Jump to content

Lula dá posse a Jobim e diz que tem medo de voar


C010T3

Recommended Posts

Enviado por Ricardo Noblat - 25.7.2007 | 16h42m

Lula dá posse a Jobim e diz que tem medo de voar

 

Lula dá posse a Nelson Jobim no Ministério da Defesa e diz que tem medo de voar de avião. Quando embarca em um, entrega a vida a Deus. Acompanhe aqui ao vivo pela Globo News.

 

(Lula acaba de dizer que foi Waldir que pediu demissão. E está fazendo o elogio dele. "Certamente haverá aqueles que dirão que Waldir saiu por causa da crise aérea e do acidente do avião da TAM. Isso foi o que levou Waldir a pedir demissão. Mas você, Waldir, poderá andar por qualquer rua deste país de cabeça erguida por ter prestado relevantes serviços à Nação", disse Lula.

 

Ele agora faz o elogio de Jobim. Lembra que os dois foram deputados federais na Assembléia Nacional Constituinte em 1988.

 

- A carreira dele todo mundo conhece. (...) Quando saiu do Supremo Tribunal Federal, prometeu à mulher que não voltaria à política. Todo político diz isso. Eu disse a mesma coisa a Marisa quando terminei meu segundo mandato como presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo. E não tenho, hoje, a menor vontade de deixar de fazer política.

 

- Em momentos de dor e de sofrimento, devemos sofrer menos e tirar lições para fazer as coisas que devem ser feitas. Os que estão comigo há muito tempo sabem que a gente vai criando instituições, instituições, e chega o momento em que vemos que temos muitas instituições. São muitos as do setor aéreo. Precisamos aproveitar este momento para fazer que elas tenham uma única cabeça pensante. É preciso repensar o Ministério da Defesa. Porque tal como ele está, ele está aquém das exigências da sociedade brasileira.

 

- Ele [Ministério da Defesa] precisa ser forte para fazer as mudanças que devem ser feitas. Da reestruturação das Forças Armadas brasileiras até a escolha de gente capaz para organizar as forças armadas. (...) Não existe país no mundo que seja respeitado sem ter as Forças Armadas equipadas para defender seus interesses.

 

(Mas que discursinho ruim, sem imaginação, repleto de lugares comuns...)

 

- Encontrei um Exército que liberava os recrutas antes do almoço por que não tinha dinheiro para pagar o almoço deles. Você vai encontrar, Nelson [Jobim], uma Força Aérea que tinha avião que era obrigado a pousar depois de 20 minutos de vôo porque saía fumaça. É esse ministério que você vai assumir, Nelson, com toda força para fazer todas as mudanças onde for preciso fazer.

 

- O presidente da República, no momento em que tira um ministro e põe outro, é como um pai que se despede de um filho na porta e recebe outro.

 

(Pelo amor de Deus, Lula, pensa melhor antes de falar. Há ótimos redatores de discursos ao seu lado. Páre com essa história de ficar improvisando...)

 

- Vamos aproveitar este momento para fazer o que deve ser feito. Estou vendo Palocci ali [Antonio Palocci, ex-ministro da Fazenda, deputado federal pelo PT de São Paulo]. O ministério da Fazenda sempre diz que não tem dinheiro para fazer as coisas. Uma vez eu perguntei: E se o Paraguai declarar guerra ao Brasil? Teremos ou não dinheiro para a guerra? Teremos, sim. Então há momentos em que o dinheiro tem de aparecer.

 

(Coitado do Paraguai. Está lá no canto dele, sossegado, entretido com seus problemas e, de repente, se vê citado no discurso do presidente da República do Brasil por ocasião da troca de um dos seus ministros.

 

Lula acabou de falar. Ainda bem.)

 

Permalink: http://oglobo.globo.com/pais/noblat/post.a...67264&a=111

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade