Jump to content

[AEROSUR] Próximo destino poderá ser Cuiabá-MT


Guest JAMPA

Recommended Posts

Santa Cruz de la Sierra, Bolívia - O secretário de Desenvolvimento do Turismo, Pedro Nadaf e o superintendente do Sebrae-MT, José Guilherme Barbosa Ribeiro estiveram reunidos na tarde sexta-feira (28), na Bolívia, com o responsável pelo planejamento da AeroSur Linhas Aéreas, Hugo Díaz. O objetivo foi apresentar o projeto de incentivo fiscal do Governo do Estado de Mato Grosso para o combustível aéreo e destacar a importância econômica do Estado. “Como temos interesse em ampliar a malha aérea, aproveitamos para estabelecer o primeiro contato que resultou numa longa conversa onde Díaz aproveitou para sanar todas as dúvidas”, conta Nadaf.

 

Depois de ouvir a explanação dos representantes de Mato Grosso, Díaz destacou que a empresa está em expansão e tem interesse em operar em Mato Grosso. Aproveitou para fazer diversas perguntas e apresentar as próximas ações da AeroSur. Ele salienta que existe a possibilidade de operar pelo menos três vôos semanais entre Cuiabá – Santa Cruz de La Sierra, com um Boing 737-200, com a oferta de 108 lugares e passagens a preços bastante competitivos. “Nossa intenção é viabilizar o vôo de Cuiabá para Santa Cruz para atener também as conexões para Miami (EUA) e Madri (Espanha).A nossa vontade é começar a operar a partir de fevereiro”, anuncia.

 

Encantado com o potencial de Mato Grosso, Díaz solicitou o levantamento de custos aeroportuários e marcou uma reunião para novembro com empresários e representantes Governo do Estado de Mato Grosso e Sebrae para novembro. “Temos que analisar custos e viabilizar parcerias”. Ele aproveitou para solicitar a presença de pelo menos três grandes operadores de Mato Grosso na reunião de novembro.

 

http://www.secom.mt.gov.br/conteudo.php?si...97&parent=0

 

JAMPA

Link to comment
Share on other sites

Fantástico !

 

Mais uma cia descobrindo o potencial do Brasil e um governo estadual inteligente buscando uma saída expressa para o exterior.

Além de tudo, são vizinhos que tem tudo para ganhar mais com essa ligação.

 

E mais uma vez, uma cia estrangeira mostrando que há espaço nas cidades de médio porte do Brasil.

 

Que a rota decole, e que tenham sucesso.

 

Felipe

Link to comment
Share on other sites

Fantástico !

 

Mais uma cia descobrindo o potencial do Brasil e um governo estadual inteligente buscando uma saída expressa para o exterior.

Além de tudo, são vizinhos que tem tudo para ganhar mais com essa ligação.

 

E mais uma vez, uma cia estrangeira mostrando que há espaço nas cidades de médio porte do Brasil.

 

Que a rota decole, e que tenham sucesso.

 

Felipe

 

Seria fenomenal se os estados limítrofes aos países Sul Americanos identificassem võos como ja existe de MAO para CCS, de BEL para Caiena e Paramaribo, de POA para cidades na Argentina e Uruguai e Campo Grande para Bolivia. Da mesma forma, utilizar as capitais do Nordeste para ligações com cidades importantes do Noroeste da Africa (TACV e BRA no momento).

 

Alias, segundo o Panrotas, a Kenya Airways (com um importante hub Africano em Nairobi - voa para 43 destinos em 36 países) abriu representaçao em SP. Ou seja, a médio prazo, poderemos ter boas noticias do Nordeste Africano.

 

Sucesso a Aerosur!

Link to comment
Share on other sites

Mas aí entra aquela história: um voo pode gerar demanda a partir de sua criação e assim as projeções iniciais podem revelar-se rapidamente subestimadas. Grande notícia essa do VVI-CGB-VVI, assim como poderia ter MAO-ATL, BEL-MIA, BEL-CCS, MAO-UIO, etc etc etc.....

Link to comment
Share on other sites

Falta e muito um RBR-LIM, criando uma opção de vôo a população da capital que viaja para a capital peruana pela estrada do pacífico e voa desde Puerto Maldonado. E até que poderia rolar um RBR-LIM-VVI, oferecendo tb uma opção aérea entre Acre e Bolívia, uma vez que vários acreanos estudam em Santa Cruz de la Sierra.

Link to comment
Share on other sites

A partir das cidades do Centro-Oeste e do Norte, dava pra começar uma série de vôos para Peru, Bolívia e Equador. Para VVI, MAO, CGB e BSB podiam contar com os seus, junto com CGR (que snme já o tem, da Gol) e quem sabe RBR. LIM, dava pra começar a partir de RBR, CZS e MAO, assim como uma cidade peruana secundária, como Chiclayo, Puccalpa, Cuzco ou Iquitos. MAO-UIO e MAO-GYE também funcionariam bem! E o tráfego internacional a partir dessas cidades podiam incentivar a criação de vôos MAO-BSB, RBR-GRU, GIG-MAO, CZS-BSB, CZS-MAO, MAO-REC, MAO-SSA, MAO-FOR, RBR-GIG, BSB-GIG e BSB-GRU, BSB-Nordeste, enfim.

Link to comment
Share on other sites

E CWB vai ficando pra trás....

Mais uma, de tantas vezes.....

Link to comment
Share on other sites

Uma empresa que eu acho que poderia olhar com bons olhos pro norte seria a Avianca, quem sabe voltando com o antigo BOG-MAO-GIG.

Link to comment
Share on other sites

Seria bom se a Aerosur pensasse num LPB-VVI-CGB-BSB

agora, nem sempre esses voos funcionam, um exemplo é o MAO-BOG da varig, o que sempre ouco é que sempre anda vazio.

Das cidades perto do Brasil, creio que poderiamos ter voos entre:

CGB -> VVI e LPB

CGR -> ASU

IGU -> Salta e MDZ (hoje Só possivel se embarcar em iguazu e com conexao em AEP)

RBR e PVH -> Cuzco e LIM

Link to comment
Share on other sites

Poxa Rodolfo, quer estragar a surpresinha...

 

O Governo Peruano enviou para o Congresso uma proposta de subsídio de 60% nos vôos ligando o Peru ao Acre e Rondônia por durante dois anos. Além disso, o governo peruano está querendo colocar como tarifa doméstica este vôo. :D

 

Lembrando que já existe um vôo ligando o Acre ao Peru (Rio Branco-Puerto Maldonado).

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade