os segmentos que mais geram receita para uma cia aérea . O que conheço de gente voando para ou através do Oriente Médio aqui de SP, é impressionante. Lembremos também da Expo 2020 Dubai ocorrendo naquele Emirado até Março 2022. O fluxo está intenso, seja por turismo seja a negócios e só tende a aumentar nos próximos anos. 


Sou louco para voar na Q-Suíte mas o 380 da EK é demais, imbatível pelo conjunto na minha opinião. Vida longa a ele em GRU.

 

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Workhorse

While the A380 captures most of the glory, Emirates has 144 Boeing 777s that are the workhorses of the fleet. This includes a mix of dedicated freighters, operating for SkyCargo, and passenger jets. While 75% of the A380s remain grounded even today, all of Emirates’ 777s are currently flying missions.

 

 

Link to comment
Share on other sites

Replaced by 777

The top routes operated by Emirates' A380s did not change significantly over the January to July 2019 versus January to July 2020 period: with the top five routes being Dubai International Airport to London Heathrow, Bangkok Suvarnabhumi Airport, Paris Charles de Gaulle Airport, London Gatwick Airport, and Manchester Airport. While we note some very minor utilisation of the A380s so far in July 2020, with 17 return flights to London-Heathrow and Paris-Charles de Gaulle each, Emirates traditional A380 routes are currently being served by 777s on at least the LHR route, with 81 return flights undertaken in July 2020 compared to zero flights in July 2019.

 

Emirates Boeing 777 & A380 Fleet Status

We note this trend in Figure 2 which shows Emirates' Boeing 777 fleet returning to service and gaining utilisation much more rapidly than the A380 fleet. There are potentially a number of reasons for this, with lower cash operating costs, low seat capacity to match depressed demand due to Covid-19 being key among them.

 

Figure 3 illustrates the Emirates A380 fleet flight hours in 2019 and 2020. In the same period of Jan-July 2019, Emirates' A380 fleet spent almost 250,000 hours in the air, compared to 100,000 hours in 2020. The drop in flying hours is seemingly due to Emirates withdrawing its A380s from service and instead operating these routes with the Boeing 777 fleet. IBA notes other routes where B777s have substituted A380s include: Dubai to Auckland (flight time approx. 18hr), Los Angeles (flight time approx. 16hr) and Sydney (flight time approx. 13hr), which prior to March 2020, were only served with the A380. The decline in the use of the A380 has also affected Emirates ultra-long haul flights, such as Dubai to Auckland, now it appears to be operated with the Boeing 777 with an intermediate stop in Bangkok.

 

In May 2020, Emirates President Tim Clark announced that the "A380 is dead" and that the A350 and 787 will have a place in Emirates fleet, however, Mr. Clark has also indicated that Emirates has no immediate plans to retire the A380s prematurely. At the same time, unconfirmed rumours emerged that Emirates has already started looking at retiring the A380s in the future, with plans to retire 46 Airbus A380 by 2027 which represents 19% of the fleet.

 

The data presented appears to support Mr. Clarks past comments. In what appears to be a recovery period for Emirates in July 2020, the Airbus A380 seems to be much slower out of the gates than the airline's Boeing 777 fleet, with lower demand and therefore less need for seat capacity driving these decisions. We note a number of Emirate's top routes are now being served by the Boeing 777. We also note a number of the airline's A380s have been moved to storage. It certainly seems as though Emirates is in no hurry to return its A380s to service, and with predictions of recovery to 2019 levels of passenger traffic expected in 2024, it appears the A380 may have fallen out of favour even with its largest operator for the foreseeable future.

Link to comment
Share on other sites

37 minutes ago, boulosandre said:

Tem que ver a carga, a Business e a First, os segmentos que mais geram receita para uma cia aérea . O que conheço de gente voando para ou através do Oriente Médio aqui de SP, é impressionante. Lembremos também da Expo 2020 Dubai ocorrendo naquele Emirado até Março 2022. O fluxo está intenso, seja por turismo seja a negócios e só tende a aumentar nos próximos anos. 


Sou louco para voar na Q-Suíte mas o 380 da EK é demais, imbatível pelo conjunto na minha opinião. Vida longa a ele em GRU.

 

Hoje mesmo um grupo de amigos com familiares disseram que vão para Israel via Dubai. 

Há alguns bons anos eles voam todos anos em janeiro para TLV, com exceção de 2021. Fizeram 1 vez direto Latam e as outras sempre via Alitalia.

Me falaram que outras pessoas da comunidade judaica vão aproveitar a conexão em Dubai e fazerem pit stop por lá antes de irem p/ TLV.

DXB-TLV vai carregar conexão de tudo que é lado. Vai ser uma rota super movimentada em pouco tempo com business e turismo florescendo também.

Edited by naia
  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

25 minutes ago, naia said:

Hoje mesmo um grupo de amigos com familiares disseram que vão para Israel via Dubai. 

Há alguns bons anos eles voam todos anos em janeiro para TLV, com exceção de 2021. Fizeram 1 vez direto Latam e as outras sempre via Alitalia.

Me falaram que outras pessoas da comunidade judaica vão aproveitar a conexão em Dubai e fazerem pit stop por lá antes de irem p/ TLV.

DXB-TLV vai carregar conexão de tudo que é lado. Vai ser uma rota super movimentada em pouco tempo com business e turismo florescendo também.

Muito bem lembrado. O fluxo Brasil-Israel estava crescendo antes da pandemia e agora há a possibilidade de ir via DXB. Excelente opção entre SP e TLV.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

16 hours ago, thgsr08 said:

Na verdade o Zema anunciou DXB-FCO-CNF. Eu até acho plausível, se CNF não fosse tão perto de GRU e GIG.

FCO pela FIAT ser muito forte aqui em Betim, mas acho difícil... 2x/semana, talvez? Enfim. Duvido.

A matriz da Fiat/Stellantis é Turim, mais fácil seria DXB-MXP-CNF

Link to comment
Share on other sites

17 hours ago, rafaelzatti said:

Tô indo pra MLE com conexão em DXB. Em torno de R$ 3mil mais caro pela EK comparando com a QR. Mas queria voar de A380, então valeu. A propósito, econômica do A380 com 50% de ocupação pela conta de padeiro que fiz. Não justifica trocar o 777 na rota.

mais um aproveitando sa férias indo pras maldivas hahahaha

 

agora q MLE ta virando com EK, mas desde o ano passado quem ganhava na rota e ainda ganha é a QR.

 

 

movimento ta subindo, vamos ver no q vai dar

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade