Jump to content

Airbus migra A350 para a fibra de carbono


Tabbex

Recommended Posts

Airbus migra A350 para a fibra de carbono

 

por: Marcelo Ambrosio

 

Na indústria aeronáutica, quando a concorrência tem uma solução técnica melhor, não há escrúpulo nenhum em acompanhá-la. A Airbus fez isso ao desistir de usar a liga de alumínio que desenvolveu (um sistema chamado Glare) em favor dos materiais compostos para o A350XWB. Essa tecnologia é a mesma adotada pela Boeing no B787. A mudança ocorreu depois que clientes importantes como a Emirayes e a IFLC terem expressado algumas dúvidas e preocupações quanto à manutenção da estrutura à base de alumínio. Em junho, executivos da IFLC já haviam afirmado no Salão de Le Bourget que iriam tentar convencer o fabricante à fazer a mudança. Na época, a Airbus afirmou que não mudaria o projeto.

 

Mas tanto o argumento pesou que oficialmente a Airbus informa que a mudança para o material composto se deve à simplificação de manutenção. A companhia espera terminar o desenho final até o fim do ano e fazer a primeira entrega em 2013. Como parte do programa de reestruturação Power8, o conglomerado europeu procura parceiros dispostos a um investimento de risco para dividir a transformação da unidade industrial voltada para o Glare para a adequada aos materiais compostos, que usam tipos diferentes de plásticos e fibras de carbono. A jogada da Airbus acende o alerta na Boeing, já que um A350 mais leve e com custos de manutenção menores seria uma ameaça aos 787 e aos 777-200ER.

 

[12:00]

fonte: JB Online

http://www.jblog.com.br/slot.php?itemid=4955

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade