Jump to content

TJ obriga TAM a indenizar passageiro paraplégico ferido em espera


Rafael Santos

Recommended Posts

O juiz Luiz Antônio Sari, da 1ª Vara Cível da Comarca de Rondonópolis (MT), condenou a TAM a indenizar em R$ 9.500 um passageiro paraplégico que ficou com feridas na região glútea e no calcanhar após ter aguardado cinco horas para embarcar. Cabe recurso.

 

O vôo estava marcado para sair de São Paulo com destino a Cuiabá às 3h10, mas só decolou às 8h, em 21 de dezembro do ano passado. Neste intervalo de tempo, o passageiro deficiente físico não recebeu acomodação específica e não foi informado do possível horário de partida, para que pudesse buscar acomodação por si só.

 

O passageiro desenvolveu escaras --destruição localizada da pele que acomete regiões de apoio-- devido ao longo período em que ficou sentado.

 

Em resposta, a TAM alegou que o atraso foi causado por um sério problema no controle de tráfego aéreo nacional e pela retirada de aeronaves de circulação para manutenção. A TAM afirmou ainda que costuma acomodar os passageiros, mas que isso não foi possível por se tratar de uma época atípica --de Natal.

 

Em sua sentença, o magistrado afirmou ter entendido que há "provas suficientes" de que a empresa foi responsável pelo problema.

 

"Não se pode querer repassar tais fatos [relacionados à crise aérea] aos consumidores, onde estes, segundo é de conhecimento público e geral, experimentaram o vilipêndio moral."

 

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidia...95u339704.shtml

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade