Jump to content

Rio fica em 35º e SP em 61º em número de visitantes


Stratocruiser

Recommended Posts

14/12/2007 - 09h08

Londres é a cidade mais visitada e Rio fica em 35º, diz pesquisa

 

ITALO NOGUEIRA

da Folha de S.Paulo, no Rio

 

Destino preferido no Brasil, o Rio de Janeiro foi a 35ª cidade mais visitada do mundo em 2006, com 2,2 milhões de turistas, diz pesquisa do Euromonitor International, empresa de análise econômica com mais de 600 colaboradores pelo mundo. Londres lidera a lista com folga --15,6 milhões de visitantes no ano passado--, seguida de Bancoc, na Tailândia.

 

As 150 cidades listadas pela primeira vez pela empresa de pesquisas concentram, de acordo com o estudo, 27% dos destinos dos turistas no mundo. São Paulo --o segundo destino no Brasil-- está em 62º, com 1,1 milhão de visitantes. Outras cinco cidades brasileiras constam na lista: Salvador (BA), Fortaleza (CE), Foz do Iguaçu (PR), Búzios (RJ) e Florianópolis (SC).

 

Entre os dez principais destinos turísticos apontados na pesquisa, metade está na Ásia, quatro na Europa e uma na América do Norte (Nova York).

 

Segundo a empresa, as cidades que atraem turistas por sua história, como Roma, Paris e Praga, agora dividem espaço com cidades que estão transformando sua paisagem arquitetônica, como Dubai, nos Emirados Árabes. "Cidades em todo o mundo estão modificando seu visual e estrutura para ganhar posições", diz a empresa.

 

Segundo o diretor-executivo do Rio Convention & Visitors Bureau, Paulo Senise, o principal atrativo do Rio é "a surpresa que causa ao visitante".

 

0734852.jpg

Londres lidera a lista dos locais mais visitados com folga; teve 15,6 milhões de visitantes no ano passado

 

"Em poucos lugares você mistura na cidade arquitetura e natureza. No Rio se consegue dançar uma noite na Lapa e depois jantar às 5h."

 

Apesar dos atrativos, Senise aponta problemas que atrasam o crescimento da cidade como destino turístico. "A malha aérea não atende ao turismo internacional que vem ao país." Segundo ele, enquanto 36% dos turistas internacionais visitam o Rio, apenas 12% dos vôos internacionais chegam à cidade. "O visitante tem que passar por um transtorno muito grande, como conexão, os horários não coincidem... Isso é um bloqueio ao crescimento."

 

Se o Rio passasse a receber 25% dos vôos internacionais, Senise acredita que a cidade ganharia mais 1 milhão de turistas. A dificuldade de norte-americanos em conseguir visto de entrada no país também prejudica o avanço, diz Senise.

 

Um dos destaques brasileiros da lista foi Búzios, na região dos Lagos, a 109 km da capital. "É uma cidade que cresceu muito com o boca-a-boca e com ajuda da internet. Ela está ganhando muita projeção internacional."

 

Ásia

 

O desenvolvimento dos países asiáticos atraiu muitos turistas europeus e norte-americanos, segundo o levantamento. Bancoc, Cingapura, Hong Kong (China), Dubai (Emirados Árabes Unidos) e Seul (Coréia do Sul) estão entre as dez cidades mais visitadas no ano passado.

 

"O turista tende a querer ambientes diferentes do seu dia-a-dia, que geralmente é massacrante. Essas cidades aproveitaram o crescimento para investir em infra-estrutura turística", disse Senise.

 

Os encontros e eventos internacionais também ajudam na divulgação e na atração de visitantes às cidades.

 

De acordo com a pesquisa, cerca de 20% dos turistas visitaram o destino escolhido em razão de encontros profissionais (seminários, convenções, congressos etc). Nesse ranking, Paris lidera a lista, seguida de Viena e Cingapura.

 

"O congresso ajuda o visitante a aliar o trabalho e a viagem. O Rio tem um grande potencial para esse tipo de turismo. É muito fácil convencer qualquer um a sediar um evento na cidade", diz Senise.

 

AS CIDADES MAIS VISITADAS NO MUNDO (número de visitantes em milhões de pessoas)

 

1. Londres - 15,640

2. Bancoc - 10,350

3. Paris - 9,700

4. Cingapura - 9,502

5. Hong Kong - 8,139

6. Nova York - 6,219

7. Dubai - 6,120

8. Roma - 6,033

9. Seul - 4,920

10. Barcelona - 4,695

11. Dublin - 4,469

12. Bahrein - 4,418

13. Xangai - 4,315

14. Toronto - 4,160

15. Kuala Lumpur - 4,125

16. Istambul - 3,994

17. Madri - 3,921

18. Amsterdã - 3,901

19. Meca - 3,800

20. Praga - 3,702

21. Moscou - 3,695

22. Pequim - 3,593

23. Viena - 3,339

24. Taipé - 3,280

25. São Petersburgo - 3,200

26. Cancún - 3,074

27. Macau - 3,072

28. Veneza - 2,927

29. Varsóvia - 2,925

30. México - 2,823

31. Los Angeles - 2,513

32. Guangzhou - 2,512

33. Benidorm - 2,457

34. Berlim - 2,309

35. Rio de Janeiro - 2,185

 

============

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/folha/dinheir...91u354884.shtml

 

Acho que ficamos mal nessa estatística (Berlim também se deu mal. Sydney nem aparece!)

O fato de Bangkok e Singapura estarem emparelhadas com Paris e NY mostra que temos muito potencial não valorizado.

A lista, de qq forma, ao que parece, não está discriminando viagens a negócios.

Link to comment
Share on other sites

E o Rio pode ainda receber muito mais!!

 

Detalhe que o Rio de Janeiro é a cidade mais visitada do Hemisfério Sul!

 

Negativo. Um turista dificilmente pode pegar um meio de transporte (exceto carro e taxi) no Rio com sua camera em mãos sem correr o risco de ser assaltado. Enfim, uma cidade que mal cuida da segurança e locomoção de seus próprios habitantes, imagina de quem é de fora.

 

Abraços

 

Matheus

Link to comment
Share on other sites

Negativo. Um turista dificilmente pode pegar um meio de transporte (exceto carro e taxi) no Rio com sua camera em mãos sem correr o risco de ser assaltado. Enfim, uma cidade que mal cuida da segurança e locomoção de seus próprios habitantes, imagina de quem é de fora.

 

Abraços

 

Matheus

 

.....................EDITADO...........................................

 

3.1 - Por favor respeitem uns aos outros e escolham suas palavras sabiamente. Cada usuário tem seu próprio ponto de vista e este tem que ser respeitado. Se você tem algum problema com outro usuário ou não aprova algum tópico ou post e é capaz de mostrar que ele viola alguma regra, utilize o botão "Reportar". Pode-se também mandar uma mensagem privada para os moderadores a respeito do assunto.

3.1.1 - Por favor faça suas críticas, seja qual for e a quem for, de maneira construtiva. Criticas que não servirem a outro proposito que não seja provocar ou insultar serão apagadas e sua conta será passível de suspensão.

 

Saiba que de todos os turistas que visitam o Rio, mais de 90% dizem que voltariam à cidade. E eu disse que poderia receber muito mais se fosse resolvidos alguns problemas que a cidade tem. Vc entendeu mal o que eu disse.

Link to comment
Share on other sites

Um turista dificilmente pode pegar um meio de transporte (exceto carro e taxi) no Rio com sua camera em mãos sem correr o risco de ser assaltado.

 

não só no Rio

e sim em todo Brasil

 

...

aliás

em todo mundo

o problema é que no Brasil está uma onda de assassinato

as pessoas se matam por besteira

tanto de um lado como de outro

 

na Bolívia por exemplo

você corre grande risco de ser assaltado também

mas não precisa ficar com medo de tomar um tiro na cara em plena avenida central só porque você colocou a mão dentro da bolsa para tirar o dinheiro que estavam pedindo

 

aqui... qualquer coisa é motivo pra apertar o gatilho

cultura BOPE, que agora é pop :suicide_anim:

Link to comment
Share on other sites

Negativo. Um turista dificilmente pode pegar um meio de transporte (exceto carro e taxi) no Rio com sua camera em mãos sem correr o risco de ser assaltado. Enfim, uma cidade que mal cuida da segurança e locomoção de seus próprios habitantes, imagina de quem é de fora.

 

Abraços

 

Matheus

 

Caraca!!! Você está viajando. Quais são os meios de transporte existentes no Rio além de carro e táxi? Bonde, metrô, ônibus e barca/catamarã. Eu posso lhe garantir que todos, menos os ônibus, são muito seguros. Aliás, o Rio tem um dos sistemas de metrô mais seguros do mundo, mais do que, inclusive, o de São Paulo. Os ônibus não são tão seguros, mas creio que sejam comparáveis aos de São Paulo, portanto não é nenhuma exclusividade. Agora, os ônibus estão cada vez mais seguros, obrigado. O fato de os ônibus no Rio sempre terem o embarque na parte de trás e o desembarque na parte da frente sempre facilitou eventuais roubos. Isso já foi mudado e a segurança aumentou consideravelmente. É uma pena, pois eu sempre prefiri embarcar por trás e desembarcar pela frente, pois você poderia se comunicar com o motorista.

Link to comment
Share on other sites

Interessante o quanto isso mostra de potencial. Infelizmente a falta de oferta de vôos de mercados de grande porte (no ponto de vista da origem) como Nova York e Londres certamente prejudica o Rio e o Brasil.

 

Espero que até 2009 isso esteja contornado e vamos ver uma cidade Brasileira chegando sem dúvida ao Top 25.

 

 

Negativo. Um turista dificilmente pode pegar um meio de transporte (exceto carro e taxi) no Rio com sua camera em mãos sem correr o risco de ser assaltado. Enfim, uma cidade que mal cuida da segurança e locomoção de seus próprios habitantes, imagina de quem é de fora.

 

Abraços

 

Matheus

 

Conforme citado, me diga uma grande cidade BRASILEIRA onde isso é possível e INTERESSANTE ?

E para seu conhecimento andar de Metrô no Rio é seguro. :thumbsup:

 

Felipe

Link to comment
Share on other sites

Conforme citado, me diga uma grande cidade BRASILEIRA onde isso é possível e INTERESSANTE ?

E para seu conhecimento andar de Metrô no Rio é seguro. :thumbsup:

 

Eu não conheço nenhuma, infelizmente.

O metro é seguro, mas chega em todos os lugares? E fora dele? Andar pelas ruas é seguro? Vide o turista italiano morto.

 

Não só o Rio, mas o Brasil precisa melhorar muito ainda para chegar aos pés de cidades Européias, Australianas e Estadunidenses em relação a turismo. Temos muito a mostrar, mas quem sabe disso? Qual é a nossa publicidade lá fora? Notas policiais?

Lipe, voce deve conhecer até mais países do que eu e sabe, onde é bom de visitar, o povo vive bem.

 

Abraços

 

Matheus

Link to comment
Share on other sites

Eu não conheço nenhuma, infelizmente.

O metro é seguro, mas chega em todos os lugares? E fora dele? Andar pelas ruas é seguro? Vide o turista italiano morto.

 

Não só o Rio, mas o Brasil precisa melhorar muito ainda para chegar aos pés de cidades Européias, Australianas e Estadunidenses em relação a turismo. Temos muito a mostrar, mas quem sabe disso? Qual é a nossa publicidade lá fora? Notas policiais?

Lipe, voce deve conhecer até mais países do que eu e sabe, onde é bom de visitar, o povo vive bem.

 

Abraços

 

Matheus

 

O turista italiano foi dar uma de herói e foi atropelado por um ônibus. Se você sair correndo e atravessar a Vieira Souto fora do sinal, também é provável que seja.

 

O sistema metroferroviário chega a todos os lugares do Rio com exceção da Grande Lagoa, Grande Jacarepaguá e Grande Guaratiba. Com exceção da Grande Lagoa, todos os lugares sem metrô ou trem são de esparsa ocupação se comparados com o resto da cidade.

Link to comment
Share on other sites

O turista italiano foi dar uma de herói e foi atropelado por um ônibus. Se você sair correndo e atravessar a Vieira Souto fora do sinal, também é provável que seja.

 

E ele foi dar uma de herói por que? Foi salvar um cachorrinho que iria ser atropelado pelo ônibus?

 

Abraços

 

matheus

Link to comment
Share on other sites

:offtopic:

 

Podem censurar a vontade mas nunca soube que pedir calma era um insulto.

 

Caro BIG GIG

 

Existe uma pequena diferença entre pedir calma (somente) e provocar as pessoas - e você provocou, e sabe disso. Você sabe que fui eu quem censurou o seu post, pois foi me identifiquei na edição. Portanto você poderia me questionar (via MP) ou a qualquer membro do staff.

 

Porém, vou enumerar mais algumas agora:

 

3.5.2- Se você quiser manter uma conversa off-topic ou uma discussão acalorada, por favor continue via mensagem privada ou programas como MSN, não utilizando o fórum para tal.

 

3.17 Se seu post ou tópico tiver sido apagado, por favor não veja isso como um ataque pessoal contra você feito pelo staff. Se você acredita que tenha sido um erro, por favor nos mande uma mensagem privada para chamar nossa atenção. Iremos analisar em conjunto a sua mensagem para tomarmos a decisão final.

 

4.1 Por favor, respeite o staff. É um trabalho inglório que fazemos, e arrumar a bagunça dos outros não é uma tarefa divertida. Por favor, lembre-se que os moderadores do fórum não podem ser onipresentes. Caso haja algum problema, favor contatar os moderadores ou administradores via mensagem privada.

 

4.5 Os observadores podem ser contactados a qualquer momento por qualquer integrante, para que seja relatado um abuso, ou para que se peça explicação sobre determinada atitude. Para tanto utilize a função MP (Mensagem Privada) ou se preferir utilize o mail forum@contatoradar.com.br

 

6.1 Comentários, dúvidas, sugestões e reclamações podem ser feitas ao ouvidor do fórum Contato Radar, usuário LipeGIG(para usuários cadastrados) ou encaminhados para o e-mail lipegig@contatoradar.com.br

 

Qualquer outro questionamento, faça via Mensagem Privada.

 

Segue o baile!

Link to comment
Share on other sites

Acho que a discussão está bem fora do assunto do tópico.

 

Matheus,

 

Um amigo que estuda aqui em Columbia foi passar 3 dias em Londres: Furtaram a carteira dele no metrô

 

EU fui ao Coliseu, peguei um metrô e fui roubado, o cara só não levou minha máquina digital por eu ter sentido falta da máquina em tempo hábil e ter saído atrás do sujeito igual ao italiano saiu atrás do brasileiro no Rio. A diferença é que eu não me joguei na frente do trem senão teria sido um caso idêntico. Eu dei uma gravata no assaltante sem ele perceber e somente falei " Or you return my camera or we go together to the Police ".

NINGUÉM se mexeu

NINGUÉM se meteu

SE o cara tivesse armado, eu não estaria aqui escrevendo.

SE o cara tivesse uma faca, talvez ....

 

Essa história não é com terceiros, foi comigo mesmo, em Roma, Itália, Europa, Primeiro Mundo. E a propósito a 8a mais visita do mundo.

 

Cara, em Paris se queima carro como em nenhuma cidade do mundo, e é a 3a mais visitada.

 

Não conheço muitas das cidades citadas mas confesso que me senti inseguro em Paris e Roma. Me senti bastante seguro em Londres (apesar de não ter visto tanta polícia assim). E me sinto MUITO, MUITO seguro aqui em Nova York.

Mas aqui vai um detalhe:

 

Nova York é 100% segura em Manhattan, mas não o é em Astoria, Queens e Bronx, lá há regiões mal-fadadas até hoje e de vez em quando um morre e mal sai na imprensa... a polícia reforça o policiamento por 3 ou 4 dias, investiga, investiga e tudo volta ao "normal"

 

O Rio pode ser um dos melhores e mais bem sucedidos lugares para turistas pelo simples fato da área turistica ocupar 15% da cidade. Basta nossos governantes encararem o problema (falta de policiamento).

E uma coisa que eu sempre cito e vejo aqui, quem visita o Brasil em geral vai para visitar 2 ou 3 cidades, ou seja, vai ao Rio mas acaba conhecendo outra cidade.

 

Enfim, fica minha sugestão de apresentarmos sugestões e trocarmos idéias.

 

Felipe

Link to comment
Share on other sites

Acho que a discussão está bem fora do assunto do tópico.

 

Matheus,

 

Um amigo que estuda aqui em Columbia foi passar 3 dias em Londres: Furtaram a carteira dele no metrô

 

EU fui ao Coliseu, peguei um metrô e fui roubado, o cara só não levou minha máquina digital por eu ter sentido falta da máquina em tempo hábil e ter saído atrás do sujeito igual ao italiano saiu atrás do brasileiro no Rio. A diferença é que eu não me joguei na frente do trem senão teria sido um caso idêntico. Eu dei uma gravata no assaltante sem ele perceber e somente falei " Or you return my camera or we go together to the Police ".

NINGUÉM se mexeu

NINGUÉM se meteu

SE o cara tivesse armado, eu não estaria aqui escrevendo.

SE o cara tivesse uma faca, talvez ....

 

Essa história não é com terceiros, foi comigo mesmo, em Roma, Itália, Europa, Primeiro Mundo. E a propósito a 8a mais visita do mundo.

 

Cara, em Paris se queima carro como em nenhuma cidade do mundo, e é a 3a mais visitada.

 

Não conheço muitas das cidades citadas mas confesso que me senti inseguro em Paris e Roma. Me senti bastante seguro em Londres (apesar de não ter visto tanta polícia assim). E me sinto MUITO, MUITO seguro aqui em Nova York.

Mas aqui vai um detalhe:

 

Nova York é 100% segura em Manhattan, mas não o é em Astoria, Queens e Bronx, lá há regiões mal-fadadas até hoje e de vez em quando um morre e mal sai na imprensa... a polícia reforça o policiamento por 3 ou 4 dias, investiga, investiga e tudo volta ao "normal"

 

O Rio pode ser um dos melhores e mais bem sucedidos lugares para turistas pelo simples fato da área turistica ocupar 15% da cidade. Basta nossos governantes encararem o problema (falta de policiamento).

E uma coisa que eu sempre cito e vejo aqui, quem visita o Brasil em geral vai para visitar 2 ou 3 cidades, ou seja, vai ao Rio mas acaba conhecendo outra cidade.

 

Enfim, fica minha sugestão de apresentarmos sugestões e trocarmos idéias.

 

Felipe

 

Muito bom seu post Lipe. Eu sei que assalto não é exclusividade do Brasil, tanto que tomo cuidados, como deixar a carteira e passaporte sempre nos bolsos da frente, pode ser em Londres ou Rio de Janeiro.

Mas também vamos concordar que se falando em quantidade e violência dos assaltos, o Rio de Janeiro precisa melhorar muito. É difícil ouvir de ônibus de turistas inteiro sendo assaltado por homens armados até os dentos em outros lugares do mundo. Quanto a sensação de insegurança, eu fui tentar pegar o frescão para o GIG em frente ao Barra Shopping e eu me senti realmente em risco de ser assaltado, daí voltei ao shopping e peguei um taxi até o aeroporto de Jacarepaguá. Em Paris também, no trem CDG - Gare du Nord fiquei numa nóia danada, muita gente mal encarada e trem mal iluminado, mas ali não tinha o que fazer, pegar um taxi é totalmente fora do orçamento. Aliais, foi uma das duas cidades fora do país (junto com Santo Domingo) que me senti realmente inseguro, até em Quito me senti muito mais seguro.

 

Abraços

 

Matheus

Link to comment
Share on other sites

E ele foi dar uma de herói por que? Foi salvar um cachorrinho que iria ser atropelado pelo ônibus?

 

Abraços

 

matheus

 

Porque um ladrão arrancou o cordão de ouro do pescoço do pai dele. Quem vai à praia com um cordão de ouro?

Link to comment
Share on other sites

Um turista retardado.

 

Ah tá. O cara não pode andar na rua no Rio de Janeiro da mesma forma que anda na cidade dele? Tem algum manual de instrução para andar por aí também?

É, o Rio é o oasis para os turistas, por isso que recebe tanto turistas quanto a cidade do México.

 

Abraços

 

Matheus

Link to comment
Share on other sites

Ah tá. O cara não pode andar na rua no Rio de Janeiro da mesma forma que anda na cidade dele? Tem algum manual de instrução para andar por aí também?

É, o Rio é o oasis para os turistas, por isso que recebe tanto turistas quanto a cidade do México.

 

Abraços

 

Matheus

 

Não, as pessoas quando vão a algum lugar, devem se vestir e portar de acordo com as circunstâncias. É por essa mesma razão que dá para reconhecer um turista brasileiro a 20 metros distância no exterior. Todo mundo está cansado de saber que não é para sair com coisas de valor por aí no Brasil. A maioria dos turistas que vêm ao Brasil sabe muito bem disso, mas ignora solenemente as recomendações. É aquela coisa, turista chega e vai à praia. Quando quer dar um mergulho, larga tudo na areia. Quando volta, não acha mais nenhum de seus pertences.

Existem manuais de instruções, sim.

Link to comment
Share on other sites

Não, as pessoas quando vão a algum lugar, devem se vestir e portar de acordo com as circunstâncias. É por essa mesma razão que dá para reconhecer um turista brasileiro a 20 metros distância no exterior. Todo mundo está cansado de saber que não é para sair com coisas de valor por aí no Brasil. A maioria dos turistas que vêm ao Brasil sabe muito bem disso, mas ignora solenemente as recomendações. É aquela coisa, turista chega e vai à praia. Quando quer dar um mergulho, larga tudo na areia. Quando volta, não acha mais nenhum de seus pertences.

Existem manuais de instruções, sim.

heuheuehueh...falou tudo, e não acontece só com turistas e muito menos só no Rio, acabou de acontecer com um primo meu em Natal (carioca, está em Natal a trabalho)...deixou as coisas e foi mergulhar, depois voltou e nao tinha nada. Parece até que não conhece o PAÍS onde mora.

Link to comment
Share on other sites

Existem manuais de instruções, sim.

 

Coiote, nem com "manual de instruções" os turistas se salvam. Lembro do caso do casal de espanhóis que foram metralhados no Ceará em que a polícia confundiu o carro alugado deles com o de uns bandidos que tinha roubado o carro que era igual. Nem olharam a placa, simplismente mandaram bala e os espanhóis morreram.

Link to comment
Share on other sites

Não, as pessoas quando vão a algum lugar, devem se vestir e portar de acordo com as circunstâncias. É por essa mesma razão que dá para reconhecer um turista brasileiro a 20 metros distância no exterior. Todo mundo está cansado de saber que não é para sair com coisas de valor por aí no Brasil. A maioria dos turistas que vêm ao Brasil sabe muito bem disso, mas ignora solenemente as recomendações. É aquela coisa, turista chega e vai à praia. Quando quer dar um mergulho, larga tudo na areia. Quando volta, não acha mais nenhum de seus pertences.

Existem manuais de instruções, sim.

 

Então um turista não pode sair com câmera fotográfica, filmadora ou relógio para ver as horas? Eles sabem que devem tomar mais cuidado, mas cordão de ouro? Muita gente, inclusive no Brasil, não sei sem o cordão com o santinho ou com algum valor sentimental.

Você escreveu tudo o que eu tava querendo expor. O Rio não tem condições para receber mais turistas. Quanto deixar as coisas na areia e ir mergulhar? Isso não se faz em lugar algum do mundo.

Ahhh, e nada de generalizar. Aqui eu ando de ônibus com o meu cordão de prata, celular e relógio no pulso e nunca fui assaltado. Aqui é Brasil também.

 

Abraços

 

Matheus

Link to comment
Share on other sites

Então um turista não pode sair com câmera fotográfica, filmadora ou relógio para ver as horas? Eles sabem que devem tomar mais cuidado, mas cordão de ouro? Muita gente, inclusive no Brasil, não sei sem o cordão com o santinho ou com algum valor sentimental.

Você escreveu tudo o que eu tava querendo expor. O Rio não tem condições para receber mais turistas. Quanto deixar as coisas na areia e ir mergulhar? Isso não se faz em lugar algum do mundo.

Ahhh, e nada de generalizar. Aqui eu ando de ônibus com o meu cordão de prata, celular e relógio no pulso e nunca fui assaltado. Aqui é Brasil também.

 

Abraços

 

Matheus

 

Como você é ingênuo. Eu ando com celular e relógio de pulso também, mas um turista fazer o mesmo é diferente. No dia em que Curitiba tiver o fluxo de turistas que cidades como Rio e Salvador têm, a gente conversa. Talvez aí você perceba que há abutres especializados em áreas turísticas. Alguém sabe a diferença aqui entre passear na Av. Atlântica em dias de semana e aos domingos?

Você vir aqui declarar que o Rio não tem condições de receber turistas é muito triste. Mal sabe você que violência a turistas acontece em todo mundo e em todo lugar no Brasil. Que tal fecharmos o Brasil para o turismo? Eu fico abismado com as pessoas que querem combater o Rio em vez de cooperar com ele. O Rio tem vários defeitos, mas eles não tão grandes quanto as pessoas dizem que é ou quanto a mídia noticia.

 

Você deveria estar é lutando para a revitalização do turismo de estrangeiros no Brasil. Deveria se juntar aos defensores de que a necessidade é começar pela maior vitrine do turismo brasileiro que é o Rio de Janeiro. Deveria se juntar aos defensores de que não há nada mais óbvio que começar pela vitrine da vitrine que é Copacabana, local de maior concentração de turistas em todo o Brasil. Sabe o pouco que custaria revitalizar Copacabana e o impacto que isso teria em toda visão do Brasil? Obviamente que não tenho estudos sobre isso, mas tenho a convicção de que isso é essencial. Copacabana é o lugar que mais concentra idosos em todo o Brasil (27,5%). O bairro não tem forças para se auto-regenerar. E os hotéis daqui não tem como sair. A Zona Sul do Rio não tem mais espaço. Copacabana é, hoje, um bairro corredor de ônibus e táxis. O comércio está em declínio. São cada vez menos os bons restaurantes. Os edifícios têm aparência ruim, pois os moradores aposentados não tem como arcar com grandes investimentos em recuperação estrutural e de fachada. Sendo também o bairro de maior densidade demográfica do país, ele tem também um desafio quanto aos elementos urbanísticos, que, por sua vez, sofrem intenso desgaste e exigem grande investimento até porque o bairro foi construído sobre um areal.

 

normal_oldcop53.jpg

 

Essa é a cara que o Brasil apresenta ao mundo. Se você acha que denegrir ajuda, boa sorte. Quem sabe um dia todos se esquecem do Rio e aquela linda estufa vira o símbolo do Brasil?

 

19%20Jardim%20Botanico%20Curitiba.jpg
Link to comment
Share on other sites

Como você é ingênuo. Eu ando com celular e relógio de pulso também, mas um turista fazer o mesmo é diferente. No dia em que Curitiba tiver o fluxo de turistas que cidades como Rio e Salvador têm, a gente conversa. Talvez aí você perceba que há abutres especializados em áreas turísticas. Alguém sabe a diferença aqui entre passear na Av. Atlântica em dias de semana e aos domingos?

Você vir aqui declarar que o Rio não tem condições de receber turistas é muito triste. Mal sabe você que violência a turistas acontece em todo mundo e em todo lugar no Brasil. Que tal fecharmos o Brasil para o turismo? Eu fico abismado com as pessoas que querem combater o Rio em vez de cooperar com ele. O Rio tem vários defeitos, mas eles não tão grandes quanto as pessoas dizem que é ou quanto a mídia noticia.

 

Você deveria estar é lutando para a revitalização do turismo de estrangeiros no Brasil. Deveria se juntar aos defensores de que a necessidade é começar pela maior vitrine do turismo brasileiro que é o Rio de Janeiro. Deveria se juntar aos defensores de que não há nada mais óbvio que começar pela vitrine da vitrine que é Copacabana, local de maior concentração de turistas em todo o Brasil. Sabe o pouco que custaria revitalizar Copacabana e o impacto que isso teria em toda visão do Brasil? Obviamente que não tenho estudos sobre isso, mas tenho a convicção de que isso é essencial. Copacabana é o lugar que mais concentra idosos em todo o Brasil (27,5%). O bairro não tem forças para se auto-regenerar. E os hotéis daqui não tem como sair. A Zona Sul do Rio não tem mais espaço. Copacabana é, hoje, um bairro corredor de ônibus e táxis. O comércio está em declínio. São cada vez menos os bons restaurantes. Os edifícios têm aparência ruim, pois os moradores aposentados não tem como arcar com grandes investimentos em recuperação estrutural e de fachada. Sendo também o bairro de maior densidade demográfica do país, ele tem também um desafio quanto aos elementos urbanísticos, que, por sua vez, sofrem intenso desgaste e exigem grande investimento até porque o bairro foi construído sobre um areal.

 

Essa é a cara que o Brasil apresenta ao mundo. Se você acha que denegrir ajuda, boa sorte. Quem sabe um dia todos se esquecem do Rio e aquela linda estufa vira o símbolo do Brasil?

 

Eu não quero denegrir nada e nem falei que minha cidade é capaz de atrair mais turistas que o Rio, não quero "armar" uma competição. Também já viajei meio mundo como turista, com uma mochila nas costas e pouco dinheiro (ao contrário do que muita gente pensa). Sei como são outros países, desde lugares ricos como Oslo ou pobres como Quito ou Santo Domingo.

A imagem do Rio já é manchada, não pelo o que eu ou outros falam, mas sim por fatos. Eu conheci, pelo fato de me hospedar muito em albergues, muitos extrangeiros que conheciam o Rio, raramente ouvi falar mal, a maioria adorou, mas todos concordaram que a segurança é péssima.

O que não podemos fazer é maquiar, fazendo melhorias somente em lugares onde turistas vão e nem querer achar que é igual no mundo todo. Não é não, a violência contra o cidadão e turista no Rio é absurda, muita coisa deve ser feita. Como eu disse num post anterior, o que é bom para a população é bom para o turista.

 

Quanto a minha opnião pessoal sobre o Rio: eu acho a paisagem realmente maravilhosa e o povo muito simpático.

 

Em relação a Curitiba. Realmente para turistas não é grandes coisas, a maioria dos pontos são parques, mas eles não estão lá para isso, mas para a população desfrutar e tornar a vida na cidade mais agradável. A maioria das pessoas que visitam aqui são para trabalho ou convenções, que são muitas durante o ano (inclusive uma da ONU ano passado).

 

Abraços

 

Matheus

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade