Jump to content

VarigLog garante sobrevida à Varig


LipeGIG

Recommended Posts

O ESTADO DE S.PAULO - 27.06.2006

VarigLog garante sobrevida à Varig

Alberto Komatsu

 

A Varig recebeu ontem R$ 8 milhões (US$ 3,5 milhões) para garantir sua operação por 24 horas. O dinheiro foi depositado pela ex-subsidiária de logística e transporte de cargas VarigLog, que se comprometeu a fazer mais empréstimos até a quantia de US$ 20 milhões para a Varig arcar com gastos emergenciais, como combustível e arrendamento de aviões, até a possível realização de um novo leilão da companhia. Como garantia, a Varig deu uma nota promissória no valor do dinheiro emprestado. Esses recursos fazem parte de uma oferta total em torno de US$ 500 milhões que a VarigLog fez pela ex-controladora na semana passada.

 

A Justiça do Rio deveria ter tomado uma decisão sobre a negociação com a VarigLog ontem, mas, a pedido da Varig, ampliou o prazo para amanhã, já que hoje não haverá expediente no Tribunal de Justiça (TJ) do Rio por causa do jogo do Brasil na Copa do Mundo. São três as alternativas em estudo: falência definitiva, novo leilão ou a convocação de assembléia de credores para avaliar a proposta da VarigLog, que, mesmo aprovada, terá de concorrer com eventuais investidores em outro leilão.

 

DÚVIDAS

A oferta da VarigLog foi apresentada oficialmente à Justiça na sexta-feira e foi avaliada no fim de semana. Segundo comunicado do TJ, o adiamento foi pedido para que os credores e o administrador judicial da Varig, a consultoria Deloitte, possam avaliar melhor a proposta.

 

O juiz Paulo Roberto Fragoso, que integra a comissão de juízes responsáveis pela recuperação judicial da Varig, informou que uma das dúvidas sobre a proposta da VarigLog é o plano de criar uma "Varig antiga", que ficaria com 5% das ações da companhia e herdaria o passivo de R$ 7,9 bilhões da Varig. Para o juiz Fragoso, deve haver uma garantia de continuidade de operações dessa empresa, que não poderia existir apenas para assumir débitos. A VarigLog quer 90% de participação na Varig. Outros 5% ficariam com os trabalhadores.

 

A VarigLog foi comprada por US$ 48,2 milhões em dezembro de 2005 pela Volo do Brasil, que tem como acionistas o fundo americano de investimentos Matlin Patterson e três sócios brasileiros. A negociação só foi aprovada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) na noite de sexta-feira. Essa era uma das condições para a proposta da VarigLog pela ex-controladora ir adiante.

 

A Varig pagou ontem antecipadamente à BR Distribuidora o fornecimento de combustível para hoje. A subsidiária da Petrobrás informou que o plano é negociar um cronograma de pagamentos até o fim de julho. Na tarde de ontem, fontes do mercado relataram que o Ministério Público do Rio teria pedido a falência da Varig na sexta-feira. Ao ser indagado sobre o pedido, o promotor Gustavo Lunz disse: "Não confirmo isso ainda não."

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

Guest
This topic is now closed to further replies.
×
×
  • Create New...

Important Information

Saiba os termos, regras e políticas de privacidade